logo lance
undo
Nacionais
Internacionais
Leste
Hawks
Celtics
Nets
Hornets
Bulls
Cavaliers
Pistons
Pacers
Heat
Bucks
Knicks
Magic
76ers
Raptors
Wizards
Oeste
Mavericks
Nuggets
Warriors
Rockets
Clippers
Lakers
Grizzlies
Timberwolves
Pelicans
Thunder
Suns
Blazers
Kings
Spurs
Jazz
Postado em 2 jul 2014 às 22:30
Sem Lance Stephenson, Pacers contrata C.J. Miles e ala croata

Impasse sobre renovação com ala-armador leva dirigentes de Indianápolis a fechar com dois novos reforços

Compartilhe nosso conteúdo!
Envie por email!
Compartilhe no Google+ Google +
Tweet esse post! Twitter
Compartilhar no Facebook! Facebook
Por Ricardo Stabolito Jr.

[youtube=https://www.youtube.com/watch?v=1R-kpQECNFs]

Se as negociações com Lance Stephenson não evoluem bem, o Indiana Pacers dá sinais de que está pronto para seguir em frente. A franquia acertou a contratação de dois reforços para o perímetro nesta quarta-feira e diminuiu o espaço disponível em sua folha salarial para oferecer ao agente livre. O também ala-armador C.J. Miles e o ala croata Damjan Rudez chegaram a acordos para atuar pelo time a partir da próxima temporada.

Segundo Candace Buckner, do jornal Indianapolis Star, Miles fechou vínculo por quatro anos e receberá cerca de US$18 milhões no período. Ele disputou as últimas duas temporadas pelo Cleveland Cavaliers e era agente livre irrestrito da franquia. “Abençoado e empolgado por trabalhar com o Pacers agora”, comemorou o jogador, por meio de sua conta no twitter.

Rudez, que estava atuando pelo Zaragoza (Espanha), acertou contrato de três temporadas com o Pacers. De acordo com Zach Lowe, do site Grantland, o ala croata vai ganhar pouco mais de US$1 milhão anualmente por seus serviços. Cavaliers, Toronto Raptors e Utah Jazz também tinham interesse na contratação do atleta de 28 anos.

Os dois acordos teriam sido fechados após Stephenson recusar uma oferta de extensão de cinco temporadas e US$44 milhões. Com a chegada dos reforços, projeta-se que o time só poderá fazer uma proposta mais competitiva do que a recusada anteriormente dispensando Luis Scola (contrato parcialmente garantido) e trocando outros atletas.

Confira as estatísticas da última temporada dos dois novos reforços do Pacers:

C.J. Miles (Cavaliers): 51 jogos, 19.3 minutos, 9.9 pontos, 2.0 rebotes e 39.3% de acerto nos arremessos de longa distância.

Damjan Rudez (Zaragoza): 54 jogos, 24.7 minutos, 10.7 pontos, 2.0 assistência e 47.3% de aproveitamento nos tiros de três pontos.

  • lucas

    parece q lance naum vai continuar no pacers

  • lucas

    ricardo o pacers pode dispensar o scola sem pagar nada

    • Alysson

      Pode anistiar cara, aí o Pacers continua pagando o salário mais ele não vai “contar” mais para o CAP do time. Mas eu não acho q vão fazer isso, acaba o contrato ano q vem (4,5 mil).

      • Nathan

        Se não me engano, a clausula de anistia só vale pra contratos pré-CBA e pra atletas não trocados depois disso. Scola não entra nessa. Aliás, acho que o Pacers não tem como anistiar mais ninguém…

    • Ricardo Stabolito Jr.

      Scola tem contrato parcialmente garantido, lucas. Pode ser dispensado por menos de US$1 milhão nos próximos dias. O salário dele é de quase US$5 milhões para a próxima temporada.

  • Alysson

    Boa Pacers, bora seguir em frente. O Stephenson é bom jogador, mas não podemos ficar dependendo dele.

  • Nathan

    Miles é uma boa eim. Curtia ele no Cavs.

  • RicardoLuiz

    bom aproveitamento do croata na linha de 3 hein

    • Alysson

      O cara é o Ray Allen croata kkkk, 47% q isso.

  • Alysson

    Ricardo, o Pacers já não tem mais CAP. Sabe se o Miles veio pela Mid-Level Exception ??

    • Ricardo Stabolito Jr.

      Acho que sim. Pela maior parte da MLE.

  • Se tem um jogador que eu estou curioso para saber pra onde vai é o Lance Stephenson… Virei fã do cara nessa ultima temporada.

  • Zorg

    Tem coisas que não da para entender CJ 18M, Meeks 19M no Pistons… enquanto isso o Spurs renova com o Mills por 12 M e o Lance sem renovar …..
    É por essas e por outras que o Spurs é campeão, sempre nos offs e outros times vão do nada a lugar quase nenhum

© Copyright Jumper Brasil 2007-2017 - Todos os direitos reservados