logo lance
undo
Nacionais
Internacionais
Leste
Hawks
Celtics
Nets
Hornets
Bulls
Cavaliers
Pistons
Pacers
Heat
Bucks
Knicks
Magic
76ers
Raptors
Wizards
Oeste
Mavericks
Nuggets
Warriors
Rockets
Clippers
Lakers
Grizzlies
Timberwolves
Pelicans
Thunder
Suns
Blazers
Kings
Spurs
Jazz
Postado em 1 ago 2012 às 14:35
Jacque Vaughn é apresentado pelo Orlando Magic

O Orlando Magic colocou os problemas envolvendo a permanência do pivô Dwight Howard de lado para apresentar seu novo treinador, Jacque Vaughn, de forma oficial em uma concorrida entrevista coletiva. O ex-auxiliar do San Antonio Spurs chega ao time para substituir Stan Van Gundy. Presente ao evento, o gerente-geral Rob Hennigan explicou a escolha do […]

Compartilhe nosso conteúdo!
Envie por email!
Compartilhe no Google+ Google +
Tweet esse post! Twitter
Compartilhar no Facebook! Facebook
Por Ricardo Stabolito Jr.

O Orlando Magic colocou os problemas envolvendo a permanência do pivô Dwight Howard de lado para apresentar seu novo treinador, Jacque Vaughn, de forma oficial em uma concorrida entrevista coletiva. O ex-auxiliar do San Antonio Spurs chega ao time para substituir Stan Van Gundy. Presente ao evento, o gerente-geral Rob Hennigan explicou a escolha do ex-armador para assumir o cargo.

“Estamos tentando construir uma cultura aqui. Uma cultura da qual nossos torcedores possam ter orgulho e que nos leve a diante. Sentimos que demos um passo rumo ao caminho certo ao ter Jacque aqui, hoje”, explicou o dirigente, responsável por parte do processo de seleção do novo técnico. A etapa final de análise dos candidatos ficou a cargo do dono da franquia, Rich DeVos.

Vaughn sabe que o Magic passa por um momento tumultuado, mas crê que a organização seja um ótimo lugar para se trabalhar. “Tenho fé em minhas habilidades e nas pessoas que estarão ao meu redor. Um dos principais atributos das grandes franquias é a competência das pessoas que trabalham nela. Sei que a família DeVos e Rob são competentes. Não pensei duas vezes antes de aceitar o convite desses grandes profissionais”, contou o treinador de 37 anos.

A falta de experiência do novo técnico foi um assunto levantado durante a apresentação. Ele aposta que a experiência de 12 anos dentro das quadras será um valioso atributo neste novo momento da carreira. “Sentei nas cadeiras que meus jogadores sentaram. Sou capaz de me relacionar com seus problemas diários porque já fui um deles. Eles vão gostar disso. Eu lutarei e acreditarei em cada um deles”, assegurou o ex-armador.

© Copyright Jumper Brasil 2007-2017 - Todos os direitos reservados