logo lance
undo
Nacionais
Internacionais
Leste
Hawks
Celtics
Nets
Hornets
Bulls
Cavaliers
Pistons
Pacers
Heat
Bucks
Knicks
Magic
76ers
Raptors
Wizards
Oeste
Mavericks
Nuggets
Warriors
Rockets
Clippers
Lakers
Grizzlies
Timberwolves
Pelicans
Thunder
Suns
Blazers
Kings
Spurs
Jazz
Postado em 13 dez 2015 às 21:51
Harden enaltece Kobe em despedida de Houston: “Jordan moderno”

Torcida do Rockets aplaudiu e gritou nome do ídolo do Lakers em penúltimo jogo na cidade

Compartilhe nosso conteúdo!
Envie por email!
Compartilhe no Google+ Google +
Tweet esse post! Twitter
Compartilhar no Facebook! Facebook
Por Ricardo Stabolito Jr.

A “turnê de despedida” de Kobe Bryant da NBA passou por Houston neste sábado, quando o Los Angeles Lakers foi derrotado pelo Rockets por 126 a 97. E, como vem acontecendo em todas as partidas da equipe angelina fora de casa, o astro foi homenageado com aplausos e teve seu nome cantado pelos torcedores adversários. James Harden, que comandou a vitória local com 30 pontos, não estranhou ou se incomodou com a situação. Pelo contrário.

“Não me importo com a reação porque Kobe é uma lenda. É o seu último ano e ele merece. Até eu estava cantando seu nome, na verdade. Nunca mais veremos esse cara jogando aqui. Não tive a chance de ver Michael Jordan ao vivo, mas Kobe é o nosso Jordan moderno. Ele fez por merecer tudo o que vimos hoje”, exaltou o ala-armador, que sempre apontou o craque do Lakers como um de seus ídolos de infância no esporte.

O que Harden provavelmente não sabia era que, nos últimos tempos, a admiração tornou-se algo mútuo: o jogador de 37 anos admitiu ser um fã de longa data do hoje líder do Rockets e ficou lisonjeado ao saber das palavras do jovem oponente. Kobe não está elegendo “sucessores” na NBA, mas diz gostar muito de assistir ao ala-armador de Houston em quadra.

“Sempre gostei de James como jogador, mesmo quando ainda estava no basquete universitário. Ele desenvolveu seu jogo de média distância na NBA e, agora, pode fazer de tudo no ataque – arremessa de três, infiltra, chuta saindo drible. Parece ter reencontrado seu ritmo e jogou muito bem hoje. Eu adoro James”, afirmou o veterano, pentacampeão da NBA pelo Lakers e eleito MVP da liga em 2008.

O torcedor de Houston terá mais uma chance de despedir-se de Kobe em 10 de abril do ano que vem, quando as duas equipes voltam a se enfrentar no Toyota Center. Além do jogo em abril, Harden vai reencontrar seu ídolo em outras duas oportunidades: 17 de dezembro e 17 de janeiro, quando vai encarar o Lakers no Staples Center.

  • Marcio

    Se fosse no Brasil, estariam xingando o cara por onde ele passasse. Igual fazem com Pele, zico, Romário, Ronaldo entre tantos outros ídolos do esporte!

    • Rafael Victor

      Infelizmente, grande verdade! Um dos poucos que vi ter respeito de verdade dos torcedores adversários foi o Marcos!

      • robertolakers

        São Marcos é outro nível, n entendo tbm pq fazer isso com Neymar que ta jogando demais e tudo quanto é site chingam o cara.

    • Viicente Machado

      Isso é normal, a rivalidade no futebol é muito maior que em qualquer outro esporte. Ou você quer que o Zico seja ovacionado pela torcida do Vasco e o Pele pela do Corinthians? Não tem como.

  • King Cuban

    Palavras vindo do melhor jogador vivo….

© Copyright Jumper Brasil 2007-2017 - Todos os direitos reservados