logo lance
undo
Nacionais
Internacionais
Leste
Hawks
Celtics
Nets
Hornets
Bulls
Cavaliers
Pistons
Pacers
Heat
Bucks
Knicks
Magic
76ers
Raptors
Wizards
Oeste
Mavericks
Nuggets
Warriors
Rockets
Clippers
Lakers
Grizzlies
Timberwolves
Pelicans
Thunder
Suns
Blazers
Kings
Spurs
Jazz
Postado em 19 dez 2015 às 02:11
Spurs bate Clippers em jogo equilibrado e se mantém 100% em casa

Rodada contou com mais onze jogos, incluindo a revanche do Warriors contra o Bucks

Compartilhe nosso conteúdo!
Envie por email!
Compartilhe no Google+ Google +
Tweet esse post! Twitter
Compartilhar no Facebook! Facebook
Por Gabriel Farias

(16-11) Los Angeles Clippers 107 x 115 San Antonio Spurs (23-5)

O San Antonio Spurs manteve seu 100% de aproveitamento dentro de casa ao bater o Los Angeles Clippers por 115 a 107, em reedição do confronto da primeira rodada dos playoffs da conferência Oeste da temporada passada.

Após poupar o pivô Tim Duncan na vitória sobre o Washington Wizards, o técnico Gregg Popovich decidiu utilizar força máxima contra a equipe comandada por Doc Rivers, que conseguiu vencer a primeira parcial por 30 a 26 depois de três empates e quatro mudanças de liderança no placar. Com Danny Green afiado, o Spurs conseguiu manter o equilíbrio da partida nos 12 minutos seguintes, e chegou a liderar por cinco pontos antes de ceder o empate na ida para os vestiários. Os arremessos de longa distância foram cruciais para as equipes no primeiro tempo. Enquanto o Clippers acertou seis em 11 tentativas, o Spurs converteu seis em nove arremessos.

Na volta do intervalo, o Clippers conseguiu abrir quatro pontos e vantagem graças a dupla Chris Paul e Blake Griffin. Para impedir uma desvantagem maior, Popovich se rendeu a tática de cometer faltas intencionais no pivô DeAndre Jordan. Foram seis ataques consecutivos do Clippers parados pelo Spurs com faltas em Jordan, que acertou seis dos 12 lances livres tentados. Apesar do péssimo aproveitamento de Jordan, o Spurs continuou três pontos atrás do placar na entrada do último período, e foi sem cometer as faltas intencionais que a equipe conseguiu retomar a liderança do jogo. Foram 11 pontos sem resposta da equipe mandante nos primeiros três minutos do quarto, e daí para frente, o Spurs nunca mais perdeu a liderança.

Tony Parker e LaMarcus Aldridge foram os grandes nomes da franquia de San Antonio. O armador marcos 21 pontos, enquanto o ala-pivô foi o cestinha da equipe com 26 pontos, e ainda garantiu um duplo-duplo ao pegar 13 rebotes.

Após a quinta vitória seguida, o San Antonio Spurs descansará até segunda, quando receberá o Indiana Pacers. Sem tempo para lamentar a derrota, o Los Angeles Clippers permanecerá no Texas, onde enfrentará o Houston Rockets neste sábado.

Destaques

Los Angeles

Blake Griffin: 25 pontos, cinco rebotes e cinco assistências
Chris Paul: 27 pontos, dez rebotes e três roubos de bola
DeAndre Jordan: 16 pontos e 17 rebotes
J.J. Redick: 14 pontos

San Antonio

LaMarcus Aldridge: 26 pontos e 13 rebotes
Tony Parker: 21 pontos e três assistências
Kawhi Leonard: 19 pontos e nove rebotes
Tim Duncan: 14 pontos, cinco rebotes e quatro assistências


(7-19) Brooklyn Nets 97 x 104 Indiana Pacers (16-9)

Destaques

Brooklyn

Jarrett Jack: 26 pontos, nove rebotes, seis assistências, três roubos de bola e dois tocos
Brook Lopez: 18 pontos, cinco rebotes e um toco
Thaddeus Young: 14 pontos, 14 rebotes e um toco
Andrea Bargnani: 12 pontos e cinco rebotes

Indiana

Paul George: 23 pontos e dez rebotes
Jordan Hill: 14 pontos e 11 rebotes
Rodney Stuckey: 15 pontos e sete rebotes
Ian Mahinmi: Dez pontos e nove rebotes
C.J. Miles: 15 pontos


(11-17) Portland Trail Blazers 94 x 102 Orlando Magic (15-11)

Destaques

Portland

C.J. McCollum: 27 pontos, seis assistências e dois roubos de bola
Damian Lillard: 19 pontos, dez assistências e seis erros ofensivos
Al-Farouq Aminu: 16 pontos e quatro rebotes
Allen Crabbe: 14 pontos e quatro rebotes

Orlando

Tobias Harris: 25 pontos, 12 rebotes e dois roubos de bola
Nikola Vucevic: 25 pontos, 11 rebotes e dois tocos
Elfrid Payton: 19 pontos, seis rebotes, três assistências e dois roubos de bola
Victor Oladipo; 15 pontos, quatro rebotes, seis assistências e três roubos de bola


(13-14) New York Knicks 107 x 97 Philadelphia 76ers (1-27)

Destaques

New York

Aaron Afflalo: 22 pontos e sete rebotes
Carmelo Anthony: 16 pontos, cinco rebotes e quatro assistências
Derrick Williams: 17 pontos e três rebotes
Kyle O’Quinn: Dez pontos e sete rebotes

Philadelphia

Jahlil Okafor: 20 pontos e cinco rebotes
Tony Wroten: 15 pontos, três rebotes, três assistências e sete erros ofensivos
Isaiah Cannan: 14 pontos e três assistências


(16-12) Atlanta Hawks 109 x 101 Boston Celtics (14-13)

Destaques

Atlanta

Al Horford: 21 pontos, dez rebotes e três tocos
Dennis Schröder: 22 pontos, cinco assistências e quatro roubos de bola
Paul Millsap: 20 pontos, oito rebotes e dois roubos de bola
Kent Bazemore; 15 pontos e três rebotes
Thabo Sefolosha: 11 pontos e oito rebotes
Tiago Splitter: Três pontos, três rebotes, uma assistência e um toco em 17 minutos

Boston

Isaiah Thomas: 29 pontos, seis assistências e dois roubos de bola
Jae Crowder: 24 pontos e dez rebotes
Jared Sullinger: Dez pontos e oito rebotes


(17-11) Toronto Raptors 108 x 94 Miami Heat (15-10)

Destaques

Toronto

DeMar DeRozan: 30 pontos, quatro rebotes e quatro assistências
Kyle Lowry: 21 pontos, quatro assistências e quatro roubos de bola
Luis Scola: 20 pontos e três rebotes
Terrence Ross: 17 pontos
Bismack Biyombo: 15 rebotes

Miami

Dwayne Wade: 21 pontos, seis rebotes, cinco assistências e oito erros ofensivos
Goran Dragic: 18 pontos e cinco assistências
Gerald Green: 20 pontos
Hassan Whiteside: Oito pontos e 13 rebotes

* Lucas Nogueira não atuou por opção técnica
* Bruno Caboclo está na Liga de Desenvolvimento


(16-12) Detroit Pistons 147 x 144 Chicago Bulls (15-9)

Destaques

Detroit

Andre Drummond: 33 pontos, 21 rebotes, três roubos de bola e dois tocos
Reggie Jackson: 31 pontos, seis rebotes e 13 assistências
Ersan Ilyasova: 18 pontos e nove rebotes
Marcus Morris: 20 pontos e sete rebotes
Stanley Johnson: 16 pontos e sete rebotes

Chicago

Jimmy Butler: 43 pontos, oito rebotes, dois roubos de bola e dois tocos
Derrick Rose: 34 pontos, quatro rebotes e oito assistências
Pau Gasol: 30 pontos, 15 rebotes, cinco assistências e cinco tocos
Taj Gibson: 14 pontos e 12 rebotes


(10-16) Sacramento Kings 95 x 99 Minnesota Timberwolves (10-16)

Destaques

Sacramento

DeMarcus Cousins: 24 pontos, 11 rebotes e quatro roubos de bola
Rudy Gay: 20 pontos e cinco rebotes
Rajon Rondo: 11 pontos, 13 assistências e três roubos de bola
Darren Collison; 15 pontos

Minnesota

Andrew Wiggins: 32 pontos, dez rebotes e seis assistências
Karl-Anthony Towns: 15 pontos e oito rebotes
Ricky Rubio: 12 pontos, sete rebotes e oito assistências
Shabazz Muhammad: 16 pontos e sete rebotes


(14-14) Memphis Grizzlies 88 x 97 Dallas Mavericks (15-12)

Destaques

Memphis

Mike Conley: 20 pontos e quatro assistências
Marc Gasol: 18 pontos e oito rebotes
Matt Barnes: 11 pontos, cinco rebotes, quatro roubos de bola e três tocos
Mario Chalmers: 12 pontos

Dallas

Dirk Nowitzki: 20 pontos e cinco rebotes
Zaza Pachulia: Dez pontos e 18 rebotes
Deron Williams: 14 pontos, seis rebotes e três assistências
Chandler Parsons: 16 pontos, sete rebotes e sete assistências


(11-15) Denver Nuggets 88 x 97 Utah Jazz (11-14)

Destaques

Denver

Joffrey Lauvergne: 12 pontos e 13 rebotes
Jameer Nelson; 15 pontos, cinco rebotes e seis assistências
Will Barton: 16 pontos

Utah

Gordon Hayward: 26 pontos, cinco rebotes e quatro assistências
Rodney Hood: 12 pontos, quatro rebotes e cinco assistências
Trevor Booker: 12 pontos e seis rebotes
Raul Neto: Oito pontos, um rebote e um erro ofensivo em 14 minutos


(7-19) New Orleans Pelicans 88 x 104 Phoenix Suns (12-16)

Destaques

New Orleans

Anthony Davis: 16 pontos, 12 rebotes, dois roubos de bola e três tocos
Eric Gordon: 15 pontos e dois roubos de bola
Tyreke Evans: 12 pontos e quatro rebotes
Jrue Holiday: 14 pontos e quatro assistências

Phoenix

Eric Bledsoe: 29 pontos, nove assistências e quatro rebotes
Jon Leuer: 12 pontos e dez rebotes
Alex Len: 19 pontos e 12 rebotes
Markieff Morris: 13 pontos


(10-18) Milwaukee Bucks 112 x 121 Golden State Warriors (26-1)

Destaques

Milwaukee

Giannis Antetokounmpo: 20 pontos, seis rebotes e quatro assistências
Michael Carter-Williams: 24 pontos, cinco rebotes e quatro assistências
Greg Monroe: Dez pontos, 13 rebotes e sete assistências
Miles Plumlee: 13 pontos e sete rebotes

Golden State

Stephen Curry: 26 pontos, dez rebotes, nove assistências e dois roubos de bola
Klay Thompson: 27 pontos, três rebotes e três tocos
Draymond Green: 21 pontos, nove rebotes e oito assistências
Festus Ezeli: 14 pontos e dez rebotes
Leandro Barbosa: Seis pontos e dois erros ofensivos em oito minutos

  • Luiz Carlos

    Meu orlandão com 15 vitórias ja …Nesse momento na 7 colocação do leste…dos proximos 6 jogos 5 deles sao em casa é hora de tentar ganhar um gordura pro mes de fevereiro que começam os jogos mais pesados ….equipe jogando muito bem defensivamente(8 melhor defesa em pontos na liga) alem de ser o 7 em rebotes ….o trabalho do scott skyles e realmente de se bater palmas ….um tecnico com pouco prestigio na liga mais que sabe formar times competitivos e principalmente com otimo jogo defensivo ….muito orgulhoso do meu time agora e torcer pra garantir uma vaguinha nos playoffs depois de 3 anos #LetsgoMagic

    • ThiagoMagic

      Tb estou muito feliz com o rendimento da equipe, talvez essa disputa p entrar na zona dos playoffs está fazendo bem a equipe, se perder 2 partidas seguidas fica p tras na conferência.

  • Luiz Carlos

    So um comentario sobre a vitória do San Antonio Spurs….o Jeff Van Guddy fez um comentario hoje dizendo que é uma piada da regra da NBA permitir o “hack a Jordan” …é claro que o jogo fica extremamente chato com essa tatica mas na minha opiniao piada é um jogador que recebe quase 20 milhoes de dolares por ano nao saber cobrar lances livres…e outra o hack a jordan ainda ajuda na pontuação dele porque senao seus numeros ofensivos seriam ainda mais limitados ….tantos outros jogadores nao sabiam cobrar lances livres sofriam com isso e foram e serao futuramente hall da fama como shaq por exemplo….eu acho que uma mudança na regra nesse momento so iria colaborar para que se formasse mais desses jogadores fracos na linha do lance livre….e nada impede um jogador de ser dominante mesmo sendo ruim na linha do lance livre ….temos exemplos recentes como Howard e o Drummond…eu acho que em vez de mudar a regra a NBA deveria sugerir um training camp pro Jordan com o Vucevic,o Towns e o Marc Gasol para provar que homens grandes podem sim ser bons cobradores de lance livre!!!

  • King Cuban
    • King Cuban

      Até concordo com a lista do Jalen Rose mas não na mesma ordem…. Meu Top 15:
      1. Michael Jordan
      2. Kareem Abdul-Jabbar
      3. Bill Russell
      4. Wilt Chamberlain
      5. Magic Johnson
      6. Tim Duncan
      7. Larry Bird
      8. Shaquille O’Neal
      9. Kobe Bryant
      10. LeBron James
      11. Hakeem Olajuwon
      12. Jerry West
      13. Oscar Robertson
      14. David Robinson
      15. Dirk Nowitzki

      • Gustavo Freitas

        Sua lista é realmente muito boa, mas acho que Karl Malone deveria/poderia estar aí. No lugar de quem? Não faço a mínima ideia.

        • King Cuban

          Já tinha esquecido dele… Karl Malone se tivesse anel estaria mais para cima… acho que ele fica no lugar do Dirk mesmo….

    • AlexS.F.

      Achei a lista dele muito boa.
      a minha seria :

      1.Michael Jordan
      2. Kareem
      3. Larry Bird
      4. Magic
      5.Bill Russell
      6. Shaq
      7. Timmy
      8. Wilt
      9. Kobe
      10. LeBron

      Wilt na minha é mais baixo do que as outras pelos relatos de que ele era um jogador muito individualista e por isso não conseguia fazer o time dele ganhar mesmo com numeros inciveis

  • David-Detroit Basketball

    E pensar que se não fossem os jogos contra Lakers e Kings onde o time não jogou absolutamente nada, e ainda o jogo contra o Grizzlies com a aquela maldita cesta no último segundo, poderíamos estar 19-10 agora.Mas o importante é que o time vem crescendo muito e daqui pros playoffs(Se chegar) vai estar mais sólido.Esse jogo foi demais.Com aquele monte de falta e jogador saindo, lembrou até os Bad Boys nos tempos da grande rivalidade entre Pistons x Bulls.

  • King Cuban

    O Mavs nessa temporada tem se apoiado muito no coletivo… Nao sei se a NBA vai mandar o Dirk para mais um All Star Game mas a grande razao de o Mavs ter 5º seed na conferencia é o RC que tem feito a equipa produzir no colectivo:

    Dirk Nowitzki: 20 pontos e cinco rebotes
    Zaza Pachulia: Dez pontos e 18 rebotes
    Deron Williams: 14 pontos, seis rebotes e três assistências
    Chandler Parsons: 16 pontos, sete rebotes e sete assistências
    Charlie Villanueva: 10 Pontos
    JaVale McGee: 10 Pontos, cinco rebotes e 3 tocos +20 com ele em campo.

  • Lucas Ottoni

    Andre Drummond >>>>>> Anthony Davis (aliás, Davis vem fazendo uma temporada pífia nesse timezinho sem-vergonha do Pelicans)

    E o Alex Len é bom como eu imaginava. Sem lesões, o pivô do Suns é um jogador bem interessante.

    • Fear The Fro_br

      Eu ainda acho o Anthony Davis melhor que o Drummond.O problema eh que ele joga sozinho nesse time do Pelicans.

      • Rodrigo Morais

        Eu tbm acho, mas ele anda escolhendo muito mal os arremesso e amassando o aro

    • Raphael Melo

      Discordo, mesmo eu sendo Pistons e fã do Drummond, Davis é melhor na maioria dos fundamentos. Davis é a futura estrela da liga, só precisa de um time decente.

    • Matheus Oliveira

      Davis é muito superior tecnicamente ao Drummond.
      O começo de temporada do Davis, não qualifica ele pra ASG titular nem ferrando como muitos votaram..

  • Fernando

    Okafor destruiu o Porzingis! Só pegar os números!
    Pelo jeito esse ano a final vai ser cavs e gsw. Estão sobrando…

    • Vinicius Spursão

      Cavs está sobrando , sério ?

      • Fernando

        Cavs tem Lebron, o maior de todos os tempos! Só isso!

        • Vinicius Spursão

          Kkkkkkkkkkk, o melhor de todos os tempos foi vice nas duas ultimas temporadas ne filhão e esse anos vai ser de novo .

    • Diego

      KKK para este todos destroem o Porzings , queria saber oq ele t fez kkkk . Veio falar da final e conseguiu botar o Porzings na historia

      • Fernando

        Olha os números no final da partida!

      • TRUETHIAGO

        Rs, vocês também dão corda para ele, respondendo…

        Quem viu o jogo (e não apenas o boxscore) sabe que quase metade dos pontos do Okafor foram no último quarto, quando o jogo já estava decidido e os Knicks colocaram para jogar Amundson, Seraphin, O’Quinn, entre outros, enquanto o Porzingis ficava no banco tomando seu Gatorade.

        Isso que eu nem estou levando em conta que, na verdade, o “matchup” na partida era mais entre Noel e Porzingis (que tiveram números semelhantes) do que com o Okafor

    • Tiago Paz

      O que você não viu foi que o Porzingão da massa e os demais titulares do Knicks foram poupados já no início do 3° quarto.

  • DirkMito

    O que o Zaza vem jogando é realmente inacreditável de ver, seria legal pelo menos ele disputando o MIP hahaha. Parsons finalmente fazendo um jogo pra Deus ver mas ainda é pouco para o que ganha. O mais preocupante é o quão dependente ofensivamente o Dallas é do Dirk aos 37 anos. Gosto do jogo coletivo mas ainda quero ver Deron e Wes assumindo mais as coisas em jogadas ofensivamente. Para quem era apontado como 10° colocado até a quinta posição não é péssimo e com margem de melhora . São 3 dias de descanso e treino para jogar bem contra o Toronto. Go Mavs rs

    • King Cuban

      Clippers joga hoje contra os Rockets e o jogo seguinte é em OKC… podemos ficar em 4º nos próximos dias….

    • Zack Batista

      Antes de começar a temporada eu sempre afirmava q Dallas disputaria playoffs, e acredito mais ainda agora, por conta de sua atual campanha…rs =D

  • Fear The Fro_br

    Nossa, que jogo esse de ontem. Não me lembro de ter visto um outro jogo ir pra 4OT.

  • King Cuban

    Eu sempre disse que o DeMarcus Cousins é jogador de estatisticas vazias e o pessoal nao acreditava…

    • Zack Batista

      O pior não é isso. Aqui tem alguns q afirmam q o pivô do Sacramento é o melhor da liga. Pra mim jamais vai ser enquanto não levar o Kings ao menos para os playoffs. Tem q ralar mais ainda.

    • Michel Moral

      Só não pode deixar de dar os créditos aos moleques do Wolves. Já já estarão dando chicotada nos queridinhos de hoje da NBA. Towns e Wiggins devem fazer uma escrita interessante!

  • Diego J

    4 Overtimes?? Tá louco.. haja perna…

    Primeria vez na hsitória?

    • ThiagoLakers

      Nada rapaz, recorde são 6 OT’s…

      • Diego J

        bah.. show

    • Charles

      Último jogo com 4ot foi em 84.

  • Raphael Melo

    Oh loko, 4 prorrogações no jogo entre Pistons e Bulls, que liderou o trending topics mundial, e o destaque é a derrota do Pipoca de Los Angeles? Rs

    Sobre o maior clássico do Leste, só digo uma coisa: VEJAM O REPRISE! Jogo eletrizante, sem dúvidas o melhor da temporada!

    Andre Drummond continua como o melhor pivô da liga e destruindo garrafões. Reggie Jackson é o cara que eu xingo, depous elogio, e xingo de novo hahaha. Mas esta sendo sempre o “clutch” time – 22 pontos nas OT. Stanley Johnson com sólida perfomance, e Ketavious Caldwell Pope aparecendo em momentos decisivos, com dois arremessos de três cruciais – esse merece um Defensive team, tenho dito. Negavivo para Ilyasova, absolutamente nulo na defesa e até mesmo no box out de rebotes.

    Pelo lado do Bulls, destaco o Pau Gasol, que é um monstro. Só o Lakers mesmo pra dispensá-lo assim!
    Recado para o Sr. Derrick Rose: Você ainda tem potencial para jogar em alto nível, mostrou isso ontem! Basta ter confiança e jogar sem medo! Mas saiba de uma coisa: Atualmente, o patrão do time se chama Jimmy Butler! Deixe com ele nos momentos de decisão. O Jimmy estava encapetado!
    Ressalto também a fragilidade do perímetro reserva do Bulls, e a lacuna na posição 3. Pensando em offs, isso os prejudicará muito.

    • Raphael Melo

      Esqueci de comentar uma coisa: Que abritagem caseira e tendenciosa viu! Mas superamos isso também! hahaha

      • Arbitragem caseira?
        Detroit foi claramente ajudado pela arbitragem até agora não sei qual marcação foi a pior: A falta do R.Jackson em cima do Ilyasova (isso msm Jacskon tromba com o Ilyasova e falta a favor dos Pistons), A falta telecinética do Rose em cima do R.Jackson ou goaltending do Drummond. Mas foi um jogaço

        • Zack Batista

          Pois é…rs

        • Raphael Melo

          Discordo amigo. O “goaltendig” foi claramente bola fora do círculo, e teve umas PF que na na boa, a juizada ia com a torcida e com o Pau Gasol. Mas juízes nunca satisfarão torcedores de times diferentes.

    • Zack Batista

      Ah sim. O novo dono de Chicago atende pelo nome de Jimmy Butler. 🙂

  • King Cuban

    Será que o pessoal do Jumperbrasil pode bloquear o auto play dos vídeos em destaque?
    Não sei se o problema é apenas meu mas este site apresenta um alto consumo de dados ultimamente e agora que eliminaram o pacote ilimitado que usava é que estou a sentir que o site esta ter um altíssimo consumo de dados.

    • Caseh

      Isso acontece comigo também, seria uma boa

  • Rodolfo Ribeiro

    Só digo: OT4444444444444444!
    Melhor jogo da temporada, superou OKC x Magic e Celtics x GSW

  • Rafael Victor

    Não vi os jogos ontem, mas gostei de ler que o Danny Green tava afiado, sinal de que os arremessos voltaram a cair, contra o Clippers que também arremessa muito isso é importante e faz diferença; Bulls X Pistons com 4OT deve ter sido épico; Esperava que o Warriors atropelasse o Bucks em casa, mas pelo que vi nos vídeos o Bucks deu bastante trabalho, pena que não vão mais se enfrentar nessa temporada!

  • A defesa afiada no último quarto garantiu a vitória do Spurs, bem como o ótimo último quarto do Parker que jogou muito, LaMarcão esteve bem tbm, e é bom ver o Green voltando a ajudar nos arremessos e calar a boca do Zé Boquinha, que falou que o cara só sabia arremessar de 3, e deu um tocaço no CP3 no 3 quarto, a invencibilidade em SA continua…

    • Rafael Victor

      Eu vi o vídeo desse toco, foi foda mesmo, mas também vi um com um block do Mills em cima do Reddick na hora do arremesso que foi SENSACIONAL, deve ter um certo time, com um certo jogador, que deve ter ficado assustado com aquilo, hein? hahahaha!

      • acho q foi primeira vez q vi o mills dando um toco, foi sensacional a jogada mesmo…

  • ..

    que pariu que pariu,droga

  • Zack Batista

    Caramba, Bucks ainda perdeu o embate para o Warriors. Vi até o terceiro quarto. Milwaukee ainda chegou a abrir 15 pontos no jogo… Vacilou mesmo.

    • Matheus Oliveira

      Milwaukee abriu 12 pontos com 5 minutos pra terminar o jogo se não estou errado.
      Mas seu Bulls abriram 4 no OT, achei que tava ganho o jogo rs fiquei surpreso com a vitória do Detroit

      • Zack Batista

        Pois é, apesar do belo jogo do Jimmy, ainda perdemos. Vacilo tbm. 🙁

  • Matheus Oliveira

    O ponto fraco do GSW está desvendado ! Um time atlético, cheio de jovens e bons jogadores que gosta de explorar o físico. GSW simplesmente não conseguia matar seus contra-ataques pois o Bucks ia se recompondo muito rápido. Curry sendo marcado com double team todo instante do jogo, forçando os TOs. Aí que Green e Klay foram importante, Curry só decide armar o jogo de verdade quando a coisa está ruim pra ele individualmente, tanto é que por uma assistência não saiu seu 6º. Golden State ficou o jogo todo atrás do Bucks e em uma run maravilhosa conseguiu tirar a diferença e se sair vitorioso.

    Só pra avisar:

    O método de NBA League pass grátis no celular funciona, pessoal. Vi o jogo do GSW em boa qualidade ontem com uma net péssima.

    • vitorhugoj3

      League pass grátis no celular? Como é isso mano? …rs

  • Zack Batista

    Te cuida, James “no defense” Harden, o novo dono de Chicago estar pedindo passagem pra ser o melhor ala-armador da liga. Ontem perdemos, é verdade, mas Jimmy fez mais um jogão, digno de aplausos…rs =D

    https://www.youtube.com/watch?v=OVxPM8BEiGw

  • vitorhugoj3

    –Últimos 5 jogos de Reggie Jackson:

    26ppg (FG 44% / 3PT 40%)
    7 aspg
    5 rpg

    –Últimos 5 jogos de Russell Westbrook:
    22ppg (FG 42% / 3PT 33%)
    7 aspg
    6 rpg

    • Raphael Melo

      Vcs trocaram pelo Kyle Singler cara kkkkk. Absurdo esse GM do Thunder.

      • vitorhugoj3

        kkkkkkk É um absurdo mesmo… Para o torcedor é algo difícil de superar …rs

        • Raphael Melo

          Bicho, analisa comigo: Pistons tinha o Greg Monroe, que saiu e nos deixou de mãos vazias. Para nós não faria a menor diferença se a troca do Reggie fosse pelo Moose, pois deixaríamos de ir aos playoffs com ou sem o pivô, que poderia estar no Thunder agora. O ponto fraco do Monroe também é a defesa, mas não é uma peneira que é o Kanter, e sem dúvidas é um melhor jogador que o turco. Péssima sacada do GM do Thunder. De novo.

          • vitorhugoj3

            Sim, cara… Sempre quis o Monroe no Thunder. E com certeza é um cara mais completo que o Kanter. Caso tivesse ocorrido dessa forma (Jackson-Monroe), teria sido uma negociação mais “justa”. Porém infelizmente o GM não o fez…

  • Zack Batista

    Butler 43PTS; Rose 34PTS e Gasol 30PTS. O último TRIO de Chicago q fez 30 pontos ou mais num jogo foi em 97, com Jordan, Pippen e Kukoc.

    Quem souber dos outros times fiq à vontade para postar… Teve um recente, só não me lembro qual foi o trio…rs 🙂

  • luiz

    Não podia deixar de passar essa alfinetada: pra quem dias atrás disse q o q o GSW pratica não é basquete, apelar pra falta forçada em alguém q é ruim de FT é basquete sr Poppovich?

    Só de olho nas incoerências

© Copyright Jumper Brasil 2007-2017 - Todos os direitos reservados