logo lance
undo
Nacionais
Internacionais
Leste
Hawks
Celtics
Nets
Hornets
Bulls
Cavaliers
Pistons
Pacers
Heat
Bucks
Knicks
Magic
76ers
Raptors
Wizards
Oeste
Mavericks
Nuggets
Warriors
Rockets
Clippers
Lakers
Grizzlies
Timberwolves
Pelicans
Thunder
Suns
Blazers
Kings
Spurs
Jazz
Postado em 5 dez 2015 às 22:46
Warriors “sobrevive” ao Raptors em Toronto e segue invicto na temporada

Com 44 pontos de Stephen Curry, Warriors vence “batalha” contra o Raptors e segue invicto

Compartilhe nosso conteúdo!
Envie por email!
Compartilhe no Google+ Google +
Tweet esse post! Twitter
Compartilhar no Facebook! Facebook
Por Ricardo Stabolito Jr.

(21-0) Golden State Warriors 112 X 109 Toronto Raptors (12-9)

Foi por muito pouco, mas o Golden State Warriors continua invicto na temporada. A equipe de Oakland viajou até o Canadá neste sábado e venceu o Toronto Raptors em uma partida muito equilibrada para conquistar a 21ª vitória consecutiva. Com 44 pontos do MVP Stephen Curry, os atuais campeões sobreviveram à pressão do time do pivô brasileiro Lucas “Bebê” Nogueira e saíram com triunfo suado, por 112 a 109.

Os visitantes deram a entender que a manutenção da invencibilidade seria mais tranquila ao longo do primeiro quarto, com uma atuação dominante para baixar o ímpeto inicial dos donos da casa. Curry anotou 16 pontos, incluindo quatro cestas de longa distância, para comandar o Warriors na construção de vantagem de dígitos duplos.

O Raptors reagiu com um bom início de segundo período e, liderado por Kyle Lowry, chegou a assumir a liderança a quatro minutos para o intervalo. No entanto, os canadenses sofreriam 14 dos 18 pontos derradeiros do tempo e veriam o adversário abrir nova larga dianteira. As duas equipes foram para os vestiários novamente separadas por dez pontos (59 a 49).

Os locais voltaram a reduzir a diferença logo no retorno dos vestiários e, agora, para não deixar mais os invictos campeões dispararem. Sob o comando de Lowry e com “Bebê” entrando em quadra para ter sua melhor atuação nesta temporada, Toronto reforçou a defesa e voltou para o jogo para encerrar o terceiro período sendo derrotado por apenas quatro pontos.

No começo do último quarto, cesta de três pontos de Lowry seguida por enterrada do brasileiro empatou a partida em 84 pontos e nenhum dos times abriria vantagem superior a duas posses de bola até o fim do confronto. “Bebê” reapareceu a dois minutos do final, quando mais uma de suas enterradas empatou novamente o jogo (102 a 102). A partir de então, o confronto acabou se resolvendo nos lances livres.

Curry, Klay Thompson e Draymond Green arremessaram dez lances livres nos 85 segundos decisivos e converteram todos. Assim, o Warriors não anotou apenas em uma de suas seis posses finais. Lowry e DeMar DeRozan, do outro lado, desperdiçaram um lance livre cada e deixaram o oponente reassumir a dianteira. Nesta toada, a decisão da partida teria um tom anticlimático: os locais perdiam por três pontos e cometiam faltas para recuperarem a posse, mas os visitantes também faziam faltas para impedirem os canadenses de chutar de três e terem a chance do empate. Assim, a partida acabou com os três pontos de vantagem.

Destaques

Golden State

Stephen Curry: 44 pontos (9-15 3pt.) e sete assistências
Klay Thompson: 26 pontos (6-9 3pt.)
Draymond Green: 16 pontos, nove rebotes e seis assistências

Toronto

Kyle Lowry: 41 pontos (6-10 3pt.), sete rebotes e quatro roubos de bola
DeMar DeRozan: 16 pontos (5-19 FG) e cinco assistências
Lucas “Bebê” Nogueira: 14 pontos (7-9 FG) e quatro rebotes em 24 minutos

 

(8-13) Denver Nuggets 108 X 105 Philadelphia 76ers (1-20)

– O Nuggets chegou aos três minutos finais de partida perdendo por quatro pontos, mas virou o jogo para sair vitorioso com uma sequência de dez pontos sem resposta dos donos da casa.

– Sem Jahlil Okafor, o Sixers foi derrotado mesmo convertendo 50% dos arremessos de quadra (37-74) e 48.4% das tentativas de longa distância (15-31).

Destaques

Denver

Danilo Gallinari: 24 pontos e sete rebotes
Will Barton: 16 pontos e nove rebotes
Kenneth Faried: 12 pontos e nove rebotes
Randy Foye: 11 pontos e cinco rebotes
Emmanuel Mudiay: dez pontos, cinco rebotes, seis assistências e sete erros de ataque

Philadelphia

Robert Covington: 18 pontos e dez rebotes
Isaiah Canaan: 15 pontos (5-8 3pt.)
Nerlens Noel: 14 pontos, cinco rebotes e cinco erros de ataque
JaKarr Sampson: 13 pontos e seis rebotes
T.J. McConnell: dez pontos, oito rebotes, seis assistências e três roubos de bola

 

(13-7) Cleveland Cavaliers 84 X 99 Miami Heat (12-6)

– Poupando o astro LeBron James na segunda noite de um back to back, o Cavaliers perdeu sua terceira partida consecutiva.

– A vitória garante a liderança da conferência Leste ao Heat, que ultrapassa o Cavs com uma campanha de 12 vitórias em 18 partidas.

Destaques

Cleveland

Richard Jefferson: 16 pontos (6-18 FG)
J.R. Smith: 12 pontos
Matthew Dellavedova: 11 pontos e cinco assistências
Jared Cunningham: 11 pontos

Miami

Dwyane Wade: 19 pontos, cinco rebotes e quatro assistências
Tyler Johnson: 19 pontos e cinco rebotes
Goran Dragic: 17 pontos e oito assistências
Chris Bosh: 14 pontos e seis rebotes
Gerald Green: 12 pontos

 

(11-8) Charlotte Hornets 102 X 96 Chicago Bulls (11-6)

– A partida estava empatada com um minuto para o fim e o Hornets anotou oito dos últimos dez pontos da noite para disparar no marcador e sair com a vitória fora de casa.

– O veterano Pau Gasol, do Bulls, tornou-se o 116º jogador a completar 1.000 jogos disputados na história da NBA. Ele marcou 13 pontos e pegou 11 rebotes na derrota.

Destaques

Charlotte

Nicolas Batum: 24 pontos, 11 rebotes e cinco assistências
Kemba Walker: 17 pontos, seis rebotes, cinco assistências e três roubos de bola
Cody Zeller: 17 pontos e oito rebotes
Spencer Hawes: 14 pontos, sete rebotes e quatro assistências
Jeremy Lamb: dez pontos

Chicago

Jimmy Butler: 25 pontos e oito rebotes
Derrick Rose: 19 pontos, sete rebotes e cinco assistências
Pau Gasol: 13 pontos e 11 rebotes
Doug McDermott: 13 pontos

 

(7-14) Sacramento Kings 113 X 120 Houston Rockets (10-11)

– Harden anotou 11 de seus 31 pontos no último período para comandar a virada do Rockets, que iniciou o quarto perdendo por quatro.

– O Kings pegou mais rebotes, distribuiu mais assistências e cometeu menos erros de ataque do que os adversários, mas cedeu mais de 47% de aproveitamento nos arremessos de longa distância.

Destaques

Sacramento

Ben McLemore: 19 pontos e nove rebotes
Darren Collison: 18 pontos e seis assistências em 21 minutos
Rudy Gay e Omri Casspi: 15 pontos cada
DeMarcus Cousins: 14 pontos (4-16 FG) e nove rebotes
Rajon Rondo: 13 pontos, 19 assistências e quatro roubos de bola
Kosta Koufos: 11 pontos e 12 rebotes

Houston

James Harden: 31 pontos e nove assistências
Dwight Howard: 22 pontos e 18 rebotes
Terrence Jones: 16 pontos e cinco rebotes
Patrick Beverley: 14 pontos
Trevor Ariza: 12 pontos e seis rebotes

 

(9-12) Portland Trail Blazers 109 X 103 Minnesota Timberwolves (8-11)

– O Blazers perdia por 17 pontos no início do terceiro período e contou com grande atuação de C.J. McCollum no segundo tempo para recolocar-se no jogo.

– Terceira derrota consecutiva e a oitava em 10 partidas disputadas pelo Timberwolves nesta temporada em seus domínios.

Destaques

Portland

Damian Lillard: 19 pontos e sete assistências
C.J. McCollum: 17 pontos, cinco rebotes e seis assistências
Al-Farouq Aminu: 16 pontos
Meyers Leonard: 14 pontos
Ed Davis: 13 pontos e oito rebotes
Allen Crabbe: 11 pontos

Minnesota

Karl-Anthony Towns: 27 pontos e 12 rebotes
Andrew Wiggins: 17 pontos e cinco rebotes
Gorgui Dieng: 15 pontos e cinco rebotes
Zach LaVine: 12 pontos (4-14 FG)
Kevin Martin: 11 pontos

 

(10-11) New York Knicks 91 X 106 Milwaukee Bucks (8-13)

Destaques

New York

Carmelo Anthony: 18 pontos e cinco rebotes
Lance Thomas: 17 pontos
Arron Afflalo: 13 pontos
Kristaps Porzingis: 12 pontos, sete rebotes e cinco erros de ataque

Milwaukee

Michael Carter-Williams: 20 pontos e cinco assistências
Greg Monroe: 18 pontos e 14 rebotes
Jabari Parker: 17 pontos e sete rebotes
Giannis Antetokounmpo: 17 pontos, seis rebotes e seis assistências
O.J. Mayo: 17 pontos e cinco assistências

 

(11-9) Boston Celtics 105 X 108 San Antonio Spurs (17-4)

Destaques

Boston

Isaiah Thomas: 23 pontos e oito assistências
Avery Bradley: 18 pontos
Evan Turner: 16 pontos
Jae Crowder: 15 pontos (5-5 FG)
Amir Johnson: 11 pontos e 11 rebotes

San Antonio

LaMarcus Aldridge: 17 pontos e oito rebotes
Boris Diaw: 16 pontos
Kawhi Leonard: 15 pontos, oito rebotes e quatro assistências
Manu Ginobili: 15 pontos e sete rebotes
Tony Parker e David West: dez pontos cada

 

(12-7) Indiana Pacers 119 X 122 Utah Jazz (9-9)

Destaques

Indiana

Paul George: 48 pontos (15-27 FG) e oito rebotes
Rodney Stuckey: 23 pontos
C.J. Miles: 12 pontos
Jordan Hill: dez pontos e oito rebotes
George Hill: dez pontos, cinco assistências e quatro roubos de bola

Utah

Derrick Favors: 35 pontos e 13 rebotes
Gordon Hayward: 22 pontos, cinco rebotes e cinco assistências
Trey Burke: 19 pontos e sete assistências
Raulzinho Neto: 13 pontos
Trevor Booker: dez pontos e 14 rebotes

 

(11-9) Orlando Magic 101 X 103 Los Angeles Clippers (11-9)

Destaques

Orlando

Victor Oladipo: 24 pontos, sete rebotes e cinco assistências
Elfrid Payton: 21 pontos, oito assistências e quatro roubos de bola
Tobias Harris e Nikola Vucevic: dez pontos e dez rebotes cada
Aaron Gordon: dez pontos e sete rebotes

LA Clippers

Jamal Crawford: 32 pontos e cinco assistências
Blake Griffin: 28 pontos, 13 rebotes e sete assistências
Wesley Johnson: 21 pontos e sete rebotes
DeAndre Jordan: 15 pontos e 14 rebotes

  • The Real Jay

    Curry ridículo demais! Até que enfim tão dando minutos bom para o Lucas bebê. Bom jogo dele hein 7-9 Fg 4reb e 3 ast.

  • Michel Moral

    Lowry tá jogando muita bola, assim como o time do Raptors vai dar trabalho se chegar inteiro nos playoffs.

  • Matheus Oliveira

    GSW foi bem inteligente, soube administrar o jogo e manter no controle no final. Como disse, GSW maioria das vezes se dá bem jogando no Canadá.. Curry melhor jogador da Liga hoje, meteu 16 pontos no primeiro quarto apenas.. Quem viu o primeiro quarto pensou que seria um jogo simples, mas não
    Esse jogo contra o Nets vai ser pegado, estou com receio de cair a invencibilidade já que na última temporada o GSW foi derrotado no Barclays Center

    • Esteferson Matos

      Não vi o GSW controlando o jogo, vi um jogo muito disputado onde a vitória no final poderia ser de qualquer equipe, quanto ao Curry realmente ele joga muito..

      • Tbm não vi esse controle do jogo que o jovem Matheus falou. Se DeroZan estivesse em uma dia melhor, o caldo do GSW iria entornar.

    • Acho mais fácil o Pacers fazer jogo duro na terça, o Nets hoje deve ser uma mamata pro GSW, a não ser que sintam a parte física por causa de jogos seguidos e viagens…

      • Doug

        Pois é, cara. O problema dos Pacers é depender demais do PG…se o Monta estivesse naquela média de 15 ptos por jogo, esse jogo de ontem era dos Pacers…Ellis e Miles ontem não foram bem e o Favors deitou no garrafão, como disse o companheiro aí…o time em volta tem que ser constante e deixar o PG ser o cara imprevisível…contra os Warriors vai ser dureza, mas pelo fato de a força do time ser o perímetro, pode ser que o Indiana tenha uma chance, já que o garrafão deles também pontua pouco…

  • Dubnation

    21 NILL

  • JEFERSON NOWITZKI

    VOU DIZER MAIS UMA VEZ,PODE ENTREGAR O MVP PARA O CURRY,JOGANDO DEMAIS PARA ELE E PARA O TIME,QUE ABSURDO,UM MONSTRO!

  • JEFERSON NOWITZKI

    PARA O KYLE LOWRY O GRANDE JOGO DA CARREIRA ATÉ AGORA,PARA O CURRY APENAS MAIS UM SHOW!

  • Francis Dillari

    Lebron levou uma coça emocional no ano passado no jogo de natal em Miami que a pouco mais de 1 hora do jogo de ontem decidiu nao jogar… Vergonhoso para um lider deixar a equipa na mão daquele jeito
    Esta temporada Lebron está muito esquisito mesmo, está a ter comportamentos bastante controversos com a equipa

    • pedrokadf

      Moço, LBJ já não é garoto, jogou 45 min contra NOLA…
      o risco de lesão é grande, ele tem q se preservar…
      Por um acaso o jogo era contra o Heat, não foi nada planejado,
      Bom para o Heat hehe !!
      Um exemplo de q não compensa ficar se matando em quadra (jogando 45 min por exemplo) é kobe, ele vem sentindo agora as consequências !!

      • Não adianta, esses caras não entendem isso. Cara vem falar de coça emocional…

      • Francis Dillari

        eu percebo isso Pedro, e estava a ironizar quando falei da “coça emocional” (visto que alguns nao perceberam)
        Só achei muito estranho a decisão ter vindo a 1 hora do jogo
        e vc certeza viu tambem o quanto a equipa de cleveland é mediocre sem lebron, quanto mais saber que fica sem lebron a 1 hora do jogo

        • pedrokadf

          realmente a equipe é fraquíssima sem ele…

    • JoaoFJ

      Lebron vai voltar pro Heat se não vencer nada esse ano no Cleveland. Ou Heat ou Lakers

      • Francis Dillari

        nah, ele nao vai a lado nenhum mais
        Passou a maior parte do contrato em miami sendo o “Bad boy” da NBA e ele falou quase instantaneamente que se arrependeu ter feito a mudança daquela maneira

  • MarceloLRBulls

    Curry e Lowry jogaram demais!
    Paul George MONSTRO

  • Rodolfo Ribeiro

    Será que a freguesia acaba? Rsrsrs

    • OiCaraDeBoi

      Por isso acho q não deveria acaba as conferencias, pois em uma epoca uma conferencia claro q vai estar melhor q a outra mas nós estamos vendo q a outra ja ta começando equilibrar denovo!

    • 20+ dessas vitórias do Oeste são do GS ahahahaha

  • Esteferson Matos

    Como este time do Jazz é encardido, mesmo com o PG jogando muita bola, para mim o principal jogador do leste hoje, ganhou o jogo.
    Lowry jogou muito ontem e vem jogando muito bem durante a temporada…

  • Esteferson Matos

    Ontem no link da rodada, o Uncle definiu muito bem o Curry, ele não faz força para jogar, tendo em vista que seu arremesso é de altíssimo nível, ele depende pouquíssimo da parte física e daí ele joga 3 OT, que sairá fisicamente ileso, para marca-lo e esta é minha definição, em possíveis 7 jogos, seu marcador deverá está no ápice físico e mental, Allen e Conley conseguiram isso em 3 jogos na semifinal de conferência no ano passado depois o caldo entornou e Delly também fez um trabalho maravilhoso, mas sua parte física a partir do 3 jogo não resistiu…
    Curry com um mínimo de espaço, acaba com qualquer jogo e eu não sou seu fã, mas adimiro muito o basquete que ele vem jogando…

  • Matheus Oliveira

    Pecado o PG perder esse jogo.. O que matou foi 2 pontos e a falta no lance final do 4 qt pois foi isso que deu ânimo para o Jazz no jogo. Os arremessos no Ot foram todos precipitados por parte do Pacers, enquanto o Jazz foi lúcido no que fez e aproveitou melhor
    48 pontos para o monstro leva o time nas costas

  • Spurs deixou uma boa diferença de 15 pontos cair por terra com um último período relaxado, o sufoco no último quarto foi a prova que não se pode brincar contra Turner, Bradley e Thomas … Manu Ginobili foi bem na hora decisiva e aliviou a tensão do jogo, mas o Celtics mostrou muita vontade e foi mais perigoso que no primeiro confronto lá na casa dos verdes, gostei dos reservas no primeiro tempo, West e Diaw jogaram bem…
    Na vitória do Warriors, um excelente jogo, muito disputado e o erro do Joseph deixando a bola escapar custou caro pro Raptors, mas o Lowry foi muito bem e o Lucas Bebê tbm, acho muito difícil o Pacers conseguir quebrar a sequência do Warriors na terça, mas o jogo pode ser disputado como esse novamente…

    • Rafael Victor

      Vi o final do jogo do Spurs, o Ginobili tá demais, hein!?

      • ele salvou o bacon ontem kkkkk foi um sufoco o final

  • Olavo #RipCity #Emerging

    Favors abusou desse garrafão mediano do Pacers. É aonde todo time que enfrente o Pacers deveria forçar o jogo, mas não são todos os times que possuem uma arma ofensiva nessa área igual o Jazz possui com o Favors.

  • Leonardo Riviera

    AAAAHHHH COMO E BOM VENCER O KNICKS ,NAO GOSTO DESTE TIME

    #KNICKSPIPOCAFOREVER

  • Olavo #RipCity #Emerging

    E ontem, mais uma vitória fora de casa contra o Wolves, e tirando uma grande diferença no 2º tempo. Uma coisa que vem funcionando nesse Rebuild é o banco, que era justamente o ponto fraco do time nos últimos anos. Nos últimos 4 jogos, o banco do Blazers fez, respectivamente: 49-73-45 e 45 pontos novamente ontem contra o Wolves. Muito bom para um time que conta, na maioria, com jovens jogadores vindo do banco. E o cara que se destaca entre eles, até agora, é o Crabbe que vem sendo o nosso 6th Man.

  • Rafael Victor

    Curry-Thompsom fizeram um exccelente primeiro tempo, com o Lowry mantendo o Raptors na partida, o que se repetiu durante todo o jogo com a partidaça que ele fez (escudado pelo Bebê, que também mandou muito bem, enquanto que o “subestimado” DeRozan ficou devendo), só que Curry tem sido bastante decisivo, ontem não foi diferente com aquelas 3-4 bolas de 3 nos minutos finais do jogo, além de acertar todos os lances livres (o Kyle Lowry errou um no final que empataria a partida, depois de ter feito uma cesta e sofrido a falta) e ainda forçar o TO do Cory Joseph no final! Warriors continua voando!

    Batum decidiu o jogo contra o Bulls, deve ser um dos mais procurados na próxima agência livre, que levar vai se dar bem!

    Vi só o primeiro tempo de Clippers X Magic, Jamal-Griffin-Johnson tavam muito bem e o Magic tava dificultando bastante, pelo placar deve ter sido um jogo bastante disputado até o final!

    • Esteferson Matos

      De Rozan não contribuiu muito ontem, o problema para o Raptors foi esse

  • paulo

    heat quietinho tomou a liderança da conferencia do cavs.. time ta jogando muito bem.

  • Zack Batista
  • JoseCleveland

    Rapaz que jogada foi essa do Raulzinho!!!.Mandou muito bem.

  • Faz tempo que não vejo meu celtics ganhar do Spurs =/ mais esse time vai dar muito trabalho na proxima temporada. Se tivesse um Kevin Durant, ou até mesmo o Carmelo Anthony (Ainda sonho que melo jogue no celtics ) rs o celtics iria ta ai brigando entre os 5 primeiros do Leste. Que temporada monstruosa do menino Paul George, sera que ele briga pra ser MVP da temporada?

    • Juan Gabriel

      rapaz…no jogo no TD Garden o celtão ganhou, não?

    • jhonatan Capelati

      Cara ”brigar” todos brigam mais se o S.Curry continuar desse jeito , não vejo chances para os outros , com todo respeito claro

      • Concordo mano, esse Curry oque ta jogando é uma coisa de louco.

  • JoseCleveland

    Clippers sofreu pra ganhar do Magic em casa.acho que Jazz e Magic vao dar trabalho hein.se continuarem jogando assim.

  • Zack Batista

    Valanciunas que se cuide, Lucas Bebê está pedindo passagem…rsrs =D

    https://www.youtube.com/watch?v=-RffZaIgITM

    • The Real Jay

      Mas ele joga com o Valanciunas, tá na hora de joga RO argentino Scola no banco msm!

    • Rodolfo Ribeiro

      Alguém vai ter que rapar fora,porque o Bebê está voando! Haha

  • pedrokadf

    Heat dominado o top 10 haha
    Green e hassan whiteside como sempre com belas jogadas !!
    Sem james e irving o cavs é um time qualquer, love não é aquele lider q era no wolves…
    Bebê doutrinando, jogou muito, toronto tbm, só perdeu o 1° quarto…
    Mas curry é sem noção haha
    MVP

  • Fabrica de Vassilo

    o Raptors só não foi pro OT pelos LL que o derozan e o lowry erraram, e também pela cagada do joseph no final (mancada o curry ficar batendo palma depois hauehuahe), mas por outro lado se vê claramente a superioridade do GSW, que mesmo sem Barnes e Bogut, se mostram um time muito a frente.

  • Cavs sem Lebron, é só um pouquinho melhor que o 76ers .

    Grande jogo do Raptors. lowry jogou demais. Sobre o GSW, falar deles é chover no molhado.
    Sem dúvida que o grande jogador do Leste chama-se Paul George. Que temporada

  • Fear The Deer

    JA falei e vou repetir warriors vai fica nesta ilusao ate pegar o bucks pela frente ai acabo volta ao mundo normal

  • Michel Moral

    Paul George seria o MVP, na minha opinião, se a equipe dele continuar nessa pegada no leste. Tá jogando muito. Voltou melhor técnica e fisicamente do que o Durant.

    • DamonHeat

      problema é que curry e golden state, estão fazendo história.
      Muito difícil curry perder esse mvp.

© Copyright Jumper Brasil 2007-2017 - Todos os direitos reservados