logo lance
undo
Nacionais
Internacionais
Leste
Hawks
Celtics
Nets
Hornets
Bulls
Cavaliers
Pistons
Pacers
Heat
Bucks
Knicks
Magic
76ers
Raptors
Wizards
Oeste
Mavericks
Nuggets
Warriors
Rockets
Clippers
Lakers
Grizzlies
Timberwolves
Pelicans
Thunder
Suns
Blazers
Kings
Spurs
Jazz
Postado em 14 jan 2017 às 01:54
Celtics encerra sequência de vitórias do Hawks com show de Kelly Olynyk e bola decisiva de Isaiah Thomas

Rodada contou com mais oito jogos, incluindo a vitória do Minnesota Timberwolves apesar de mais um triplo duplo de Russell Westbrook

Compartilhe nosso conteúdo!
Envie por email!
Compartilhe no Google+ Google +
Tweet esse post! Twitter
Compartilhar no Facebook! Facebook
Por Gabriel Farias

(25-15) Boston Celtics 103 x 101 Atlanta Hawks (22-17)

O Boston Celtics conquistou sua 25ª vitória na temporada 2016-17 ao bater o Atlanta Hawks por 103 a 101.

O confronto começou equilibrado, com uma mudança de liderança e mais três empates nos primeiros cinco. Após as primeiras substituições, o Celtics encontrou um forte ritmo nas bolas para três pontos com Kelly Olynyk, Isaiah Thomas e Marcus Smart. Foram 11 pontos anotados e nenhum sofrido, garantindo a primeira parcial em 28 a 18. Apesar dos nove pontos de Olynyk em dez minutos atuados no segundo período, o aproveitamento nos arremessos do Celtics caiu para apenas 36%, o suficiente para o Hawks tirar oito dos 12 pontos de desvantagem.

Na volta dos vestiários, os visitantes retomaram seu alto índice de conversão nos arremessos, principalmente, nos chutes de longa distância. Com cinco acertos em 12 tentativas contra apenas uma conversão em sete arremessos para o Hawks, o Celtics abriu 20 pontos de vantagem faltando três minutos para o final do terceiro quarto. Com sete pontos em todo o primeiro tempo, Thomas anotou oito só no terceiro período, mesma pontuação de Jae Crowder.

O resultado parecia sacramentado até que o técnico Mike Budenholzer trouxe os armadores Tim Hardaway Jr. e Malcolm Delaney para a quadra. A dupla foi responsável por 25 dos 36 pontos do Hawks no último quarto, além de somarem mais seis assistências e 62.5% de aproveitamento nos arremessos. Os dois jogadores lideraram a grande reação do Hawks na partida, que ficou por apenas uma posse de bola quando o cronometro marcava dois minutos para o final da partida.

Até então com seis pontos na parcial, Thomas entrou em modo decisivo. Foram sete pontos do armador em quatro arremessos, incluindo a cesta que recolocou o Celtics à frente após o empate do ala-pivô Paul Millsap. O mesmo Millsap ainda teve a chance de levar a partida para a prorrogação, mas o veterano não conseguir evitar a primeira derrota do Hawks nas últimas oito partidas.

Enquanto o Boston Celtics só retorna às quadras na próxima segunda-feira, contra o Charlotte Hornets, o próximo compromisso do Atlanta Hawks será neste domingo, contra o Milwaukee Bucks.

Destaques

Boston

Kelly Olynyk: 26 pontos, oito rebotes e três assistências
Isaiah Thomas: 28 pontos, nove assistências e quatro rebotes
Jae Crowder: 18 pontos e nove rebotes
Al Horford: Dez pontos, seis rebotes e seis assistências

Atlanta

Paul Millsap: 23 pontos, seis assistências e cinco rebotes
Tim Hardaway Jr.: 23 pontos e três roubos de bola
Malcolm Delaney: 17 pontos, seis assistências e quatro rebotes
Dwight Howard: 11 pontos e oito rebotes


(20-20) Charlotte Hornets 93 x 102 Philadelphia 76ers (12-25)

Destaques

Charlotte

Cody Zeller: 16 pontos, dez rebotes e dois roubos de bola
Kemba Walker: 17 pontos, quatro rebotes e três assistências
Nicolas Batum: 19 pontos, cinco rebotes e dois roubos de bola
Michael Kidd-Gilchrist: 12 pontos, 12 rebotes e quatro assistências

Philadelphia

Joel Embiid: 24 pontos, oito rebotes, dois roubos de bola e três tocos
Dario Saric: 15 pontos e seis rebotes
Sergio Rodriguez: 11 pontos, quatro assistências e dois roubos de bola
Robert Covington: 11 pontos e seis rebotes


(8-31) Brooklyn Nets 113 x 132 Toronto Raptors (26-13)https://www.youtube.com/watch?v=jfzl3INAtBADestaques

Brooklyn

Brook Lopez: 20 pontos, três rebotes e cinco assistências
Bojan Bogdanovic: 23 pontos e quatro rebotes
Joe Harris: 11 pontos e quatro rebotes
Trevor Booker: Seis pontos, sete rebotes e quatro assistências

Toronto

DeMar DeRozan: 28 pontos e quatro rebotes
Kyle Lowry: 20 pontos, seis rebotes, seis assistências, dois roubos de bola e dois tocos
Jonas Valanciunas: 14 pontos e dez rebotes
Lucas Nogueira: Dez pontos, nove rebotes e quatro tocos
DeMarre Carroll: 18 pontos e 11 rebotes
Cory Joseph: 16 pontos, sete assistências e quatro rebotes


(25-17) Memphis Grizzlies 110 x 105 Houston Rockets (31-11)

Destaques

Memphis

Mike Conley: 17 pontos, seis rebotes, nove assistências e dois roubos de bola
Marc Gasol: 14 pontos, seis rebotes, seis assistências e seis erros ofensivos
Tony Allen: 22 pontos, quatro rebotes e três assistências
Zach Randolph: 16 pontos, 12 rebotes e dois roubos de bola
James Ennis: 12 pontos e seis rebotes

Houston

James Harden: 27 pontos, nove assistências, três rebotes e sete erros ofensivos
Trevor Ariza: 12 pontos e nove reobtes
Nenê Hilario: 12 pontos, três rebotes e dois roubos de bola
Montrezl Harrell: Dez pontos, cinco rebotes e dois roubos de bola


(11-30) Miami Heat 108 x 116 Milwaukee Bucks

Destaques

Miami

Hassan Whiteside: 19 pontos e nove rebotes
Goran Dragic: 19 pontos, três rebotes, três assistências e dois tocos
Luke Babbitt: 16 pontos, quatro rebotes e dois tocos
Dion Waiters: 13 pontos e seis assistências
James Johnson: Dez pontos e 12 assistências

Milwaukee

Giannis Antetokounmpo: 19 pontos, oito rebotes e seis assistências
Jabari Parker: 24 pontos e cinco rebotes
Malcom Brogdon: 13 pontos, seis rebotes, cinco assistências e dois roubos de bola
Greg Monroe: 16 pontos e 11 rebotes
Tony Snell: 14 pontos


(24-17) Oklahoma City 86 x 96 Minnesota Timberwolves (14-26)

Destaques

Oklahoma City

Russell Westbrook: 21 pontos, 11 rebotes, 12 assistências, dois roubos de bola e dez erros ofensivos
Victor Oladipo: 19 pontos e cinco rebotes
Enes Kanter: 21 pontos e oito rebotes
Andre Roberson: Oito pontos, cinco roubos de bola e três tocos

Minnesota

Karl-Anthony Towns: 29 pontos, 17 rebotes, dois roubos de bola e três tocos
Andrew Wiggins: 19 pontos e seis rebotes
Ricky Rubio: 14 pontos, 14 assistências, quatro rebotes e quatro roubos de bola
Brandon Rush: 11 pontos, quatro rebotes, dois roubos de bola e dois tocos


(17-24) Orlando Magic 115 x 109 Portland Trail Blazers (18-24)

Destaques

Orlando

Nikola Vucevic: 30 pontos, dez rebotes, quatro assistências e dois tocos
Elfrid Payton: 19 pontos, quatro rebotes, sete assistências e cinco erros ofensivos
Serge Ibaka: 13 pontos e dez rebotes
D.J. Augustin: 15 pontos

Portland

Damian Lillard: 34 pontos, oito rebotes e três assistências
C.J. McCollum: 26 pontos, três rebotes e três tocos
Evan Turner: 15 pontos e quatro rebotes
Mason Plumlee: Sete pontos, sete rebotes, cinco assistências, dois roubos de bola e três tocos


(29-10) Cleveland Cavaliers 120 x 108 Sacramento Kings (16-23)

Destaques

Cleveland

LeBron James: 16 pontos e 15 rebotes
Kevin Love: 15 pontos e 18 rebotes
Kyrie Irving: 26 pontos, três rebotes e cinco assistências
Iman Shumpert: 16 pontos e dois roubos de bola
Kyle Korver: 18 pontos, cinco rebotes e dois roubos de bola

Sacramento

DeMarcus Cousins: 26 pontos, 11 assistências e oito rebotes
Rudy Gay: 23 pontos, dez rebotes e quatro tocos
Darren Collison: 13 pontos e quatro assistências
Ty Lawson: 17 pontos, quatro rebotes e quatro assistências


(18-24) Detroit Pistons 77 x 110 Utah Jazz (25-16)

Destaques

Detroit

Andre Drummond: Nove pontos e 19 rebotes
Tobias Harris: 13 pontos
Stanley Johnson: Dez pontos

Utah

Rodney Hood: 27 pontos e quatro rebotes
Gordon Hayward: 20 pontos, quatro rebotes, três assistências e três roubos de bola
George Hill: 22 pontos e quatro rebotes
Rudy Gobert: Seis pontos, 11 rebotes e três tocos

  • Uncle Drew
  • Danilo Veroneze #GreenRunsDeep

    Quadruplo duplo !!

  • Mauricio

    Como o basquete é fantástico. 76ers engatando uma sequencia de vitorias, Isaiah decidindo pros celtics, Jazz atropelando, e o mais incrível é o Magic vencendo o Portland em Portland sendo que o Cavs tinha sido atropelado por eles.

  • Leonardo

    O que Isaiah ta jogando é um absurdo, melhor pg do leste, merecia começar como titular no all star

    E parece que estamos consolidados como 3 força do Leste,sinto que falta mais um jogador de ellite pra elevar nosso patamar de vez e poder incomodar os contenders, ansioso pelo que o Ainge vai fazer com nossa pick do tank terceirizado(Valeu Netsss!!!)

  • Esteferson Matos

    KAT começou oscilando muito, mas agora se firmou hein, terceira vitória seguida do Wolves!!!

    • Lucas

      sem Lavine, isso é o que me está impressionando mais. Lavine deveria ser sixth man nesse time

  • Thominhas – MVP

    #NBAVOTE em mim!

  • Vinícius Maia

    Embiid, que homão!

    Ontem durante o jogo, mostraram um comparativo de médias entre Olajuwon e Embiid nos primeiros 26 jogos de cada um na liga e os números eram muito próximo, mas o mais impressionante é que embiid tem quase os mesmos números jogando menos tempos. Olajuwon tinha média de mais de 30 minutos por jogo enquanto embiid tem 25.

    Sobre o sixera, time tem jovens promissores, mas acho que a diretoria deveria começar a pensar em adicionar um pouco de experiência a esse elenco. O time comete muitos erros bobos, força muitas jogadas e embiid parece pensar que toda vez que a bola chega na mão dele, ele tem que tentar ir para a cesta. Claro que são problemas normais para um elenco jovem, mas acho que um pouco de experiência no elenco pode ajudar o time a amadurecer mais rápido. No Wolves, por mais que o pessoal critique, eu vejo o Rubio fazendo esse trabalho de trazer mais maturidade para a equipe e eu acho que o sixers também precisa disso.

    • Bruno Da Silva Francisco

      Para comparar média de pontos de jogadores antigos com atuais tem que ver também… a média de pontos dos times… antigamente não era comum times passarem dos 100p em partidas… se as partidas tem mais pontos é natural que a média dos jogadores sejam mais altas

      • Coyote Brasil

        A pontuação total dos times influencia menos na pontuação individual do que o tempo em quadra dos jogadores.Até a década de noventa a média de minutos dos astros na nba era de aproximadamente 40 minutos por jogo, números atualmente impensáveis para qualquer jogador de elite. Além disso, o jogo no ataque era muito mais centralizado nos principais jogadores do time do que é hoje, onde há uma maior rotação de banco. Por isso jogadores com médias acima de 30ppg eram comuns nas décadas de 60, 70, 80 e 90.

        • Bruno Da Silva Francisco

          Vcs tão comparado embiid com olawujon?? Tem noção de quem foi ele e a época que ele jogou?? Mas tudo bem podem continuar comparando… não estou dizendo que embiid é ruim ou fraco… apenas que the dream era surreal jogando em um época de muitos pivôs excelentes

          • Vinícius Maia

            Relaxa ai cara. As comparações entre Embiid com The Dream começaram já no basquete universitário. Ninguém aqui está desmerecendo Olajuwon, eu apenas mostrei que os caras tem números parecidos em seus primeiros ano, com a diferença de que Embiid joga menos tempo do que Olajuwon, mas a intenção não é desmerecer Olajuwon e sim mostrar que estamos vendo um possível surgimento de mais um grande pivô na história da liga.

          • Bruno Da Silva Francisco

            Estas comparações são complexas e colocam pressão em algumas pessoas…. to relaxado aqui Vinicius rs mas não não preciso dizer onde moro hahahaha
            As comparações servem para alimentar o marketing/mídia… por exemplo cadê o Durant brasileiro?? Caboclo..

            Imagine vc começar a carreira como ” novo lebron” se vc diz que é ” vai falar que ta se achando” agora se tu fala que não é Vai dizer ” que é metido pra cacete” kkk

            A imprensa em.si sempre está em busca de novos Jordan, lebron, Kobe, mas existem jogadores que são únicos basta sentar e admirar

          • Coyote Brasil

            Primeiramente eu não fiz nenhuma comparação entre os dois. Apenas refutei a tese de que a pontuação total do time é decisiva na pontuação do jogador. Quanto a questão sobre quem era Hakeen… Eu morei em LA de 89/95 e assisti pessoalmente muitos jogos entre Rockets e Lakers, além dos jogos transmitidos na tv americana. Não o conheci através do You Tube. Acho que tenho uma pequena noção de quem era The Dream e de sua importância na história…

      • Danilo

        Houston no ano de rookie do Hakeem fez 111.2ppg e o Hakeem fez 20.6ppg, Phila essa temporada faz 99.3ppg e o Embiid faz 19.6ppg. O que o Embiid vem fazendo é absurdo, e jogadores acima dos 30ppg eram mais comuns nos anos 70, 80, 90 do q é hoje, hoje o jogo é muito mais coletivo e muito mais rápido, é impensável um astro jogar mais de 40mpg na temporada enquanto antigamente era muito comum.

  • pedrokadf

    – “Avisa q eu cheguei”, disse Kyle Korver.
    Varias vitorias improváveis ontem, que apostou na tendencia, perdeu rs

    • Thiago25-NBA

      Depois de 2 jogos sem fazer nada, já estava na hora.

      • pedrokadf

        justo kkkk

  • Melo

    QUE VIRADA DO MEMPHIS!!! que time é esse, mais uma virada na temporada fora de casa contra o Houston, uma das sensações da season… perdendo por 16.. Melo tem q ir pra esse time enquanto da tempo, É mt Guerreiro para cobrir sua defesa… rs

  • King Cuban #MFFL

    E tem quem fez piada quando eu disse que essa historia do Westbrook estar a lançar 10 3PT por jogo não ia dar certo…

  • Esteferson Matos

    Será Hayward o MIP desta temporada?

    • Michel Moral

      Embora tenha melhorado todos os seus stats, Hayward já vinha muito bem nas últimas duas temporadas. Por exemplo, em pontos, a média dele subiu de 19.7 para 22.1. Não é uma melhora substancial em comparação a outros nomes, como os que cito abaixo:

      – Jabari Parker saltou de 14 ppg para 20ppg nesta temporada e é o segundo principal jogador da equipe do Bucks.

      – George Hill, companheiro de Hayward, saltou de 12 ppg para 18 ppg e é peça FUNDAMENTAL para esse time do Jazz. Enquanto Hill esteve fora por lesão, o time de Utah sentiu demais.

      – Harrison Barnes saltou de 11.7 ppg para 20.8 ppg. Podemos afirmar sem a menor sombra de dúvidas que ele é uma das melhores coisas que aconteceu ao Mavs nessa temporada. Talvez o único motivo para comemorar. Pode não ser um all star, mas é seguro e faz seu jogo. Tem mais qualidade técnica, ao meu ver, do que o Crowder, por exemplo (exceto pela defesa, claro).

      Um cara que tinha obrigação de estar nessa lista, mas mais uma vez tem se mostrado frágil é o Oladipo. Excelente jogador, mas parece existir uma barreira que impede maiores evoluções.

    • Marcelo #Bulls

      Melhorou em relação a temporada passada, mas não o suficiente.
      Na minha opinião o Grego é disparado o MIP.

      2015-16: 16.9 pts (FG 50%), 7.7 reb, 4.3 ast, 1.2 stl e 1.4 blk (PER 18.8)
      2016-17: 23.2 pts (FG 53%), 8.8 reb, 5.6 ast, 1.8 stl e 2.0 blk (PER 28.0)

      Melhorou em todas estatísticas, e olha que ta jogando quase um minuto a menos do que na temporada passada.

  • Thiago25-NBA

    O Randolph vem ajudando bastante quando entra no jogo, merece destaque aqui. Quem sabe não vem um prêmio de sexto homem.

    Embiid e Towns vão dominar a liga, é apenas questão de tempo. Nogueira vem mostrando trabalho, agora parece que vai.

    Blazers perde para o Magic que não está em zona de classificação mas ganha do líder da conferência, tipico time que não vai almejar nada mesmo na temporada.

  • LeBron Mavs
  • Rafael Victor

    Grizzlies conseguiu mais uma vitória revertendo um placar desfavorável, parece que os caras se fingem de mortos, o adversário abre uma vantagem, se acomoda e quando percebem o Grizzlies encosta, empata e vira o jogo! Impressionante!

    Já o Jazz fez uma das melhores partidas dessa temporada, com todos os jogadores a disposição (até o Burks entrou no final), parece que ainda tem potencial pra crescerem ainda mais! É belo time!

  • Esteferson Matos

    Não tem como não gostar do Embiid, carismático, aplicado e ótimo jogador…

  • Pedro Ferreira

    Se esse cara não fica 2 anos parado, hj seria mais assustador ainda

  • Lucas

    Wolves venceu duas partidas sem LAvine e o time está jogando muito bem, to achando que quando o Lavine voltar, Thibodeau deveria transformá-lo em 6ºhomem.

  • Uncle Drew

    Joel Embiid é fodão demais. O segundo toco em cima do Zeller então… é capaz de ser o toco do ano! Sensacional.
    https://www.youtube.com/watch?v=pWMpGYVsDcA

    • Pedro Ferreira

      Melhor lance da carreira do Mbah a Moute!

    • Danilo Veroneze #GreenRunsDeep

      Qual é a sua opiniao desse draft 2016 uncle? Um dos piores da decada??

  • Se o Sixers der certo vocês fazem ideia de quantas equipes irão copiar o “processo”? Sixers foi inspirado no Thunder, o antigo GM em entrevistas citou o OKC algumas vezes, e a quantidade de valores que eles reuniram em 4 anos, porém o Sixers foi além do que o OKC fez, eles chutaram o balde, formaram um time de D-League (literalmente) e se afundaram no tank. Se isso der certo, não tenho duvidas que o final dessa década e início da próxima, serão recheadas de equipes em “processo”.

    • 76

      A dinastia virá! Quem viver, verá!

      • Nada contra isso. Não torço pelo Sixers, mas gosto da franquia pela história dos atletas que ela já teve. O lado ruim dela criar uma dinastia, é todas as outras franquias em reconstrução copiarem o “processo”.

        • 76

          Será que farão isso? Acho meio complicado. Lakers tbm tá nessa então. Tankando direto

          • Não por vontade própria, nos últimos anos entrou ambicioso na free agency, apenas não conseguiu contratar ninguém de peso mas tentou. O Sixers não, a franquia levou o tank a um novo nível, na temporadas anteriores boa parte de seu time era formado por atletas vindo da D-League, enquanto tinha um grande espaço no CAP. Literalmente montaram um time para perder. Outras franquias tankam, mas não dessa forma tão intensa, porém se o processo der certo, não é um absurdo pensar que outras franquias podem seguir por esse caminho.

  • Rodrigo Siqueira

    galera estou vendendo camisa retro do cleveland cavaliers #23 LeBron James, PRONTA ENTREGA E FRETE GRATIS!

    link: http://produto.mercadolivre.com.br/MLB-828338387-camisa-basquete-cleveland-cavaliers-23-lebron-james-retr-_JM

  • WESLEY

    Joel Embiid a la Triple H

  • Michel Moral

    Hoje ninguém vai elogiar o Conley?

    Ta aí a prova que não precisa ser all star de luxo para ganhar um contrato máximo. Para o time do Memphis, mais vale o trabalho de Mike do que contar com um all star.

    É isso aí… Ninguém fala nada, os FA’s ignoram a franquia do Tennessee, mas os caras estão lá derrubando e dando trabalho para os grandes times da liga. Warriors e Rockets já foram vítimas nessa temporada da equipe mais eficiente da NBA nos últimos anos, depois do Spurs, claro…

    • Thiago25-NBA

      Eu elogiei o Randolph

    • Danilo Veroneze #GreenRunsDeep

      Q homen essevmoral

  • 76

    Korver já chegou detonando a porra toda.

    Grizzlies ganha das potencias e entrega para os pobrezinhos.

    Embiid é picão das galáxias. Que doutrinador!!!

    Isaiah se tornou um piquinha das galáxias.

    Westbrook, o mvp dessa coisa chamada NBA é fodão.

    Cade meu parça Claudio? Anda tão sumido

    A dinastia está perto de começar. Menos de 5 titulos eu nem comemoro.

    Embiid será o patrão. The God Father!!

    Não tem ngm com essa idade perto do talento dele

    • Danilo Veroneze #GreenRunsDeep

      Oi mito

      • Danilo Veroneze #GreenRunsDeep

        1 celtao manda na divisao. So vejo o time do canada e agora se dirsfaçaro de huskies siberianos pra esconder a freguesia

      • 76

        oi amigão. Vão pegar a pick 1 hein?? kkkk Esse pick terceirizado de vcs é o melhor kkk

  • Albert Medeiros

    Ok, sou fã do Thomas, o cara vem jogando muito e que personalidade e carisma que o “baixinho” tem, Celtics vai ser interessante nos offs

© Copyright Jumper Brasil 2007-2017 - Todos os direitos reservados