logo lance
undo
Nacionais
Internacionais
Leste
Hawks
Celtics
Nets
Hornets
Bulls
Cavaliers
Pistons
Pacers
Heat
Bucks
Knicks
Magic
76ers
Raptors
Wizards
Oeste
Mavericks
Nuggets
Warriors
Rockets
Clippers
Lakers
Grizzlies
Timberwolves
Pelicans
Thunder
Suns
Blazers
Kings
Spurs
Jazz
Postado em 21 mar 2016 às 18:04
Lesionado, Anthony Davis anuncia que não disputará as Olímpiadas

Astro do Pelicans revela ter jogado com grave problema no ombro nos últimos três anos

Compartilhe nosso conteúdo!
Envie por email!
Compartilhe no Google+ Google +
Tweet esse post! Twitter
Compartilhar no Facebook! Facebook
Por Ricardo Stabolito Jr.

O craque Anthony Davis não virá ao Rio de Janeiro para a disputa das Olimpíadas deste ano. O ala-pivô do New Orleans Pelicans anunciou que não vai participar da competição, que acontecerá em agosto, para recuperar-se de uma grave lesão diagnosticada em seu ombro esquerdo nos últimos dias. Ele passará por cirurgia em data ainda a ser definida e vai ficar afastado das quadras de quatro a cinco meses.

“Essa foi uma decisão dura. Amo a seleção, amei estar no time em Londres-2012 e jogar na Copa do Mundo de 2014. Foi uma grande decisão porque amo defender meu país, mas acho que todos entendem que minha saúde é mais importante do que ficar em quadra. Tenho 23 anos, então, talvez, ainda jogue mais Olimpíadas”, lamentou o craque, que buscava a segunda medalha de ouro olímpica.

O Pelicans já havia anunciado que Davis estava fora da temporada neste fim de semana, mas sem especificar os problemas no joelho e ombro que motivaram o precoce encerramento da campanha do jogador. O próprio atleta confirmou que sofreu um rompimento parcial do labro – estrutura ligamentar do ombro. Uma lesão que, diz, sustentava há três temporadas.

“Eu estou com esse problema por algum tempo, mas, gradualmente, a situação foi piorando. É algo que nós precisamos tratar agora. Os médicos já haviam dito que, eventualmente, uma cirurgia teria que ser realizada no meu ombro”, contou o astro, dando a entender que a junta médica do Pelicans deixou-o atuar com incômodos por anos consecutivos.

O jovem ala-pivô esteve presente em 61 jogos desta temporada, com médias de 24.3 pontos, 10.3 rebotes e 2.0 tocos em 35.5 minutos de ação. Apesar dos bons números, a péssima campanha do Pelicans deverá mantê-lo longe de um dos três quintetos ideais da liga e reduzir os salários de sua extensão contratual máxima já acertada em cerca de US$25 milhões.

  • Vince Mendes

    nunca disputou mais de 70 partidas em uma temporasda… triste um jogador deste nivel se machucar com tanta facilidade

    • Diego Dantas Amaranto

      Isso acontece e ele não é o único a ter esse tipo de problema.

  • Felipe Mendonça

    Vaga garantida do Blake Griffin no quinteto titular.

    • RafaelRox

      Isso nunca, vao preferir jogar com 3 alas

      • Felipe Mendonça

        Cite-os…

        • Nilton Junior

          Leonard, Durant e LeBron seria uma boa!! Acompanhados de CP3 e Drummond ficaria muito bacana!!

          • Felipe Mendonça

            Drummond ou Cousins? Acho que a briga está aí…

          • Nilton Junior

            Pelo estilo de jogo dos outros e do próprio Coach K eu acho que vai de Drummond por ser uma ancora defensiva!! Basta ver que nas últimas olimpíadas ele usava o Tyson Chandler de titular justamente pq não precisava de um pivô dominante no ataque (e poq a principal arma da espanha é o garrafão com os irmãos Gasol)

          • Felipe Mendonça

            Nego vai fazer hack nele cara…

          • Nilton Junior

            regra da FIBA não permite!! Falta intencional sem a bola é técnica, se não me engano!! heheheh

        • RafaelRox

          Carmelo , Durant, Lebron rs

  • Lucas Callado França

    Não sei se é impressão minha, mas de uns anos pra cá os caras que são estrelas da NCAA quando chegam na NBA já estão no seu limite físico. Acho que, nas universidades, se chegou num grau de exigência física que supera a capacidade desses meninos ainda muito jovens.

    • Felipe Mendonça

      Simples, como nas divisões de base no futebol brasileiro.
      O atleta omite até lesão para não perder vaga e dar a chance de outro companheiro de destacar e assim perder uma oportunidade única em se destacar.
      Na NCAA no caso, é passar mais um ano na faculdade… hahahaha

  • Lucas Ottoni

    “contou o astro, dando a entender que a junta médica do Pelicans deixou-o atuar com incômodos por anos consecutivos.”

    Esse trecho do texto diz tudo. Nada mais a declarar.

    Aliás, há sim, só mais uma coisinha a declarar… É MUUUUUUUUUITO SOFRIMENTO!!!

    • Rodrigo Morais

      Essa historia de ele atuar sentindo volta a cair lá no que venho falando sobre planejamento, muito dificilmente um time vai ganhar fazendo um “ganhar agora” (vide Nets) como fizemos quando trouxemos Holiday e Evans, pra que ficar forçando um jovem craque perigando agravar a situação? Tá ai o GSW provando que um bom planejamento rende ouro, deram tempo do Curry concerta bem o joelho e agora ele é MVP, espero que a mentalidade dos GMs do nosso time mude ainda mais que teremos uma pick alta e nos livraremos do contrato gordo do Gordon, mas é capaz de trocarem a pick por um cara meia boca e renovar o Gordon por mais 15 milhas ahahahahahhahaha

      • Lucas Ottoni

        A primeira coisa a se fazer é mandar esse GM ir pastar. FORA, DELL DEMPS!!!

  • Lucas

    É bom, mas ainda está muito abaixo do Green e do Griffin.

    Fico imaginando um time titular dos EUA com Curry, Westbrook, James, Green e Drummond.

    • Lucas Ottoni

      Anthony Davis muito abaixo do Draymond Green e do Blake Griffin? Você deve estar de sacanagem… Jogando mal, ele ainda é melhor que os dois.

© Copyright Jumper Brasil 2007-2017 - Todos os direitos reservados