logo lance
undo
Nacionais
Internacionais
Leste
Hawks
Celtics
Nets
Hornets
Bulls
Cavaliers
Pistons
Pacers
Heat
Bucks
Knicks
Magic
76ers
Raptors
Wizards
Oeste
Mavericks
Nuggets
Warriors
Rockets
Clippers
Lakers
Grizzlies
Timberwolves
Pelicans
Thunder
Suns
Blazers
Kings
Spurs
Jazz
Postado em 3 fev 2014 às 23:48
Rapidinhas de segunda-feira (03-02-14)

Lakers deve contar com Steve Nash nesta terça; Carlos Boozer reclama de tempo de quadra e muito mais

Compartilhe nosso conteúdo!
Envie por email!
Compartilhe no Google+ Google +
Tweet esse post! Twitter
Compartilhar no Facebook! Facebook
Por Ricardo Stabolito Jr.

Por Ricardo Stabolito Jr. e Ricardo Grecco

 

Carlos Boozer reclama por ausência em quartos períodos

O ala-pivô Carlos Boozer não ficou muito satisfeito com seu tempo de quadra nos dois jogos mais recentes do Chicago Bulls. O veterano viu seus minutos diminuírem ao ser deixado no banco pelo treinador Tom Thibodeau no último quarto inteiro das partidas e manifestou seu descontentamento no treino desta segunda. “Eu acho que deveria estar em quadra. Eu jogo, não estou no comando, então a decisão é do Tom. Mas, para ser honesto, ele tem feito isso [deixá-lo no banco no quarto final] demais desde que cheguei aqui”, reclamou.

Boozer, porém, garantiu já ter falado com o técnico sobre a situação e tudo está esclarecido entre os dois. “Tom sabe disso, está ciente. Eu acho que tenho sido bastante produtivo nos minutos que jogo, então posso fazer mais se ficar mais em quadra. Contanto que estejamos ganhando, o principal está sendo alcançado. Mas quero jogar no último quarto”, finalizou.

 

Dedmon é liberado, mas deixa boa impressão no Sixers

O pivô Dewayne Dedmon não faz mais parte do elenco do Philadelphia 76ers. A equipe optou por liberar o atleta neste domingo, ao fim do segundo contrato de dez dias que vigorava entre as partes, e não oferecer um vínculo garantido até o término da temporada. O calouro, porém, deixou ótima impressão na direção e comissão técnica da franquia e deve seguir na mira do time nos próximos meses. “Nós vamos continuar monitorando Dewayne”, afirmou o treinador Brett Brown.

 

Ala-armador do Hawks está fora do resto da temporada

O Atlanta Hawks perdeu mais um jogador para o restante da temporada. O ala-armador John Jenkins foi submetido a uma cirurgia na região lombar nesta segunda e tem poucas chances de voltar às quadras antes do segundo semestre. O atleta, que teve média de 3.1 pontos em apenas13 partidas disputadas na atual campanha, acompanha o pivô Al Horford na lista de desfalques da equipe até a próxima temporada.

 

Vujacic assina contrato de dez dias com o Clippers

Sasha Vujacic está de volta a NBA. O ala-armador assinou um acordo de dez dias com o Los Angeles Clippers nesta segunda-feira e vai usar a camisa número 18. “The Machine”, como é apelidado, estava afastado do basquete norte-americano desde julho de 2011 e sua chegada marca um recorde de 93 jogadores estrangeiros atuando na liga. Duas vezes campeão pelo Lakers, ele acumula médias de 5.6 pontos e 2.0 rebotes em sete temporadas de carreira na NBA.

 

Depois de três meses, Nash volta ao Lakers nesta terça

Às vésperas de completar 40 anos, o armador Steve Nash recebeu o melhor presente possível do seu próprio corpo. O veterano está totalmente recuperado de uma lesão nas costas e, após quase três meses, ficará à disposição do técnico Mike D’Antoni para o jogo contra o Minnesota Timberwolves, nesta terça. “Se conseguir uma sequência de partidas e não sentir mais dores, então acho que terei uma chance de finalizar a temporada dentro de quadra”, disse o jogador mais velho em atividade na liga, avisando que, por enquanto, deve atuar poucos minutos.

Outro armador que também volta de lesão é Steve Blake, que se recuperou de uma contusão no cotovelo e pode até estar no quinteto titular do Lakers nesta terça.

  • Michel Moral

    Nash deve estar arrependido até a alma por ter ido para LA. Formou-se um time com status de campeão e viu tudo ir por água a baixo.

    Tudo indica que deve se aposentar e sua história será bem parecida com a do Malone, que foi para LA achando que seria campeão e ficou chapado o dedo.

    • Tiago

      Realmente, para um time ser campeão cada um deve fazer a sua parte.
      Para o Lakers deve estar sendo ótimo também, contratar um armador de renome, pagar um salário de US$ 9.300.000,00 (mais US$ 9.700.000,00 em 2014/15) e vê-lo do departamento médico de forma quase permanente.
      Participou de 7 jogos! nesta temporada e, quando está em quadra, é apenas o cadáver do Nash de outrora.
      Acho que quem está arrependido é o Lakers..

© Copyright Jumper Brasil 2007-2017 - Todos os direitos reservados