logo lance
undo
Nacionais
Internacionais
Leste
Hawks
Celtics
Nets
Hornets
Bulls
Cavaliers
Pistons
Pacers
Heat
Bucks
Knicks
Magic
76ers
Raptors
Wizards
Oeste
Mavericks
Nuggets
Warriors
Rockets
Clippers
Lakers
Grizzlies
Timberwolves
Pelicans
Thunder
Suns
Blazers
Kings
Spurs
Jazz
Postado em 28 abr 2013 às 12:33
Nate Robinson iguala marca de LeBron James e quase bate outra, de Michael Jordan

O armador Nate Robinson, do Chicago Bulls, marcou 29 dos seus 34 pontos na dramática vitória do Chicago Bulls sobre o Brooklyn Nets depois do terceiro quarto. Ele igualou a marca histórica de LeBron James, que também fez 29 pontos após o terceiro quarto, na série do Cleveland Cavaliers contra o Detroit Pistons, em 2007. […]

Compartilhe nosso conteúdo!
Envie por email!
Compartilhe no Google+ Google +
Tweet esse post! Twitter
Compartilhar no Facebook! Facebook
Por Luiz Fernando Teixeira

O armador Nate Robinson, do Chicago Bulls, marcou 29 dos seus 34 pontos na dramática vitória do Chicago Bulls sobre o Brooklyn Nets depois do terceiro quarto. Ele igualou a marca histórica de LeBron James, que também fez 29 pontos após o terceiro quarto, na série do Cleveland Cavaliers contra o Detroit Pistons, em 2007.

“Sempre penso que estou ‘on fire‘, como no NBA Jam. Você faz duas cestas seguidas, arremessa e acerta, e a bola começa a pegar fogo no jogo. Sempre penso que estou assim, assim que entro em quadra, jogo com muita confiança. Você tem que mentir para você mesmo e dizer que não vai errar”, disse o jogador à ESPN.

Na partida histórica, Robinson se tornou o reserva que mais fez pontos em um jogo de playoffs na história do Chicago Bulls. Seus 23 pontos no último quarto quase igualaram a marca de Michael Jordan: 24 pontos nos últimos 12 minutos, feitos no jogo 3 das semifinais do Leste em 1990, contra o Philadelphia 76ers. 

  • Anderson Patrick

    Mito! Legal é que ninguém dava nada pelo Nate, diziam que havia sido uma má contratação, etc, que o cara é crazy shooter, que não acrescenta nada a algum time, e assim vai. Está provando o contrário aos críticos. Admiro demais o baixinho, não é fácil para um jogador desse tamanho jogar em alto nível na NBA. Torço para que ele continue tendo sucesso.

    • Renato Lgb

      Eu tinha apostado nele para 6. Homem

    • Mas ele é um crazy shooter! Todo crazy shooter tem uns surtos assim rs

      Mas a galera realmente pega pesado com o baixinho, ele é muito util pra qualquer time saindo do banco

  • Bruno Ribeiro-DF

    Tah jogando muito!!!

  • o espirito guerreiro e coletivo do bulls esta ajudando o nate a superar as espectativas, eu msm nao esperava que ele fosse ser tao decisivo como esta sendo nos playoffs e esta jogando com muita confiança, thibodeau eh um excelente tecnico e com certeza passa muita confiança pro time do bulls…

  • Augusto Minussi

    Ótimo jogador. Um combo 1 – 2. O meu Boston bobeou no valorque deu a ele. Parabéns aos Bulls.

  • vveiga1

    Ele, noah e boozer que tão dando a raça para o time essa temporada. Adorei a contração dele mesmo. Espero que mantenha mesmo com a volta do rose. Jogador incrível. Partida ontem FODA dele!

  • Fabio

    Derrick who?
    (brincadeira gente, eu sei que Rose é importante rs)

  • Deividy

    Hahaha engraçado ele comparar com o NBA Jam… Ontem vários chutes dele foram impossíveis como os chutes no jogo. Mitou.

  • JJÚNIOR

    Se ele fosse uns 10 centímetros mais alto seria um grande astro da NBA por muitos anos.

    • Marcos Gordinho

      Acho que rola um certa descriminação devido a baixa estatura dele, no Knicks ele fazia jogos antológicos com aproveitamento até melhor que Melo atualmente, mas ele que ganhou fama de crazy shooter. Nate é o pulmão que o Bulls precisava sem e com Rose.

  • Anônimo

    Sou fã do basquete dele, jogador subestimado na liga… assim como muitos são…

© Copyright Jumper Brasil 2007-2017 - Todos os direitos reservados