logo lance
undo
Nacionais
Internacionais
Leste
Hawks
Celtics
Nets
Hornets
Bulls
Cavaliers
Pistons
Pacers
Heat
Bucks
Knicks
Magic
76ers
Raptors
Wizards
Oeste
Mavericks
Nuggets
Warriors
Rockets
Clippers
Lakers
Grizzlies
Timberwolves
Pelicans
Thunder
Suns
Blazers
Kings
Spurs
Jazz
Postado em 7 set 2016 às 16:25
Rapidinhas de quarta-feira (07-09-16)

Marc Gasol deverá estar pronto para o começo da pré-temporada, Aaron Gordon quer ser um dos cestinhas no Magic; e muito mais

Compartilhe nosso conteúdo!
Envie por email!
Compartilhe no Google+ Google +
Tweet esse post! Twitter
Compartilhar no Facebook! Facebook
Por Gustavo Freitas

Pekovic volta a treinar, mas ainda não está recuperado

Ainda longe de sua melhor forma física, o pivô Nikola Pekovic está treinando há algumas semanas, na preparação para a próxima temporada. O jogador do Minnesota Timberwolves pouco atuou em 2015-16 (12 jogos) e não entra em quadra desde o dia 31 de janeiro.

Pekovic, de 30 anos, sofreu uma contusão no pé antes mesmo da temporada passada e não progrediu desde então. Voltou a jogar no início de janeiro, mas a lesão seguiu o importunando e, em menos de um mês, já não tinha mais condições de atuar.

Sem espaço na rotação, já que o Timberwolves conta hoje com diversos jogadores para o garrafão, Pekovic foi oferecido a vários times. Entretanto, ele possui mais dois anos de contrato, no valor de US$ 23.7 milhões e não encontrou parceiros para uma negociação.

 

Volta de Pierce segue em dúvida

Paul Pierce 2

A diretoria do Los Angeles Clippers ainda não sabe se Paul Pierce vai voltar para a próxima temporada. De acordo com o jornalista Chris Forsberg, da ESPN, o técnico Doc Rivers ainda acredita na possibilidade.

“Depende do dia em que eu for falar com ele”, disse Rivers. “Ele mudou várias vezes de opinião sobre o assunto durante suas férias. Acho que ele tem o direito de fazer isso. Realmente acho. Então, você sabe, Paul não teve a sua melhor temporada no ano passado. Não acho que ele quer sair do caminho, então creio que ele esteja trabalhando para retornar. Mas ele ainda pode mudar de opinião na próxima semana. Então nós só precisamos aguardar. Eu disse a ele que se eu o ver durante os treinamentos, vou entender que ele vai jogar”.

Desde 1998-99 na NBA, Pierce obteve um título da liga em 2007-08 pelo Boston Celtics, mas atuou por quatro equipes diferentes desde 2012-13. Próximo de completar 39 anos, o ala tem contrato por mais duas temporadas com o time californiano.

 

Recuperado, Marc Gasol deve estar pronto para os treinamentos

A temporada 2015-16 de Marc Gasol foi para esquecer. Depois de atuar em apenas 52 partidas, por conta de uma fratura no pé, o espanhol não conseguiu se recuperar em tempo de disputar as Olimpíadas pela seleção de seu país, em agosto. No entanto, o atleta indicou que deverá participar de todos os treinamentos do Memphis Grizzlies, a partir do dia 1° de outubro.

Em franca recuperação, Gasol treinou recentemente no Barcelona e está fazendo fortalecimento na região afetada pela contusão há pelo menos dois meses. Acredita-se que o jogador estará em quadra na estreia do Grizzlies na pré-temporada.

O pivô, de 31 anos, obteve médias de 16.6 pontos, 7.0 rebotes e 3.8 assistências em cerca de 34 minutos de ação na temporada passada.

 

Aaron Gordon quer ser um dos cestinhas do Magic

O Orlando Magic vai entrar na próxima temporada com a missão de tentar retornar aos playoffs, algo que não acontece desde 2011-12. Sem Victor Oladipo, negociado com o Oklahoma City Thunder por Serge Ibaka, o ala Aaron Gordon quer ganhar mais espaço na rotação para tornar-se um dos principais cestinhas da equipe.

“Acho que ele quer que eu faça muito de muitas coisas”, disse Gordon sobre o técnico Frank Vogel. “Desde defender até distribuir a bola e pontuar. Nós vamos precisar de pontuar mais nesta temporada e eu estou em busca de mais chances de ser um cestinha”.

A titularidade pode até não acontecer em 2016-17, pois o time contratou o ala Jeff Green. Mas Gordon garante ter confiança para ter um papel importante no elenco e treina alguns fundamentos há pelo menos dois meses.

“Só quero jogar com confiança e coragem”, afirmou. “Se eu jogar com amor e alegria, então tudo vai ser mais fácil. Definitivamente, você vai me ver jogando com muito mais alegria e será bem divertido. Estou pronto para começar agora”.

Gordon, de 20 anos, obteve médias de 9.2 pontos, 6.5 rebotes e teve aproveitamento de 47.3% nos arremessos de quadra em 2015-16.

 

Segundo jornalista, Heat ainda não definiu o ala-armador titular

Dwyane Wade foi embora para o Chicago Bulls e deixou uma dúvida a ser respondida: quem será o titular em seu lugar? Até o momento, o técnico Erik Spoelstra não deu nenhuma indicação sobre a posição, até porque o time possui diversas opções.

De acordo com o jornalista Ira Winderman, do South Florida Sun-Sentinel, a definição deverá acontecer apenas depois dos primeiros jogos na pré-temporada.

Josh Richardson parecia o principal candidato por ter tido mais oportunidades nos playoffs, mas o time assinou com Dion Waiters, ex-Oklahoma City Thunder e trouxe de volta o jovem Tyler Johnson, que assinou um contrato de US$ 50 milhões por quatro anos com o Brooklyn Nets, mas o Heat cobriu. Além disso, fechou com Wayne Ellington, ex-Nets.

Winderman, entretanto, acredita que está entre Richardson e Johnson, embora tenha informações de que Waiters teve a titularidade prometida por Pat Riley.

  • Matheus Pitarello

    Que seja o Richardson, ai ja vai preparando ele para o futuro…

  • Sid Payne- Dança muito

    Se o Waiters n for titular… kkkk, preferiu ganha menos pra ser titular kk

    • Matheus Pitarello

      se ele não for titular ele vai dar uma voadora no Pat rsrsrs…

  • Killer Crossover

    Não tem nada haver com a matéria. Mas já deu de Doc Rivers no Clippers não ? Todo ano quase batendo na trave e não é de uma final de NBA, mas “só” uma de conferência… Se não conseguirem nada esse ano com um Spurs “desconhecido”, um OKC que pode ou não ser um time perigoso e tendo “só” o Warriors como franco favorito à uma final do Oeste, então sem dúvidas (pra mim) a “era Rivers” (inclua-se o filho kkk) tem que acabar.

    P.S: Talvez uma reformulação de elenco também não iria cair mal. Afinal o azarado da história ai é o Rivers, CP3 ou o conjunto da obra ? kkk

    • Paulo OKC

      Sempre digo isso.O time do Doc depende muito do CP3 e com um elenco desses ele não conseguir chegar numa final de conferência é muito fracasso.

    • Doug

      Realmente, com essas considerações que vc bem frisou, se o time estiver inteiro, qq coisa que não seja uma final de conferência é derrota…e olha que eu acho bem provável que não consigam…

    • Sid Payne- Dança muito

      2014 se ganhassem aquele jogo 5 em OKC… iriam se classificar czt, ai na temporada seguinte vem aquela palhaçada… porra Rivers

    • Charles

      Spurs desconhecido? É tranquilamente o favorito a ir às finais de conferência com o Warriors. Acho até que têm chances de baterem o time de Oakland. Só eles e o Cavs podem pensar nisso.

      • Killer Crossover

        Me refiro à desconhecido pelo fato de não ter Timmy essa temporada, ter um Kawhi um pouco omisso nos offs da última season (esperar o mesmo dele ? ou uma melhora ?), a chegado do Gasol. Foram poucas peças que saíram e outras que entraram, mas ainda sim não é um time que da pra pregar como uma “potência” essa temporada. Assim como na última lembra ? Fez uma campanha histórica jogando em casa e acabou perdendo jogos na mesma.

        • Charles

          Até concordo. Mas, mesmo assim, acho que o Spurs, em relação a Clippers, Grizzlies e Thunder, vem melhor para essa temporada.

  • Pedro Ferreira

    Richardson na 2,o garoto mostro que tem potencial

  • Uncle Drew

    Eu tava lendo um texto do The Ringer, q tinha o seguinte título “Os novos quintetos da morte” (Em referência ao famoso quinteto da morte do Warriors, na temporada passada.). O cara citou um do Jazz, um do Pistons, um do Celtics, um do Wolves e um do Magic.
    O do Magic era: Hezonja – Fournier – Gordon – Ibaka – Biyombo. Imagina esse time com essa mentalidade do Gordon de ser cestinha do time? Orlando poderia surpreender! Hezonja tem tudo para explodir nesta temporada (sem o Oladipo para atrapalhar seu desenvolvimento), Fournier sendo o Scorer do time, Gordon com sua versatilidade no ataque e se juntando a uma defesa MONSTRUOSA com Ibaka, q contribui mt no ataque tbem, e Biyombo.
    Eu não tinha visto o Magic com esse olhar específico para esta rotação.. depois q eu comecei a pensar nela… mermão.. pode funcionar! Vogel é mt bom em desenvolver jogadores (Hezonja, Fournier, e Gordon) e é especialista na Defesa (Gordon, Ibaka e Biyombo.). E Vogel já declarou q vai usar Gordon como um Small Forward.
    De repente, fiquei curioso para ver esse Orlando Magic.

    • Gustavo

      Orlando sem Vusevic e Payton no time titular? Acho difícil…

      • Michel Moral

        Também acho. A presença de Ibaka deve permitir que Vucevic permaneça entre os titulares. Mas sinceramente?! Esse Magic todo repaginado pode ter mudanças nessa temporada. Não me surpreenderia ver Gordon e Biyombo ganhando mais espaço e até ganhando posições.

        Aliás, faz todo sentido dar espaço ao Gordon, que está fazendo o que se espera dele. Lembrando que ele é pick 4th de um draft histórico para os analistas, ou seja, deixou muita gente boa para traz.

        Não acho que Ibaka foi contratado para ser banco. Se assim o fizer, pode ter certeza que vai gerar desconforto no jogador, que veio para um centro menor via trade. Diferentemente do Biyombo, por exemplo.

        Pode ser que jogue Gordon e Ibaka no garrafão. Mais experiente, o ala-pivô naturalizado espanhol pode jogar de Center.

        Sobre o Payton, pra mim, não há dúvidas. Embora muita gente questione, o Magic o escolheu para ser o armador. Isso fica muito claro nas decisões da franquia.

        Quem não está pronto, do quinteto apontado pelo Uncle Drew, é o Hezonja. Super Mario não foi bem em seu ano de estréia, bem como não jogou como se esperava nas olimpíadas.

        • Gustavo

          Não me surpreenderia em ver o Gordon de SF, numa formação com Payton, Fournier, Gordon, Ibaka e Vusevic

      • Dave

        Pelo que eu entendi, não é necessariamente o time titular, mas um lineup que seja utilizado em situações bem específicas. O lineup de Detroit citado na matéria, por exemplo, nem tem Drummond e é óbvio que ele será titular. É uma forma de mudar o estilo de jogo da equipe para surpreender o adversário ou algo parecido.

      • Uncle Drew

        Eu disse rotação e não time titular. A lineup of Death do Warriors é uma rotação e não a equipe titular. O conceito desse termo é, ter uma rotação q seja eficiente e pegue o adversário desprevenido, sendo usada no final do jogo para fechar os jogos ou sendo usada durante o jogo para finalizar a partida antes mesmo dela terminar. Raramente ela é usada no início dos jogos (pegando o exemplo da rotação do Warriors), somente em situações de emergência.
        Lógico q o time titular tem Vucevic e Payton, mas o autor do texto colocou exemplos de rotações q talvez tenham potencial para ser as mais eficientes da NBA. E a do Magic eu achei interessante, pq como ele diz… É um Small Ball reverso. Todos altos, versáteis e com característica principal defensiva (algo q encaixa com o Vogel).

        • Gustavo

          Entendi, ai concordo!

    • Sem ninguém pra armar não sei se ficaria interessante, na defesa esse quinteto é forte, mas no ataque se complica com tanto ala, e Gordon pra mim é mais ala-pivô que small forward, quero ver como o Vogel vai fazer o time se movimentar no ataque…

      • Uncle Drew

        Ele dá uma breve explicada q o Hezonja e Fournier poderiam segurar a bronca na armação, começando pick And Rolls e etc.
        Vogel disse q irá utilizar o Aaron Gordon como um SF às vezes. Certamente ele irá testar o Gordon como um SF.

        • Pode até dar certo, porém o Vogel teria bastante trabalho pra fazer um jogador que usa muito a explosão física próximo a cesta como o Gordon na posição de ala, a questão de não ter um armador de ofício se acerta com os treinos bem como voce disse, fazendo muitos P & R ‘s e jogadas mais simples, movimentando bem a bola, no papel a formação é interessante sim, quero ver se ele vai testar nos jogos…

  • felipe fernando Oliveira

© Copyright Jumper Brasil 2007-2017 - Todos os direitos reservados