logo lance
undo
Nacionais
Internacionais
Leste
Hawks
Celtics
Nets
Hornets
Bulls
Cavaliers
Pistons
Pacers
Heat
Bucks
Knicks
Magic
76ers
Raptors
Wizards
Oeste
Mavericks
Nuggets
Warriors
Rockets
Clippers
Lakers
Grizzlies
Timberwolves
Pelicans
Thunder
Suns
Blazers
Kings
Spurs
Jazz
Postado em 2 dez 2015 às 22:00
Para Anthony Davis, “basquete egoísta” atrapalha início do Pelicans

Equipe de Nova Orleans é vice-lanterna do Oeste, com apenas quatro vitórias em 18 jogos

Compartilhe nosso conteúdo!
Envie por email!
Compartilhe no Google+ Google +
Tweet esse post! Twitter
Compartilhar no Facebook! Facebook
Por Ricardo Stabolito Jr.

O primeiro mês de temporada já acabou, mas o péssimo início de campanha do New Orleans Pelicans não parece ter data para terminar. Mesmo com o retorno de lesão do ala-armador Tyreke Evans, o time sofreu a 14ª derrota em 18 partidas disputadas na competição nesta terça-feira, diante do Memphis Grizzlies. O técnico Alvin Gentry, que assumiu a equipe na offseason passada, admite que o grupo vive uma espécie de “crise competitiva”.

“Nós não estamos competindo do início ao fim. Como treinador, seja qual for a forma, eu tenho a obrigação de fazer os jogadores entrarem em quadra e competir ou terei que escalar atletas que o façam. Precisamos de caras que atuem para vencer lá dentro. São esses jogadores que preciso colocar em quadra”, criticou Gentry, sem usar as constantes lesões que comprometem o elenco para justificar o recorde ruim até agora.

O craque do Pelicans, Anthony Davis, foi mais radical: acusou o elenco de individualismo em quadra e sugeriu que não há confiança entre os atletas do grupo. “Nós precisamos jogar juntos, com mais vontade e mais duro. Temos que tentar encontrar um jeito de vencer. Acho que nos unir como time e acreditar mais uns nos outros, além de parar de jogar esse basquete egoísta que estamos apresentando”, desabafou.

Leia mais
Artigo – O futuro não é agora
Kendrick Perkins desfalca Pelicans de dois a três meses
Após estrear com três derrotas, Anthony Davis critica defesa do Pelicans

A julgar pelos números, as críticas do astro podem ser um pouco exageradas. O time de Nova Orleans não surge entre os líderes, mas aparece na metade de cima da tabela nas principais métricas envolvendo passes. No momento, a equipe é a 12ª em média de assistências (21.8), 11ª em passes trocados por partida (341.1) e dono da 15ª maior porcentagem de cestas assistenciadas (57.8%) nesta temporada.

O Pelicans entra em quadra em busca de reabilitação já nesta quarta-feira, para enfrentar outra das decepções da atual campanha: o Houston Rockets, no Texas. Uma vitória – seria apenas a quinta do ano – quebraria sequência de três resultados negativos da equipe de Gentry e Davis.

  • Vi o jogo do Pelicans e o time não consegue fechar o jogo. Gordon some nas horas finais e a marcação do perímetro afrouxa demai

    Tyreke e Davis formam uma ótima duplas, mas o time no geral é muito fraco. Asik não serve nem pra compor rotação mais, é grosso.

    • Rodrigo Morais

      E o pior é esse contrato fiasquento que deram pro Asik. Gordon é outro que tem que vazar ou cortar o salaio por mais da metade.

      • Lucas Ottoni

        Eric Gordon poderia até ficar. Mas por um contrato muito menor do que o absurdo q ele ganha hoje. Asik já era pra ter vazado pra ontem. Ruim demais e não defende mais nada. Não tem mais espaço na NBA. Só no Pelicans mesmo… afff

  • Rafa

    AD, pula desse barco enquanto há tempo filhão kkkkkkk. Timezinho safado.

  • Não só isso como na defesa também o time depende demais do monocelha, e sofre pra marcar quando ele não está em quadra…

  • Lucas Ottoni

    Discordo do Davis. Não é egoísmo. É ruindade mesmo. O time é fraco. Só chegou aos playoffs da temporada passada pq o Thunder sofreu com os constantes desfalques do Kevin Durant e pq o Lakers deixou de ser Lakers.

    Muitos turnovers, muitos chutes forçados sem necessidade, defesa fraquíssima, e jogadores como Omer Asik, Alonzo Gee, etc… desfilando toda a sua falta de qualidade técnica em quadra. Além do treinador, q é fraco e nunca me enganou, mesmo sendo campeão como auxiliar no Warriors. Tanto é que o Warriors continua vencendo, e ainda melhor. Gentry é fraco, e o time é fraco e não se reforçou. O resultado só poderia ser esse mesmo.

  • Etnos De Jesus Santos

    Davis esta mais do que certo, mais do que certo mesmo se brincar o pelicas perde ele esse ano, o que eu nao queria ver ja que ele muito forte pro time mesmo e bom ver times crescendo , vai demorar muito pro pelicas ser um golden states … mas se souber trocar bonitinho os cara pronto ja dá pra tentar os plays off denovo.

© Copyright Jumper Brasil 2007-2017 - Todos os direitos reservados