logo lance
undo
Nacionais
Internacionais
Leste
Hawks
Celtics
Nets
Hornets
Bulls
Cavaliers
Pistons
Pacers
Heat
Bucks
Knicks
Magic
76ers
Raptors
Wizards
Oeste
Mavericks
Nuggets
Warriors
Rockets
Clippers
Lakers
Grizzlies
Timberwolves
Pelicans
Thunder
Suns
Blazers
Kings
Spurs
Jazz
Postado em 22 jan 2017 às 02:24
Kawhi Leonard brilha, alcança maior pontuação da carreira e Spurs bate Cavs na prorrogação

Rodada de sábado teve ainda os triunfos de Blazers, Pistons, Hawks, Hornets, Suns, Heat, Rockets, Jazz, Nuggets e Bulls

Compartilhe nosso conteúdo!
Envie por email!
Compartilhe no Google+ Google +
Tweet esse post! Twitter
Compartilhar no Facebook! Facebook
Por Gustavo Lima

(34-9) San Antonio Spurs 118 x 115 Cleveland Cavaliers  (30-12)

Dois dos principais postulantes ao título deste ano, San Antonio Spurs e Cleveland Cavaliers protagonizaram uma das melhores partidas da temporada. Liderada pelo ala Kawhi Leonard, que alcançou a sua melhor marca da carreira em pontos (41), o time texano foi à Quicken Loans Arena e bateu o atual campeão da liga por 118 a 115, após a disputa de uma prorrogação. Vale lembrar que o Spurs atuou sem dois titulares importantes – os veteranos Tony Parker e Pau Gasol -, ambos lesionados.

O time da casa começou melhor a partida, movimentou bem a bola e fez 33 a 22 no quarto inaugural. No segundo período, a equipe de San Antonio reagiu graças à boa produção do banco de reservas, especialmente Patty Mills e Manu Ginóbili. O Spurs marcou 14 pontos em pouco mais de três minutos e chegou à liderança pela primeira vez na partida depois que LaMarcus Aldridge converteu um arremesso de média distância. Os visitantes abriram vantagem após seis pontos do novato Dejounte Murray, substituto de Parker. Com todos os titulares de volta à quadra, o Cavs retomou a liderança nos segundos finais após cestas de DeAndre Liggins e Kevin Love e foi para o intervalo com a vitória parcial de 58 a 57.

O terceiro quarto foi marcado pelo equilíbrio, com ambas as equipes se alternando no comando do placar. O time de Cleveland fechou o período com uma cesta de Iman Shumpert no estouro do cronômetro e com uma vantagem de cinco pontos (89 a 84). No quarto período, Leonard entrou em cena e comandou a reação do Spurs, anotando 12 pontos em pouco mais de três minutos. Os visitantes chegaram a abrir nove pontos de vantagem (105 a 96) a poucos mais de cinco minutos para o fim. A partir dali, o Cavs reagiu e permitiu que o Spurs anotasse apenas mais dois pontos até o fim do período. O astro LeBron James marcou os últimos seis pontos do time da casa, incluindo uma bola de três pontos a 34 segundos do fim, que empatou o jogo. O Cavs teve a última posse de bola, mas LeBron errou o arremesso de longa distância que daria a vitória ao atual campeão.

Na prorrogação, Kyrie Irving chamou a responsabilidade e anotou todos os oito pontos do Cavs. Só que do outro lado havia um Leonard inspirado e decisivo. O camisa 2 do Spurs anotou seis pontos no tempo extra, incluindo uma enterrada a sete segundos do fim após “receber um presente” de Kevin Love. Quando tudo parecia definido, Aldridge errou dois lances livres e reacendeu a esperança do time de Cleveland, que precisava de uma bola de três pontos a quatro décimos do fim para levar o jogo a uma segunda prorrogação. Love se desvencilhou da marcação de Kyle Anderson, ficou livre no corner direito, mas deu um airball no estouro do cronômetro, para frustração da torcida do Cavs.

San Antonio
Kawhi Leonard: 41 pontos, seis rebotes, cinco assistências, seis desperdícios de bola e 15/30 nos arremessos de quadra
LaMarcus Aldridge: 16 pontos, 12 rebotes, seis assistências e dois tocos
David Lee: 14 pontos e 11 rebotes
Dejounte Murray: 14 pontos e seis assistências
Patty Mills: 13 pontos e cinco assistências

Cleveland
Kyrie Irving: 29 pontos e nove assistências
LeBron James: 29 pontos, seis rebotes, sete assistências e sete desperdícios de bola
Tristan Thompson: 14 pontos e 12 rebotes
Kevin Love: 13 pontos e 11 rebotes
Iman Shumpert: 11 pontos

 


(19-27) Portland Trail Blazers 127 x 123 Boston Celtics (26-17)

Portland
C.J. McCollum: 35 pontos e três roubadas de bola
Damian Lillard: 28 pontos e sete assistências
Meyers Leonard: 17 pontos e quatro bolas de três pontos convertidas
Evan Turner: 12 pontos e quatro assistências
Al-Farouq Aminu: 11 pontos e sete rebotes
Mason Plumlee: dez pontos, 11 rebotes e oito assistências

Boston
Isaiah Thomas: 41 pontos, seis assistências, quatro bolas de três pontos convertidas, seis desperdícios de bola e 14-28 nos arremessos de quadra
Al Horford: 17 pontos, nove rebotes e cinco assistências
Marcus Smart: 17 pontos, seis rebotes e seis assistências
Jae Crowder: 16 pontos e quatro rebotes
Terry Rozier: 15 pontos


(23-20) Washington Wizards 112 x 113 Detroit Pistons (21-24)

Washington
John Wall: 19 pontos, sete rebotes e dez assistências
Markieff Morris: 19 pontos e nove rebotes
Bradley Beal: 17 pontos, cinco rebotes e quatro assistências
Jason Smith: 16 pontos e quatro rebotes
Marcin Gortat: 12 pontos e sete rebotes
Otto Porter: 11 pontos e sete rebotes
Kelly Oubre Jr.: 11 pontos e quatro rebotes

Detroit
Marcus Morris: 25 pontos e 11 rebotes
Reggie Jackson: 19 pontos e oito assistências
Tobias Harris: 18 pontos, nove rebotes e cinco assistências


(15-27) Philadelphia 76ers 93 x 110 Atlanta Hawks (26-18)

Philadelphia
Ersan Ilyasova: 21 pontos e quatro assistências
Robert Covington: 15 pontos e dez rebotes
Jahlil Okafor: 12 pontos, quatro rebotes e três tocos

Atlanta
Paul Millsap: 22 pontos, dez rebotes e dois tocos
Dwight Howard: 13 pontos e 15 rebotes
Kent Bazemore: 16 pontos
Dennis Schroder: 15 pontos e nove rebotes
Malcolm Delaney: 13 pontos
Tim Hardaway Jr.: 12 pontos e seis assistências


(9-34) Brooklyn Nets 105 x 112 Charlotte Hornets (23-21)

Brooklyn
Brook Lopez: 24 pontos, cinco rebotes, quatro assistências e dois tocos
Bojan Bogdanovic: 16 pontos e quatro bolas de três pontos convertidas
Quincy Acy: 14 pontos e quatro rebotes
Sean Kilpatrick: 13 pontos, quatro rebotes e cinco assistências
Randy Foye: 11 pontos e cinco assistências

Charlotte
Michael Kidd-Gilchrist: 17 pontos, 14 rebotes e dois tocos
Ramon Sessions: 17 pontos
Kemba Walker: 16 pontos, quatro rebotes e seis assistências
Nicolas Batum: 16 pontos, nove rebotes, seis assistências e quatro roubadas de bola
Marco Belinelli: 14 pontos e cinco assistências
Cody Zeller: 12 pontos e nove rebotes


(14-29) Phoenix Suns 107 x 105 New York Knicks (19-26)

Phoenix
Devin Booker: 26 pontos
Eric Bledsoe: 23 pontos, cinco rebotes e sete assistências
Marquese Chriss: 15 pontos, cinco rebotes e três roubadas de bola
P.J. Tucker: 15 pontos e três roubadas de bola
Brandon Knight: 11 pontos e cinco rebotes
Tyson Chandler: nove pontos e 16 rebotes

New York
Carmelo Anthony: 31 pontos, sete rebotes, seis assistências e cinco bolas de três pontos convertidas
Derrick Rose: 26 pontos e cinco assistências
Kristaps Porzingis: 14 pontos
Courtney Lee: 13 pontos e quatro rebotes


(20-23) Milwaukee Bucks 97 x 109 Miami Heat (14-30)

Milwaukee
Giannis Antetokounmpo: 24 pontos e dez rebotes
Jabari Parker: 16 pontos, sete rebotes e quatro assistências
Matthew Dellavedova: 15 pontos e sete assistências
John Henson: 11 pontos e nove rebotes

Miami
Dion Waiters: 33 pontos e cinco bolas de três pontos convertidas
Goran Dragic: 25 pontos e seis assistências
Hassan Whiteside: 16 pontos, 15 rebotes e dois tocos
Wayne Ellington: 15 pontos e cinco rebotes


(34-13) Houston Rockets 119 x 95 Memphis Grizzlies (26-20)

Houston
Sam Dekker: 30 pontos, quatro rebotes e seis bolas de três pontos convertidas
James Harden: 29 pontos, seis rebotes, dez assistências, três roubadas de bola, dois tocos, quatro bolas de três pontos convertidas e seis desperdícios de bola
Eric Gordon: 21 pontos e cinco assistências
Nenê Hilário: 12 pontos e três roubadas de bola

Memphis
Marc Gasol: 32 pontos, cinco rebotes e três tocos
Mike Conley: 15 pontos, quatro rebotes e seis assistências
Chandler Parsons: 12 pontos, quatro assistências e três roubadas de bola
Zach Randolph: 11 pontos e oito rebotes


(29-16) Los Angeles Clippers 98 x 123 Denver Nuggets (18-24)

Los Angeles
Marreese Speights: 18 pontos
Austin Rivers: 16 pontos e cinco assistências
DeAndre Jordan: 14 pontos, 13 rebotes e 2-2 nos lances livres
J.J. Redick e Raymond Felton: 14 pontos cada

Denver
Nikola Jokic: 19 pontos e dez rebotes
Wilson Chandler: 18 pontos e sete rebotes
Danilo Gallinari: 18 pontos e quatro rebotes
Will Barton: 18 pontos
Kenneth Faried: 13 pontos e sete rebotes
Jusuf Nurkic: 12 pontos e cinco rebotes


(22-21) Indiana Pacers 100 x 109 Utah Jazz (29-16)

Indiana
Thaddeus Young: 19 pontos e nove rebotes
Jeff Teague: 19 pontos, quatro rebotes, sete assistências e três roubadas de bola
Paul Goerge: 19 pontos e quatro rebotes
Monta Ellis: 15 pontos e quatro rebotes
Myles Turner: 13 pontos e sete rebotes

Utah
George Hill: 30 pontos, seis rebotes e cinco assistências
Gordon Hayward: 27 pontos
Rudy Gobert: 19 pontos e 11 rebotes
Alec Burks: 13 pontos e quatro rebotes


(16-27) Sacramento Kings 99 x 102 Chicago Bulls (22-23)

Sacramento
DeMarcus Cousins: 42 pontos, 14 rebotes e dois tocos

Chicago
Dwyane Wade: 30 pontos, seis rebotes, quatro assistências, três roubadas de bola e quatro tocos
Jimmy Butler: 23 pontos, cinco rebotes e sete assistências
Paul Zipser: 13 pontos e quatro rebotes
Nikola Mirotic: 11 pontos e cinco rebotes

  • Kleber

    Parabéns Knicks. Conseguiu mais uma vez perder na última bola.

  • Renato

    Heat e Suns ganharam seus jogos, a torcida do Celtics agradece a gentileza, vem first pick

    • King Cuban #MFFL

      Nós dos Mavs também agradecemos…

    • FILHA DO UNANIMOUS

      first pick já é nosso foda q os fodão desse draft são armador e a gente já tem um fodão nessa posição

  • FILHA DO UNANIMOUS

    engraçado como todo time q tem o king no gw a bola nunca ta na mão dele rsrs ai não né cavs contrata outra kirye outro rey alien pra salvar a cidade virgem pq se depende do king já sabe

  • Bruno Da Silva Francisco

    Spurs sendo spurs… chora lebronzetes rsrsrs

  • FILHA DO UNANIMOUS

    *coloque aqui o seu texto falando que o cavs n liga pra regular season*

  • Henrique

    Kawhi é mito. Vai ser uma lenda esse rapaz. E o Knicks… ladeira abaixo. Só sinto pena do Porzings.

  • Leonardo

    Kawhi o agente do caos!!!!! Vendo esse time do Spurs jogar percebe-se como eles mudaram o estilo de jogo, não é mais aquele passe-passe, é bola na mão do Kawhi..eu acho perigoso que o time seja dependente de um jogador fazer tudo(igual Rockets)

    Ele parecia exausto no final do jogo,mas mesmo assim..que partida…

    Não assisto muito os Cavs..mas atualmente Richard jefferson é um bom defensor? Porque contra os Warriors botaram ele no Durant(ate na ultima posse) e nesse jogo ele “tentou” marcar Kawhi..não viu nem a sombra

    • Albert Medeiros

      Bem, por melhor defensor que um jogador seja, irá ser dificil marcar esses dois jogadores

  • Oliveira Adrian

    Futuro de Doc. Rives, indeciso mas pelo andar da carruagem longe de Los Angeles kkkk, veja mesmo na draga do cão o Lakers e maus respeitado que o Clipperton.

    • 2Pac & Snoop

      Creio que o clippers sera totalmente desmontado , Doc Rivers deve sair , Blake Griffin e o CP3 , o ultimo que apague a luz e vá para Seattle !

      • #BrooklynCeltics

        Eu sei onde Griffin se encaixaria beeem

  • Rodrigo Soares

    KAWHI LEONARD É UM ABSURDO! Se consolidando cada vez mais como um estrela da nba, com o mesmo perfil do Duncan, calado.
    Bom ver o Spurs com um rookie como o Murray , que mostra qualidade pra se desenvolver muito na liga ( mais um steal pra conta do Pop)
    O Pop é tão gênio que até o Lee tá jogando muito bem, nem sentimos falta do Gasol

    • felipe fernando Oliveira

      a 20 anos spurs mesmo com escolhas altas sempre escolhem bons jogadores. e ate hoje nenhum time da liga aprendeu. gostaria que a diretoria de okc tivesse 50% dessa eficiencia

      • owww

        mas okc drafta bem pa carai so vacilamos nesse do sabonis kk

        • felipe fernando Oliveira

          Cara nos ultimos 10 anos só draftamos bem, Durant, Harden, West. Tem aqueles + – como Ibaka, Adams. Fora esses foi tudo um verdadeiro fracasso.

      • FILHA DO UNANIMOUS

        vc ta reclamando d um time q drafta harden , west e durant ?

        • felipe fernando Oliveira

          Temos bons aquele em que eramos Supersonics

      • Rogério Júnior

        Sabonis foi o ponto fora da curva no OKC. Esse moleque é horrível, bicho, na boa. Que moleque ruim

    • Marcelo Desoxi

      Parece o Patriots, todo ano um steal novo. Enquanto os abutres ficam anos e anos com escolhas top 10.

  • felipe fernando Oliveira

    vou ter que ser redundante. spur sendo spur.

  • Albert Medeiros

    Spurs é aquele que time que você não liga muito quando derrota o time que você torce, porque é um time que joga o fino da bola e traz muito respeito ao jogo

  • Kleber Ribeiro

    Enquanto todos falam de Cavs…Warriors é até Rockets…os Spurs fazem isso há 20 anos sem ninguém olhar pra eles….mesmo sem Parker pra fazer melhor a rotação…Kawhi…mesmo sobrecarregado…da conta do recado…e no melhor estilo Duncan…sempre calado…ele vai fazendo mais de 30 pontos por jogo…deveria sim ser candidato a MVP…mas seu estilo Duncan..não vai permitir…..gostaria de saber onde eles acham esses jogadores….Dejonte Murray nem parece calouro… parece que já jogou com os Spurs há anos…..titio Pop tem outra boa safra..como sempre…pra trabalhar.

  • Marcelo Desoxi

    Marcus Morris cravando no irmãozinho Pato ! Belo GW. De qualquer forma, uma daquelas vitórias do Pistons que não me iludem, time jogou mal, deixou uma vitória que parecia fácil escapar. E dois fatos se transformaram em certezas – pra mim – com o decorrer desta temporada:
    1 – Andre atingiu seu teto, ele não é, nem de perto um Shaq, é um Tyson Chandler que defende menos.
    2- Reggie Jackson é uma laranja podre pra qualquer time que priorize o jogo coletivo. Ano passado era entendível ele tentar matar todas, afinal , Tobias e Morris não estavam em total sincronia com o time e KCP não era tudo que é hoje.
    Se ficarem , ótimo. Se saírem por escolhas top 10 e mais alguns bons jogadores, melhor ainda.

    • 2Pac & Snoop

      Nunca mais teremos outro Shaq , igual não teremos outro Lebron , etc !

      • Marcelo Desoxi

        A questão do Shaq é sobre a possibilidade de o Andre ser um dia dominante, ofensivamente e defensivamente , tal como O’Neal foi.
        Nunca teremos outro Diesel.

      • GU— #GSW/SHOW-TIME

        Giannis vai ser o novo Lebron facil.

  • Yan Alves #TankBrothers

    Mais uma partidaça do menino Booker!! Apareceu quando o Suns mais precisou e marcou 9 pontos nos últimos 4 minutos para ganhar o jogo!!

    Agora ele tem:
    26,7 ppg em 2017 e
    28,4 ppg nos ultimos 8 jogos.

    Abaixo o momento clutch do menino Bookão!
    https://twitter.com/BR_NBA/status/823004222966743040

  • Vinícius Maia

    Honestamente, eu acho que a situação recente do Cavs é meio preocupante. No geral, o time ainda tem uma boa campanha, mas o saldo de vitórias e derrotas nos últimos jogos, na minha visão, é algo para colocar o time em alerta, principalmente por ter perdido para dois times que podem estar presentes na final. O Spurs é um grande time e perder para os caras numa partida de temporada regular, é algo totalmente compreensível, mas eu me preocupo com as derrotas que o time vem tendo nos últimos jogos.

    • Esteferson Matos

      Você não acha que as lesões do JR e principalmente do Love que voltou mal ontem, mas vem fazendo uma excelente temporada, são fatores fundamentais pra tal queda de rendimento?

      • Lucas Calsavara

        particulamente acho q sim, mas pelo conhecimento e entrosamente q eles trazem para o time. Love ontem cagou com o jogo, estava afobado e fora de ritmo, porem o q me assusta sao os apagoes na defesa, ontem abriam uma vantagem e logo depois a defesa apagava, ninguem fechava rebotes. Isso me preocupa

      • Vinícius Maia

        Não sabia dessa lesão do Love, mas é óbvio que a lesão do J.R Smith atrapalhou e muito a equipe. Mas o time precisa superar isso e encontrar uma forma eficiente de jogar sem ele. Claro que isso leva tempo, mas o time precisa ficar alerta para essa situação desde já.

  • Esteferson Matos

    Só para lembrar hoje tem o melhor QB da NFL contra o Falcons…
    Vamos GB!!!

    • FILHA DO UNANIMOUS

      modinha

      • Esteferson Matos

        Tem razão, afinal GB vem de conquista!!!

      • #BrooklynCeltics

        Temos uma xeroca rominha aqui

  • Galvão 🔥 #HEATisOn #305

    O Miami Heat tá de putaria com a cara do torcedor!

    O time é uma merda, temos um dos melhores draft’s vindo aí, o time estava com a 2ª pior campanha até com folgas, e me ganha 3 partidas seguidas e o Mavs já está a uma derrota de igualar a campanha. Pat Riley definitivamente não sabe mais o que faz!

    • JoaoFJ

      A culpa aí não é do PAT né. Não tem como perdermos todos os jogos kkk

      • Galvão 🔥 #HEATisOn #305

        Claro que é, é o presidente que dá a orientação de rumo para treinador e Staff! Ou você acha que quem decide o que fazer é o treinador? Claro que não.

        • King Cuban #MFFL

          Essa é a minha insatisfação com o Cuban/Donnie Nelson

      • King Cuban #MFFL

        Eu sei como é….

    • Pedro Ferreira

      Próximo jogo é contra o GSW, ae eles caem na real de novo!

      • Galvão 🔥 #HEATisOn #305

        Mais aí vem Nets, Bulls, Pistons e Nets outra vez rs. É capaz de eles ganharem essas duas do Nets e ajudar mais ainda o Celtics.

        • Pedro Ferreira

          Ahhh mano, perde pra esse Nets é quase impossível, há não ser que descansem o Dragic e o LadoBranco nos dois!

          • Galvão 🔥 #HEATisOn #305

            Perder pra eles deve ser mais difícil que ir aos playoffs rs

            Mas se o objetivo fosse ir pro draft mesmo, tinha que perder. Mas aí que tá o problema, o Heat tá completamente sem foco.

          • Pedro Ferreira

            Vamos ver, apesar dos últimos acontecimentos ainda confio no Pat

    • King Cuban #MFFL

      Os Mavs já estão perto… só precisamos perder contra os Lakers mais logo…

    • Bruno Macedo

      Eh foda mesmo parecia que o time tava jogando offs correndo e defendendo igual lokos kk

  • Rafael Victor

    Kawhi fez 41 pts, career high e o caralho, mas o final do último quarto dele, antes da OT, foi bem ruim, não esqueçamos disso! Tentou umas 4 jogadas individuais e errou todas, parecia o Hayward! Também mostrou bastante dificuldade quando a marcação apertou nele, perdeu a bola fácil algumas vezes! Agora como centraliza a maior parte das ações ofensivas do Spurs, principalmente, nos finais do jogos, tem que ser perfeito e não cometer algumas falhas como comete vez ou outra (errar lances livres decisivos, como aconteceu contra o Suns no México, por exemplo), senão ele e o Spurs vão acabar sendo surpreendidos de novo nos Playoffs!

    • Kleber Ribeiro

      Rafael..tem que se analisar o conjunto do jogo…se for pensar assim…O LeBron fez um último erro bizarro….mas se o jogo foi para OT…foi mérito dele de colocar uma de 3 do meio da rua….Kawhi tirou uma diferença de 10 pontos….e quando do ele começou a errar…principalmente Mills…LaMarcus acordou e fez o dele…por isso..basquete é um esporte coletivo e se analisa um todo… não podemos se atentar a erros específicos para tentar apagar a partida monstro dele ou do LeBron.

      • Rafael Victor

        Não tem desmerecimento, é só observação! O Kawhi como principal jogador do time ainda comete umas falhas que já não era mais pra tá cometendo! Só isso!

        • Vinícius Maia

          Sei lá Rafael, apesar de Leonard já estar na liga a algum tempo, esse é o primeiro ano dele como franchise player da equipe. É uma experiência nova para ele e eu acho normal que ele cometa algumas falhas. Ele mesmo disse numa entrevista nessa temporada que tem sido uma experiência nova e desafiadora, pois ele tem enfrentado situações nos jogos que não havia enfrentado até então.

          • Rafael Victor

            Na verdade, essa já é a segunda temporada como principal jogador do time, talvez a intensidade e a responsabilidade aumentaram em relação a temporada passada, em que ele já decidia a última bola do jogo, metendo até gamer winners e tal, só que quando chegou nos Playoffs deixou a desejar! O Roberson acabou com ele na série do Spurs contra o OKC! Quero ver como vai ser dessa vez, espero que tenha um desempenho melhor na pós-temporada!

  • Guilherme Ferreira

    Ultima bola.. jogo empatado… Lebron com a bola… qual eh o seu ponto mais forte? cortar e ir pra dentro…, não.. vou arremessar de 3 da zona morta marcado… ai me fala q persegue o 23 de chicago… rsss

    • Marcelo Desoxi

      o 23 de Chicago não errava? Caramba em.

      • carlos

        no auge nunca

        • Marcelo Desoxi

          KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

          • paulo hamk

            eu nunca vi jordan fazendo o que o lebron fez em 2010 por exemplo. acho que comparar os dois é muita forçassão de barra.

          • Marcelo Desoxi

            Se pra você é….de qualquer modo, onde eu comparei ? KK só perguntei ao cidadão se o camisa 23 do Chicago não errava, já que a justificativa dele era que o LeBron não podia ser comparado ao Jordan porque errava nesses momentos hushus

          • paulo hamk

            errar todo mundo erra, mas jordan é famoso por esses momentos épicos porque ele não tinha medo de errar inclusive em jogos muito importantes( que foram muitos por sinal) isso faz o pessoal esquecer as vezes que ele errou.

        • Marcos

          Primeiro, ele errava sim. Segundo, quem te falou que LeBron está no auge? Kkk 32 anos filho

        • Galvão 🔥 #HEATisOn #305

          Esse sabe das coisa hein.

        • Pedro Ferreira

          Michael Jordan nunca errou kkkk foi mal ae Deus!

          • Marcelo Desoxi

            Jordan temporada 96-97 , clutch time tradicional:
            121 minutos / 117 pontos / 32-81 FGS ( 39.5% ) / 3-16 3FG ( 18% ) / 25 rebotes / 8 assistências / 8 TO’s

          • Pedro Ferreira

            Mas segundo o cara ae, ele nunca erro! kkk

          • The King James

            Como você encontra esses dados?

          • Marcelo Desoxi

            Na verdade sou bem fraco em procurar estatísticas, essas são as mais simples, acha-se no NBA.com.
            Quando o Dave tiver online pede ele uns sites e dicas, ele manja demais.

          • Felipe Rodrigues
        • Vinícius Maia

          Jordan nunca errou. Só 26 vezes, pelo menos.

          Isso foi ele mesmo quem disse na famosa frase: “Errei mais de 9.000 cestas e perdi quase 300 jogos. Em 26 diferentes finais de partidas fui encarregado de jogar a bola que venceria o jogo… e falhei. Eu tenho uma história repleta de falhas e fracassos em minha vida. E é exatamente por isso que sou um sucesso”

        • Guilherme Prates

          Um dos principais acertos de MJ no tal “clutch time” foi passar pro Kerr desmarcado para a bola do quinto título. Clutch é isso, não só por a bola na cesta, mas deixar o melhor cara na melhor posição para decidir.
          O vídeo que o mostra os dois no banco e o Kerr vira pro MJ e fala: “Se precisar jogar na minha mão, eu estarei pronto pra decidir” é animal. Eles estão tão focados, que parece que o Jordan ignora, nem olha direito pro Kerr, mas ouve tudo e mete a bola na mão do libanês…

          Um PS legal (que já contei aqui, ahco): Perguntaram, na época do big 3 de Celtics, pra quem eles passam a bola para o último arremesso. Resposta de Pierce e Garnett foi na lata: “Ray Allen”. Só Ray respondeu diferente: “pra quem estiver livre” hehehe

          • Danilo

            Tem uma q MJ passou pro Paxson também, não sei como ainda tem imbecis q pensam q basquete é individual e não coletivo.

      • Guilherme Ferreira

        Não foi isso q eu quis dizer amigo rs, claro q Jordan errava, mas o que eu digo é q nesses momentos o Lebron na maioria das vezes escolhe as jogadas erradas, me diga pra que arremessar de 3 se o jogo esta empatado?, ele é especialista, é oq ele faz de melhor? não, Jordan tb errava, mas não inventava não, ia na sua jogada mais eficiente… já o lebron, além de não ser naturalmente clutch, opta por ações erradas, típico de quem esta desconfortável com o momento.

    • Jansen Carlos

      Le Bron não alcançará Jordan, Le Bron não é clutch, mas Le Bron já é um dos maiores de todos os tempos.

    • Gabriel De Oliveira Meira

      Porra mano, mesma observação… e esta última bola do tempo normal era melhor dar pro Kyrie pois ele é mais consistente nestes momentos!

  • Pedro Ferreira

    Booker é craque, como dizem abracei a hype!

  • Melo

    Nem tem oq falar , eu já contei umas 10 derrotas pela última bola

  • Melo

    Q crueldade com os torcedores, a bola entrou e saiu…Q azar !3 jogo seguido do Melo em casa com mais de 30 pontos

  • William Felton

    Thomas mito! Pena que a arbitragem interferiu. Paciência, acontece…

  • Esteferson Matos

    Spurs x Cavs foi um ótimo jogo tecnicamente!!!

  • Menezes

    PACERS E o time que mais me decepcionou essa temporada, ganhou Wolves e NY Knicks

    • Guilherme Prates

      Eu to realtivamente surpreso com a campanha positiva do time. Esperava que fosse ainda pior.

  • Damon

    Heat para de ganhar poxa.
    Negocio é perder e perder bonito.

  • #BrooklynCeltics

    OFF: Jordy Nelson (Green Bay Packers) vai jogar contra o Atlanta Falcons com duas costelas quebradas, trajando um colete de kevlar. Macheza do caramba…

    • Marcelo Desoxi

      Aaron lança nos números , nem precisa estar completo pra receber . UHSHUS

      • #BrooklynCeltics

        Mas se ele tomar uma cutucada vai ser foda hein

        • Marcelo Desoxi

          Nem brinca.

    • Felipe Rodrigues

      Arriscado demais na minha opinião, mas não deixa de ser um exemplo de vontade de vencer.

  • Thiago25-NBA

    Que rodada, heim? E eu não vi nenhum jogo.

    Só o Cousins entrou em quadra?

    Como o comentarista do jogo entre Knicks e Suns falou: Deja vu! Que coisa esse Knicks.

    Heat não quer mais tankar. Clippers é Clippers

  • Felipe Rodrigues

    Cavs e Spurs foi mesmo um otimo jogo, excelente partida do Lee, acho q o Lamarcus deveria chamar mais o jogo na minha opinião, do Cavs o Kyrie chamando a responsabilidade no OT mostra mais uma vez que é a bola de confiança da equipe nos momentos decisivos, agora uma coisa tem que ser dita sobre aquele fim de partida, pra que trazer o Korver se quando precisa de uma bola de tres coloca na mão do Love?

    Lue desenhou mal aquela jogada.

    Boogie joga sozinho, tem que sair daquele time miseravel.

    Knicks é Knicks né pae.

    E o Clippers tem que acender o sinal de alerta ja ou ta cedo ainda?

  • #BrooklynCeltics

    Dei uma esquecida em Warriors at Magic e estava parelho, depois de 1 min voltei a ver e já está +18, sempre assim no Q3

  • Guilherme Prates

    Lá vem meus comentários furados:
    Só vi os dois JOGAÇOS da TV (Celtics x Blazers e Spurs x Cavs), mas, pelos placares, vaários jogões, hein!?

    1. Mesmo não sendo torcedor do Spurs, que time foda de ver jogar. Que jogo coletivo. Não sei se todos já perceberam, mas Spurs é um time FIBA treinado pra jogar NBA. E MUITO BEM treinado! – JOGAAAAAAÇO (junto com aquele Cavs x GWS mágico de natal, o melhor que passou na TV brasileira, acredito)
    Agora, realmente, o Love não foi legal, mas parece que virou febre falar mal dele. O cara não é esse horror que muita gente pinta, é líder do time em rebotes, ta com 20 pnts de média… Vem fazendo boa temporada (se alguém perguntar, quero ele no Nets! heheheh)

    2. Pô, Celtics merecia levar aquele jogo. Isiah é monstro, as bolas “demoraram” a cair e o cara terminou com 41 pontos! Demais! E que partida inteligente, principalmente na OT, do Mason Plumlee. Tbm não acho ele tão ruim quanto pintam (o melhor Plumlee – ok q isso não é muita coisa… hehehee)

    3. “Sam Dekker: 30 pontos” WHAAAT??

    4. PRECISO assistir Knicks x Suns e Wizards x Pistons! Caramba!

  • #BrooklynCeltics

    McGee +/- +25 pontos; Zaza +/- +5 pontos.

    • #BrooklynCeltics

      Com a metade do tempo em quadra já tem o mesmo de pontos do Pachulia. Que fucking all-star

© Copyright Jumper Brasil 2007-2017 - Todos os direitos reservados