logo lance
undo
Nacionais
Internacionais
Leste
Hawks
Celtics
Nets
Hornets
Bulls
Cavaliers
Pistons
Pacers
Heat
Bucks
Knicks
Magic
76ers
Raptors
Wizards
Oeste
Mavericks
Nuggets
Warriors
Rockets
Clippers
Lakers
Grizzlies
Timberwolves
Pelicans
Thunder
Suns
Blazers
Kings
Spurs
Jazz
Postado em 11 mar 2016 às 07:33
NCAA – Buddy Hield dá show e Oklahoma bate Iowa State; Notre Dame supera Duke na prorrogação

Confira como foi a rodada dessa quinta-feira

Compartilhe nosso conteúdo!
Envie por email!
Compartilhe no Google+ Google +
Tweet esse post! Twitter
Compartilhar no Facebook! Facebook
Por Gustavo Lima

Torneios de Conferência

ACC

(5) Duke 79 x 84 Notre Dame (4)

Destaques

Duke
Grayson Allen: 27 pontos, quatro rebotes, três roubadas de bola e cinco bolas de três pontos convertidas
Brandon Ingram: 16 pontos e sete rebotes
Matt Jones: 13 pontos e quatro rebotes

Notre Dame
Zach Auguste: 19 pontos e 22 rebotes
V.J. Beachem: 19 pontos e quatro bolas de três pontos convertidas
Demetrius Jackson: 13 pontos, quatro rebotes e quatro assistências
Bonzie Colson: 12 pontos e 12 rebotes
Steve Vasturia: 12 pontos e seis assistências

 

(8) Pittsburgh 71 x 88 North Carolina (1)

Destaques

Pittsburgh
Michael Young: 19 pontos e cinco rebotes
Jamel Artis: 19 pontos e quatro rebotes
Sheldon Jeter: 13 pontos

North Carolina
Joel Berry II: 20 pontos e quatro roubadas de bola
Brice Johnson: 19 pontos, dez rebotes e cinco tocos
Justin Jackson: 11 pontos

 

 

(10) Georgia Tech 52 x 72 Virginia (2)

Destaques

Georgia Tech
Adam Smith: 16 pontos

Virginia
Malcolm Brogdon: 26 pontos
Anthony Gill: 12 pontos e oito rebotes

 

(6) Virginia Tech 82 x 88 Miami (3)

Destaques

Virginia Tech
Seth Allen: 31 pontos e quatro rebotes
Jalen Hudson: 12 pontos e sete rebotes
Zach LeDay: 12 pontos

Miami
Sheldon McClellan: 21 pontos e quatro rebotes
Angel Rodriguez: 19 pontos, nove assistências e três roubadas de bola
Davon Reed: 17 pontos e três roubadas de bola


Big 12

(5) Baylor 75 x 61 Texas (4)

Destaques

Baylor
Taurean Prince: 24 pontos, 13 rebotes e quatro assistências
Rico Gathers: 13 pontos e nove rebotes
Al Freeman: 12 pontos e quatro rebotes

Texas
Connor Lammert: 15 pontos e quatro rebotes
Kerwin Roach Jr.: 13 pontos e seis rebotes

 

(8) Kansas State 63 x 85 Kansas (1)

Destaques

Kansas State
Justin Edwards: 23 pontos, dez rebotes e cinco bolas de três pontos convertidas

Kansas
Perry Ellis: 21 pontos e seis rebotes
Frank Mason III: 16 pontos e sete assistências

 

(10) TCU 66 x 86 West Virginia (2)

Destaques

TCU
Chauncey Collins: 18 pontos
Malique Trent: 15 pontos e quatro assistências

West Virginia
Devin Williams: 18 pontos e 13 rebotes
Jevon Carter: 15 pontos
Tarik Phillip: 13 pontos e três tocos
Jaysean Paige: 12 pontos, cinco rebotes e três roubadas de bola

 

(6) Iowa State 76 x 79 Oklahoma (3)

Destaques

Iowa State
Georges Niang: 31 pontos, sete rebotes, cinco assistências e dois tocos

Oklahoma
Buddy Hield: 39 pontos, nove rebotes e dois tocos


Pac-12

(8) Washington 77 x 83 Oregon (1)

Destaques

Washington
Marquese Chriss: 19 pontos, cinco rebotes e três tocos
Andrew Andrews: 19 pontos, quatro rebotes, quatro assistências e três roubadas de bola
Dejounte Murray: 13 pontos, nove rebotes e sete assistências
Malik Dime: 13 pontos e sete rebotes

Oregon
Chris Boucher: 19 pontos, 11 rebotes e três toco
Elgin Cook: 19 pontos, quatro rebotes e três roubadas de bola
Tyler Dorsey: 17 pontos e quatro rebotes
Dillon Brooks: 15 pontos e oito rebotes

 

(5) Colorado 78 x 82 Arizona (4)

Destaques

Colorado
George King: 22 pontos e cinco rebotes
Josh Scott: 16 pontos e 13 rebotes

Arizona
Allonzo Trier: 23 pontos
Ryan Anderson: 17 pontos, 11 rebotes e três tocos
Gabe York: 15 pontos

 

(7) USC 72 x 80 Utah (2)

Destaques

USC
Jordan McLaughlin: 24 pontos
Julian Jacobs: 16 pontos, sete rebotes e seis assistências
Katin Reinhardt: 13 pontos

Utah
Kyle Kuzma: 21 pontos e sete rebotes
Jakob Poeltl: 14 pontos, oito rebotes, quatro assistências e dois tocos
Lorenzo Bonam: 14 pontos
Jordan Loveridge: 13 pontos, quatro rebotes e seis assistências

 

(6) Oregon State 68 x 76 California (3)

Destaques

Oregon State
Cameron Bruce: 25 pontos e quatro bolas de três pontos convertidas
Gary Payton II: 20 pontos, 17 rebotes e dois tocos

California
Ivan Rabb: 21 pontos, 15 rebotes e quatro tocos
Jabari Bird: 20 pontos e cinco bolas de três pontos convertidas
Jordan Mathews: 17 pontos


Big East

(8) Georgetown 67 x 81 Villanova (1)

Destaques

Georgetown
L.J. Peak: 18 pontos e quatro rebotes
Bradley Hayes: 13 pontos e nove rebotes

Villanova
Josh Hart: 25 pontos e quatro rebotes
Ryan Arcidiacono: 19 pontos, seis rebotes e cinco bolas de três pontos convertidas
Kris Jenkins: 15 pontos e quatro rebotes

 

(5) Butler 60 x 74 Providence (4)

Destaques

Butler 
Kellen Dunham: 17 pontos e cinco bolas de três pontos convertidas
Kelan Martin: 13 pontos, dez rebotes e quatro assistências

Providence
Ben Bentil: 38 pontos, oito rebotes, dois tocos e cinco bolas de três pontos convertidas
Kris Dunn: 15 pontos e sete assistências

 

 

(7) Marquette 72 x 90 Xavier (2)

Destaques

Marquette
JaJuan Johnson: 19 pontos, quatro rebotes e quatro assistências
Henry Ellenson: 14 pontos e dois tocos
Haanif Cheatham: 14 pontos

Xavier
Trevon Bluiett: 24 pontos, seis rebotes e cinco bolas de três pontos convertidas
James Farr e J.P. Macura: 12 pontos cada

 

 

(6) Creighton 73 x 81 Seton Hall (3)

Destaques

Creighton
Cole Huff: 35 pontos, nove rebotes e sete bolas de três pontos convertidas
James Milliken: 18 pontos, quatro rebotes e cinco assistências

Seton Hall
Khadeen Carrington: 27 pontos e cinco bolas de três pontos convertidas
Isaiah Whitehead: 24 pontos, 12 rebotes e seis assistências

  • Maicon Gomes

    Esse Hield é foda.
    Como joga.
    E que partida do Allen, excelente jogador.

  • Rodolfo Ribeiro

    É sério isso mesmo que o hield não está nem top 5 nas picks ?
    Eu não manjo mt dos critérios que eles fazem pra escolher,mas que esse cara joga ,joga.

    • Rique

      Sim. É a questão da quantidade de experiência dele na NCAA, no caso, 4 anos. Juniors não são levados tão a sério quando de trata de picks 1 a 5. Nessas posições são considerados os mais jovens (fresh e sophomores) e com estoque de talento alto.

    • TRUETHIAGO

      Hield é senior (último ano) e por mais que tenha feito boas temporadas anteriormente, nada indicava essa guinada para um jogador de +25ppg e acima de 50%FG. Então, está dentro dessa normalidade, jogadores mais velhos que explodem na reta final, acabam ficando para o final da loteria (10-14)

      Guardadas as devidas proporções, é uma trajetória parecida com a do Jimmer Fredette ou, citando um outro prospecto mais recente, Doug McDermott.

      • Pedro

        Concordo, o fato de ser o quarto ano na NCAA e ter demorado a se destacar dá uma prejudicada no valor do draft

      • Rodolfo Ribeiro

        Entendi.Mas esse pensamento das franquias é meio estranho.Quem pegá-lo se dara bem

      • Até pegando um gancho no que você disse Thiago, também leve em consideração (e os outros que tem dúvidas) que as franquias localizadas no top da loteria tem projetos de longo prazo pensando na evolução ano a ano. Então torna-se um risco apostar num atleta com teto de evolução baixo (até porque ele entra com 22-23 anos).

        Resumindo, um time do topo da loteria dificilmente está esperando algo de imediato (só se for um FP) e com isso selecionam pelo teto potencial. No caso de falha é mais fácil aceitação quando a franquia seleciona um underclassem do que um atleta nos últimos anos (Junior & Sênior)

    • Maicon Gomes

      Quem conseguir pegar o Hield ou o Valentine, vai tirar uma sorte grande.
      Os dois devem ser escolhidos entre as posições 10 e 20.

      • Rodolfo Ribeiro

        Pena que a pick do OKC esse ano é ruim

        • Maicon Gomes

          Só não podem ir pro Kings.
          Ia prejudicar muito o crescimento e desenvolvimento dos dois.

    • Rodrigo Morais

      Os Mock Draft lá de fora que eu ando vendo andam colocando o Hield entre 6~8 pick

  • Galvão – EL HEAT #305 🔥

    Duke foi uma bem irregular essa temporada.

    Bem que o Heat poderia fazer um esforcinho pra trazer o Grayson Allen. É um arremessador nato!

  • TRUETHIAGO

    5ª vitória consecutiva de Notre Dame vs Duke. A última equipe que havia conseguido uma sequência positiva assim no confronto direto contra eles foi Wake Forest entre 1995/96…
    Ah, claro, tinham um tal de “Tim Duncan” no time.

    Como eu disse no posts dos clássicos contra North Carolina, ficou evidente a fragilidade no garrafão e dependência dos jogadores de perímetro, na ocasião com Brice Jonhson e Kennedy Meeks fazendo a festa; ontem quem deitou e rolou nos rebotes foi o Zach Auguste (uma boa pedida nas escolhas de 2ª rodada)

    Em geral vem dando a lógica, a não ser que tenhamos alguma surpresa hoje na SEC ou na Big Ten.

    ACC > North Carolina x Notre Dame / Virginia x Miami

    Big 12 > Kansas x Baylor / Oklahoma x West Virginia

    Pac 12 > Oregon x Arizona / Utah x California

    Big East > Villanova x Providence / Xavier x Seton Hall

  • Alex Alves

    Alguém que acompanha NCAA poderia me explicar porque Grayson Allen, que sempre pontua bem e parece ser o principal jogador juntamente com Ingram de Duke esta projetado somente na posição 20° do draft.

    • Rique

      Na NCAA, muitas vezes, as estatísticas enganam. Também achava isso, ele ser um TOP 10 de draft, depois vendo uns jogos, mudei minha opinião. Ainda assim, acho que tem um potencial bacana…

    • Não sou scout, mas a lógica da projeção é: teto potencial, habilidade atléticas e habilidades técnicas. E creio que na visão geral Allen vem para NBA ser um complemento no elenco porque nas habilidades técnicas ele joga muito com a bola na mão e na tradução pra NBA ele vai ser um jogador que atua fora da bola (isso pra quem acompanha a NCAA é algo obscuro).

© Copyright Jumper Brasil 2007-2017 - Todos os direitos reservados