logo lance
undo
Nacionais
Internacionais
Leste
Hawks
Celtics
Nets
Hornets
Bulls
Cavaliers
Pistons
Pacers
Heat
Bucks
Knicks
Magic
76ers
Raptors
Wizards
Oeste
Mavericks
Nuggets
Warriors
Rockets
Clippers
Lakers
Grizzlies
Timberwolves
Pelicans
Thunder
Suns
Blazers
Kings
Spurs
Jazz
Postado em 8 nov 2015 às 20:27
Em boa fase, McDermott coloca-se entre os melhores arremessadores da NBA

Ala tem o segundo melhor aproveitamento atrás da linha de três pontos na temporada

Compartilhe nosso conteúdo!
Envie por email!
Compartilhe no Google+ Google +
Tweet esse post! Twitter
Compartilhar no Facebook! Facebook
Por Gabriel Farias

Demorou um pouco, mas Doug McDermott finalmente começa a corresponder a expectativa com que chegou ao Chicago Bulls. Décima primeira escolha do draft do ano passado, o ala superou uma decepcionante temporada de estreia para ganhar espaço na rotação da equipe neste início de campanha. Ele credita os problemas iniciais na NBA às dificuldades para se encaixar no sistema do técnico Tom Thibodeau e uma lesão que sofreu no joelho direito.

“O ano passado foi horrível para mim e a contusão tirou-me tempo de quadra, mas é assim que as coisas acontecem para novatos”, contou o jogador, em entrevista ao site Basketball Insiders. “Agora, estamos atuando de uma forma diferente. A equipe está mais rápida e os atletas ficam cansados mais rápido, o que abre espaço na rotação. Fred Hoiberg é conhecido por esse estilo e estamos prontos para colocá-lo em ação”.

Como já havia acontecido em 2014, McDermott emplacou boas atuações na Liga de Verão de Las Vegas deste ano: médias de 18.8 pontos e 4.4 rebotes em cinco partidas. Com o voto de confiança de Hoiberg, ele empenhou-se em tornar-se mais regular no único aspecto em que havia decepcionado no torneio: os arremessos de longa distância. Deu certo, pois o jovem converteu 16 de 27 tentativas para três pontos neste início de temporada.

Leia mais
Jornalista insinua que Bulls estaria “desistindo” de Derrick Rose
Após sofrer 130 pontos, Jimmy Butler critica defesa do Bulls
Pré-temporada – McDermott dá vitória ao Bulls sobre Mavs no último segundo

“Eu não tive boas oportunidades de arremesso na Liga de Verão, mas vejo-me como um dos melhores arremessadores da NBA”, afirmou o ala, que registra o segundo melhor índice de acerto nos tiros de longa distância na temporada (59.3%). “Os arremessos são o melhor que posso dar à equipe. Jogo ao lado de jogadores altruístas aqui e sei que eles me encontrarão livre no ataque”.

McDermott ganhou um aliado importante na tentativa de consolidar-se na NBA: Kyle Korver – com quem era comparado ao sair da universidade – deu-lhe conselhos na offseason sobre como adaptar-se ao basquete profissional. “Kyle avisou-me que seria um desafio aprender a defender, mas esse aprendizado levou-o ao Jogo das Estrelas”, explicou. “Há muitos atletas na liga, então é óbvio que você será driblado aqui e ali. O mais importante, porém, é esforçar-se em todas as jogadas e estar no lugar certo, na hora certa”.

McDermott, de 23 anos, chegou à NBA após fazer história como o maior cestinha e jogador da Universidade de Creighton. Agora, com a ausência do titular Mike Dunleavy, ele vem dividindo tempo de quadra na posição com Tony Snell e E’Twaun Moore. O ala esteve presente nos sete jogos do time na campanha, com médias de 10.1 pontos e 2.1 rebotes em pouco mais de 20 minutos de ação por noite.

  • Vini

    Kkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  • Felipe ASM

    Assisti muitas partidas dele em Creighton, com certeza o calcanhar de Aquiles dele é a defesa, não obstante tem um grande potencial nos arremessos de longa distância, quem sabe um dia chegue ao status ao qual ele já se coloca hoje.

  • Zack Batista

    A intensidade ofensiva está sendo implantada, sei, e a defensiva? Tá faltando corrigir essa “Avenida” que se transformou a defesa do Bulls. O prefeito é algum tipo de discípulo do D’Antonni? Só pode… Do jeito q tá não deve ficar, mudanças já, e pra logo.

    Será que o Thibs voltaria para o Bulls? Efetivaria ele como coach novamente e deixaria o Hoiberg cuidar da parte ofensiva do time como assistente…Aí sim seria top…rs =D

    • TiagoCeltics

      Tipo o Cuca no Botafogo haha

    • Thiago #1910

      Ai Zack,falou tudo…Hoiberg aprenderia muito com isso!
      Mais quero ver ele aceitar…Claro,isso é o que nos gostaríamos!

  • Tiago #SeeRed

    Calma McDermott, vc ainda precisa provar muita coisa para atingir esse status que vc esta se colocando.

  • ele é um exímio arremessador mesmo, nas jogadas de Catch and shoot eu até pensei logo na comparação com o Korver pela maneira como ele arremessa mas ele precisa melhorar defensivamente, outro que tem agradado nos arremessos é o Tony Snell…

  • jc

    Ainda tem muito para provar, mas com certeza é um bom arremessador…mas pra se colocar entre os melhores, ainda não dá, ta cedo, mas caminha para isso.

  • Garoto bom. Em um time em reconstrução poderia se tornar um dos maiores destaques jovens da liga.

© Copyright Jumper Brasil 2007-2017 - Todos os direitos reservados