logo lance
undo
Nacionais
Internacionais
Leste
Hawks
Celtics
Nets
Hornets
Bulls
Cavaliers
Pistons
Pacers
Heat
Bucks
Knicks
Magic
76ers
Raptors
Wizards
Oeste
Mavericks
Nuggets
Warriors
Rockets
Clippers
Lakers
Grizzlies
Timberwolves
Pelicans
Thunder
Suns
Blazers
Kings
Spurs
Jazz
Postado em 27 jul 2014 às 21:37
Prospecto colegial TOP 5, Emmanuel Mudiay vai iniciar carreira na China

Armador desiste de bolsa de estudos universitária para ganhar salário milionário no basquete internacional

Compartilhe nosso conteúdo!
Envie por email!
Compartilhe no Google+ Google +
Tweet esse post! Twitter
Compartilhar no Facebook! Facebook
Por Ricardo Stabolito Jr.

[youtube=https://www.youtube.com/watch?v=TlQvu5L0zM0]

Um dos cinco melhores prospectos colegiais dos EUA vai se profissionalizar no outro lado do mundo. O armador Emmanuel Mudiay anunciou na última semana que desistiu da bolsa de estudos na Southern Methodist University (SMU), programa comandado pelo técnico Larry Brown, para iniciar sua carreira na China.

De acordo com Adrian Wojnarowski, do site Yahoo! Sports, o atleta de 18 anos vai receber US$1.2 milhão para atuar pelo Guangdong Southern Tigers na próxima temporada. Com o salário milionário, ele tornou-se o jogador mais bem pago da história a se profissionalizar fora dos EUA logo após terminar o colegial em uma instituição de ensino norte-americana.

“Depois de sentar com o treinador Brown e minha família, nós decidimos que a melhor forma de ajudar minha mãe era desistir a universidade e buscar oportunidades como profissional. Estava empolgado em jogar na SMU, mas cansado de ver minha mãe com dificuldades financeiras”, declarou o armador, por meio de nota oficial.

Mudiay e sua família são naturais do Congo e ele foi criado apenas pela mãe, por causa da morte precoce do pai. A família chegou aos EUA como refugiados da guerra civil no país e o garoto nem inglês falava quando desembarcou no Texas. A trajetória muito particular fez com que Brown entendesse e apoiasse a escolha do “quase” comandado.

“Eu sei que Emmanuel quer aliviar alguns dos desafios que sua família enfrenta e reconhece a oportunidade de ajudar agora. Por mais que acredite que a universidade é a melhor forma de preparar para a NBA e a vida, esta é uma situação única. Nós compreendemos sua decisão e desejamos o melhor para ele”, disse o lendário treinador.

[youtube=https://www.youtube.com/watch?v=VW9QnBjAIHc]

Apesar do fator financeiro, especula-se que Mudiay era um sério candidato a ter problemas de elegibilidade para jogar basquete na universidade. Ele estudou seus últimos dois anos na “Prime Prep”, uma escola preparatória que ficou conhecida por complicações recentes na elegibilidade de dois jogadores de futebol americano com a NCAA. A instituição está sendo questionada por seus critérios acadêmicos e amadorismo dos estudantes-atletas.

Independentemente das suspeitas, o prospecto pode contar com um apoio especial em terras orientais: o veterano e ídolo do basquete chinês Stephon Marbury. “Eu acho que vai ser uma ótima publicidade para a nossa liga. A chegada de Emmanuel pode aumentar o apelo e, por consequência, a competitividade. Nós o recebemos de braços abertos, assim como todos os americanos que queiram construir uma carreira aqui”, disse o também armador.

Mudiay é o maior nome do basquete colegial a desistir de atuar no nível universitário e iniciar carreira internacionalmente desde Brandon Jennings, em 2008. Na época, o hoje armador do Detroit Pistons teve uma temporada apagada na Itália. A tendência é que, mesmo na China, o jovem ainda seja uma das dez primeiras escolhas do próximo recrutamento.

  • Acho q essa é uma situação q vai ocorrer com mais frequencia. Já ocorreu com o Exum, recusou uma bolsa de Kentucky, q ficou na Australia acho q para ganhar dinheiro por lá, ñ sei, e com o Brandon Jennings tbem. Tem mt jogadores q tem familias com problemas financeiros por isso completam o ano de Freshman e vão para a NBA rapidamente para conseguir dinheiro já q é proibido na NCAA vc receber dinheiro seja de contratos com tênis ou da propria universidade

  • Pra mim o melhor desse novo ano. É ruim pq na China ele não vai ter a mesma experiência q teria no College mas isso mostra uma brexa na NCAA , pq nesse mundo cheio de dinheiro só quem fica de fora é os jogadores kkkk

  • Olavo #RipCity

    Acho que isso era uma coisa que devia mudar na NCAA , em um todo . Não estou falando que eles deveriam pagar salários para os jogadores , mas eu acho que eles não deveriam proibir os jogadores de terem contratos de publicidade , receberem bônus por partidas e metas atingidas . Eu não vejo problema com isso . Essa tendência de jogadores irem pro exterior , ou para a D- League , só tem a aumentar nos próximos anos …

  • Olavo #RipCity

    E outra , mesmo a NCAA proibindo os jogadores de receberem dinheiro no College , tem muitos caras que recebem mesmo assim . Só ver o Shabazz Muhammad …

  • Se ele quer ajudar a familia que tem problemas financeiros, o apoio é total mesmo para ele ir á China, mesmo sem estar na NCAA deverá ser escolha de loteria fácil e poderá ir ajudando a mãe, se bem que também compensa o sofrimento, pois depois que entrar pra NBA vai limpar a bunda com dinheiro né Arenas???

    • Olavo #RipCity

      Na moral ? Arenas merecia aquela grana . Washington que foi burro em dar esse contrato pra ele na época que começou as contusões no joelho . Eu não gosto muito de usar essa palavra , mas SE o Arenas tivesse ficado saudável , pra mim ele teria feito valer esse valor …

  • Boa escolha do garoto. Problema financeiro e de elegibilidade. Dependendo de seu momento na China, será mais badalado na NBA, caso optasse pela NCAA. Tem que ajudar a mãe mesmo. E manter a cabeça no lugar depois que colocar a mão na fortuna rs

  • sebas

    Se a moda pega eim…Fica a pergunta,será que não valeria rever a questão dos jogadores universitários não receberem nada por jogar?Veja bem,as instituições provavelmente lucram muito com o esporte universitário e os jogadores nada recebem,sendo que muitos são de origem humilde.Será que é justo?

  • Fez certo o garoto.Agora,ele deve ficar lá por 2 anos no máximo…Ou receber ajuda finaceira(Não salario) da universidade

    • Olavo #RipCity

      2 anos nada , esse ano ele já vai pro Draft . E nenhuma universidade pode dar ajuda financeira pra jogador …

      • Então,acho que por causa do problema da mãe dele,a NCAA poderia abrir uma brecha sabe,para ajudar com as contas,não sendo um salario…

        • Olavo #RipCity

          Mas ai o que iria aparecer de jogador na mesma situação … rs

          A maioria dos jogadores tambem tem esse tipo de problema . Se for abrir brecha pra apenas um , vai dar muita confusão …

      • GeoHornets

        Gabriel,os diretores são conservadores…mas quando a ficha cair,e perceberem que, sem ajuda os jogadores não irão jogar na NCAA,ai eles irão mudar…

  • Paulo Vitor

    Li um texto uma vez que relatava a questão do basquete universitário em relaçao ao dinheiro. Enquato técnicos recebem milhões, como os de Duke, Syracuse e etc, jogadores ficam sem nem receber um dólar

    • nandocavs

      vido o cavs que ofereceu nao sei quanto para um treinador da NCAA e ele recusou

    • sebas

      Nenhuma novidade.Até pelas regras de amadorismo na NCAA e HS os jogadores não podem receber nada.Caso isso aconteça eles são punidos como já ocorreu.LBJ por exemplo na época de High School foi punido.Na NCAA a restrição segue.

      E os jogadores acabam ficando na mão mesmo.Lembro de um documentário do 30 for 30 da ESPN,falando do FabFive de Michigan na década de 90.Ele não recebiam nada,tinham uma vida modesta mas já eram reconhecidos por todo país e a universidade se aproveitou disso pra ganhar dinheiro.

      E não vou nem entrar no salário dos treinadores que recebem mais até que os da NBA.

      • Mas senão me engano, a Universidade de Michigan punida, pq comprovaram que eles pagavam para recrutar os jogadores, inclusive o Webber recebeu acho que 300 mil dolares para jogar lá…Webber alegou que o dinheiro foi “emprestado”….KKKKKKK

    • AS estrelas recebem sim e muita grana…

  • Matheus Rockets

    não acho que eles tinham que receber dinheiro pra jogar pela faculdade, mas acho que deveriam liberar os rookies para fazer contratos de publicidade e ganhar alguma premiação se os atletas forem campeões pela faculdade.

  • Aquele filme Blue Chips, Com Shaq e Penny Hardaway,retata bem esse assunto, é um dos meus filmes favoritos, que fam de basquete….

  • Gabriel Almeida

    Acho que é legal o que ele fez achar o proprio caminho até a liga e também pode aprender alguma coisa, vai jogar contra atletas profissionais, muito mais experientes.

  • Leo

    Essa questão do jogador não poder receber nada na NCAA devia ser revista. Claro que com regras e controle, um teto, mas se houvesse isso o Mudiay não estaria indo para a China penso eu. E muitos podem se aproveitar disso para pegar os melhores jogadores do HS

    Penso também que a partir disso, a NBA poderia desenvolver a D-League

  • Anderson Tomás

    Ele vai ser assessorado por Stephon Marbury???

    Meu Deus! Mudiay será o próxima Gangsta- Rapper de sucesso nos EUA e na China, te cuida Snoopy… rsrs

  • Maia Bucks

    Ano que vem reforcara meu Bucks.

    • GeoHornets

      Vai mais um tank mode nessa temporada??pq se ele for top 5….

© Copyright Jumper Brasil 2007-2017 - Todos os direitos reservados