logo lance
undo
Nacionais
Internacionais
Leste
Hawks
Celtics
Nets
Hornets
Bulls
Cavaliers
Pistons
Pacers
Heat
Bucks
Knicks
Magic
76ers
Raptors
Wizards
Oeste
Mavericks
Nuggets
Warriors
Rockets
Clippers
Lakers
Grizzlies
Timberwolves
Pelicans
Thunder
Suns
Blazers
Kings
Spurs
Jazz
Postado em 27 jul 2016 às 20:42
Na reta final de preparação, Raulzinho destaca união do grupo e ansiedade por Rio 2016

Armador do Utah Jazz disputará os Jogos Olímpicos pela segunda vez na carreira

Compartilhe nosso conteúdo!
Envie por email!
Compartilhe no Google+ Google +
Tweet esse post! Twitter
Compartilhar no Facebook! Facebook
Por Gustavo Lima

Por Assessoria de Comunicação

Depois de cinco semanas de treinos em São Paulo – período em que fez um jogo-treino contra a equipe de Franca e dois amistosos contra a Romênia -, a seleção brasileira masculina de basquete já está em Mogi das Cruzes (SP), onde disputará quatro jogos, fechando sua preparação para os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro.

O primeiro duelo será na noite desta quinta-feira (28), contra a Austrália, às 20h (horário de Brasília) – o canal SporTV transmite a partida ao vivo para todo o país. Depois, encara o Super Four enfrentando a China no sábado (30). Austrália e Lituânia se enfrentam na outra partida e os vencedores decidem o título no domingo (31). O armador Raulzinho, que vai disputar os Jogos Olímpicos pela segunda vez, não escondeu a expectativa pela competição. Ele ressaltou a união do grupo e a importância dos confrontos.

“Estamos muito unidos, concentrados, e essa união, esse bom ambiente que temos é um dos fatores importantes para que a gente possa alcançar os nossos objetivos. A ansiedade é grande, à medida em que se aproximam os Jogos, não é um evento qualquer, são as Olimpíadas, na nossa casa, é uma ansiedade boa, um friozinho na barriga que serve mais como motivação do que como pressão. Importante termos esses últimos amistosos para sabermos em que nível está o nosso time, enfrentando seleções que estão com o mesmo objetivo que o nosso”, afirmou o jogador de 24 anos.

Depois do Super Four, antes de entrar na Vila Olímpica, o Brasil faz ainda mais um amistoso, contra a China, no dia 2, ainda no interior paulista. O Brasil está no Grupo B dos Jogos Olímpicos, ao lado de Argentina, Espanha, Croácia, Nigéria e Lituânia, sendo o último, o adversário da estreia, no dia 7 de agosto, às 14h15.

  • el pistolero

    Espero que ele seja titular. Infelizmente vamos ter que aturar Huertão de novo.

  • eu eu mesmo

    Huertas tem um dos maiores IQ que já vi no Basquete. É bizarro, o cara cria jogadas do zero. O que ele fez no ataque* do lakers nessa temporada foi uma aula de tática ofensiva, parecia o técnico jogando.
    Porém, se o Irving ou qualquer armador agressivo for pra cima a gente perde muito, já temos um grupo baixo, se tiver que dobrar pra ajudar o Huertas vai complicar. Espero que o Raulzinho divida o mesmo tempo de quadra que o Huertas.

  • LP

    É uma pena o leandrinho ser tão baixo senão podia entrar com Huertas, Raulzino e leandrinho. Pra mim o grande erro dessa convocação foi não ter levado outro ala no lugar do rafa luz pq o time ta com 6 guards, e se tivesse o Splitter e Vareja era grande candidato a prata.

  • Pena que não tem como rodar um time com ele e Huertas, mas os estilos dos dois se complementam perfeitamente.

    Na impossibilidade de ter os 2 ao mesmo tempo, fico com o cerebral. Deixa o Raul no banco e para pegar matchups muito desfavoráveis ao Huertas – quase todos, btw.

  • Leonardo

    Não acompanhei a carreira do Huertas e nem ele no Lakers ano passado. É um dilema difícil entre ele e o menino Raul. São olimpíadas, ou seja, é preciso experiência, mas tbm são times muito fortes e o Huertas não sabe marcar muito bem, e esta ficando velho, raulzinho marca bem, assisti um jogo contra OKC em que roubava bolas do Durant! Mas falta-lhe experiência que sobra ao Huertas. De qualquer forma da pra tentar começar com Huertas e ver como ele reage, se a defesa estiver muito aberta voltar com o Raul e Huertas vindo do banco descansado.

© Copyright Jumper Brasil 2007-2017 - Todos os direitos reservados