logo lance
undo
Nacionais
Internacionais
Leste
Hawks
Celtics
Nets
Hornets
Bulls
Cavaliers
Pistons
Pacers
Heat
Bucks
Knicks
Magic
76ers
Raptors
Wizards
Oeste
Mavericks
Nuggets
Warriors
Rockets
Clippers
Lakers
Grizzlies
Timberwolves
Pelicans
Thunder
Suns
Blazers
Kings
Spurs
Jazz
Postado em 2 dez 2015 às 10:57
Vídeo: Kobe Bryant é ovacionado em Philadelphia

Astro fez a sua última partida em Philadelphia, onde estudou na época do colégio

Compartilhe nosso conteúdo!
Envie por email!
Compartilhe no Google+ Google +
Tweet esse post! Twitter
Compartilhar no Facebook! Facebook
Por Gustavo Freitas

O astro Kobe Bryant anunciou no último domingo que esta será a sua última temporada na NBA. O jogador do Los Angeles Lakers, portanto, vai fazer sua despedida a cada partida. E isso inclui homenagens. Muitas delas.

Na derrota do Lakers para o Philadelphia 76ers, Kobe foi ovacionado pela torcida em Philadelphia. Para quem não sabe, o atleta de 37 anos atuava na cidade durante os tempos de colégio.

Merecido.

  • Rafael Victor

    Legal, muito legal!

  • TRUETHIAGO

    Kobe é nascido na Philadelphia, assim como seu pai. Aliás, o Joe jogou pelos Sixers nas suas primeiras temporadas, no final da década de 70, justamente quando Kobe nasceu; Depois ainda passou por Houston, se não me engano, antes de ir para a Itália – onde o Kobe viveu toda a sua adolescência.

  • Uncle Drew

    Mt foda. Sei q tem uma razão especial por todo esse carinho mas, acho q isso acontecerá em quase todas as arenas. Infelizmente não teremos esta ovação na Meca do Basquete, o Madison Square Garden, pq o Lakers já jogou lá nessa temporada. É como são times de conferencias distintas é só 2 jogos por temporada, 1 em casa e outro fora.
    Mas vale atenção especial para quando o Lakers jogar fora de casa contra o Chicago, e contra o Hornets( acho q o Lakers ainda não jogou lá nessa temporada). Esse encontro entre Kobe e Jordan será bastante aguardado.

  • Gustavo o/

    Carta de um torcedor do Celtics ao Kobe. Traduzi na louca.

    “Querido Kobe Bryant,

    Eu odeio você

    Você pode me culpar? Como um fã do Celtics eu fui obrigado a ir contra você por duas décadas. Fiquei satisfeito quando vi meu Celtics vencer você nas finais de 2008. Paul Pierce mereceu muito mais do que você. Nessa época você já tinha 3 anéis.

    Mas três não eram suficiente pra você. Você tinha que se vingar e conseguiu isso em 2010, conquistando seu quinto anel enquanto rasgava meu coração. Você não sabe a sorte que teve de Perkins não jogar o jogo 7.

    Eu li sua carta no Player’s Tribune hoje e fiquei chocado. Não pelo anúncio da aposentadoria, todos nós já sabíamos disso, mas pela maneira que sua carta me fez sentir.

    Na minha cabeça, eu sempre associo você à Derek Jeter. Vocês são jogadores que os torcedores de Boston amargamente odeiam. Vocês jogaram o jogo na maneira correta: com paixão, orgulho e profissionalismo.

    Vocês eram estudantes do jogo que perseguiram a grandeza pelo trabalho pesado mais do que qualquer um. Vocês se tornaram ícones de seus esportes em suas gerações. Vocês abraçaram cada desafio. Vocês deram tudo. Vocês deram a cara pra bater. Vocês sabiam como ganhar. Eu respeito seus esportes e a rivalidade que vocês tiveram com Boston.

    Dia 30 de Dezembro marca a última vez que você vai jogar em Boston. E essa é a última chance para nós torcedores do Celtics de apoiar nosso time contra indiscutivelmente o jogador mais dominante da história entre Celtics e Lakers.

    Assim como você, outros caras que dominaram a NBA também vão dizer adeus. Talvez apareçam outros caras para dominarem a liga, talvez não.

    Então quando você vier ao Garden no próximo mês, eu espero que a multidão te coloque no inferno. Espero que vamos importunar você assim como fizemos nas finais. Eu espero que você perca cada lance livre. Espero que você nunca esqueça o que é 17.000 torcedores que sangram verde, assistirem você falhar mais uma vez.

    Eu espero vencer o Lakers novamente. E quando você sair do quinteto no último quarto e meu Celtics já estar vencendo por 20 pontos de diferença, eu acho que alguma coisa bonita vai acontecer.

    Cada pessoa no TD Garden vai parar de vaiar. Nós vamos ficar na ponta do pé e lhe dar uma salva de palmas mais apaixonada que você testemunhou. Vamos limpar nossos olhos e desejar à você nossas agridoces despedidas.

    Eles dizem que você nunca realmente sabe o que você tem até perder isso. Portanto, antes de ir, eu só quero dizer obrigado por ser muito mais do que apenas um grande jogador de basquete . Para toda uma geração de fãs da NBA, você é o basquete.

    Eu não acredito que estou dizendo isso… mas eu realmente vou sentir sua falta.

    Amo e odeio você pra sempre.

    Dê um torcedor do Celtics que não te apreciou o suficente.”

    • Muito bom, de fato ser vaiado pelos celtas será uma homenagem, esse tipo de antipatia só nasce quando o oponente fez o trabalho correto, para a torcida adversária detestar ele realmente deve ser bom.

      Um fato curioso é que Kobe poderia ter sido um Celta, em 1996 Celtics tinha a 6° escolha (Antoine Walker) Kobe até fez um workout lá. Eu sei que o “se” não joga, mas as vezes deixo a imaginação fluir livre e imagino como teria sido a carreira do Kobe jogando no maior rival.

© Copyright Jumper Brasil 2007-2017 - Todos os direitos reservados