logo lance
undo
Nacionais
Internacionais
Leste
Hawks
Celtics
Nets
Hornets
Bulls
Cavaliers
Pistons
Pacers
Heat
Bucks
Knicks
Magic
76ers
Raptors
Wizards
Oeste
Mavericks
Nuggets
Warriors
Rockets
Clippers
Lakers
Grizzlies
Timberwolves
Pelicans
Thunder
Suns
Blazers
Kings
Spurs
Jazz
Postado em 2 fev 2017 às 10:03
Seleção de janeiro – Conferência Leste

Confira quais foram os destaques do Leste no primeiro mês de 2017

Compartilhe nosso conteúdo!
Envie por email!
Compartilhe no Google+ Google +
Tweet esse post! Twitter
Compartilhar no Facebook! Facebook
Por Eduardo Ribeiro

Janeiro se encerrou e agora a temporada regular já está em sua metade. No Leste, o líder Cavaliers decepcionou e somou diversas derrotas em janeiro, enquanto Celtics, Hawks e Wizards lideraram a conferência no mês. Agora, é hora de apontar quais foram os destaques individuais da conferência e formar um quinteto inicial com os melhores jogadores do mês e também “reservas” que tenham se destacado e mereçam ser citados.

Isaiah Thomas (Boston Celtics) – Médias no mês – 32.9 pontos, 6.9 assistências, 49% de aproveitamento nos arremessos

thomas

Se você achou que dezembro seria o melhor mês da carreira do armador de 1,75m, é melhor prestar atenção no que ele fez em janeiro. Thomas foi um dos grandes destaques em toda a liga e anotou incríveis 33 pontos por partida, em média. Além dos números “exagerados”, o aproveitamento nos arremessos também melhorou e não houve jogador na liga que tivesse um desempenho melhor do que o camisa 4 no último quarto das partidas. Em janeiro, Thomas obteve média de 12.6 pontos nos períodos finais.

Reserva – John Wall (Washington Wizards) – 21.6 pontos, 10.8 assistências, 4.6 rebotes


DeMar DeRozan (Toronto Raptors) – Médias no mês – 28.6 pontos, 5.8 rebotes, 3.5 assistências

demar-derozan-nba-new-york-knicks-toronto-raptors-768x0

DeRozan viveu um mês melhor em janeiro do que em dezembro, onde já tinha se destacado. Por sua importância no Raptors e grandes números individuais, além de aumentá-los em algumas áreas em relação ao último mês, aparece mais uma vez na lista, já que ela consiste disso. Em termos coletivos, porém, vale dizer que o Raptors viveu um mês abaixo da expectativa.

Reserva – Jimmy Butler (Chicago Bulls) – 24.3 pontos, 6.4 rebotes, 5.8 assistências


LeBron James (Cleveland Cavaliers) – Médias no mês – 25.7 pontos, 8.3 rebotes, 8.1 assistências

LeBron James aniversário

O Cleveland Cavaliers decepcionou em janeiro. A equipe fechou o primeiro mês de 2017 com recorde negativo e já consegue ver adversários como Celtics e Raptors se aproximarem do primeiro lugar do Leste. LeBron James, porém, teve mais um mês de destaque individual e não deixou a desejar em quadra, terminando com ótimas médias, causando impacto tanto na pontuação, quanto na organização de jogadas. Como o rendimento individual determina a lista, James permanece. Mas, assim como o Raptors, vale o comentário negativo sobre os resultados recentes da equipe.

Reserva – Paul George (Indiana Pacers) – 24.5 pontos, 4.8 rebotes, 42% nos arremessos de três


Carmelo Anthony (New York Knicks) – Médias no mês – 25.4 pontos, 6.3 rebotes, 3.3 assistências

Carmelo Anthony

Logo no mês mais conturbado da temporada para Carmelo Anthony, seu jogo evoluiu e o veterano conseguiu jogar muito melhor do que nos meses anteriores. Apresentando um aumento na pontuação, nos rebotes e no aproveitamento dos arremessos, o camisa 7 se destacou e lembrou o cestinha que se acostumou a ser durante a carreira. O Knicks decepcionou novamente e somou muitas derrotas, mas o ala fez sua parte em janeiro, indiscutivelmente. Resta saber se ele estará na equipe no próximo mês.

Reserva – Paul Millsap (Atlanta Hawks) – 19.5 pontos, 8.7 rebotes, 4.1 assistências, 1.3 toco


Joel Embiid (Philadelphia 76ers) – Médias no mês – 22.4 pontos, 9.4 rebotes, 2.6 tocos

joel-embiid-3

Embiid pediu para que todos “acreditassem no processo”. Se você ainda não acredita, provavelmente não se atentou para o que o jovem em fazendo em sua temporada de estreia na liga. Em Janeiro, o camaronês anotou seus melhores números da carreira e, para melhorar ainda mais as coisas, o Sixers surpreendeu e teve a quarta melhor campanha do mês no Leste, com dez vitórias e apenas quatro derrotas. Trust The Process.

Reserva – Andre Drummond (Detroit Pistons) – 16.1 pontos, 14.8 rebotes, 2.2 roubos de bola


MVP do Leste em Janeiro: Isaiah Thomas

  • Embiid realmente jogou muito. Acho que faz uma temporada de calouro ainda melhor do que a já mítica temporada do KAT

    • nico

      Não é pra tanto amigo, sei que é a tua opinião.. mais o TOWNS ja atingiu um patamar que o embiid na proxima ja vai atingir tambem.. que é ser um all star ( mesmo não sendo convocado pro all star game) .. mas o tows e muito dominante.. o fisico dele ta impecavel… ja o embiid ta progredindo, mas inspira cuidados… mas na proxima tempora ele junto com o simmons tem grandes chances de levar o 76ers para os offs !!

      • Rapaz, eu não disse que o Embiid é melhor nem algo assim, disse que faz uma temporada de calouro ainda melhor do que a já excelente feita pelo KAT.
        No final das contas, acho os dois fantásticos.

        • nico

          EU entendi mais ou menos o que voce quis dizer…

  • Paulo Sérgio

    Isaiah Thomas. Se não for o terceiro na corrida pelo MVP, é sacanagem. O que o baixinho tá jogando é um absurdo.
    Carmelo: Jogando muito pra impressionar Celtics é Clippers. Só não ver quem não quer.
    E sobre o Embiid, imagina quando não tiver os minutos controlados. Ele é o KAT vão rivalizar muito.

© Copyright Jumper Brasil 2007-2017 - Todos os direitos reservados