logo lance
undo
Nacionais
Internacionais
Leste
Hawks
Celtics
Nets
Hornets
Bulls
Cavaliers
Pistons
Pacers
Heat
Bucks
Knicks
Magic
76ers
Raptors
Wizards
Oeste
Mavericks
Nuggets
Warriors
Rockets
Clippers
Lakers
Grizzlies
Timberwolves
Pelicans
Thunder
Suns
Blazers
Kings
Spurs
Jazz
Postado em 20 out 2016 às 20:00
Previsão da temporada – New York Knicks

Equipe realizou diversas mudanças no elenco e na comissão técnica para tentar retornar aos playoffs

Compartilhe nosso conteúdo!
Envie por email!
Compartilhe no Google+ Google +
Tweet esse post! Twitter
Compartilhar no Facebook! Facebook
Por Eduardo Ribeiro

New York Knicks

Campanha em 2015-16: 32-50, 13° colocado na conferência Leste
Técnico: Jeff Hornacek (primeira temporada)
GM: Steve Mills (quarta temporada)
Destaques: Carmelo Anthony, Kristaps Porzingis, Derrick Rose
Time-base: Derrick Rose-Courtney Lee-Carmelo Anthony-Kristaps Porzingis-Joakim Noah

Elenco

25 – Derrick Rose, armador
3 – Brandon Jennings, armador
31 – Ron Baker, armador
5 – Courtney Lee, ala-armador
18 – Sasha Vujacic, ala-armador
8 – Justin Holiday, ala-armador
7 – Carmelo Anthony, ala
91 – Mindaugas Kuzminkas, ala
42 – Lance Thomas, ala
6 – Kristaps Porzingis, ala-pivô
17 – Lou Amundson, ala-pivô
2 – Maurice Ndour, ala-pivô
13 – Joakim Noah, pivô
9 – Kyle O’Quinn, pivô
40 – Marshall Plumlee, pivô
14 – Willy Hernangomez, pivô

Quem chegou: Derrick Rose, Joakim Noah, Brandon Jennings, Ron Baker, Courtney Lee, Justin Holiday, Mindaugas Kuzminkas, Marshall Plumlee, Maurice Ndour e Willy Hernangomez

Quem saiu: Robin Lopez, José Calderón, Jerian Grant, Derrick Williams, Kevin Seraphin, Langston Galloway e Arron Afflalo

Revisão

A decepção prevaleceu em Nova Iorque mais uma vez. No início da última campanha, a expectativa da franquia era de volta aos playoffs e fim do mau momento que cerca o time nos últimos anos. Não foi o que aconteceu e muitas coisas não saíram como o planejado novamente, tanto em quadra, onde o sistema de jogo proposto não ajudava os jogadores, quanto no comando técnico de qualidade questionável.

Derek Fisher iniciou a temporada como técnico da equipe e ficou com a tarefa de implantar o sistema de triângulo ofensivo no time, mas falhou. O ex-jogador não foi o único culpado, é verdade, já que muitos jogadores não estavam rendendo e a qualidade do elenco em si não era das melhores. Na busca por uma mudança que tirasse a equipe da má-fase, Fisher foi sacado.

Kurt Rambis assumiu o comando interinamente até o fim da temporada, mas a situação não melhorou nem um pouco. Até porque, o problema também estava no time e não apenas no técnico. O Knicks ficou à frente apenas de Nets e Sixers no Leste e ficou de fora dos playoffs pelo terceiro ano seguido. E nem é possível dizer que a má campanha garantiu uma boa escolha no draft, porque a equipe envolveu a escolha do recrutamento em questão na troca pelo ala-pivô Andrea Bargnani.

Mas nem tudo foi ruim. Kristaps Porzingis brilhou em sua temporada de estreia na liga, surpreendendo muitos que não conheciam o jovem letão. O camisa 6 registrou médias de 14.3 pontos e 7.1 rebotes, mostrando um estilo de jogo muito interessante para os padrões atuais da liga e possui um grande potencial.

O perímetro

Derrick Rose chegou para melhorar o setor mais fraco do Knicks na última temporada e é, com toda certeza, mais jogador do que José Calderón. O MVP de 2011 vem se mostrando motivado – ao menos nas entrevistas – e deve ser o organizador ofensivo do time, liderando as jogadas do esquema do novo técnico Jeff Hornacek e procurando antes o passe do que o arremesso. Mas, claro, também terá muita importância na pontuação, principalmente nas jogadas de infiltração. Por último, mas não menos importante – na verdade, o mais importante – Rose precisa se manter saudável para desempenhar sua função corretamente e torce para que as lesões o tenham esquecido de uma vez por todas.

Como armador reserva, Brandon Jennings foi um bom movimento da diretoria, que conseguiu fechar um contrato baixo com um jogador que, apesar de certa inconsistência, consegue contribuir bem no ataque. Agora sem a responsabilidade de ser o principal armador de uma equipe e atuando em um esquema favorável, o jogador deve se sair bem na temporada.

A função de principal ala-armador ficará sobre Courtney Lee. O jogador não deve registrar números de encher os olhos, mas sua contribuição será muito mais defensiva. A defesa no perímetro nova-iorquino foi péssima na última campanha e a contratação de um bom defensor como Lee faz sentido. Como opções na segunda unidade, Sasha Vujacic pode ser utilizado e ajudar nos arremessos de três pontos, além de Jennings, que também atuará como ala-armador.

Carmelo Anthony será o dono da ala e um dos principais jogadores da equipe, dentro e fora de quadra. O camisa 7 parece ter evoluído na forma de liderar um elenco e no jeito como lida com a função de capitão de um time. Na última temporada, o veterano atuou de forma mais coletiva e distribuiu mais assistências do que o normal, mas seu rendimento ofensivo não foi o mesmo de outras temporadas e o aproveitamento nos arremessos deixou a desejar por muitas vezes. Com um quinteto inicial equilibrado e o novo esquema, Anthony espera viver uma temporada melhor que a última.

Kuzminkas vem somando boas atuações na pré-temporada e é uma opção interessante no banco, além de Lance Thomas, que será um dos reservas mais utilizados e deve ser muito importante para a rotação.

O garrafão

Porzingis já é visto como o futuro franchise player do Knicks e, julgando pela impressão deixada em sua temporada de calouro, isso não é um exagero. O letão será o ala-pivô titular mais uma vez e tem tudo para evoluir seu jogo. A combinação de altura (2,20m), mobilidade defensiva e boa capacidade nos arremessos tornam Porzingis um dos jovens mais promissores da liga e seu impacto no time já ocorre atualmente.

Ao seu lado, Joakim Noah será o pivô titular e é mais um jogador do Knicks que busca esquecer a última temporada e provar seu valor. O francês sofreu com lesões na última campanha do Bulls e atuou muito pouco. Some isso à queda de rendimento que já vinha acontecendo em sua carreira e chegamos ao Noah atual, bem diferente do pivô de anos atrás que era um dos principais jogadores da equipe de Chicago.

Mas engana-se quem pensa que Noah não pode contribuir positivamente. O veterano ainda é um bom defensor e reboteiro e sempre atua com muita energia, além de ser um bom passador para a posição. Assim como Rose, precisar torcer para permanecer saudável.

Kyle O’Quinn deve ser um dos principais jogadores de garrafão da segunda unidade e espera ser mais utilizado do que na última campanha. Além dele, Willy Hernangomez atuará pela primeira vez na NBA e é um bom defensor e Maurice Ndour é outra peça interessante que não tem medo de contato e joga com muita intensidade física.

Análise geral

O elenco do Knicks atual é superior ao da última temporada, mas também conta com muitas dúvidas, algumas delas das quais não podem ser solucionadas, como a possibilidade de lesões atingirem jogadores importantes do elenco que possuem um longo histórico de problemas físicos e também o baixo nível do banco de reservas, que possui muitos atletas que ainda irão estrear ou atuam com pouca regularidade na NBA

Jeff Hornacek terá a liberdade de organizar seu próprio esquema, sem precisar seguir ordens da diretoria para que insista em um sistema que não vem dando certo no time há duas temporadas. Apesar de utilizado de algumas formas, o triângulo ofensivo não será imposto como foi nas últimas campanhas e o novo técnico pretende fazer a equipe atuar com mais velocidade e passes rápidos.

Com os jogadores titulares atuais e um técnico mais capacitado, o Knicks deve ser mais forte do que nos últimos anos, mas precisa torcer para que os fatores negativos já citados não façam com que o planejamento vá por água abaixo. Se todos os jogadores conseguirem permanecer saudáveis (principalmente Rose e Noah) e o banco de reservas não comprometer a ponto de se tornar um ponto fraco, a equipe deverá brigar por uma vaga nos playoffs.

Previsão: 9° colocado na conferência Leste

  • #TheBrodie

    É Knickao!Nem a mini-panela que vc montou foi suficiente pra convencer Mastô e cia de que vai cavar uma vaguinha nos offs.

  • Victor Chittolina

    Sei não… Ainda acho que pega os playoffs

  • Victor Chittolina

    E tem mais. O Tio Phill foi um dos maiores treinadores da história. Mas se ele quer tanto os triângulos, que volte pra “casamata” . Senão, que deixe os treinadores fazerem o trabalho deles.

  • Sid Payne- Dança muito

    Knicks vai ta entre os 5 do leste…

  • Chimbinha

    Time que depende de Carmelo, Rose e Noah não tem chance nenhuma.12 pra baixo

  • Acho que pega a 8a vaga.

  • Galvão 🔥 #305

    A foto da matéria é bem legal rs

    Se esse time ficar fora de playoffs mais um ano, o negócio vai ficar tenso em NY.

  • Yan Alves #Suns

    Knickão é uma incógnita mas to botando fé

  • TheMrCrossover 🏀💥

    Na minha opnião é um time que pode chegar bem aos playoffs , mais não consigo ver potencial neles pra chegar até as finais

  • Pedro

    pra mim disputa a oitava vaga com bulls e magic

  • DamonHeat™

    eu aposto no knicks nos playoffs
    mas vai cair na primeira rodada fácil

  • ThiagOo25

    Precisa de entrosamento. Time perdido em quadra.

  • Leo R.

    Muitos criticam o banco do Knicks, inclusive eu. Mas nessa pré-temporada, vários jogadores mostraram seu valor, ou no mínimo, bom desempenho e esforço para conseguir uma vaga final no time. Ao meu ver, Jennings, Kuzminkas e O’Quinnn serão os principais reservas. Jennings inclusive, é minha aposta para 6th homem da temporada. Ron Baker é um bom nome pra se observar também, caso realmente consiga sua vaga definitiva na equipe.

    O leste a cada ano parece mais forte e competitivo, apesar da supremacia do Cavs. Minha expectativa é alta quanto ao Knicks. Espero que o entrosamento venha rápido, e que as lesões passem longe. Meu palpite, Knicks sexto ou sétimo, brigando com o Bulls por uma das vagas. Resta-nos torcer

    Estou me arriscando quanto a conferência leste, mas minha aposta para playoffs, seria a seguinte, respectivamente: Cavs – Pacers – Celtics – Raptors – Hawks – Knicks – Bulls – Hornets ou Pistons ou Wizards. Não vejo Heat brigando por offs, e Magic/ Bucks um pouco atrás. Mas tudo pode acontecer no Leste

    • Melo

      Concordo em tudo Léo, até na sua ordenação dos times que vão aos offs (acho que o pistons pega a oitava vaga).Entretanto, um ponto que vem me deixando preocupado é o entrosamento da equipe , rose só jogou uma partida de pré temporada e se ausentou por 15 dias para tratar do caso de estupro e o time tem uma sequência dificílima logo no inicio da season (cavs/grizzles/pistons/houston) , ou seja, 4 times de playoffs , sem falar do confronto direto contra o bulls no united center na 5 rodada.

      Enfim, nessa pré-season gostei do willy e do kuzminkas(comete muita “andada”, ontem tiveram umas 3).Jennigs é muito louco, muito habilidoso, deixa o time mais veloz mas n está caindo nada do perímetro e força inúmeras jogadas(pre temporada).Tudo vai passar pela óbvia questão da saúde dos seus principais jogadores mas também estou confiante , torço pelo um knicks x boston nos offs (seria muito legal).

      • Leo R.

        Então. O principal defeito de Kuz ao que vi são os TO, mas de qualquer modo, será um bom role player. Quanto ao Willy, acho que não terá tantos minutos logo de cara. Porzingis deverá jogar em vários momentos na 5, e o O’Quinn sendo o principal jogador de garrafão vindo do banco. Em relação a última vaga, apostaria no Wizards, mas Pistons, Hornets, Magic e até Bucks podem surpreeender e tirar uma das vagas dos que considero favoritos aos offs. Será um bom teste esse início de temporada, com grandes jogos. Espero que o entrosamento não seja tão prejudicial. Nesses 5 jogos citados, se o Knicks sair com um saldo de 3-2 não será ruim. Hoje o elenco conta com 18 jogadores, os 16 citados pelo texto do Jumper acima, mais Tokoto e Randle, fora os contratados para D-League, C. Early e outro vindo do Bucks, não me recordo o nome. Sendo assim, o elenco principal que jogou a pré temporada conta com 18 jogadores. Baker, Ndour, Amundson, Plumlee, Tokoto e Randle disputariam as últimas 3 vagas do elenco, tendo que cortar 3 desses nomes pra formar os 15 final. Gostaria que Baker e Ndour fossem mantidos, creio que pela pré temporada, estejam um passo a frente.

        • Gabriel Lobo

          Amundson, Tokoto e Randle já foram dispensados.

          • Leo R.

            Uma pena a lesão de Randle, vinha jogando bem. Mas feliz pela manutenção do Baker.

    • Danilo Veroneze #GreenRunsDeep

      ousadia e alegria

  • Alex Vilela

    Pega playoffs e cai na primeira rodada.

  • Gustavo

    Minha primeira reação ao ver o 9o. lugar como previsão foi: “não com esses reforços, pega playoffs”. Então fui montar a minha lista e vi que é por aí mesmo. Essa briga por pós-temporada no leste promete ser bem divertida. Cavs, Raptors, Celtics, Pacers e Hawks, devem se garantir com alguma tranquilidade. Nas últimas 3 vagas tudo pode acontecer. Bulls, Hornets, Pistons, Knicks e Magic estão todos no bolo.

  • Guilherme Prates

    Para pegar offs, o time tem q entrosar e azeitar bonito. Primeira temporada com elenco que mudou tanto tem que dar “liga”. Mas a “liga’ pode aparecer logo nos primeiros jogos. Ou demorar um ano…

  • Guilherme Prates

    Assim como o Nets, o Knicks é um time de refugos ( com um prospecto poderoso – KP). A diferença é que os refugos do Knicks já foram all star um dia e os do Nets eram banco…

  • JAMnba

    Vamos para os OFFS, escreve ai

  • Felipe Monteiro

    Minha Previsão:

    New York Knicks: 9º Lugar.

    Não por eles, o elenco evoluiu muito, mas isso pelos adversários. Como eu não sou torcedor e não deixo me influenciar por paixonite, não da para ninguém, em sã consciência, imaginar que o Knicks fará uma campanha melhor que Cavs, Celtics, Pacers, Raptors e Hawks.
    Daí, ainda restaria Hornets, Pistons, Bulls, Heat, Magic, Wizards, Bucks e o próprio Knicks brigando pelas 6º, 7º e 8ª vagas. Sinceramente? Knicks não é melhor que Pistons e Hornets. Disputaria com o Bulls a 8ª vaga, isso numa previsão bem otimista e já escanteando os demais citados que tem potencial para playoffs (principalmente Wizards). Por isso não acho que o Knickão se classifique esse ano.

  • No Oeste se classificaria pros Offs
    Mas no LESTE SELVAGEM vai ficar de fora.

  • KAJ

    Um elenco cheio de dúvidas, um carmelo que até hoje nao tem o seu devido respeito, D.Rose, um MVP que ninguém sabe se terá saúde esta temporada, jennings, um armador meio peladeiro mas que tem um certo valor, e finalmente NOAH, que sempre foi um pivô mediano, derrepente cresceu e ganhou moral na defesa, mas também nao sabemos como será seu comportamento no NYK. Porzingão TOP, porém muito jovem, nao podemos exigir uma temporada all star dele. Acredito que nikão da galera não conseguirá muita coisa, infelizmente.

  • Danilo Veroneze #GreenRunsDeep

    eu colocaria o nanicks entre o 7 e 9 brigando pelos offs

© Copyright Jumper Brasil 2007-2017 - Todos os direitos reservados