logo lance
undo
Nacionais
Internacionais
Leste
Hawks
Celtics
Nets
Hornets
Bulls
Cavaliers
Pistons
Pacers
Heat
Bucks
Knicks
Magic
76ers
Raptors
Wizards
Oeste
Mavericks
Nuggets
Warriors
Rockets
Clippers
Lakers
Grizzlies
Timberwolves
Pelicans
Thunder
Suns
Blazers
Kings
Spurs
Jazz
Postado em 15 jun 2016 às 09:53
Ex-jogador da NBA, Nate Robinson pode parar na NFL

Armador pode trocar de esporte para dar seguimento a sua carreira esportiva

Compartilhe nosso conteúdo!
Envie por email!
Compartilhe no Google+ Google +
Tweet esse post! Twitter
Compartilhar no Facebook! Facebook
Por Arthur Isoppo

Três vezes campeão do torneio de enterradas no All Star Game da NBA, o armador Nate Robinson esteve nas quadras da NBA por 11 temporadas. Sete delas vestindo as cores do New York Knicks. Aos 32 anos, Robinson atualmente joga no Hapoel Tel Aviv, na liga israelense de basquete.

Nesta segunda, o rumo de sua carreira no esporte deu passos em outro sentido. De acordo com o jornal The Washington Post, Robinson realizou testes oficiais no Seattle Seahawks, da NFL, para se tornar defensive back da franquia.

Apesar de sua baixa estatura, de 1,75m, o atleta sempre apresentou grandes recursos físicos. Ainda na universidade, em Washington, Robinson jogava ambos os esportes, mas optou por abandonar o futebol americano para dedicar-se ao basquete.

Além do Knicks, Robinson circulou por diversas franquias da NBA. Selecionado no draft de 2005 pelo Phoenix Suns, o armador foi utilizado em troca com o Knicks. Posteriormente, o jogador passaria pelo Boston Celtics, Oklahoma City Thunder, Golden State Warriors, Chicago Bulls, Denver Nuggets, Los Angeles Clippers e mais recentemente pelo New Orleans Pelicans.

Aaron Goodwin, agente do atleta, afirmou ao site TMZ Sports que o atleta prefere continuar jogando basquete, mas caso as oportunidades se voltem para o futebol americano, ele pode realmente trocar de esporte.

  • Gustavo

    “Com 1,75m, 1cm a mais que Neymar, Ex jogador da Nba pode parar na NFL.”

    • Sid Payne- Dança muito

      Grande Galvão

  • Uma pena que não esteja conseguindo times para jogar na NBA. É um bom jogador, gostava muito de assisti-lo jogar.

  • Felipe Rodrigues

    Achei q ele jogaria como RB, como DB não sei se da, mesmo sendo atletico a força fisica e a explosão dos RB, WR e TE pode dificultar e muito as coisas pra ele…

    Mas aguardemos, espero q de certo pq seria uma historia e tanto.

    • Marcelo Desoxi

      Como DB atropelarão ele, talvez como RB ele tenha uma chance, torcerei pra ele mas não acho que dará certo.

  • RafaelRox

    Agora vai? rsrrs

  • FelipeB.

    Não vai conseguir nem entrar em um 90-man roster

  • TRUETHIAGO

    Também achei que ele iria tentar jogar de RB ou no máximo um Slot Receiver.

    Como Defensive Back não vejo ele encaixando, seja de CB ou Safety, que é uma posição onde exige extrema leitura de jogo que não se adquire assim tão rápido. Embora fisicamente os principais FS sigam +/- esse padrão mesmo do Nate Robinson, estatura na faixa dos 1,75-1,80 (abaixo de 6 feet 0 inches) e estrutura corporal atarracada: Earl Thomas, Tyrann Mathieu, Eric Weddle, entre outros, enfim.

    Porém penso que memorizar meia dúzia de rotas ofensivas talvez torne digamos a tarefa acessível para quem está vindo de outra modalidade. Ok, ele jogou de Cornerback lá no College… Mas isso em 2002, faz muito tempo. Futebol americano é dos esportes com maior complexidade que eu já vi.

    • Marcelo Desoxi

      Acredito que pra ele só RB ou Retornador , Darren Sproles consegue ele pode também , mas acho difícil demais ele ter êxito.

  • indian!

    Sé conseguir essa vaga já vai entrar no futuro campeão do SB 51 ..

  • Uncle Drew

    Dá pra ser Punt/Kick Returner, ou Running Back – Recebedor( tipo o Shane Vereen ou Dion Lewis). Mas mesmo assim, ainda precisa ganhar mais massa muscular.
    DB não vai dar, só se ele for Safety (e para jogar nessa posição o cara tem q ser MUITO inteligente. Como ele já vai de cara, aos 32 anos.. acho q não é uma boa ideia.)

  • Danilo Veroneze
  • Vinicius Oliveira

© Copyright Jumper Brasil 2007-2015 - Todos os direitos reservados