logo lance
undo
Nacionais
Internacionais
Leste
Hawks
Celtics
Nets
Hornets
Bulls
Cavaliers
Pistons
Pacers
Heat
Bucks
Knicks
Magic
76ers
Raptors
Wizards
Oeste
Mavericks
Nuggets
Warriors
Rockets
Clippers
Lakers
Grizzlies
Timberwolves
Pelicans
Thunder
Suns
Blazers
Kings
Spurs
Jazz
Postado em 23 dez 2015 às 14:10
Clippers: o time mais irritante da NBA

Jogadores e técnicos de outras equipes reclamam das atitudes do time de Los Angeles

Compartilhe nosso conteúdo!
Envie por email!
Compartilhe no Google+ Google +
Tweet esse post! Twitter
Compartilhar no Facebook! Facebook
Por Gustavo Freitas

O Los Angeles Clippers jamais foi campeão em toda a sua história na NBA. Muito menos foi candidato até a chegada do armador Chris Paul. Desde então, o time californiano tornou-se um dos mais fortes de toda a liga, mas também ganhou o título de mais irritante.

De acordo com o jornalista Howard Beck, do Bleacher Report, diversos jogadores e técnicos revelaram uma espécie de ódio pela equipe por conta de um comportamento inadequado para os padrões do esporte. As reclamações são desde o chamado flop até a irritação do adversário quando começam a “apitar” o jogo.

“Eles são os mais odiados de longe”, disse um técnico veterano da NBA.

É um tipo de ódio diferente do antigo Bad Boys, do Detroit Pistons dos anos 80 e 90. Os jogadores do Clippers não utilizam a força física para driblar seus adversários. Eles usam a mental.

“Tem algo neles”, afirmou um executivo de uma equipe. “Eles são apenas irritantes”.

Seus atletas também não possuem grandes problemas fora da quadra, como o Portland Trail Blazers da década passada. O ódio vai além disso.

“É pessoal, é a personalidade e como eles lidam com isso”, disse Jason Terry, do Houston Rockets. “Mas é um ódio sadio”.

O grande problema, talvez, esteja na forma com que seus jogadores, especialmente Blake Griffin e Paul, gostam de discutir com a arbitragem, como reclamam de faltas a todo instante.

“É assim que eles sempre serão, especialmente se estão perdendo”, afirmou Jared Dudley, do Washington Wizards. Dudley jogou pelo Clippers em 2013-14.

Entretanto, quando a equipe está vencendo por larga vantagem, alguns atletas passam a exibir um jogo com passes diferentes, com “firulas”.

“Se você é tão bom assim, você não deveria fazer isso”, disse um outro jogador veterano, que preferiu manter-se anônimo. Quando a partida está apertada, Griffin é um dos mais “ativos”. “É difícil porque, se eu estou indo atrás dele, ele finge que sofreu falta e os árbitros marcam. Mas eu acho que Griffin é um ótimo cara fora da quadra”.

O técnico Doc Rivers defende seu ala-pivô. “Enquanto reclamam de Griffin, e falam que ele está fingindo sofrer faltas, eu mostro outras dez que ele sofreu e ninguém marca”, afirmou Rivers.

O treinador não lamenta a estratégia. Ele sabe que seus jogadores possuem características diferentes no comportamento e isso os ajuda. “Quando eu aceitei o trabalho aqui, me lembro de ouvir dois árbitros dizendo que eu iria para o time que mais reclamava do que qualquer outra equipe na NBA, de longe”, afirmou o técnico.

Desde 2013, Rivers obteve 18 faltas técnicas e é o quarto nesse quesito entre os treinadores, atrás de Frank Vogel e Tom Thibodeau, com 20, e Gregg Popovich, com 21.

Seus rivais usam vários adjetivos para descrevê-los: fraude, sujos e arrogantes. Mas a situação muda quando passam a fazer parte do grupo.

“Eu odiava Chris Paul e ele me odiava antes de eu jogar aqui”, disse o ala-armador J.J. Redick. “Parece que temos caras aqui capazes de atormentar os adversários”.

Paul, no entanto, não liga para esse tipo de acusação.

“Eu não jogo para gostarem de mim”, disse o armador. “Estou dizendo, eu tenho amigos o suficiente”.

Griffin possui 32 faltas técnicas, enquanto DeAndre Jordan está com 19 e Paul com 18 no período.

“Eles acham que nunca cometem faltas e acham que sempre sofrem”, disse o antigo árbitro Steve Javie. “Quando você está cansado e no fim de uma sequência de jogos, você simplesmente não quer ficar ouvindo o que eles vão reclamar”.

Entretanto, isso parece ser parte do plano de jogo de Rivers. Se o outro time os odeia, já serve como motivação para enfrentá-los.

“Você vê Chris Paul sendo adorado pela mídia e tudo mais. Ele grita com os árbitros quando eles estão de costas”, afirmou um assistente de um time da conferência Oeste. “Ele não é o pior cara da liga, mas ele não é isso tudo que a mídia faz você pensar”.

O episódio que envolveu a quase saída de Jordan para o Dallas Mavericks fez alguns jogadores adversários ficarem contra o Clippers. Um pouco diferente de quando Donald Sterling, antigo dono da equipe, foi pego em um áudio com sua amante falando sobre negros. Naquele momento, o time tornou-se o mais querido por conta das manifestações de seus atletas contra Sterling. E até ganharam o apelido de Time da América.

“Não sei como nosso time é o vilão”, afirmou Jordan. “Nós nunca ganhamos nada, então eu não entendo”.

  • v10

    “Não sei como nosso time é o vilão”, afirmou Jordan. “Nós nunca ganhamos nada, então eu não entendo”

    sem mais

    • Hahahhahaha

    • Uncle Drew – Ky(R/E) Ef²E(ct)

      Nas entrelinhas.. ele falou q tanto ele, quanto os jogadores da equipe e a franquia.. são um bandos de fracassados! HAHAHAHAH Mas é mt burro esse DeAndre Jordan! PQP!

      • Zorg

        DeAndre é o DeAndre … de boca fechada é um poeta …. acho que o burro não gostaria do comparativo …. rsrsrsrs

  • Léo-Bulls

    Esse é o famoso Nunca Serão. Grande time no papel, timeco em ação (com algumas belas atuações vez ou outra). A pequenez chega a irritar mesmo. Como já vi alguém dizer por aqui é o Clippers fazendo Clippisses

  • BetoMavs

    O que mais irrita mesmo é o Doc Rivers sempre com cara de chorão, em todo jogo do Clippers. Chato pra c……!

  • Doc chora sempre. CP3 é outro

  • Guilherme Prates

    Depois dessa matéria, passei a ter um apreço maior pelo Clippers…

  • Uncle Drew – Ky(R/E) Ef²E(ct)

    O pior é q eles tem todos os elementos pra isso msmo! O Doc Rivers é chato pra caralho, Lance Stephenson adora provocar os adversários, Josh Smith deve ser odiado por quase toda a liga (em todo time q passa o cara parece q vira um câncer! Sempre arruma um jeito de atrapalhar), teve um dono envolvido em caso de racismo. O DeAndre Jordan, se ñ é odiado na liga.. é odiado na cidade inteira de Dallas. O Austin Rivers é todo mimado, as vezes toma faltas técnicas. Eles tinham o Matt Barnes tbem, q

    • Killer Crossover

      Ninguém critica muito o Paul Pierce pela história dele, mas se perguntarem em off pra Lebron; Wade; Melo esses caras todos da “nova geração” vão dizer que não gostam dele. O The Truth já disse abertamente não gostar dos mesmos (inclusive fazia aquelas faltas alá anos 90 quando tava no Celtics), com certeza ele não é “sujo” mas tem seus “odiadores”.

      • Uncle Drew – Ky(R/E) Ef²E(ct)

        Realmente tem esse lado meio obscuro do PP34.
        Tbem falavam q o Paul Pierce , ano passado no Wizards, proibia os outros atletas de usarem tênis Nike do LeBron! HAHAHAHA

        • Killer Crossover

          hahaha não sabia dessa do tênis, imagina que hilário !

    • Dubnation

      o josh smith deveria ter ido para o kings kkkkkkkkk

    • Viicente Machado

      Não pode dar enterrada na cara? Tem mais é que dar mesmo, problema é dos outros se não conseguem parar o cara. E Matt Barnes é mito, jamais deveriam ter trocado ele pra ficar com o lixo do Stephenson.

  • King Cuban

    É nisso que dá quando se junta um nepotista com um bando de mal criados (CP3 e a sua arrogância desde os tempos de High School)… Griffin para mim é o que dá mais para aturar em termos de atitudes…

  • King Cuban

    CP3 é um baita arrogante que sempre foi overrated e o querido da Midia… Sempre na midia voce vai ler que ele é o tal point god mas nunca é criticado… Ele é o tal tem e teve os companheiros que o Lebron e Melo nunca tiveram na carreira.. E mesmo assim sempre foram jogados em baixo do autocarro pela imprensa… Melo até chegou a uma final da conferencia nunca teve esse tratamento dado a esse jogador com mau carácter… Para não falar do L.James…

  • paulo

    clippers tem que mudar pra seattle.

    • Daniel Serafim

      E lá vamos nós de novo com este mesmo argumento…

    • Pedro

      Concordo Clippers e OKC Deveriam Ser de Seattle !

    • Chimbinha

      Que saudades do meu Supersonics.Quase chorei agora….

    • Alex Alves

      Mais fácil Las Vegas que ta implorando uma franquia, e a cidade esta crescendo bastante e o estado de Nevada também. Talvez o maior empecilho seja especulações sobre compra de resultados

    • Rodrigo SMC

      Seattle SuperClippers

  • AlexS.F.

    Chris Paul é um dos jogadores mais chatos da NBA principalmente quando enfrenta o Warriors reclama o jogo todo.

    • Pedro

      Resumindo ..Jogador Mais Chorão da NBA

      • Rodolfo Ribeiro

        Menção honrosa :Lillard

  • Matheus Oliveira

    A postura desse time é infantil demais ! Me pergunto, um técnico que afirma ser assim de propósito e um cara tão supervalorizado como DeAndre Jordan dizer isso o que trouxe de resultado fazer isso tudo que fazem ? NADA. Continua a ser a mesma coisa de sempre
    É duro falar isso, mas com CP3 e Doc o Clippers não sai do lugar.. Em uma liga onde tudo é tão parelho, técnico faz diferença. Clippers é apenas o reflexo do Doc Rivers dentro de quadra, um time chorão desequilibrado nos momentos decisivos e que reclama de tudo, simplesmente não existe faltas contra o Clippers.
    Um cara do nível do Chris Paul não deveria ter a postura que tem na quadra, não condiz com o basquete dele. Após a chegada dele, achei que o time chegaria nas finais pelo uma vez.. E sempre bate na trave.

    • Esteferson Matos

      Realmente você não gosta do CP3…

  • Po, os caras amolam demais a arbitragem mesmo, principalmente o Tio Doc, e Griffin adora uma provocação…

  • Rodolfo Ribeiro

    Não escondo o meu “ódio ” por essa franquia, mas quase tudo se deve ao Doc Rivers. Eu não curto a personalidade dele, o jeito que ele tenta apitar as partidas, a culpa nunca é do time dele, um técnico de verdade deveria ser igual ao Popovich: tem que pegar no pé dos SEUS jogadores o tempo inteiro e defende-los nos momentos em que eles não estão vendo. Esses são os verdadeiros mestres.
    Concordo com o tio anônimo que diz que o Paul é muito bajulado pela mídia, acho muito verdadeiro isso. Claro, é um excelente jogador, mas não é tudo isso que a mídia tenta fazer com que o espectador pense.
    Enquanto continuar Doc.Rivers e algumas manias da franquia, vou continuar torcendo pra não ganharem nada.

    • Leonardo Augusto N. Dos Santos

      doc rivers, o luxemburgo da NBA…

      • Rodolfo Ribeiro

        Pior que é idêntico mesmo.

    • Dubnation

      vc n gosta dele p aquele episodio dos playoffs contra o OKC ?

      • Rodolfo Ribeiro

        Na vrdd não ,mais pelo jeito de sempre dele,não simpatizo.Se fosse pelos offs era pra eu ama-lo, até porque o Thunder eliminou o Clippers, rs.

  • Luiz Funchal

    O mais odiado e com a rotação mais estupida também. Doc Rivers fazendo hora extra..

  • Michael Bryant

    clippers e a franquia mais ridicula da NBA nao serve pra porra nenhuma talvez devessem mudar de cidade

    • Indianpeão

      Seattle Seria Perfeito Para o Clippers

      • Michael Bryant

        Seattle nao combina com o Clippers, seria melhor San Diego ou São Francisco sei lá

        • Dubnation

          o alaska seria uma boa

          • Michael Bryant

            manda pro inferno logo essa franquia maldita

        • Viicente Machado

          San Diego tem nada. Só ver os Chargers na NFL, torcida patética mesmo com bons times nos últimos anos.

          • Alex Alves

            San Diego é uma boa, São Francisco já torce para GSW a muitos anos não vejo logica pelo menos no auge deles. Talvez Las Vegas fosse uma boa para eles o problema que provavelmente teria uma torcida tipo Miami rsrs.

          • Michael Bryant

            Las Vegas seria epico

  • Rafael Victor

    O Doc Rivers é o técnico mais CHORÃO de toda a NBA, atualmente!

    • Dubnation

      Chorao e hiperestimado

  • Dubnation

    “Não sei como nosso time é o vilão”, afirmou Jordan. “Nós nunca ganhamos nada, então eu não entendo”. KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK RISOS ETERNOS

  • Elber Sampaio

    CP3 é meu armador preferido depois do Rondo, mas, reclama demais msm, so que as vezes com razao. Acho que algo que tem que evoluir na liga e o sistema de arbitragem tb. Tem cameras ate no teto mas em mts lances nao utilizam com objetividade.

    E nao concordo que eles tenham que mudar de cidade, basta alteração de postura e mentalidade, se nao muda o cenario mas os artistas sao os mesmos. Mas isso vem do banco e vestiário, então…

  • Fernando

    Doc Rivers é um câncer, extremamente overated, conseguiu 1 título por conta da panela máxima em Boston. Hoje ele tem o melhor elenco da atualidade na teoria, e mesmo assim não consegue extrair nada de satisfatório.

  • Guilherme Mota

    Doc é mais um motivador no time do que técnico propriamente dito. 2007/2008 foi do Celtics por conta dos jogadores que conseguiram se entender em quadra mesmo com uma temporada só e do Thibodeau que montou uma defesa absurda que almoçou todo mundo. Acho importante ter um cara como ele num time, jogadores agem muito pela emoção, e ele é um cara que bota fogo. Mas, sem um assistente técnico bom, esse time não vai a lugar algum !

  • Doug

    Cara, pressão psicológica em árbitro e jogadores sempre existiu e sempre vai existir…faz parte do jogo, que é físico e psicológico…até quando era criança e jogava no colégio isso já existia…uns exploram mais e outros menos…tem que saber lidar com isso, senão o jogo perde com isso…jogo sujo p mim é o desleal…por outro lado, o que mais me irrita nos Clippers é a inconsistência, passividade e falta de gana desse time…

  • Eu não ligo para jogador reclamando com juiz, até porque a arbitragem na NBA ultimamente está pior que a do Brasileirão, e isso deve irritar muitos os jogadores, que com isso, começam a pedir faltas em coisas que não existem.

    Entretanto eu não gosto nenhum pouco do Clippers porque eles são que nem o Neymar era na época de Santos. Quando tava perdendo, jogava sério, brigava e tal. Quando tava ganhando, mudava completamente de postura e começava a fazer firula e gracinha no meio de campo, para desrespeitar o adversário.

    Cara que se garante, faz a “coisa plastica” em qualquer situação, e não só quando a coisa ta fácil. E o Clippers é exatamente isso. Fica brigando, dando cotoveladas e fingindo faltas quando ta perdendo, e depois fica fazendo graça quando está ganhando. INCLUSIVE o pessoal do banco.

    E o Griffin é MUITO sujo em alguns lances debaixo do garrafão tmb, quando o juiz não ta vendo. Que é outra coisa que não gosto.

  • Alias…graças a Deus esse lixo do Doc saiu de Boston.
    Pegamos o Stevens que é um milhão de anos luz mais treinador que ele, e ainda ganhamos uma pick de primeiro round, por isso! hahahahah

© Copyright Jumper Brasil 2007-2017 - Todos os direitos reservados