logo lance
undo
Nacionais
Internacionais
Leste
Hawks
Celtics
Nets
Hornets
Bulls
Cavaliers
Pistons
Pacers
Heat
Bucks
Knicks
Magic
76ers
Raptors
Wizards
Oeste
Mavericks
Nuggets
Warriors
Rockets
Clippers
Lakers
Grizzlies
Timberwolves
Pelicans
Thunder
Suns
Blazers
Kings
Spurs
Jazz
Postado em 16 out 2016 às 13:55
Para não reforçar rivais, Heat planeja adiar dispensa de Chris Bosh

Associação dos Jogadores da NBA já monitora situação para evitar que astro seja prejudicado

Compartilhe nosso conteúdo!
Envie por email!
Compartilhe no Google+ Google +
Tweet esse post! Twitter
Compartilhar no Facebook! Facebook
Por Ricardo Stabolito Jr.

Chris Bosh 7

Chris Bosh não deverá mais entrar em quadra com a camisa do Miami Heat. E, se depender da franquia, o ala-pivô pode encontrar dificuldades para disputar uma partida sequer na próxima temporada. De acordo com Zach Lowe, da ESPN, o time pretende adiar a dispensa do astro até o primeiro dia de março e não permitir que seja elegível para jogar os playoffs do ano que vem.

Manter o bicampeão da NBA longe das quadras seria uma decisão estratégica para a equipe da Flórida, que reforçaria suas chances de remover o contrato do jogador da folha salarial por questões médicas e não permite que ele reforce eventuais rivais na pós-temporada. No entanto, se o craque atuar em mínimo de 25 jogos de uma temporada regular e playoffs até 2019, o vínculo constaria novamente entre os gastos do Heat.

A situação pode não passar de rumores neste momento, mas já vem chamando a atenção da Associação dos Jogadores da NBA. Segundo Ira Winderman, do jornal South Florida Sun-Sentinel, representantes da NBPA confirmaram que a franquia está sendo monitorada ao longo do processo e a entidade também deverá revisar os exames físicos realizados por Bosh recentemente.

O ala-pivô já deu a entender que não vai aceitar passivamente ficar “preso”, sem jogar, em Miami. “Eu vou a todos os lugares e farei tudo o que for possível para voltar. Não estou pensando em dinheiro, só em meu coração. Amo a NBA, amo o esporte. Não importa o que aconteça, eu jogarei basquete”, garantiu, no último capítulo da websérie que retrata seu drama.

Ainda em recuperação da segunda incidência de coágulos sanguíneos, Bosh já não participa do dia-a-dia do Heat e seu retorno em Miami já foi descartado pelo presidente do time, Pat Riley. O veterano, selecionado para 11 Jogos das Estrelas na carreira, acumula médias de 19.2 pontos e 8.5 rebotes em quase 900 partidas disputadas em 13 temporadas na NBA.

  • DamonHeat

    essa situação se complica a cada dia…
    Eu ainda torço para que o bosh tenha condições de jogar pelo heat. precisamos muito de all star como ele.

    • Pedro Ferreira

      No Heat ele num joga mais infelizmente ( ou felizmente) contando que ele pode morre em quadra, mais pelo jeito é isso que ele que né morre

  • Killer Crossover

    Lamentável o jogador se sacrificando literalmente pelo jogo e esquecendo de si mesmo, podendo MORRER. Lamentável a franquia “prendendo” o mesmo não só pela preocupação com a saúde do mesmo, mas aparentemente com a folha salarial também.

    Enfim, não há ninguém totalmente certo, muito menos errado. São só perspectivas diferentes e cada um tentando no fundo fazer o que é melhor pra si. Porém, o melhor pra si não é o melhor de verdade, não é Bosh ? Miami ?

    • Matheus Pitarello

      o bosh fala do problema dele como se fosse um virose… o cara nem sabe (ou tenta se iludir) a gravidade do problema dele…

      • Killer Crossover

        Pois é, agora com a associação do jogadores “entrando” na jogada e mais algum(ns) time(s) que mostre interesse (o que não vai faltar, porque se ele falar que joga; correndo risco ou não; já é o suficiente pra alguns no mercado acredito) e é bem capaz dele conseguir voltar à jogar, principalmente porque a associação dos jogadores é presidida pelo CP3 e Lebron.

    • David Ribeiro

      “Aparentemente” é eufemismo.

  • Pedro Ferreira

    Num tem um jeito de liberar ele agora sem conta na folha independente do tanto que ele jogue? porque essa historia já deu, se ele quer se arrisca que vá mais por conta própria

    • Claudio R.

      tem sim, se o heat anistia-lo… ou esperar ate fevereiro (sem ele ter jogado é claro) ai automaticamente seu contrato é retirado dos livros de miami.. mas ele continua recebendo os 70 milhoes que falta do msm jeito.

  • Sid Payne- Dança muito

    Isso vai acabar virando filme

  • TRUETHIAGO

    O título da matéria e o conteúdo são no mínimo desconexos, rs…

    Pelo que eu entendi, o embrólio parece ser mais contratual do que uma questão de não reforçar rivais… E não faria sentido se fosse esse o motivo, afinal de contas o Miami não entra nessa temporada para brigar por playoffs.

    • Ricardo Stabolito Jr.

      Foi um erro realmente, TRUETHIAGO. Obrigado pelo toque, a informação está confirmada e foi adicionada.

      Abraço!

    • Chimbinha

      Verdade cara, Miami não tem chance de nada nessa temporada, no máximo cai na primeira rodada de playoff. Eles só estão pensando em liberar o Cap

      • Matheus Pitarello

        acho q sem o bosh nem playoff vai ter… rezar pra pegar uma boa posição no draft

        • Chimbinha

          É mais vantajoso mesmo,tinha que partir pro tank ,draft do ano que vem parece ter ótimas promessas

          • Matheus Pitarello

            parece mesmo… acho bem improvavel ir pros playoffs… ja era…

    • Ricardo Stabolito Junior

      Verdade, TRUETHIAGO. A informação já foi verificada e incluída no texto. Obrigado pelo aviso!

  • Claudio R.

    Sou a fvaor do jogador nesse caso… Ele sabe muito melhor que nós sobre sua condição e muitos de nós julgando o caso…. Ele devia processar o Heat se o Miami não decidir se o bota pra jogar ou o anistia… pq amarrar um jogador de 32 anos pra jogar só ano que vem por causa do salario dele é abusivo… Miami tá errado nessa… ele vai pro Cavaliers, ou pra Chicago, podem apostar….

    • #TheBrodie

      humanamente é meio covarde essa atitude do Heat,mas profissionalmente,não. Ele tem contrato com a franquia e a mesma não é obrigada a por o jogador pra jogar.

    • Vinícius Maia

      Segundo o próprio Bosh, ele ama o jogo e tudo mais. Ele está emocionalmente abalado com sua situação e uma pessoa emocionalmente abalada, muitas vezes, toma decisões precipitadas totalmente baseadas em suas emoções e não na razão. Um cara que pode morrer se jogar basquete e fala que quer jogar, claramente está agindo pela emoção e não pela razão. Por isso, eu discordo da sua premissa que Bosh sabe melhor do que ninguém de sua condição porque ele não sabe. Bosh diz que está em condições de jogar, mas é perfeitamente normal um cara que está em plena forma fisica, sem nenhuma lesão dizer que está em condições de jogar.

      Quando eu jogava basquete, uma vez torci o tornozelo e rompi os ligamentos. Em algumas ocasiões, eu senti que estava pronto para jogar: estava em forma, estava cuidando constantemente do meu tornozelo lesionado e já não sentia dores no dia a dia, porém bastava eu ir para o treino e tentar fazer uma bandeja para eu ver que ainda não estava recuperado. Quando tentava dar um corte rápido ou fazer uma bandeja, na mesma hora eu caia no chão com muita dor porque o tornozelo ainda estava lesionado, mas até o momento de entrar em quadra, eu achava que estava recuperado. Por isso eu entendo o Bosh quando ele diz que está pronto para jogar, mas também entendo e apoio a postura da franquia de mantê-lo afastado.

      • Matheus Pitarello

        aconteceu a mesma coisa comigo, ano passado, quando rompi o ligamento cruzado do joelho… eu me sentia pronto, mas não estava… tbm entendo o bosh, igual vc… quem passou por situações de lesões sabe como é…

      • Claudio R.

        eu tive 3 fraturas no tornozelo tbm…. queria muito voltar a jogar, mas por causa da lesão fiquei de fisioterapia por um bom tempo… eu entendo o que vc quis dizer… mas o Bosh com certeza teve opinião dos maiores medicos do mundo, e não só ele mas a familia(a mulher dele) apoia, e não iriam fazer isso de forma leviana

  • Daniel

    Se ele quiser jogar, como tanto deseja, na quadra particular da casa dele, é uma coisa. Se ele jogar na NBA, já é uma questao de QUEM É O RESPONSÁVEL. Muitas vezes a pessoa sente tudo e nao tem nada, oras nao sente nada mas tem algo grave, e é nesse tipo de caso em que o último responsável por dizer se ele joga ou não, é o próprio jogador.

  • DirkMito

    Miami tratando muito bem seus ídolos. Parabéns aos envolvidos

    • Pedro Ferreira

      O cara pode morre se joga, se fosse o Dirk vc apoiaria a volta dele?

      • DirkMito

        O cara tem 2 anos lutando pra voltar a fazer o que mais gosta e o Miami vai simplismente acabar com isso pq nao quer que ele reforce outro time. Massa em.

        • Pedro Ferreira

          Cada um defende o seu, e o Bosh tem que entende que ele não pode mais joga, idolo ele nunca deixará de ser só que o Heat tambem tem que se precaver né

        • Galvão 🔥 #305

          Cara, a questão é totalmente contratual aqui, mas a chamada do texto fica parecendo que não quer que ele jogue por rivais e estão sacaneando ele. Mas o negócio é que ele não pode fazer mais de 25 jogos, pq aí o corte por razões médicas não caberia mais e o contrato dele volta a ser ativo no Cap.

          • luiz

            A questão toda aí é q estão querendo decidir por ele e deixar o cara preso.

            Talvez haja um lado de preservação na história toda, porém já parece fato q ele não volta ao Miami, mas suponhamos q antes do fim do período de transferências, ele fique liberado? Acabaria ficando travado puder jogar.

            Acho q acima de td aí, é uma questão q deve ser deixada à cargo do jogador e dos médicos dele e do clube q ele estiver.

            Independente das razões, acho errada essa posição do Miami

        • Rato da barriga branca

          meu deus , vc é algum tipo de retardado ou so ta querendo aparecer ? miami vai fazer o certo e dispensa lo na hora certa pq esse problema dele é coisa SÉRIA se é q vc n percebeu ainda , no caso de pat riley faria msmo , e vc so comenta nas noticias do heat aqui pra dar mais treta dessa ” rivalidade” mavs x heat q por sinal sao duas franquias minusculas(a sua é claro é bem menor , inclusive menor do texas) querendo aparecer , faz o seguinte , faz um curso ai de medicina e se forma no ramo vai la em miami e da o aval pro bosh jogar ai depois se der merda vc poe o seu rabo na frente no do pat riley , idiota

          • DirkMito

            Argumentos ofensivos infelizmente não são válidos. Grande abraço

  • drakes

    Não é tão simples o corte de salarial, irá para corte de arbitragem, serão ouvidos outros médicos, a novela Bosh/Heat só começou.

  • Pablo Leite

    A chamada não ajuda. Na verdade, não é que o Miami não quer que o Bosh reforce outro time. Mas é que, vai que algum louco resolve dar a oportunidade dele jogar, fica a questão do CAP salarial, que continua na conta do Heat. Quanto a questão médica, é aquilo, o Heat sem dúvida foi atrás da opinião médica mais abalizada possível para tomar essa decisão.

  • Douglas Silva

    Imagina ele ir pro Cleveland. KK

© Copyright Jumper Brasil 2007-2017 - Todos os direitos reservados