logo lance
undo
Nacionais
Internacionais
Leste
Hawks
Celtics
Nets
Hornets
Bulls
Cavaliers
Pistons
Pacers
Heat
Bucks
Knicks
Magic
76ers
Raptors
Wizards
Oeste
Mavericks
Nuggets
Warriors
Rockets
Clippers
Lakers
Grizzlies
Timberwolves
Pelicans
Thunder
Suns
Blazers
Kings
Spurs
Jazz
Postado em 31 jan 2016 às 22:57
Kemba Walker minimiza ausência no Jogo das Estrelas: “Quero playoffs”

Armador do Hornets garante que seu principal objetivo nunca foi ser eleito para partida festiva

Compartilhe nosso conteúdo!
Envie por email!
Compartilhe no Google+ Google +
Tweet esse post! Twitter
Compartilhar no Facebook! Facebook
Por Ricardo Stabolito Jr.

Nenhum dos esnobados do Jogo das Estrelas foi mais comentado no Leste do que Kemba Walker. O armador vem liderando o Charlotte Hornets na disputa por uma vaga nos playoffs com a terceira maior média de pontos entre os atletas de sua posição na conferência. Sua ausência na lista de reservas do evento gerou comoção entre companheiros e jogadores ao redor da NBA – algo que ele nunca imaginou ser capaz de causar entre os profissionais.

“Eu nunca pensei que tudo isso aconteceria, mas estou jogando muito bem. Venho deixando o jogo vir até mim naturalmente, potencializando minhas habilidades em quadra. É a prova definitiva de que trabalho duro sempre dá frutos. Não acho que ninguém nessa liga trabalhe mais duro do que eu. É isso que estou mostrando a cada partida”, afirmou Walker, que treinou com a lenda Steve Nash na offseason, em entrevista ao site Basketball Insiders.

Um dos integrantes do Hornets que não entenderam ainda a ausência do armador foi o ala Marvin Williams, que acreditar estar vendo algo inédito em sua carreira. “Não há dúvidas de que Kemba deveria ter sido selecionado. Acho que nunca tive um companheiro de time pontuando dessa forma. Ele é agressivo e faz tudo pelas vitórias, por isso está tão bem. Nada contra os outros jogadores chamados, mas, definitivamente, Kemba fez sua parte”, exaltou.

A torcida de Charlotte também não ficou nada feliz em ver os treinadores deixando seu ídolo de fora do jogo festivo. O técnico do Hornets, Steve Clifford, é impedido de votar no próprio comandado e não fez campanha direta nos bastidores da liga pela convocação de Walker, mas disse que seus colegas cometeram um erro ao deixá-lo fora. Enquanto muita gente ficou tão chateada com a notícia, o principal prejudicado pouco parece se importar em ter sido “esquecido”.

“Eu só estou jogando basquete, tentando ganhar partidas e chegar aos playoffs. Se conseguir uma vaga no Jogo das Estrelas assim, ótimo. Se não conseguir, de que importa? Só quero melhorar a cada dia e vencer, fazer algo importante. Esse já é meu quinto ano na NBA. Quero playoffs, cara! Esse sempre vai ser meu objetivo principal”, assegurou o armador, titular absoluto da armação da equipe há quatro temporadas.

Nona escolha do draft de 2011, Walker chegou ao Hornets depois de ter conduzido a Universidade de Connecticut ao título do Torneio da NCAA. O jogador de 25 anos possui médias de 20.3 pontos, 4.2 rebotes, 5.0 assistências e 36.3% de conversão nos arremessos de quadra em quase 36 minutos de ação por noite. Seus números de pontuação, rebotes e aproveitamento de arremessos são os maiores em cinco temporadas de carreira.

  • Hornets – Kembinha MVP

    Isso ae Kembinha, só vai! “Se conseguir uma vaga no Jogo das Estrelas assim, ótimo. Se não conseguir, de que importa?”
    Esses meros mortais não merecem sua presença no ASG.
    Vai dar show nos playoffs mlkão! THE REAL MVP!

  • Kaio Hetkowski

    tanto ele como Reggie acho que poderiam estar na armação no leste mas como as vagas são limitadas acabaram ficando de fora .. mas do que importa mesmo ? Na verdade muitos que estão la não merecem também como Kobe e Lamarcus no oeste por exemplo. Boa sorte ao Kemba, só falou verdades.

    • Michael Bryant

      all star é pra estrelas da NBA, n importa a fase sempre vai ser

      • Kaio Hetkowski

        sim, nao quer dizer que são os melhores !

  • Lucas Ottoni

    E está certíssimo.

  • Caseh

    Nem all star, nem playoffs (ao menos este ano), sinto muito.

© Copyright Jumper Brasil 2007-2017 - Todos os direitos reservados