logo lance
undo
Nacionais
Internacionais
Leste
Hawks
Celtics
Nets
Hornets
Bulls
Cavaliers
Pistons
Pacers
Heat
Bucks
Knicks
Magic
76ers
Raptors
Wizards
Oeste
Mavericks
Nuggets
Warriors
Rockets
Clippers
Lakers
Grizzlies
Timberwolves
Pelicans
Thunder
Suns
Blazers
Kings
Spurs
Jazz
Postado em 19 fev 2014 às 09:20
Spurs vence Clippers e mantém segundo lugar isolado do Oeste; Com 42 pontos de LeBron, Heat bate Mavs em Dallas

Cavs atropela Sixers fora de casa e conquista quinta vitória seguida; Bobcats vence confronto direto contra o Pistons e Pacers ganha mais uma

Compartilhe nosso conteúdo!
Envie por email!
Compartilhe no Google+ Google +
Tweet esse post! Twitter
Compartilhar no Facebook! Facebook
Por Ricardo Stabolito Jr.

San Antonio Spurs 113 X 103 Los Angeles Clippers

[youtube=http://www.youtube.com/watch?v=nz2-BFZk1CA]

O San Antonio Spurs retornou do descanso do Jogo das Estrelas com uma prova de fogo: sem Tony Parker, o time foi até Los Angeles para enfrentar o Clippers em uma partida que poderia custar a segunda posição isolada da conferência Oeste. Mas, na ausência do armador titular, um de seus reservas assumiu o controle para assegurar mais um triunfo aos texanos: Patrick Mills. O australiano anotou 16 pontos no último quarto e sacramentou a vitória por 113 a 103.

A maior parte do primeiro tempo foi marcada pelo equilíbrio e as duas equipes mantendo-se de dois a quatro pontos na frente do adversário. A ordem foi quebrada nos últimos três minutos do segundo período, quando o Clippers abriu seis pontos e recebeu resposta rápida dos texanos. No intervalo, os visitantes já venciam por cinco (56 a 51) – e nunca mais ficariam atrás no marcador.

O Spurs administrou sua vantagem na maior parte do terceiro período e, nos minutos finais, o script do segundo quarto se repetiu: o Clippers encaixou uma série de cestas para empatar o jogo em 74 pontos e sofreu oito pontos em 69 segundos para ver o adversário reconstruir uma diferença segura. Diferença que se tornaria definitiva minutos depois, graças a Mills.

Mills abriu o último período anotando 11 pontos consecutivos para o Spurs, que emplacaria parcial de 11 a 6 para expandir a vantagem para dígitos duplos pela primeira vez na noite. O Clippers reagiu e até derrubou a diferença para seis pontos, mas nunca chegou a realmente ameaçar a 39ª vitória dos visitantes na temporada. Para os angelinos, esta foi a 19ª derrota em 56 jogos.

Destaques

San Antonio

Patrick Mills: 25 pontos, cinco rebotes e cinco assistências em 27 minutos
Marco Belinelli: 20 pontos
Tim Duncan: 19 pontos, 13 rebotes e sete assistências
Danny Green: 14 pontos e cinco rebotes
Boris Diaw: 12 pontos e oito rebotes

LA Clippers

Blake Griffin: 35 pontos e 12 rebotes
Jamal Crawford: 25 pontos
Chris Paul: 11 pontos, nove assistências e quatro roubos de bola

 

Atlanta Hawks 98 X 108 Indiana Pacers

[youtube=http://www.youtube.com/watch?v=Dz-TgTBeKFw]

Destaques

Atlanta

Kyle Korver: 19 pontos e cinco assistências
Louis Williams: 18 pontos
Mike Scott: 13 pontos e sete rebotes
Cartier Martin: 12 pontos e cinco rebotes
Shelvin Mack: 11 pontos, seis rebotes e oito assistências

Indiana

Paul George: 26 pontos
David West: 17 pontos e seis rebotes
Lance Stephenson: 13 pontos, cinco rebotes e sete assistências
Roy Hibbert: dez pontos, cinco rebotes e quatro tocos

 

Toronto Raptors 103 X 93 Washington Wizards

[youtube=http://www.youtube.com/watch?v=icJVF-UZxOU]

Destaques

Toronto

Kyle Lowry: 24 pontos e dez assistências
Greivis Vasquez: 14 pontos e sete assistências
Amir Johnson: 14 pontos e cinco rebotes
DeMar DeRozan: 14 pontos
Patrick Patterson: dez pontos e seis rebotes

Washington

John Wall: 22 pontos, sete assistências e cinco erros de ataque
Marcin Gortat: 18 pontos e 11 rebotes
Nenê Hilário: 17 pontos e cinco rebotes

 

Cleveland Cavaliers 114 X 85 Philadelphia 76ers

[youtube=http://www.youtube.com/watch?v=mi3shiz7pi8]

Destaques

Cleveland

Tyler Zeller: 18 pontos e 15 rebotes
Kyrie Irving: 14 pontos
Luol Deng: 13 pontos
Dion Waiters: 13 pontos em 15 minutos
Tristan Thompson: 12 pontos e dez rebotes
Anthony Bennett: dez pontos e 11 rebotes

Philadelphia

Thaddeus Young: 15 pontos e nove rebotes
Michael Carter-Williams: 15 pontos e sete erros de ataque
Tony Wroten: 12 pontos
Evan Turner: 11 pontos, sete rebotes e seis assistências

 

Charlotte Bobcats 108 X 96 Detroit Pistons

[youtube=http://www.youtube.com/watch?v=h5XZfAtHwZ8]

Destaques

Charlotte

Al Jefferson: 32 pontos, 12 rebotes e sete assistências
Kemba Walker: 22 pontos e seis assistências
Josh McRoberts: 14 pontos e dez rebotes
Gerald Henderson: 12 pontos e sete assistências
Ramon Sessions: 12 pontos

Detroit

Brandon Jennings: 24 pontos e sete assistências
Greg Monroe: 18 pontos dez rebotes
Andre Drummond: 16 pontos e 22 rebotes
Kyle Singler: 13 pontos
Josh Smith: 12 pontos e 11 rebotes

 

Orlando Magic 100 X 104 Milwaukee Bucks

[youtube=http://www.youtube.com/watch?v=F9JZtQn0Ijo]

Destaques

Orlando

Arron Afflalo: 21 pontos
Nikola Vucevic: 19 pontos e nove rebotes
E’Twaun Moore: 17 pontos
Tobias Harris: 16 pontos e nove rebotes

Milwaukee

Caron Butler: 21 pontos e sete rebotes
Brandon Knight: 18 pontos e sete assistências
Nate Wolters: 15 pontos, sete rebotes e oito assistências
Khris Middleton: 12 pontos

 

New York Knicks 93 X 98 Memphis Grizzlies

[youtube=http://www.youtube.com/watch?v=hClPSI7GN3Y]

Destaques

New York

Tim Hardaway Jr.: 23 pontos em 24 minutos
Carmelo Anthony: 22 pontos e 11 rebotes
Amare Stoudemire: 12 pontos e seis rebotes

Memphis

Mike Conley: 22 pontos e cinco assistências
Mike Miller: 19 pontos em 20 minutos
Zach Randolph: 13 pontos e oito rebotes
Nick Calathes: 11 pontos e cinco assistências

 

Miami Heat 117 X 106 Dallas Mavericks

[youtube=http://www.youtube.com/watch?v=4zCZHdYCWX8]

Destaques

Miami

LeBron James: 42 pontos, nove rebotes e seis assistências
Chris Bosh: 22 pontos e cinco rebotes
Chris Andersen: 18 pontos
Dwyane Wade: 13 pontos e sete assistências
Mario Chalmers: dez pontos, nove assistências e quatro roubos de bola

Dallas

Dirk Nowitzki: 22 pontos, nove rebotes e sete assistências
Vince Carter: 15 pontos e sete rebotes
Brandan Wright: 12 pontos e cinco rebotes
Jose Calderón e Monta Ellis: 12 pontos cada

 

Phoenix Suns 112 X 107 Denver Nuggets

[youtube=http://www.youtube.com/watch?v=-OO10pv1UIk]

Destaques

Phoenix

Gerald Green: 36 pontos e cinco rebotes
Goran Dragic: 21 pontos, cinco rebotes e 14 assistências
Markieff Morris: 13 pontos e 12 rebotes
P.J. Tucker: 13 pontos e 11 rebotes
Channing Frye: 11 pontos e oito rebotes

Denver

Evan Fournier: 25 pontos e oito rebotes
Kenneth Faried: 21 pontos e dez rebotes
Wilson Chandler: 15 pontos
J.J. Hickson: 11 pontos e nove assistências

  • MARCOS OKC

    Drumond Monstro Demais, 25 rebotes não é pra qualquer um !

    Grande evolução deste jogador.

    alguma coisa sobre Rondo Em OKC? um amigo meu disse que pode haver uma troca de WEST por RONDO

    • Vinícius Maia

      Não sei se é verdade mas se rolasse seria uma boa troca para o OKC. Acredito que uma Durant e Rondo seria muito melhor do que Durant e Westbrook, acho o Westbrook muito individualista

      • Vinícius Maia

        Corrigindo…acredito que uma dupla formada por…

    • CosmeCelta

      Tomara que seja mentira! Como acho que é..

  • Perdendo de novo heim hawks ….. de novo a mesma merda de sempre toma 20 pontos no primeiro quarto depois começa a correr a tras ¬¬ ai não da meu ….

  • pedrokadf

    Eu nunca tinha visto LBJ tão maduro como nessa temporada, acho que ele entendeu o jogo .. acho que veremos o melhor de LBJ nesse playoffs, ele está se guardando (apesar dos 42 pontos de ontem) vai chegar voando ..
    Let’s Go Heat !!

    • Daniel

      O melhor desse jogo foram as reações do fanfarrão Mark Cuban cade vez q o Lebron metia uma cesta. Ele se contorcia na cadeira feito louco. E por falar em louco será q o tal de dirk mito vai aparecer por aqui hj? Acho difícil.

      • pedrokadf

        dificilmente Daniel kkkkkkkkkkk

      • DirMito

        Eu aceito ser zuado pelo Wade, o Lebron fez 42 pontos contra o Dirk em temporada regular,o Dirk humilho em finais, existe uma grande diferença… Mais fazer oq né, com um time desses o Lebron devia fazer 60 pontos por jogo.. Dirk continua mito, e o Lebron na asa do Wade ###Fatooo

  • RodrighoN

    No início achei que o AL Jefferson tinha feito a escolha errada indo para o BOBCats, mas até que não acho que ele está com as melhores médias na carreira com alguns jogos acima dos 30 ponto 10 rebotes e ainda conseguindo colocar o time na briga dos playoffs, já o Pistons estão indo para o caminho contrário o Monroe e o Smith estão um tirando o jogo do outro é muito difícil os dois irem muito bem num mesmo jogo, eles tem que trocar um dos dois pelo Deng cairia como uma luva nesse time, defesa+bom ataque, Lebron no modo on fire fazendo ponto a rodo, e queria explicação sobre esse time do Suns essa temporada todo mundo tá jogando bem sendo que é o mesmo time do ano passado + Green(que está jogando muito)e olha que ele era considerado pior que o Beasley.

    • pedrokadf

      Concordo quando vc diz : ”o Pistons estão indo para o caminho contrário o Monroe e o Smith estão um tirando o jogo do outro é muito difícil os dois irem muito bem num mesmo jogo, eles tem que trocar um dos dois ”
      Só não acho que esse cara seja o deng .. alias eu não trocaria Monroe pelo deng nunca .. Monroe é um dos melhores da sua posição, dá pra conseguir algo melhor com ele ..

  • Michel Moral

    Não entendo pq quando se fala na montagem do time do Pistões, o pessoal coloca o Monroe à disposição. O Drummond será o melhor pivô da liga, creio eu. Mas o Josh Smith não joga faz tempo. Estava mal no Hawks (Milsap joga hoje mais do que ele vinha jogando) e no Pistões também está apático.
    O melhor garrafão da liga está em Detroit e querem desmanchar o futuro.
    Precisa de um SF, então coloca o Smith à disposição dos negócios.

    • pedrokadf

      o pessoal coloca não Michel, o pistons colocam ..
      Josh Smith foi contratado agora, não faz sentido contratar um cara, para dispensa-lo no meio da temporada ..
      agora eu tbm trocaria Smith ao invés do monroe ..

    • Ricardo Stabolito Jr.

      Smith acabou de assinar contrato. Se o Pistons pudesse escolher, também trocaria ele antes de Monroe. Mas não há times querendo assumir contratos de US$50 milhões por três temporadas.

    • Michel Moral

      Pistões, leia-se Pistons. Corretor ortográfico.

    • Daniel

      Como sempre o Dumars fazendo lambança.

    • Uma boa troca para os Pistons seria essa:

      http://espn.go.com/nba/tradeMachine?tradeId=n6dc73c

      1) Magic pode se livrar de Villanueva no final da temporada, assim sobra mais grana na agência livre…
      2) Ganha um FP (Josh Smith)
      3) Pistons ganha mais força no perímetro (Affalo e Nelson)
      4) Monroe ganha um reserva de luxo (Davis)

      • Rodrigo

        Não vejo sentido pro Magic essa troca. Se desfazer dos dois armadores e tirar minutos do Tobias Harris. Negócio para eles é deixar esse núcleo de jogadores jovens e apenas tentar trocar veteranos por picks.

    • Douglas

      Se não fosse esse contrato longo, o ideal seria trocar o Smith mesmo. Os Pistons precisam empurrar o Smith para algum mercado que não atraia muitos Free Agents.
      Pensando bem, não seria tão mal para o Cavs a troca Deng x Smith. Eles correm um grande risco do Deng não renovar o contrato ao final dessa temporada. Com o Smith, eles teriam um “astro” garantido ao lado do Irving pelos próximos 3 anos, rss. E o Deng cairia muito bem na posição 3 dos Pistons. Acredito até numa boa chance de renovação.
      Outra coisa que os Pistons podem tentar é uma troca com os kings (que estão tentando voltar a ser relevantes) pelo Isiah Thomas ou McLemore e alguma pick.

    • Michel Moral

      Sempre tem um New York Knicks pra fazer essas loucuras idiotas, manda o Shumpert e as picks que tem até 2027 pelo Josh Smith. Rs rs rs

      Como disse o amigo, Detroit fez uma lambança trazendo o ex-jogador do Hawks.

      Quer dizer que não há saída para o Pistons? É negociar ou negociar Monroe?

    • Charles

      Monroe vai muito melhor de pivô do que ala-pivô; e ele mesmo depois de quase 4 temporadas não se tornou um bom defensor.
      Smith é melhor defensor, e jogando de ala-pivô seus chutes de longa distância diminuiriam; talvez pensando futuramente seria melhor ficar com Monroe, mas acho que chega de pensar em futuro pro Detroit. Tem material humano pra pensar em presente.
      Monroe é uma boa moeda de troca… nomes que se encaixariam no Pistons não faltam: Deng, Jeff Green, Bradley Beal (dado o já divulgado interesse do Wizards em Monroe)…

  • Julio Zago

    Estou curioso para acompanhar um jogo dos Cavs, parece que eles começaram uma recuperação. Considerando o grupo de jogadores a disposição a temporada da franquia ainda é extremamente decepcionante, mas o time vem de uma boa série de vitórias, espero que isso signifique uma evolução. Até o calouro Bennett parece que está começando a mostrar um pouco de jogo, ontem ele produziu duplo duplo.
    No meu entender, mesmo com Brown no comando, é normal que os Cavs ao menos marquem presença nos offs.
    Já o NY continua seu calvário, não acreditava tanto nesse time no início da temporada, mas o jogo da equipe coletivamente inexiste e Woodson nada faz para amenizar a situação.
    Por fim, numa temporada onde existe uma disparidade absurda entre os líderes e os demais times, o Toronto vai se consolidando na Conferência Leste e parece que vai lutar por mando de quadra. Na minha opinião, isso demonstra o quão baixo está o nível das equipes abaixo de Heat e Pacers.

    • Eu ando acompanhando a equipe e está mt bom. O Clima do vestiário mudou completamente desde a saida do Chris Grant, pode-se comprovar isso no momento em q Waiters sofreu uma pequena lesão ontem, todos os jogadores foram apoiá-lo inclusive Thompson e Irving, Irving e Waiters conversam na quadra e no banco e ambos sorriem. Isto era algo q ñ se via no inicio da temporada, além disso Bennett ganhou confiança, arremessa pouco mais tem um ótimo aproveitamento, 10pts 11reb pra ele ontem.

  • Bruno#L.A.Lakers

    Esse time do Clippers tem tudo pra ser um timaço mais não consegue avançar , quando tem grandes jogos sempre perdem e nos offs sempre pipocam , esse time e trancado demais !!

    • Acho qeu falta um SF mais ofensivo para o time e um banco mais consistente…

      • Bruno#L.A.Lakers

        Verdade Daniel , mais eu acho que quando o jogo aperta no ultmo quarto eles sempre dão aquela pipocada básica , falta algumas coisa sim como vc falou mais falta raça e vontade tb , penso assim !!

    • Concordo plenamente Bruno,nas temporadas anteriores foi assim, o Clippers sempre com um baita time mas sempre pipocava,esse ano com o Doc pensei que o time poderia melhorar,melhorou muito sim,mas contra os grandes eles ainda sempre dão uma pipocada.

      • Bruno#L.A.Lakers

        Isso msm Gabriel tb pensei que com a chegada de Doc o time iria amadurecer nos momentos críticos mais vejo q por enquanto nada e enquanto isso não acontecer nunca ganharam um titulo !

  • maia-bucks

    nem acredito que Nate Wolters foi draftado na segunda rodada, o cara ta jogando muito… to prefirindo ele que nossa aberracao atletica grega…

    • oshiro

      Opa, eu aceito o Antetokounmpo (mais fácil ter escrito Giannis) pelo Rashard Lewis e você?

      • Luiz Henrique Santos

        O Ilyasova pelo James você não quer né!?

      • oshiro

        Opa, pelo James Jones quero sim kkkkkkkk
        ((só tô brincando, mano uaheuaheua))

      • Luiz Henrique Santos

        kkkkkkkkkkkkkkkkkk, mandou bem! Mas sério o Greek Freak (melhor que escrever o nome dele) tem um potencial monstro na liga e para o Heat do Bucks, não que eu queira que ele saia, mas vocês poderiam ficar de olho no sérvio Miroslav Raduljica o pivô cairia como uma luva no Heat, quem sabe uma troca dele pelo Ray Allen?

      • oshiro

        É… quem sabe. Embora eu não acredite que o Ray Allen saia por um ‘prospecto’.
        O Heat está bem estagnado e, felizmente, numa posição confortável. Se fosse rolar uma troca pelo Ray Ray (improvável), eu acredito que seria por um jogador de garrafão mesmo, só mais provado. O Heat ainda draftou o James Ennis e o cara tá destruindo na liga Australiana, salvo engano – pelo menos um jovem talentoso (lembrando que Norris Cole tem 26 anos já)
        Pro nosso garrafão, eu quero mesmo é ver o Andersen e o Oden com minutos hehe.

      • Luiz Henrique Santos

        Acho que Ray Allen deve continuar mesmo no Heat, mas como torcedor do Bucks Seria legal demais ver o Ray Allen retornar ao Bucks, para encerrar a carreira pelo menos, ele e o Vince Carter eram dois dos caras que eu mais gostava de ver em ação nos anos 2000, e olha que tinha muita gente boa em ação nesta época, foi por conta daquele time do Bucks que tinha o Ray Ray, Sam Cassell, Glenn Robinson, Tim Thomas e até o Vinny Del Negro que virei torcedor do Bucks…

  • Enquanto isso, Knicks insiste em um time que não está dando certo e num técnico que não parece não ter noção alguma do jogo. Uma troca pelo Deng não seria ruim..

    • Ou qualquer bom armador, desde que não seja “Raydondo” Felton.

      • oshiro

        Raydondo HAUEHAUEHSUHE boa

      • GuilhermeKnicks

        Também conhecido como Walter da NBA

      • O Walter pelo menos joga alguma coisa…

      • Jogador Estrela!

        Esse Walter já jogou em Portugal. Foi despachado do Porto porque tinha kilos a mais kkkkkkkkkkkkkkkkk

      • GuilhermeKnicks

        Portuga esse Walter ta metendo gol aqui no Brasil, mesmo acima do peso. E Kleber ao que tudo indica teremos que aguentar o cavanhaque de graxa até o fim da temporada.

    • Kleber

      Felton desgraçado. Enquanto isso o Sr. Cabeça de Batata continua no comando.

  • Indiana Pacers ta trabalhando certinho pra chegar nos playoffs voando, ótima defesa fora de casa (melhor que em casa) e com mando de quadra para decidir os jogos vai ser bem interessante uma final de conferência com o Heat (agora com mando do Pacers).

    • Não sendo caseiro, mas ainda acho que o Heat termina com o top spot no East. Pelo histórico da equipe, é valido achar algo do tipo.

  • Heat jogou o último quarto como deve ser jogado por uma franquia desse nível. O Mavs esteve em quadra pra ganhar o jogo, jogaram o possível, mas não foi o bastante. LeBron fez o jogo da temporada, e gostei dessa rotação do Spo (apesar de não ter minutos pro Udonis), com Birdman continuando a ter muitos minutos. O cara é pura energia. NoCo e Rio são um combo eficiente na armação, estão muito bem.

    Suns estão jogando muito, seria glorioso pra eles chegarem em uma final de conferencia. Muito difícil. Mas não impossível. Essa temporada é o time que mais curto assistir no West, junto com Thunder.

    • Haslem está participando pouco nos jogos, sei não…

      • Ele deu uma declaração ontem que me ‘preocupou’. Ele disse sobre a trade deadline: ” São os negócios. No fim do dia eu tenho que seguir em frente. Andar com quem e onde eu estiver ” Não nessas exatas palavras, mas praticamente isso.
        Se ele for trocado eu vou ficar chateado

  • PedroLima

    Spurs bem como sempre, e esse banco que é o melhor da NBA

    • Jogador Estrela!

      O Pop fez uma coisa que poucos treinadores fizeram. Construíram dois times em um só.

  • Ontem assisti o ultimo periodo apenas,e estava tudo equilibrado,mas ai LeBron entrou e jogou demais,sem duvidas melhor jogo do ano dele,ou fica entre os melhores…Outro destaque do jogo foi o Birdman,sempre mereceu ter mais minutos ,e ontem jogou muito bem,com direito a Bola de 3,hehe.
    O time fez um ótimo 4:Periodo,parece que cada vez mais o time vai melhorando depois daquele inicio sonolento da temporada,agora que venha o teste difcil contra o OKC.

  • Jogador Estrela!

    Spurs que baita de time… Têm 2 times em 1 só. Nem acredito que o Bulls não quis renovar com o Belinelli.

    Os Clippers nada que não me surpreenda, o time não tem defesa. Mesmo com a ida do Doc para LA a coisa continua a mesma, muito show e pouca defesa. Falta ali um bom SF defensivo.

  • RafaelRox

    É a hora do Knicks trocar o Jr.Smith.

    • Tem razão, não tem motivos para deixá-lo permanecer no time, O Hardaway Jr. está jogando melhor do que ele.

  • DeLima

    Vou deixar isso aqui:

    Houston louco por um armador decente: Goran Dragic 21pts, 14ast – Kyle Lowry 24pts, 10ast. Sabem o que esses dois tem em comum, além do excelente ano que vem fazendo? Sim, já foram do Rockets AO MESMO TEMPO e saíram praticamente chutados e ignorados pela franquia.

    Incrível como GM’s e treinadores muitas vezes não conseguem enxergar o potencial dos atletas que possuem.

© Copyright Jumper Brasil 2007-2017 - Todos os direitos reservados