logo lance
undo
Nacionais
Internacionais
Leste
Hawks
Celtics
Nets
Hornets
Bulls
Cavaliers
Pistons
Pacers
Heat
Bucks
Knicks
Magic
76ers
Raptors
Wizards
Oeste
Mavericks
Nuggets
Warriors
Rockets
Clippers
Lakers
Grizzlies
Timberwolves
Pelicans
Thunder
Suns
Blazers
Kings
Spurs
Jazz
Postado em 30 abr 2016 às 10:27
Prospecto do Draft 2016 – Domantas Sabonis

Ex-pivô de Gonzaga deverá ser uma escolha TOP 20 no recrutamento deste ano

Compartilhe nosso conteúdo!
Envie por email!
Compartilhe no Google+ Google +
Tweet esse post! Twitter
Compartilhar no Facebook! Facebook
Por Gustavo Lima

Domantas Sabonis

Idade: 20 anos
País: Lituânia
Universidade: Gonzaga
Experiência: Sophomore
Posição: ala-pivô/pivô
Altura: 6’10’’ (2.08m)

Médias na temporada 2015-16: 16.9 pontos, 11.7 rebotes, 1.7 assistência, 0.6 roubo de bola, 0.8 toco, 2.6 erros de ataque, 61.5% de aproveitamento nos arremessos de quadra, 35.7% de aproveitamento nas bolas de três pontos, 76.9% de conversão nos lances livres, 31.0 minutos em quadra

Pontos fortes: o filho de um dos maiores pivôs da história do basquete é um dos prospectos mais intrigantes da classe deste ano. Sabonis fez uma ótima temporada e passou a atrair os holofotes não só pelo pai famoso, mas também pelo seu desempenho por Gonzaga. Ele é um big man capaz de atuar nas posições 4 e 5, com instintos, boa mobilidade e força física para encarar o basquete profissional. Aliás, Sabonis não foge do jogo físico no garrafão e é um brigador nas duas extremidades da quadra. O lituano usa muito bem o corpo para impedir que o adversário chegue à bola no rebote (box out), tanto que foi um dos melhores reboteiros na última temporada. Como defensor, Sabonis se faz valer da força física para estabelecer posição e impedir que o pivô adversário receba a bola em boas condições de pontuar. Além disso, ele possui alto QI de basquete, o que é evidenciado por sua ótima movimentação sem a bola, trabalho de pés elogiável e visão de quadra apurada para um jogador do seu tamanho. Não seria exagero afirmar que ele é um dos melhores pivôs passadores da classe deste ano. No ataque, Sabonis melhorou bastante no jogo de costas para a cesta com seus spin moves, fakes e ganchos. Ele também executa ótimos bloqueios e é um grande finalizador em situações de pick and roll. Somado a isso, o jogador, que é canhoto, passou a arriscar mais jump shots de média distância e até tiros de longa distância, o que lhe será de extrema valia na NBA atual. Por ter um bom aproveitamento nos lances livres, fica a expectativa para que ele desenvolva seu arremesso longe da cesta. Pivô old school, Sabonis tem talento e fundamentos para estabelecer uma carreira sólida na NBA, com potencial para se tornar ao menos um bom role player na liga.

Pontos fracos: apesar da boa mobilidade em quadra, Sabonis deixa a desejar no atleticismo. O fato de possuir agilidade lateral apenas mediana, não ser explosivo e não ter grande impulsão e envergadura (apenas 6’11″) limitam bastante sua capacidade de proteger o aro. Durante a última temporada, ele teve algumas dificuldades para marcar pivôs mais ágeis, e pontuar em cima de jogadores de grande envergadura, situações que deverão se repetir na NBA, que cada vez mais privilegia jogadores atléticos e de braços longos. Além disso, Sabonis não tem um jogo ofensivo qualificado fora da área pintada. Tudo bem que ele passou a arriscar jump shots, mas ele deverá dar mais atenção aos arremessos de média e longa distância no nível profissional. Espaçamento na NBA moderna virou quase que uma regra. Por causa de suas limitações atléticas, e de seu jogo de perímetro ainda aquém do recomendável, Sabonis poderá ter dificuldades para encontrar sua posição ideal (4 ou 5) na liga. Por fim, vale dizer que o lituano joga com tanta energia que às vezes passa do ponto e comete faltas tolas nos dois lados da quadra por contato excessivo. Saber dosar esse impulso todo será fundamental para ele na liga.

Comparações: Zach Randolph (bem) mais magro (Memphis Grizzlies) e Luis Scola (Toronto Raptors)

Projeção: entre as escolhas 9 e 20

Confira alguns lances de Domantas Sabonis

Legenda
– Sophomore (segundo ano universitário)

  • Felipe Rodrigues

    É um prospecto interessante, mas alguém ai pode citar um filho de craque q tambem foi craque???

    Não consigo lembrar de nenhum.

    • Sid Payne- Dança muito

      Filho do Bebeto aquele fdp

    • Curry né vei, e ainda ta sendo bem melhor que o pai que jogava muito tbm

      • Felipe Rodrigues

        Dell Curry não foi craque nem aqui nem em Chalotte.

        • Não falei em craque ,so falei que jogava muito

          • Felipe Rodrigues

            Sim Dell foi um bom atleta, mas oq quero dizer é pai e filho fora de serie entende, Dell foi bom mas nada de absurdo, Stephen é um MVP não a comparação.

    • Luan

      Dell Curry não foi craque

    • Luan

      Um exemplo no futebol é o Maldini que foi melhor que o pai e o Thiago Alcantara que é melhor que o pai.
      No basquete nao lembro de nenhum caso

      • Felipe ASM

        Thiago alcântara melhor que mazinho? sério que você coloca um moleque de 25 anos a frente de um cara com uma longa carreira. Essa afirmação não faz o menor sentido.

      • Thiago Alcantara não é melhor que Mazinho na minha opinião ele é bom jogador mas ainda precisa evoluir bem mais sem contar que ele sempre foi beneficiado pelo fato do Guardiola adorar ele, em relação ao Paolo Maldini eu concordo

      • Felipe Rodrigues

        Estou falando do basquete.

    • indian¿

      Thompson Pai , Klay Thompson Filho

      • Felipe Rodrigues

        Mychal Thompson foi bom jogador, principalmente na parte ofensiva mas nunca foi craque.
        Porem em seus melhores anos talvez tenha jogado no mesmo nivel do Klay, salvo é claro as devidas proporções uma vez q ele era Pivô.

    • RAC

      Archie Manning e Eli e Peyton Manning

      • Felipe Rodrigues

        Archie não era craque em 13 temporadas ele só teve mais TDs q interceptações 2 vezes, obvio q temos q considerar a qualidade dos seus companheiros, mas mesmo assim ele era apenas razoavel/bom, nunca foi um fora de serie.

  • Se jogar a metade do que o pai jogou, tá ótimo. Hah

  • Yan Alves #GoSuns

    É ele que eu gostaria que o Suns draftassem com a escolha do wizards. Tomara que esteja disponivel até lá.

  • Nilton Bitencourt

    Toronto vai escolhar ele

© Copyright Jumper Brasil 2007-2017 - Todos os direitos reservados