logo lance
undo
Nacionais
Internacionais
Leste
Hawks
Celtics
Nets
Hornets
Bulls
Cavaliers
Pistons
Pacers
Heat
Bucks
Knicks
Magic
76ers
Raptors
Wizards
Oeste
Mavericks
Nuggets
Warriors
Rockets
Clippers
Lakers
Grizzlies
Timberwolves
Pelicans
Thunder
Suns
Blazers
Kings
Spurs
Jazz
Postado em 17 jan 2016 às 05:52
Kings surpreende em Los Angeles e quebra série de dez vitórias do Clippers

Kings surpreende em Los Angeles e quebra série de dez vitórias do Clippers

Compartilhe nosso conteúdo!
Envie por email!
Compartilhe no Google+ Google +
Tweet esse post! Twitter
Compartilhar no Facebook! Facebook
Por Ricardo Stabolito Jr.

(17-23) Sacramento Kings 110 X 103 Los Angeles Clippers (26-13)

A maior sequência de vitórias vigente na NBA chegou ao fim na noite deste sábado de forma inesperada. Décimo primeiro colocado no Oeste, o Sacramento Kings foi até o Staples Center e surpreendeu o Los Angeles Clippers para encerrar série de dez triunfos consecutivos da equipe da casa. Os visitantes contaram com duplos-duplos de Rajon Rondo e DeMarcus Cousins para fazerem 110 a 103 sobre o líder da divisão do Pacífico.

Mesmo sem sua dupla de garrafão titular (Blake Griffin e DeAndre Jordan), o time comandado por Doc Rivers conseguiu manter-se à frente no marcador por grande parte do primeiro tempo. Os donos da casa até chegaram a ter diferença de seis pontos na metade do segundo período. No entanto, o adversário recuperou-se e emplacou parcial de 23 a 13 para fechar o quarto, indo para os vestiários com vantagem de quatro pontos.

O Kings retornou melhor do intervalo e continuou no comando do placar no terceiro período, abrindo três posses de bola de dianteira em determinados momentos. Os locais se reaproximaram ao manter o oponente sem pontuar pelos quatro minutos finais do quarto, mas só anotaram cinco pontos no mesmo trecho. Assim, ainda entraram nos 12 minutos derradeiros em desvantagem (82-79).

Para azar da torcida, a desvantagem não diminuiu no último período. Na verdade, como aconteceu no quarto anterior, os comandados de George Karl tiveram mais um bom início para elevar a diferença para três posses de bola rapidamente e só administraram a dianteira. O Clippers até chegou a reduzir a desvantagem para três pontos no minuto final, mas parou de pontuar e o Kings acertou seis de oito lances livres para assegurar o triunfo.

“Foi uma grande vitória para nós. Ainda estamos cometendo muitos erros como time e com muitos altos e baixos nesta temporada, então só tentamos começar a encontrar uma pouco de consistência”, celebrou Cousins. O Clippers volta a atuar nesta segunda-feira, recebendo o Houston Rockets. O Kings enfrenta o Los Angeles Lakers na próxima quarta.

Destaques

Sacramento

DeMarcus Cousins: 19 pontos, 13 rebotes e seis assistências
Rudy Gay: 18 pontos e sete rebotes
Darren Collison: 17 pontos e cinco rebotes
Omri Casspi: 17 pontos
Ben McLemore: 15 pontos
Rajon Rondo: 13 pontos, sete rebotes e dez assistências

LA Clippers

J.J. Redick: 22 pontos
Jamal Crawford: 20 pontos
Cole Aldrich: 19 pontos e dez rebotes
Chris Paul: 15 pontos e sete assistências

 

(18-25) Milwaukee Bucks 105 X 92 Charlotte Hornets (18-22)

– O Bucks construiu a vantagem que definiu o jogo ao abrir 23 pontos de vantagem entre o fim do primeiro quarto e o início do último período.

– Embora tenha cometido apenas cinco desperdícios de bola na partida, os donos da casa cederam 54.2% de aproveitamento nos arremessos de quadra.

Destaques

Milwaukee

Khris Middleton: 24 pontos (11-16 FG)
Greg Monroe: 19 pontos e dez rebotes
Jabari Parker: 15 pontos
Giannis Antetokounmpo: 14 pontos e 11 rebotes

Charlotte

Jeremy Lin: 15 pontos
Marvin Williams: 14 pontos e sete rebotes
Kemba Walker: 12 pontos e seis assistências
Frank Kaminsky: 11 pontos e cinco rebotes

 

(11-30) Brooklyn Nets 86 X 114 Atlanta Hawks (24-17)

– O Hawks converteu 36 dos 50 arremessos para dois pontos que tentou no duelo, um incrível aproveitamento de 72%.

– O Nets marcou só dois pontos de contra-ataque e quatro pontos a partir de erros de ataque do oponente na partida inteira.

Destaques

Brooklyn

Thaddeus Young: 18 pontos e sete rebotes
Joe Johnson: 14 pontos

Atlanta

Paul Millsap: 21 pontos e seis rebotes
Dennis Schroder: 15 pontos, seis rebotes e dez assistências em 20 minutos
Kent Bazemore: 15 pontos
Jeff Teague: 12 pontos e sete assistências
Tiago Splitter: dez pontos e cinco rebotes em 16 minutos

 

(22-19) Boston Celtics 119 X 117 Washington Wizards (19-20)

– As duas equipes cobraram o mesmo exato número de lances livres (36) e tiveram excelente índice de conversão: os locais acertaram 31 (86.1%), enquanto os visitantes encestaram 32 (88.9%).

– A cesta da vitória dos visitantes veio do ala Jae Crowder, a três segundos do fim. O armador John Wall teve a chance de levar a partida para a prorrogação, mas não conseguiu a cesta que empataria o jogo.

Destaques

Boston

Isaiah Thomas: 32 pontos, cinco rebotes e sete desperdícios de bola
Jae Crowder: 22 pontos, oito rebotes e seis assistências
Jared Sullinger: 14 pontos e nove rebotes
Marcus Smart: 13 pontos
Kelly Olynyk: 11 pontos

Washington

John Wall: 36 pontos, sete rebotes, 13 assistências, sete roubos de bola e seis erros de ataque
Marcin Gortat: 18 pontos e 11 rebotes
Jared Dudley: 15 pontos e sete rebotes
Garrett Temple: 12 pontos
Kelly Oubre: dez pontos e seis rebotes

 

(18-25) Portland Trail Blazers 89 X 114 Philadelphia 76ers (5-37)

– A quinta vitória do Sixers veio com seu melhor primeiro tempo nesta temporada: parcial de 69 a 43 sobre o time do Oregon.

– O Blazers tentou 11 arremessos a mais do que o adversário na partida e acertou oito a menos.

Destaques

Portland

Meyers Leonard: 14 pontos e sete rebotes
Damian Lillard: 14 pontos (4-18 FG)
C.J. McCollum: 13 pontos
Mason Plumlee: 12 pontos

Philadelphia

Jahlil Okafor: 25 pontos (12-16 FG) e dez rebotes
Richaun Holmes: 17 pontos e seis rebotes
Ish Smith: 16 pontos e cinco assistências
Robert Covington: 16 pontos
Isaiah Canaan: 14 pontos

 

(20-22) New York Knicks 95 X 103 Memphis Grizzlies (23-19)

– Primeiro encontro entre o ala Matt Barnes (Grizzlies) e o treinador Derek Fisher (Knicks) desde a briga que ambos protagonizaram na offseason. Os dois não se cumprimentaram e ficaram longe um do outro por toda a noite.

– Desfalcado de Carmelo Anthony, o Knicks perdeu a partida ao ser dominado na primeira metade do último quarto. O Grizzlies teve a liderança de Marc Gasol no período final, quando anotou 11 de seus 37 pontos.

Destaques

New York

Kristaps Porzingis: 17 pontos
Kyle O’Quinn: 15 pontos e cinco rebotes
Derrick Williams: 13 pontos
Langston Galloway: 11 pontos, 11 rebotes e cinco assistências

Memphis

Marc Gasol: 37 pontos e oito rebotes
Jeff Green: 18 pontos
Zach Randolph: 14 pontos e seis rebotes
Mario Chalmers: 12 pontos e oito assistências

 

(37-4) Golden State Warriors 95 X 113 Detroit Pistons (22-18)

– Quarta derrota do Warriors, que deixa de ter o melhor recorde da história da NBA a esta altura de uma temporada. O Chicago Bulls de 1996 e o Los Angeles Lakers de 1972 perderam só três de seus primeiros 41 jogos.

– No dia da aposentadoria da camisa de Ben Wallace, o Pistons deu um show no segundo período: anotou 38 pontos para abrir vantagem de 16 no intervalo. O adversário nunca voltaria a ficar atrás por dígitos simples na noite.

Destaques

Golden State

Stephen Curry: 38 pontos, sete rebotes e cinco assistências
Klay Thompson: 24 pontos e seis rebotes
Festus Ezeli: dez pontos, dez rebotes e cinco tocos
Leandrinho Barbosa: dois pontos (1-7 FG)

Detroit

Reggie Jackson: 20 pontos e oito assistências
Kentavious Caldwell-Pope: 20 pontos e cinco rebotes
Marcus Morris: 16 pontos, oito rebotes e seis assistências
Andre Drummond: 14 pontos (6-20 FG) e 21 rebotes
Aron Baynes: 12 pontos em nove minutos
Ersan Ilyasova: dez pontos e oito rebotes

 

(9-33) Los Angeles Lakers 82 X 109 Utah Jazz (18-22)

Destaques

LA Lakers

Lou Williams: 20 pontos
D’Angelo Russell: 13 pontos
Kobe Bryant: cinco pontos em 15 minutos

Utah

Rudy Gobert: 18 pontos, 18 rebotes e cinco tocos
Trey Lyles: 17 pontos e nove rebotes
Trey Burke: 16 pontos
Gordon Hayward: 14 pontos, cinco rebotes e cinco assistências
Rodney Hood: 14 pontos e cinco rebotes

  • felipe fernando Oliveira

    Rajon Rondo esta merecendo ASG… Voltou a ser o Rondo dos Celtics…

    • Lucas

      Só dar um contrato máximo e o basquete já cai…

  • 76

    Será que os Spurs conseguem alcançar o GWS?
    Okafor será dominante. Muito talentoso ofensivamente, só precisa melhorar defensivamente.
    Kings com sua equipe de jogadores talentosos, porém ruins da cabeça de vez em quando aprontam.

    O maior campeão da NFL ficou fora dos offs. Green Bay Packers.

    Aaron Rodgers é fodao! !!!!!!!

    • Rodrigo Soares

      Da para o Spurs alcançar o GWS sim , vejo essa primeira posicao aberta entre os dois… Sem contar que teremos 3 duelos Spurs x Warriors na temporada regular

      • Caseh

        Serão 4 confrontos: 25/01, 19/03, 07/04 e 10/04

    • Michel Moral

      O maior campeão da história da NFL é o Steelers e não o Packers, seguido por Cowboys e 49ers. Depois vem o Packers.

      • Diego Varjão

        O Green Bay Packers é o maior vencedor da NFL se considerar a época antes da era Super Bowl. Os Steelers são os maiores vencedores só do Super Bowl.

      • Ele ta certo. O maior campeão da NFL é o Green B Packers.

    • Rafael Victor

      Spurs tá na cola do Warriors, mas foi só a quarta derrota do Warriors, apesar de ser a segunda seguida, o jogo contra o Cavaliers vai começar a responder essa pergunta! Kings quando quer, pode enfrentar qualquer um de igual! E o Seahawks vai vencer essa porra esse ano!

      • Doug

        Tb acho que está p os Seahawks. E o G. Bay, hein? A Rod me manda uma bomba daquela na end zone e a defesa deixa “só” o Fitzgerald sozinho na prorrogação…aí é p matar qualquer um…mas o time estava bem desfalcado tb…tem essa…mas, N deixa de ser vacilo…

    • Pois é, isso agora é bem possível, mas vai depender muito dos confrontos diretos entre Spurs x Warriors, são duas vitórias a mais e duas derrotas a menos pros guerreiros de Oakland…

  • Lucas Ottoni

    Peraí. Vou lá rir do Blazers um pouquinho e já volto…

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  • DNT

    Pqp perde de 25 pontos para os 76ers é pra levar uma bronca daquelas

  • DNT

    37-45 ja é uma realidade

  • Lucas Ramos

    esse é o carrer high do Gasol né?

  • Diego Varjão

    E o recorde do GSW já parece não ser mais possível. Time sentido falta do menino Green.

    • Diego Varjão

      Vish. Vi aqui que ele jogou haha. Foi uma derrota sem desculpas mesmo.

  • Rafael Victor

    Bela homenagem ao grande BEN WALLACE em Detroit, melhor ainda a vitória do Pistons em cima do Warriors! Curry muito bem, mas Green muito mal, aí o Curry poderia meter quantos pontos fossem que dificilmente sairiam com a vitória! No Pistons, Baynes não errou nada, antes de sair machucado, Blake em pouco tempo mostrou que pode ser útil, Drummondo fumou o Green, tendo outro jogo com 20 rebotes e Caldwell-Pope marca e joga muito! BIG BEN night perfeita!

    Grande jogo entre Clippers X Kings, tinha Rondo X CP3 (o primeiro foi bem, o segundo teve problemas com falta, o que sempre atrapalha), mas gostei mesmo de Collison X Jamal, os dois jogaram muito bem! Esse time do Kings quando joga sério é adversário duro pra qualquer um! E esse Aldrich vai tomar alguns minutos do Jordan quando voltar, hein!? Tá indo muito bem na ausência dele!

    • Bem observado, acho que o Aldrich não fica devendo muito ao DJ, tem muito menos atleticismo é verdade mas jogando com o CP3 que o deixa debaixo da cesta ele até ta se saindo bem…

    • VOLTA D’ANTONI

      KCP é um dos melhores marcadores da liga. E sempre quietinho ali, sem midia… Agora melhorou muito ofensivamente esse ano tambem, é um jogador bem subestimado.

  • É impressionante o que a chegada de um bom jogador (Ish Smith) enche uma franquia de moral e aos poucos dá uma sobrevida de ganhar bem alguns jogos como fez bem a chegada do Ish ao Philadelphia e ele joga muito pro time faz o elenco fraco a sua volta melhorar…
    O Pistons fez um jogo sensacional desbancando o “poderoso” Warriors, mesmo assim o Curry continuou acertando suas bolinhas de longa distância, mas Morris, KCP e Drummond foram muito bem e fizeram bonito aos olhares dos ídolos do time campeão de 2004 e do Big Ben que recebeu uma bela homenagem, e uma noite pro GSW esquecer, time descontrolado, Green mal e o time apático se não fosse pelo Curry teriam tomado uma surra ainda maior…

  • Elber Sampaio

    O Hawks converteu 36 dos 50 arremessos para dois pontos que tentou no duelo, um incrível aproveitamento de 72%.

  • Rodolfo Ribeiro

    O record do Clippers está 26-14, não 26-13.

  • Doug

    KCP vem sendo o termômetro dos Pistons, jogando muito bem. E esse time do SAC se tivesse disciplina…repararam como retorno do Gobert impactou o Utah? E o que o Thomas vem fazendo nos Celtics…Crowder tb bem…ish Smith parece ter melhorado o jogo do Okafor, hein? Bucks podiam engrenar de vez, o time é talentoso…

  • Luiz Henrique Santos

    Sem dúvidas os destaques foram a vitória do Sixers e a derrota do Warriors, embora o Sixers só tenha 5 vitórias e o Warriors 4 derrotas em duas noites isso aconteceu ao mesmo tempo.

  • Uncle Drew

    Próximos jogos do Warriors: Cleveland e Bulls, fora de casa, depois Pacers Spurs e Mavs, em casa, e … o Sixers fora de casa. Se eles ainda pensam no record de vitórias dos Bulls (com certeza ainda pensam).. essa sequência será crucial!

    • luiz

      O q talvez eles venham a fazer, seja ver alguns jogos a dedo e poupar o time(isso claro dependendo das ordem das partidas.

      Digamos: contra suns, twolves, nets, sixers, lakers(me corrija aqui se falei algum q ele não joga mais), mas seriam times q eles poderiam rodar mais o elenco.

      E depois usar força máxima nos jogos mais difíceis.

      Apesar q o Warriors tem derrotas “curiosas”, pois apesar de Mavs e Pistons, não serem times ruins(pelo contrário) e o Bucks estar abaixo da média, ou mesmo o nuggets q está com um time bem mais ou menos, nenhuma das derrotas era para adversários onde se esperava q ela viesse

  • Luiz Henrique Santos

    Sobre o Bucks viemos de 3 vitórias em 4 jogos (só não ganhamos do Wizards por falta de opções no banco) 2 vitórias seguidas, não que eu esteja me empolgando, mas a equipe da mostras que finalmente tá se encontrando na temporada… Khris Middleton vem colocando a bola embaixo do braço e assumindo a responsabilidade de ser a nossa principal peça ofensiva, Greg Monroe parece entender o seu papel ofensivamente dando muito trabalho aos adversários no garrafão, Jabari Parker vem ganhando confiança e ajudando demais, Giannis Antetokounmpo vem bem nos rebotes e defendendo bem, MCW apesar de alguns TO vem jogando bem armando o time, explorando bem as infiltrações e ganhando confiança nos arremessos de média distância, John Henson (apesar de não ter muito corpo) defende demais e ainda contribui ofensivamente, Bayless se estiver bem sempre contribui bem vindo do banco ou até como starter e Rashad Vaughn (o próximo Ray Allen) o menino tem futuro, mas precisa de mais tempo de quadra, assim como o Tyler Ennis e ainda tem o Johnny O’Bryant que me divide a opinião às vezes ele joga bem, às vezes não ele tem um bom mid-range e cava muito bem faltas, no entanto erra demais, mas pode ser uma peça útil no banco e o Miles Plumlee, OJ Mayo e Coopeland podem render mais do que tem apresentado, espero que com a volta do Kidd, provavelmente após o ASG, a equipe consiga manter a consistência e quem sabe, quem sabe buscar uma 8ª vaga aos Offs.

  • Uncle Drew

    Acabo de ver q amanhã o jogo Warriors @ Cavs não será transmitido aqui para o Brasil.
    E cai em um dia q o SporTV costuma transmitir jogos! Q sacanagem!! O pior é vc olhar a tabela e ver q no dia seguinte o SporTV vai passar um jogo “extremamente importante”, Timberwolves x Pelicans! ¬¬
    PUTAQPARIU! Isso é mt sacanagem! Ter q brigar com a internet de novo! Já não bastou o jogo contra o Spurs.. agora contra o Warriors.

    • Carlos Humberto Nobre

      Tanto a ESPN quanto a SPORTV estao de brincadeira escolhendo os jogos que vão transmitir! Quero acreditar que os jogos já vem definidos, pq não é possivel! Já passaram uns 10 jogos dos pelicans. Foi um milagre que passou um jogo do OKC essa semana, e olhe que foi nenhum jogão, apenas contra os wolves!

      • Uncle Drew

        Os jogos já vem definidos e não são as emissoras (SporTV e ESPN) q escolhem. É uma pessoa q é ligada a NBA q faz isso. Mesmo assim é inexplicável! Warriors x Cavs é um dos jogos mais esperados desde as Finais! Como não colocaram esse jogo disponível aqui para o Brasil?!

      • Uncle Drew

        Os jogos já vem definidos e não são as emissoras (SporTV e ESPN) q escolhem. É uma pessoa q é ligada a NBA q faz isso. Mesmo assim é inexplicável! Warriors x Cavs é um dos jogos mais esperados desde as Finais! Como não colocaram esse jogo disponível aqui para o Brasil?!
        Se tivessem 4 jogos deles na temporada regular, eles meio q seriam obrigados a colocarem todos os 4 para todos verem aqui no Brasil. São apenas 2 jogos por temporada.. é obrigação! Todo mundo quer ver esse jogo!

    • Esteferson Matos

      Cara, a seleção de jogos por parte das emissoras estão terríveis, parece que quem escolhe os jogos não sabe nada de basquete, já deixaram passar vários confrontos gigantes para transmitirem jogos “indiferentes”, botaram na cabeça que Davis iria ser o monstro da temporada e simplesmente nos encheram de jogos do fraco Pelicans, espero que na próxima temporada com a ESPN passando rodadas duplas a escolha de jogos em geral melhore, e também que o SPORTV aceite as críticas quanto aos profissionais que lá estão e que no mínimo respeite os telespectadores e coloquem aqueles “jumentos” para estudarem os jogos antes da transmissão, isso demonstra o mínimo de respeito com os clientes…

      • EuRacho

        E fora que a ESPN podia muito Bem passar Jogos da NBA aos Sábados e Domingo em vez da reprise do jogo da semana passada do Campeonato Inglês, por que a Sportv passa uma vez na vida jogos aos sábados. Podiam muito bem colocar na Grade jogos aos Fins de semana…

  • Bruno Macedo

    Como eu gosto do estilo agressivo q o Bucks joga mesmo eu torcendo pro Miami me adimira um time sem bola de três ganhar jogos na defesa e trabalho de bola no ataque, mesmo esse ano n esta sendo muito bom time ta precisando de um banco PK ta todo mundo no estaleiro e um armador menos cabeça oca kkkk

  • Luiz Henrique Santos

    Off-Topic: Aproveitando o momento Bad Boy com a aposentadoria da camisa do Big Ben Wallace, Matthew Dellavedova foi eleito o jogador mais “sujo” em votação feita por alguns jogadores e técnicos nos Estados Unidos.

    • Rodolfo Ribeiro

      Kkkk. É difícil essa disputa, mas eu vou de longe no Rondo.

      • DamonHeat

        negocio é que a galera já esta acostumada com o rondo kkk

  • joaospurs

    Como estou torcendo pró kings chegar nos playoffs! Eeeee gsw, se segura que o Spurs da massa ta chegando!

    • dougmallmann

      Kings no playoffs?!!
      Tem gente querendo ver sangue!
      KKKKKKK

  • VOLTA D’ANTONI

    Ué. O time da midia é surrado pelo Pistão da massa e o destaque do site é a vitória do Kings sobre o Clippers com 200 desfalques? Sério?

    • Matheus Oliveira

      Foi apenas uma derrota, não teve nada demais. Só por conta da diferença grande ? Clippers não perdia a 10 jogos.

© Copyright Jumper Brasil 2007-2017 - Todos os direitos reservados