logo lance
undo
Nacionais
Internacionais
Leste
Hawks
Celtics
Nets
Hornets
Bulls
Cavaliers
Pistons
Pacers
Heat
Bucks
Knicks
Magic
76ers
Raptors
Wizards
Oeste
Mavericks
Nuggets
Warriors
Rockets
Clippers
Lakers
Grizzlies
Timberwolves
Pelicans
Thunder
Suns
Blazers
Kings
Spurs
Jazz
Postado em 13 jan 2016 às 21:57
“Towns será eleito para o Hall da Fama”, crava Durant

Para craque do Thunder, Timberwolves tem um astro para vários anos no jovem ala-pivô

Compartilhe nosso conteúdo!
Envie por email!
Compartilhe no Google+ Google +
Tweet esse post! Twitter
Compartilhar no Facebook! Facebook
Por Ricardo Stabolito Jr.

O craque Kevin Durant enfrentou o novato Karl-Anthony Towns pela primeira vez na noite desta terça-feira. Dentro de quadra, como esperado, o veterano superou o estreante: o ala liderou o triunfo do Oklahoma City Thunder sobre o Minnesota Timberwolves, com 30 pontos. A atuação do pivô pode ter sido mais discreta (14 pontos e dez rebotes), mas o astro parece convicto de que ambos vão estar em um mesmo grupo seleto quando suas carreiras terminarem.

“Eu estou realmente impressionado com Karl e acho que ele será eleito para o Hall da Fama quando tudo isso terminar”, afirmou o ala, que caminha a passos largos para ser um dos integrantes do templo máximo do basquete, ainda antes do jogo entre as equipes. Depois da partida, porém, Durant alertou que Towns e a jovem base do Twolves terão dificuldades caso sejam pressionados por resultados imediatos tão precocemente.

“Quando eu entrei na NBA, não esperavam que nós vencêssemos 50 jogos. Tudo girava em torno de melhorarmos a cada dia e era uma batalha só para termos a chance de vencer. Nosso título era cada partida e conquistar uma vitória era estar no topo do mundo”, lembrou o craque, acreditando que os garotos de Minnesota deveriam trabalhar com mais foco em desenvolvimento do que vitórias.

  • Michel Moral

    É bem isso mesmo. Durant quando chegou na NBA, ainda em Seattle (imagina se estivessem por lá até hoje?!), parecia estar quilômetros de distância do LBJ, do Kobe e de muitos outros na NBA. De repente (se é que pode se dizer assim), o cara subiu o nível do seu jogo e já batia de igual para igual com qualquer um!

    Acho que Towns entende isso e já está decidido a trilhar esse caminho. Não joga como role player, nem como coadjuvante.Tem claras características de um Franchise Player.

    • Rafaa5

      Acho que o FP dos Wolves é e vai ser por muito tempo o Wiggins…

  • O que impressiona no Towns é a regularidade que ele tem para um calouro, porque é titular da equipe desde o primeiro dia e eu esperava uma oscilação muito maior de um jogador que fisicamente ainda não está pronto pra NBA.

    Quanto ao projeto do time, eu sempre acreditei desde 2013 que a temporada do milagre (voltar aos playoffs) seria em 2016-2017. Com as circustancias de hoje, o time num estágio muito grande de imaturidade e aprendizado talvez o prazo aumente em mais uma ou duas temporadas. Porque o Saunders fazia um trabalho [vendo hoje, era muito bom] de continuidade com os garotos e Mitchell pelo contrário é mais didático [preserva demais os jovens] porque não tem jogadores experientes que produzam resultados na defesa e nem a base jovem do time está pronta pra carregar o ataque.

  • Anderson Tomás

    Vc vê quando o cara vai ser uma grande estrela quando quando o redator escreve que ele teve uma atuação discreta anotando 14 pontos e 10 rebotes.

    Carlos Antônio Cidades, esse vai ser um grande nome.

© Copyright Jumper Brasil 2007-2017 - Todos os direitos reservados