logo lance
undo
Nacionais
Internacionais
Leste
Hawks
Celtics
Nets
Hornets
Bulls
Cavaliers
Pistons
Pacers
Heat
Bucks
Knicks
Magic
76ers
Raptors
Wizards
Oeste
Mavericks
Nuggets
Warriors
Rockets
Clippers
Lakers
Grizzlies
Timberwolves
Pelicans
Thunder
Suns
Blazers
Kings
Spurs
Jazz
Postado em 28 jan 2016 às 01:14
Spurs se recupera de derrota para Warriors e atropela Rockets em casa

Rodada também teve triunfos de Cavs, Thunder, Celtics, Warriors e mais

Compartilhe nosso conteúdo!
Envie por email!
Compartilhe no Google+ Google +
Tweet esse post! Twitter
Compartilhar no Facebook! Facebook
Por Eduardo Ribeiro

(25-23) Houston Rockets 99 x 130 San Antonio Spurs (39-7)

Depois de sofrer uma derrota humilhante para o Golden State Warriors, o San Antonio Spurs recebeu o Houston Rockets nesta quarta-feria e mostrou que o último resultado negativo não os afetou. O vice-líder do Oeste venceu o rival texano com facilidade e segue com ótima campanha.

A partida começou em alto ritmo e o Spurs converteu duas cestas de longa distância rapidamente. Apesar disso, o Rockets também começou bem e seguiu perto do placar. James Harden se destacou com oito pontos, mas o Spurs, que iniciou a tática de “hack” no pivô Clint Capela ainda no primeiro período, terminou vencendo. No segundo quarto, com ótima atuação de Danny Green, os donos da casa conseguiram abrir boa vantagem e começaram a controlar a partida, indo para o vestiário vencendo por 69 a 49.

No terceiro quarto, o Spurs aproveitou os seguidos erros dos visitantes e aumentou ainda mais a vantagem. Liderada por Aldridge, que anotou 11 pontos no período, a equipe jogou muito melhor e seguiu para o último quarto vencendo por 29 pontos de diferença. Na etapa final, com o jogo praticamente ganho, ambas as equipes utilizaram apenas reservas e o resultado não se alterou.

O próximo compromisso do Rockets acontece fora de casa, contra o Oklahoma City Thunder, na próxima sexta-feira. Já o Spurs visita o Cleveland Cavaliers no sábado (30).

Destaques

Houston

James Harden: 20 pontos e cinco erros de ataque
Dwight Howard: 13 pontos e oito rebotes
Josh Smith: 11 pontos e sete rebotes
Terrence Jones: 11 pontos

San Antonio

LaMarcus Aldridge: 25 pontos, dez rebotes e cinco assistências
Kawhi Leonard: 18 pontos
Danny Green: 18 pontos, seis rebotes e três roubos de bola
Tony Parker: 15 pontos e sete assistências
Boban Marjanovic: 13 pontos e dez rebotes


(14-33) Phoenix Suns 93 x 115 Cleveland Cavaliers (32-12)

Destaques

Phoenix 

Devin Booker: 16 pontos e cinco assistências
P.J Tucker: 13 pontos e sete rebotes
Markieff Morris: 13 pontos e cinco rebotes
Archie Goodwin: 12 pontos, cinco assistências e cinco erros de ataque

Cleveland

Kevin Love: 21 pontos, 11 rebotes e quatro assistências
LeBron James: 21 pontos e nove assistências
J.R Smith: 18 pontos, quatro assistências e quatro roubos de bola
Richard Jefferson: 14 pontos


(17-29) Denver Nuggets 103 x 111 Boston Celtics (26-21)

Destaques

Denver

Danilo Gallinari: 23 pontos e sete rebotes
Will Barton: 23 pontos, cinco rebotes e quatro assistências
Kenneth Faried: 15 pontos, 15 rebotes e quatro assistências
Gary Harris: 15 pontos e sete rebotes

Boston

Avery Bradley: 27 pontos e quatro roubos de bola
Kelly Olynyk: 17 pontos e sete rebotes
Isaiah Thomas: 16 pontos e cinco assistências
Evan Turner: 14 pontos, seis assistências e quatro rebotes
Amir Johnson: nove pontos, 13 rebotes, seis assistências e três roubos de bola


(7-40) Philadelphia 76ers 97 x 110 Detroit Pistons (25-21)

Destaques

Philadelphia

Nerlens Noel: 20 pontos, sete rebotes e quatro assistências
Jerami Grant: 21 pontos, oito rebotes e três roubos de bola
Ish Smith: 13 pontos, seis assistências e seis erros de ataque
Hollis Thompson: 12 pontos e cinco rebotes

Detroit

Andre Drummond: 25 pontos e 18 rebotes
Reggie Jackson: 27 pontos
Stanley Johnson: 18 pontos
Kentavious Caldwell-Pope: 14 pontos e quatro rebotes


(30-16) Los Angeles Clippers 85 x 83 Atlanta Hawks (27-20)

Destaques

Los Angeles

Jamal Crawford: 21 pontos
DeAndre Jordan: 13 pontos e 19 rebotes
Chris Paul: 11 pontos, dez assistências, quatro rebotes e três roubos de bola
J.J Redick: 12 pontos

Atlanta

Jeff Teague: 16 pontos
Kyle Korver: 14 pontos
Al Horford: 15 pontos, oito rebotes e seis assistências
Paul Millsap: 14 pontos, 12 rebotes e quatro assistências


(35-13) Oklahoma City Thunder 126 x 123 Minnesota Timberwolves (14-33)

Destaques

Oklahoma

Kevin Durant: 27 pontos, nove rebotes e cinco assistências
Russel Westbrook: 24 pontos, 15 assistências e oito rebotes
Enes Kanter: 23 pontos e dez rebotes
Dion Waiters: 16 pontos

Minnesota

Zach Lavine: 35 pontos
Andrew Wiggins: 20 pontos e quatro assistências
Karl Anthony-Towns: 19 pontos, 13 rebotes e cinco assistências
Gorgui Dieng: 21 pontos e nove rebotes


(22-24) Charlotte Hornets 73 x 102 Utah Jazz (20-25)

Destaques

Charlotte

Kemba Walker: 15 pontos e cinco rebotes
Nicolas Batum: seis pontos e dez assistências
Brian Roberts: 13 pontos

Utah

Gordon Hayward: 22 pontos, sete rebotes e cinco assistências
Rodney Hood: 24 pontos, quatro rebotes e quatro assistências
Derrick Favors: 12 pontos
Trey Burke: 11 pontos


(26-22) Dallas Mavericks 107 x 127 Golden State Warriors (42-4)

Destaques

Dallas

Chandler Parsons: 23 pontos e sete rebotes
J.J Barea: 14 pontos e cinco assistências
Raymond Felton: 12 pontos e quatro assistências
Deron Williams: 12 pontos e quatro assistências

Golden State

Klay Thompson: 45 pontos e cinco rebotes
Stephen Curry: 14 pontos, nove assistências e três roubos de bola
Harrison Barnes: 13 pontos
Draymond Green: dez pontos e quatro assistências

  • Gustavo

    Reggie e Drummond atuaram como vinham jogando há alguns jogos e foram os diferenciais na difícil vitória sobre os sixers, esta equipe apresentando uma clara evolução na competição. Agora dois jogos ainda mais difíceis, cavs em casa e raptors fora, sendo essencial a vitória principalmente sobre os cavs, até porque no jogo contra o Toronto a equipe viajará e não terá nem 23 horas de descanso. A conferência Oeste tá polarizada, Golden voando, San Antônio parece que digeriu bem a derrota para os Warriors e o Oklahoma pode dar trabalho .

  • Rodolfo Ribeiro

    Defesa incrivelmente vulnerável sem o Roberson. Difícil até de explicar isso. Mas prefira ser corrigido urgentemente. Foram 120 pontos em média sofridos pelo Thunder contra os três últimos adversários, que não são tops da liga.Kevin Clutch Durant decidiu só um pouco, Westlouco modo clássico-scorer ontem com 24 pontos e 15 assistências,the real human MVP.

    • O nosso time está decepcionante! Não vem jogando NADA coletivamente, a defesa está vergonhosa. Infelizmente parece que será mais um ano perdido.

      • Marcelo Correia

        Rodolfo ou Diogo.
        Vocês tem algum grupo do whatsapp do OKC para me incluir?
        Por favor, me inclua.
        27 998877587
        Obrigado.
        Alguém sabe de trocas envolvendo OKC?

        • Eu não tenho, mas gostei da ideia. Se criar me adicione – 21 997756300

      • Rodolfo Ribeiro

        Tá complicado mesmo..

    • Marcelo Correia

      Rodolfo ou Diogo.
      Vocês tem algum grupo do whatsapp do OKC para me incluir?
      Por favor, me inclua.
      27 998877587
      Obrigado.

      • Rodolfo Ribeiro

        Já vi um pessoal querendo criar. Mas não sei se realmente fizeram. A gente pode combinar por aqui no Jumper.Vou ver com a galera aqui

        • Marcelo Correia

          Rodolfo, vou criar então quando chegar em casa na parte da noite.
          Eu deixo aqui neste mesmo post a notícia.
          Obrigado mano.

          • Rodolfo Ribeiro

            (16) 99156-7377 – Rodrigo Silva
            (21)98659-9501 – Rodolfo Ribeiro

            Na próxima rodada do Thunder a gnt divulga mais

          • Marcelo Correia

            Rodolfo, add você e Rodrigo no grupo.
            Vamos encher lá!
            Vlw garotada.

          • Mateus Henrique

            Opa…Marcelo se puder me adicionar no grupo do OKC também!! Sou OKC de coração desde 2007 quando draftaram o KD. Mas gosto da NBA desde 2001 por casa do Kobe e Allen Iverson. Ao contrário de muitos acho Westbrook um monstro de jogador pode ser peladeiro mais me identifico com seu estilo de jogo.

            +55 11 97516-7451
            Abs

        • Rodrigo Silva

          Bora criar grupo manoo

          (16) 99156-7377

          • Marcelo Correia

            Rodrigo, você irá entrar no grupo do OKC?
            Irei criar ele agora a noite quando chegar em casa.
            Irei postar aqui.

          • Rodrigo Silva

            Cara eu amo NBA, por mim falaria sobre a qualquer hora, qualquer dia, qualquer time em qualquer ocasião.
            Se vcs não se importarem, podem me colocar… não sou torcedor do Thunder.. torço pro Lakers (por causa do Kobe apenas) e pro Dallas (esse sim de coração). Mas tenho simpatia enorme pelo Thunder, sou fanzaaaço do Durant.

          • Rodolfo Ribeiro

            Passei o número pro Marcelo já.

  • Julio Zago

    Já manifestei aqui, por diversas vezes, meu pessimismo em relação ao Celtics, sinceramente eu não acreditava que o time se manteria na zona de classificação aos offs, alguns dos times que não estão entre os 8 melhores possuem elencos mais qualificados, casos de Hornets, Bucks e Magic.
    Contudo, é fato que esses times não apresentam uma regularidade, muito pelo contrário, se mostram muito instáveis, o que obviamente torna mais fácil a missão do Celtão.
    Evidente que a atual classificação dos Celtics não é apenas demérito das outras equipes, o time tem muitos pontos positivos, a começar pelo excelente trabalho de Stevens que impôs um jogo coletivo muito eficaz a franquia. Vejam que que Thomas sempre se destaca na pontuação, mas o segundo maior pontuador é variável, por vezes Bradley, algumas Olynyk, enfim, é desse bom conjunto e da consequente regularidade que ele proporciona que o Boston está se valendo para se manter muito bem na classificação.
    Evidente que essa boa fase pode passar e o time nem se classificar, seria até esperado, mas ao menos está sendo uma temporada interessante de se acompanhar para o torcedor Celta, uma classificação entre os 5 primeiros seria excepcional, acho que levaria o time a uma série de offs equilibrada.

    • dougmallmann

      Possuo a mesma opinião.
      Não gostaria de ver uma classificação do Boston, e na sequência uma varrida como a do ano passado. Isto é doloroso demais para o nós torcedores.
      Mas há um alento para os celtas. Vemos uma equipe de base excelente se formando. Um jogo coletivo promissor e de uma ótima qualidade. O treinador vem mostrando a que veio à NBA. E o melhor de tudo, quem sabe com a escolha deste próximo draft, quem sabe não consigamos o tão sonhado “Frachise Player”.
      Não estou animado com o ano em si, não vejo nem mesmo um título de divisão este ano, mas finalmente podemos bradar que temos um futuro de títulos pela frente.

      • Viicente Machado

        Verdade, o trabalho é realmente acima de toda expectativa, o time está longe de ser grande coisa, mas com essa defesa sufocante e Isaiah como scorer parece que vai dar certo no leste. Além de Crowder e Bradley crescendo ofensivamente a cada dia, problema é confiar nesse garrafão lixo, Sullinger e Lee podem ser boas moedas de troca acredito, e com uma escolha alta no draft + algumas mudanças, em 2-3 anos podem colocar o time no topo denovo. Eu sempre disse que 1st round era o limite, mas se o time conseguir fugir de Cavs e Bulls, acredito que podemos ter uma boa surpresa. Sim, o Raptors está bem demais, e o Hawks vai tranquilo também, mas ainda sim passam longe de ser times confiáveis nos playoffs.

    • Gustavo

      O Boston está em uma boa sequência de vitórias, mas antes vinha de uma sequência de derrotas, é um time para o futuro e com boas perspectivas, para este ano temos uma oscilação normal, mas acredito que o Boston se classifique aos offs. Torço para os Pistons e os 3 jogos entre Celtics X Pistons foram bastante equilibrados e emocionantes e a situação dos Pistons é parecida com a dos Celtics, tanto na tabela de classificação como nas boas perspectivas futuras, esse ano tb temos oscilado bastante, mas em 2…3 anos, com essa base, faremos a final de conferência com vcs. Detroit tem um bom time e o banco tá rodando bastante, tb outra semelhança com os Celtics.

  • Rafael Victor

    Com hack ou sem hack… o Spurs atropleou o Rockets! Danny Green tava com a mão calibrada, LaMarcuas atuou bem, mas apesar disso achei que o time ainda tava meio pra baixo, não me pareceu que a pancada dada pelo Warriors foi absorvida 100%, o que me faz acreditar que não existiu “jogo escondido” (ou que a tática kamikaze foi proposital) e que as entrevistas do Popovich-Ginobili, depois do jogo contra o Warriors, foram bastante sinceras, longe de qualquer tipo de blefe!

  • Você vê o Big Three (LaVine — Wiggins — Towns) produzindo 74 pontos!!! E o time perder os jogos por causa do Tayshaun Prince que faz 3 jogos que não dá um toco, que ajuda defensiva é essa?

    • Michel Moral

      O próprio Garnett hoje é um jogador que não está lá para produzir. Acho que os veteranos vieram para ter esse contato com os jovens. Até por isso, entendo que o resultado é o que menos importa agora.

      Agora, no quesito produção, Prince é um peso morto desde que saiu do Pistons a primeira vez. Nunca mais correspondeu, nem mesmo em Memphis, onde eu achava que tem um estilo de jogo defensivo que seria favorável.

      Voltando ao T-Wolves, como vc mesmo já destacou aqui é hoje concordo com vc, dá para perceber a desorganização tática. O lado bom é que isso não tem atrapalhado tanto o desenvolvimento individual do big-three. Até LaVine tem jogado muita bola e encontrou seu espaço como uma liderança dentro da equipe.

      • Se está essa desorganização com o Rubio, imagina sem ele… Essa temporada está servindo pro time encontrar uma identidade e os próximos anos é de busca do treinador com esse perfil.

        O que eu tiro de positivo com esses 47 jogos do Wolves é que já sabe:

        Wiggins é um grande finalizador e pode evoluir como facilitador;

        LaVine é o fechador de jogos;

        Towns será a âncora defensiva;

        Shabazz Muhammad é o sexto homem;

        Pra mim o Wolves começou a cumprir seu objetivo, apesar da didática confusa do Sam Mitchell.

    • pedrokadf

      não é só Tayshaun Prince, infelizmente KG tbm está atrapalhando a evolução dos ”mlks”, apesar de ser fã KG, já deu, claro q sua colaboração é importante para o desenvolvimento dos novatos, mas ele vem ”roubando” os minutos destes, ele deveria apoiar com conselhos, dicas etc, mas dentro de quadra não dá mais…
      primeira partida da temporada (seu eu não me engano) de Gorgui Dieng (sem KG em quadra, tão pouco no banco) ele vem e faz 21 pontos e nove rebotes….
      Volto a dizer, Prince e KD devem se aposentar, e os wolves precisam negociar Kevin Martin, Peković e rubio… (estes últimos 3 consomem 80% do cap do time, 3 maiores salários da franquia)

      • AlexS.F.

        O KG não está atrapalhando, até pq ele joga pouco tempo e o tempo que joga é o melhor defensor do time, o caso do Prince ele atrapalha pq ele joga mais de 25 min e sem impactar em nada no time. o caso dos dois são diferentes e o culpado é o Mitchell que acha que o Prince é um menino no auge da carreira

        • pedrokadf

          pouco ? 15 min é muito pra ele…
          Não acho q seja o melhor defensor, ele tem REB. 3.9
          dieng tem 6,5 reb

          • Garnett ainda é uma âncora defensiva em MN, Dieng que até gosto do seu nível de eficiência nos rebotes e arsenal ofensivo, é soft na defesa e não é capaz de conter o jogo físico.

            Veja amostragem de Garnett e do que ele ainda pode dar pro time Pedro:

            https://www.youtube.com/watch?v=AGVUqHTUVP4

  • Matheus Oliveira

    -Ótimo jogo na Oracle Arena ontem. Torcida tava demais
    -Parsons do nosso amigo torcedor do Dallas foi bem. MAVS matou várias bolas pra dar vida ao jogo
    -Klay matando tudo ontem, Curry fez uma partida bem apagada mas as bolas que meteu deu a tranquilidade ao time novamente.
    -Esse Hornets mais bipolar que mulher de tpm, ganha jogo difícil depois toma surra quando nem se espera
    -Rockets tomando pau do SAS de novo fora de casa, Barba some contra eles
    -CAVS deu sono ontem, sofreu pra ganhar do Suns apesar da vantagem final

  • David Silva

    Depois de um primeiro tempo que é melhor até esquecer, especialmente pelo 1/4(12 pontos contra o Sixers é uma vergonha), a equipe melhorou bastante e Drummond que vinha fazendo partidas abaixo, muito por conta do hack mesmo, voltou a ser dominante e Reggie Jackson mais uma vez se destacando, ótimo esse crescimento do nosso PG.Um dos grandes problemas que a equipe enfrentou foi uma noite inspirada de Grant e Noel, e do 76ers como um todo que DOMINOU o garrafão no início do jogo, 22 dos primeiros 25 pontos do time foram na área pintada, impressionante, muito por conta da fragilidade defensiva do Drummond tbm.

    Mas o mais importante é que esse pivô maravilhoso acertou 7-12 FT’s!! podem começar o hack Popovich, Bickerstaff, Rivers pq agora ele “sabe” bater FT, PORRA!!!

    Agora, a queda de Drummond e Jackson nesse mês de Janeiro poderia ter ferrado demais o time se não fosse a evolução de caras como KCP, Stanley Johnson , Baynes, Tolliver e Ilyasova realmente salvaram o time algumas vezes.

    • Gustavo

      Essa baixa atuação do Reggie e do Drummond durante o mês de janeiro serviu para mostrar que não temos só um time, mas uns 9 jogadores que podem fazer a diferença em uma partida, um grande diferencial para avançar aos offs. Sinto falta de uma melhor atuação/participação do Jennings, mesmo tendo ciência de que é difícil cobrar algo maior haja visto a gravidade de sua lesão e ter entrado no time já no meio da temporada. Se estivesse jogando como na temporada passada, estaríamos ainda mais fortes.

      • David Silva

        Exato, com Jennings naquele nível o time estaria mos realmente MUITO bem servidos de PG’s, e até brigaria cabeça a cabeça pela titularidade com o Reggie, que nesse momento é um dos jogadores mais impactantes ofensivamente da liga e não se discute sua titularidade.Mas Jennings já tem entrado bem algumas vezes(contra o Magic, por exemplo, seu melhor jogo) e espero que possa dar uma arrancada final nos últimos 15 jogos(11 no Palace), seria de grande ajuda.

        • Gustavo

          Perfeito, as melhores partidas do Jennings foram ante os Magics e na derrota para os Nuggets (se não me engano). O essencial seria armar um esquema com os dois atuando juntos, Jennings e Reggie e até o SVG disse uma vez que pensava nessa possibilidade, assim daria mais ritmo ao Jennings. Do jeito que o Reggie jogou estas duas últimas partidas e vinha jogando antes dessa pequena queda de rendimento, seria impossível deixá-lo no banco. David, há mesmo a possibilidade de armar o time com os dois?

          • Gbrunus Boston

            Gustavo da ss porem um dos dois tende acabar jogando em uma especie de pg/sg talvez em uma formação como o streach four daria certo ss

          • Gustavo

            Valeu 🙂

          • David Silva

            Bem, como o nosso amigo Gbrunus já disse bem, um dos dois teria que atuar de SG, e vejo Jackson com mais condições disso, até pq não tiraria o Jennings da posição 1, ele é até melhor do que o Jackson organizando o jogo, só não tem a mesma habilidade de infriltração, mas é um baita armador.Agora, quem perderia vaga dos starters? KCP, está jogando muito, não existe a menor possibilidade de ele sair do time inicial, impacto dos dois lados da quadra, defensivamente é um dos melhores da NBA e no ataque vem espetacular, acertando tudo.É uma difícil decisão para SVG.

  • João LAL

    Me assusta a atuação dos Spurs contra Rockets. Vão me perguntar, mas porque, foi uma bela vitória sobre um time forte? Respondo: mostra a superioridade do Golden State que varreu o San Antonio por puro mérito. Curry pode esperar, seu segundo anel vai chegar kkkkkkk

    • Rafael Victor

      Quanto a atuação do Spurs, concordo plenamente! Apesar do placar, não foi uma daquelas grandes atuações do Spurs! Tão muito atrás do Warriors, pelo menos por enquanto!

    • Artur DeLucena

      Spurs foi muito abaixo daquilo que estamos acostumados a ver, muitos T.O, passes picados e nervosismo, lógico que isso é total mérito do Kerr, sua equipe roda em muita velocidade e tem um contra-ataque mortal. Creio que o Spurs jogando ao menos 80% daquilo que sabe consegue bater de frente com o GSW e reduzir a pontuação do Curry, eu acredito em um Spurs fortíssimo nos Offs. O castigo vem a cavalo GSW.

    • Tony parker

      O grande favorito para o título, com certeza é o Warriors, Mas o jogo contra os Spurs não serve para parâmetro, o time jogou mal pra caramba. totalmente relapsos, e o GS entrou com fogo nos óios!

      Não tiro mérito do GS, mas ainda é muito cedo para se tirar conclusões!

  • Marcelo Correia

    Pessoal, boa tarde.
    Grupo do OKC no whatsapp.
    Quem quiser entrar deixe o número…

    • Mateus Henrique

      Opa…Marcelo se puder me adicionar no grupo do OKC também!! Sou OKC de coração desde 2007 quando draftaram o KD. Mas gosto da NBA desde 2001 por casa do Kobe e Allen Iverson. Ao contrário de muitos acho Westbrook um monstro de jogador pode ser peladeiro mais me identifico com seu estilo de jogo.

      +55 11 97516-7451

      Abs

      • Marcelo Correia

        Te adicionei mano!

  • Artur DeLucena

    O importante é a equipe continuar mantendo o ritmo nos jogos em casa, assim fatalmente deve vencer o GSW em março. Que Duncan volte rápido!

  • @CrackNeto

    E o Kaire Airving? Paro de joga Bola, aquele Monstro Sagrado digassi dê passagi… Vamo acordar meu irmão, só jogou bem contra o Toronto Garotinho. Aqui não tem imparcialidade não a gente fala meu irmão, esse é a minha Opinião digassi de passagi

    • Caio

      monstro sagrado é a melhor kkkkkkk

    • Isac Menezes

      KKKKKKKKKKKKK,,,,falou igualzinho ao Neto husuhsauhasuhsahu

© Copyright Jumper Brasil 2007-2017 - Todos os direitos reservados