logo lance
undo
Nacionais
Internacionais
Leste
Hawks
Celtics
Nets
Hornets
Bulls
Cavaliers
Pistons
Pacers
Heat
Bucks
Knicks
Magic
76ers
Raptors
Wizards
Oeste
Mavericks
Nuggets
Warriors
Rockets
Clippers
Lakers
Grizzlies
Timberwolves
Pelicans
Thunder
Suns
Blazers
Kings
Spurs
Jazz
Postado em 23 set 2016 às 15:38
Reprovado em exames, Chris Bosh não tem previsão de volta às quadras e pode ter carreira encerrada

Jogador não foi liberado para participar da pré-temporada do Heat por conta de repetidos casos de coágulos sanguíneos

Compartilhe nosso conteúdo!
Envie por email!
Compartilhe no Google+ Google +
Tweet esse post! Twitter
Compartilhar no Facebook! Facebook
Por Gustavo Lima

O drama envolvendo o ala-pivô Chris Bosh, diagnosticado com repetidos casos de coágulos sanguíneos, ganhou mais um capítulo nesta sexta-feira (23). O Miami Heat divulgou que o jogador foi reprovado em uma série de exames médicos, e que, por isso, ele não foi liberado para participar da pré-temporada da equipe.

Contrariando o que foi divulgado há 11 dias, Bosh não está recuperado da segunda incidência de coágulos sanguíneos em menos de dois anos. A franquia disse ainda que não há prazo para o retorno do jogador às atividades relacionadas ao basquete.

De acordo com o sempre bem informado repórter Adrian Wojnarowski, do The Vertical, a direção do time de Miami acredita que a passagem do ala-pivô pela franquia tenha chegado ao fim por conta do problema de saúde do atleta. Ainda segundo a publicação, a relação entre Bosh e o presidente do Heat, Pat Riley, é a pior possível, já que o jogador tem se negado a conversar com o dirigente nos últimos meses.

O dono da franquia, Micky Arison, e os médicos da equipe temem pela saúde de Bosh, que insiste em continuar a carreira na NBA. Para eles, é improvável que alguma franquia queira correr os riscos e dê espaço para que o jogador retorne às quadras.

Apesar de repetidos casos de coágulos sanguíneos (nos pulmões e na panturrilha), Bosh vinha trabalhando com médicos especialistas para encontrar uma maneira de retomar a carreira. Nos últimos dias, o jogador vem fazendo uma agressiva campanha pública para ser liberado para voltar a jogar.

Vale lembrar que o ala-pivô, de 32 anos, tem mais três anos de contrato com o Heat. Bosh poderá ser retirado da folha salarial da equipe se permanecer inativo por um ano, o que pode acontecer em fevereiro de 2017.

Bicampeão pelo time de Miami (2012 e 2013), o camisa 1 defende o Heat desde julho de 2010. Em 893 jogos disputados na carreira, o ala-pivô acumula médias de 19.2 pontos e 8.5 rebotes.

  • Pedro Ferreira

    Eu li no face que ele e o Pat já não se falam a meses,se isso for verdade o que ta acontecendo com Pat,que destruir tudo o que fez

    • Michel Moral

      É preciso prestar atenção nos atos de Pat Riley.

      É muito oportunismo criticá-lo, pois eu não me embro de dirigentes que fizeram o que ele fez com o Heat. Em menos de uma década montou dois times campeões, quando na temporada anterior era time que nem disputava playoffs direito.

      Por isso, admiro muito o trabalho dele.

      A princípio, não acredito que ele seja o grande culpado pela não renovação do Wade. Até que se tenha uma prova contundente a respeito das negociações, acho que Dwyane já premeditava sua saída de alguma forma. Não porque queria sair do Heat (tipo, o amor acabou). Não é isso. É que o cara já tinha dedicado a sua carreira toda ao time da Flórida, ou seja, foi um ciclo que se fechou.

      Nessa treta com o Bosh também prefiro não me pronunciar por enquanto. Talvez pressão em Pat por reforços de peso?

      Mas é bom observar os próximos passos do Mr. President.

      • Pedro Ferreira

        Não disse que ele não serve mais,só que se isso for verdade ta estranho

  • pedrokadf

    Péssima noticia, com relação a reforço para ao Heat, mas se a saudê dele está em risco, estou do lado dos médicos, primeiro lugar a vida, infelizmente acho q a carreira do dino está acaba, espero q fique saudável para ter uma vida normal, claro q ainda espero um milagre para q ele possa voltar a jogar… mas acho bem difícil depois dessa noticia.

  • Michel Moral

    Tirando catástrofes como a de Bobby Phills, que morreu tragicamente, uma vez confirmado o fim da carreira de Chris Bosh, vamos ser testemunhas de uma das histórias mais tristes da NBA.

    Embora existam casos de aposentadoria precoce, vide Yao Ming e Brandon Roy, o caso de Bosh é bem mais impactante, pois é a vida dele que está em jogo e não somente a carreira dele como atleta profissional.

    Nesse sentido, é ótimo que os médicos tenham reprovado ele nos testes. Evitar o pior é que deve ser feito.

    De qualquer modo, Bosh já é um dos maiores da sua posição na história. Conquistou dois títulos como protagonista.

    • Leonardo

      Aposenta-se forçadamente nada mais nada menos que um All-Stars…

    • Guilherme Mota

      Sem esquecer do Len Bias, que apesar de não ter jogado na NBA, era considerado o grande jogador a bater Jordan (Pra quem não sabe, morreu de overdose dois dias depois de ter sido draftado), e Reggie Lewis, que morreu de um ataque cardíaco logo após sua melhor temporada na liga. Curiosamente, os dois dos Celtics, e escolhidos um ano após o outro.

    • Vinícius Maia

      Também vejo a situação do Bosh como mais triste do que a do Brandon Roy, T-Mac, dentre outros que sofreram com lesões. Em casos como o de Brandon Roy e do T-Mac, chega um momento em que, de certo modo, até os fãs torcem para os caras pararem, porque parece que as seguidas lesões levam junto o bom basquete que os caras tem. Chega a ser triste para os fãs ver um cara que um dia brilhou, se “arrastando” na quadra. Mas no caso do Bosh, é diferente, pois apesar de seu auge já ter passado, ele continuava apresentando um basquete de alto nível e, nesse Heat atual, teria total condições de assumir a liderança técnica e “moral” da equipe. É muito triste ver um cara nessa situação ter que dizer adeus.

  • Pedro Ferreira

    E desde já msm não sendo confirmado ainda,muito obrigado Bosh por tudo que você fez pelo Heat,vc tmb é um dos responsáveis por eu ser torcedor dessa franquia

  • Pedro Ferreira

    É o fim!

  • Pedro Ferreira
  • Leonardo

    Agora já era

  • Galvão 🔥 #305

    Foi o que os analistas do Sun Sentinel disseram, nada do que o Bosh fez nos últimos meses, buscando uma alternativa a todo custo ia servir para colocar ele em uma quadra na NBA, principalmente pelo Miami Heat que já que os médicos da equipe deram a carreira dele como encerrada.

    Acho que Bosh não tem que levar para o pessoal como ele tem feito, buscando recursos para pressionar equipe, indo a mídia falar sobre e meio que buscar uma comoção, usando os amigos atletas para se manifestarem sobre o caso, sendo que ele não tem mais condições de jogo sem prejudicar sua saúde. Com certeza é uma notícia difícil, mas não tem como buscar culpados, e entender a complexidade da situação.

  • Se os médicos não querem deixar ele jogar, é porque REALMENTE é grave. É compreensível o fato de que ele quer jogar, mostra o AMOR que ele tem pelo basquete, mas acho que ele deve pensar na vida que está em risco, já conquistou tudo, então não terá frustrações por esse lado…
    Claro que como amante da bola laranja não tem como não ficar triste…

    VALEU DINO!!!

  • Vitor Medson

    Obrigado Dino!
    Meu jogador favorito na NBA, mas é melhor ir cuidar da saúde e aproveitar a família.

  • DirkMito

    Mais uma vez Pat ”mitando”.

    • Pedro Ferreira

      ta estranho,mais Pat tem muito credito

    • DamonHeat

      pat tirou para errar agora.
      mas mesmo assim tem muito mais acertos do que erros

  • Paulo OKC

    Bosh tem que entender que a vida dele está em risco.

  • Lucas Callado França

    É claro que ele quer voltar. Quer manter seu grande contrato. Por outro lado, o Miami sabe que, mesmo se ele voltar, o risco é grande e ele não deve jogar da mesma forma. Por isso esperam ansiosos por fevereiro para se livrarem desse contrato.
    Se ele vai acabar jogando em outra franquia ninguém sabe, mas duvido arrumar metade da grana que tinha nesse contrato.

    • Pedrão – heat

      O contrato dele é totalmente garantido, mesmo se ele for anistiado receberá o valor total do salário, a única vantagem para o Heat é que aliviaria o cap, pois seu salário não contaria para o cap, mas o Bosh não perderia 1 centavo do salário.

      • Alex Alves

        A questão é que se ele tiver doente nenhuma franquia vai se comprometer em arriscar um contrato imagina se ele morrer em quadra o time esta FUDIDO literalmente, o problema que ele tem é muito perigoso. Acredito que o jogador queira jogar e nem seja exatamente por grana, mas é difícil ficarmos sem fazer o que gostamos.

      • Lucas Callado França

        Ah tá. Eu achei que em caso de o jogador ficar mais de 1 ano afastado por questão de saúde, a franquia não precisava pagar mesmo o contrato sendo garantido.

  • DamonHeat

    o último dinossauro

  • nelson alves domingos

    Se eu fosse ele pensava primeiro na familia e filhos…

  • Victor Chittolina

    Um lance enigmático do Bosh como jogador do Heat é o game winner do LeBron contra o Pacers, em 2012, se eu não me engano, quando o Indiana vencia por um ponto faltando dois segundos. LeBron recebeu a bola, bateu pra dentro e finalizou a bandeja.
    Todo mundo só queria saber o que diabos o Hibbert, melhor protetor de aro do time, fazia no banco naquela jogada.
    Depois, o Frank Vogel, treinador do Pacers na época, explicou que deixou ele no banco pra dar mais mobilidade pra defesa, com medo de um arremesso (quase sempre mortal) da meia distância do Bosh.
    As glórias ficaram com o LBJ, mas isso mostra a importância silenciosa do Bosh na equipe, o quanto ele contribuiu sem precisar dos holofotes.

  • Eu adoraria ver o Bosh em quadra novamente, mas acho que o Heat está correto em não liberá-lo, é uma questão complicadíssima que ele passa, e o tratamento dele é delicado e pelo que eu li ele poderia se submeter ao tratamento mas que deve evitar exercícios por várias horas por dia por causa da ação do medicamento, então é um risco grande que qualquer pancada pode fazer o estado dele ficar crítico e o problema do sangue não coagular é foda, então o heat não quer correr esse risco do cara ter uma piora e o estado dele se agravar jogando….

  • Não entendo o Bosh colocar sua vida em risco por mais uma temporada. Não adianta querer jogar quando o corpo não deixa, morrer por isso seria muita estupidez, ainda mais para alguém inteligente como ele.

    • Vinícius Maia

      Para nós que estamos de fora, é fácil falar cara. Para um pessoa que ama e pratica o esporte quase a vida inteira abrindo mão de inúmeras coisas para jogar em alto nível, é difícil admitir que é a hora de parar, ainda mais na situação do Chris Bosh, onde ele ainda está numa idade boa para jogar, tem atleticismo e ainda estava apresentando um basquete de alto nível. Numa situação dessas, é muito difícil admitir para si mesmo que é hora de parar.

  • BetoMavs

    O que menos importa aí é a vontade do jogador, está certo o Heat em vetá-lo, é uma pena mas o Bosh precisa se afastar das quadras, é um vencedor ganhou tudo que podia na NBA.
    https://twitter.com/ESPNSteinLine/status/779436358104252416

  • Claudio R.

    O que vai acabar acontecendo é que o Heat não vai deixá-lo jogar, vai ser anistiado da folha de pagamento, o Bosh continuará recebendo o salario, e vai jogar pelo min em outra franquia… e vai detonar!!!… O heat vai perder mais um Franchise Player em menos de 3 anos… Acho que a decisão é do BOSH de jogar ou não… se ele quer, assuma a responsabilidade por tudo… e bola pro alto! Vai pro Cavs Bosh!!!

    • Vinícius Maia

      “Acho que a decisão é do BOSH de jogar ou não”. A coisa não é assim tão simples cara. Eu não sei bem qual é o problema do Bosh porque não acompanhei a ultima temporada, mas pelo que li na matéria e pelo que o pessoal está falando nos comentários, o problema de saúde dele pode ser fatal se ele jogar. Sendo assim, nenhuma franquia vai querer correr o risco de ver um jogador morrendo em quadra vestindo a sua camisa. Posso estar enganado, mas acho que isso seria algo sem precedentes na NBA. Não se pode colocar a vida de um atleta em risco só porque ele quer. É lógico que a principio ele vai querer continuar jogando. Está com 32 anos, está em forma física, ainda apresentava um basquete de alto nível então é meio óbvio que ele queira jogar e nem ele mesmo deve estar medindo as consequências no momento devido ao seu amor pelo esporte.

      • Claudio R.

        Eu entendo Vinicius, eu li no Bleacherreport sobre isso, o caso é grave sim, mas ele tá com uma equipe medica por fora cuidando desse problema, já disseram que ele pode jogar desde que não seja back-to-back. O Bosh é formado, altamente inteligente, então sabe dos riscos, e msm assim deseja corre-lo. Eu ficaria muito puto como profissional se a minha equipe não me deixasse jogar sendo que o risco é todo meu!!!. Faz um contrato liberando o Heat e a NBA de qualquer culpa e pronto. Deixa o cara jogar, pois acho que é o que vai acontecer, ele vai entrar com um processo pra poder jogar, e vai ganhar, o Heat é que vai perder outro FP por medo.

        • BetoMavs

          Mesmo que outra equipe estivesse disposta a correr o risco, a chance da NBA vetar é grande, pegaria mal para a imagem da liga deixar um jogador jogar correndo risco de morrer jogar, mesmo sendo vontade do jogador, esse negócio de assinar contrato isentando a liga e as franquias não funciona muito não.

          • Claudio R.

            por isso acho que ele vai processar a NBA e o Heat através das Associação de Jogadores.(ABPA se eu não me engano) pra jogar!

          • Sid Payne- Dança muito

            Seria ridículo da parte dele

          • Claudio R.

            ué porque?… se o cara quer jogar!

          • Sid Payne- Dança muito

            Claro… com graves problemas de saúde e pessoas tentando ”impedir”, ele vai vai la e vai processar? tão se preocupando com a saúde do cara po!

          • Daniel Nogueira

            É como você querer me processar por eu tentar impedi-lo de tomar veneno.

          • Paulo OKC

            Duvido.A associação de jogadores está aí exatamente pra proteger os jogadores.

          • Claudio R.

            foi ele msm quem falou isso!… procura lá no bleacherreport. A associação está justamente pra defender os interesses dos jogadores, seja eles quais forem… é tipo um sindicato!

  • Rafael Victor

    Triste! Porém, se ele tá disposto a assumir os riscos e continuar jogando, aí é com ele! O Heat tá certo em vetá-lo!

  • Pedro Ferreira

    Agora que não temos mais nenhum All star em quadra,é tankar nivel 76ers e pega a primeira escolha no próximo draft que promete ser forte

  • Uncle Drew

    O cara é reincidente nisso, não dá para confiar nesses remédios anti-coagulantes q ele iria usar. Seria uma boa história de superação mas é bastante arriscado, e ele iria jogar, mas provavelmente não em alto nível.. não sei se vale a pena. Ainda existiria um processo de não jogar partidas Back-to-Backs por conta do remédio e etc.
    Já fez muito pelo basquete, não precisa provar nada para ninguém. Pode se aposentar tranquilo. O fato dele se aposentar por causa desse problema é ruim, mas as chances de acontecer alguma coisa grave em uma quadra de basquete pode ser ainda pior.

    • Pedro Ferreira

      Concordo com vc,saúde antes de tudo por mais amor que tenha pelo jogo ele tem que pensar no filhos e na familia que depende dele

  • Burnie … Wtf??

    Cara… Sou muito fã do Bosh, mas às vezes tu tens que largar de mão, com saúde não se brinca. E como efeito secundário essa indefinição é muito ruim pro planejamento do Miami. Olha só todos os rolos que podem dar: http://nba.nbcsports.com/2016/09/24/chris-bosh-does-not-want-to-retire-which-leaves-heat-in-a-quandry/

  • Pablo Leite

    Nossa, é terrível. Estou triste pelo Chris Bosh, que é um grande jogador, e, segundo dizem, uma grande pessoa também. Acho que o Heat está sendo prudente no caso do jogador, seria uma tragédia ver o jogador morrer em quadra. Tomara que haja um final feliz, mas, não estou muito seguro disso.

© Copyright Jumper Brasil 2007-2017 - Todos os direitos reservados