logo lance
undo
Nacionais
Internacionais
Leste
Hawks
Celtics
Nets
Hornets
Bulls
Cavaliers
Pistons
Pacers
Heat
Bucks
Knicks
Magic
76ers
Raptors
Wizards
Oeste
Mavericks
Nuggets
Warriors
Rockets
Clippers
Lakers
Grizzlies
Timberwolves
Pelicans
Thunder
Suns
Blazers
Kings
Spurs
Jazz
Postado em 11 mar 2017 às 10:48
NCAA – De virada, Duke bate North Carolina e chega à final da ACC

Confira como foi a rodada dessa sexta-feira no basquete universitário

Compartilhe nosso conteúdo!
Envie por email!
Compartilhe no Google+ Google +
Tweet esse post! Twitter
Compartilhar no Facebook! Facebook
Por Gustavo Lima

Semifinais da ACC

(5) Duke 93 x 83 North Carolina (1)

Duke
Jayson Tatum: 24 pontos e sete rebotes
Luke Kennard: 20 pontos, três roubadas de bola e dois tocos
Grayson Allen: 18 pontos, cinco assistências e cinco bolas de três pontos convertidas
Frank Jackson: 15 pontos e cinco rebotes
Harry Giles: seis pontos  sete rebotes e quatro tocos; 15 minutos

North Carolina
Kennedy Meeks: 19 pontos e 12 rebotes
Isaiah Hicks: 19 pontos e sete rebotes
Justin Jackson: 16 pontos, quatro rebotes e quatro assistências

 

(3) Notre Dame 77 x 73 Florida State (2)

Notre Dame
Bonzie Colson: 18  pontos e seis rebotes
Steve Vasturia: 18 pontos, três roubadas de bola e quatro bolas de três pontos convertidas
Matt Farrell: 15 pontos e seis assistências

Florida State
Dwayne Bacon: 18 pontos e nove rebotes
Braian Angola-Rodas: 17 pontos e quatro bolas de três pontos convertidas
Xavier Rathan-Mayes: 13 pontos e cinco assistências
Jonathan Isaac: cinco pontos, 15 rebotes e dois tocos


Semifinais da Pac-12

(5) California 65 x 73 Oregon (1)

California
Grant Mullins: 23 pontos, quatro assistências e cinco bolas de três pontos convertidas
Charlie Moore: 15 pontos
Ivan Rabb: 11 pontos e sete rebotes

Oregon
Tyler Dorsey: 23 pontos e cinco bolas de três pontos convertidas
Dylan Ennis: 16 pontos, quatro rebotes e cinco assistências
Jordan Bell: seis pontos, 15 rebotes e cinco tocos

 

(3) UCLA 75 x 86 Arizona (2)

UCLA
Isaac Hamilton: 20 pontos e quatro rebotes
T.J. Leaf: 15 pontos e sete rebotes
Thomas Welsh: 13 pontos e oito rebotes
Lonzo Ball: oito pontos, cinco rebotes, seis assistências, três roubadas de bola e quatro desperdícios de bola

Arizona
Lauri Markkanen: 29 pontos, cinco rebotes e quatro bolas de três pontos convertidas
Allonzo Trier: 20 pontos e quatro assistências
Kadeem Allen: 12 pontos, quatro rebotes, quatro assistências e três roubadas de bola


Quartas de final da SEC

(8) Georgia 60 x 71 Kentucky (1)

Georgia
J.J. Frazier: 15 pontos, oito rebotes e quatro assistências
Yante Maten: 12 pontos e seis rebotes

Kentucky
Isaiah Briscoe: 20 pontos e seis rebotes
De’Aaron Fox: 20 pontos e quatro assistências
Bam Adebayo: 13 pontos e dez rebotes


Semifinais da Big 12

(8) TCU 63 x 84 Iowa State (4)

TCU
Jaylen Fisher e Vladimir Brodziansky: dez pontos cada

Iowa State
Deonte Burton: 22 pontos, cinco rebotes e quatro assistências
Monte Morris: 15 pontos e três roubadas de bola
Naz Long: 11 pontos e sete rebotes

 

(6) Kansas State 50 x 51 West Virginia (2)

Kansas State
Wesley Iwundu: 13 pontos e cinco rebotes

West Virginia
Esa Ahmad: 15 pontos e dez rebotes
Tarik Phillip: 13 pontos


Semifinais da Big East

(5) Seton Hall 53 x 55 Villanova (1)

Seton Hall
Desi Rodriguez: 14 pontos e seis rebotes
Khadeen Carrington: 11 pontos e cinco rebotes

Villanova
Josh Hart: 19 pontos e dez rebotes
Jalen Brunson: 13 pontos

 

(7) Xavier 72 x 75 Creighton (6)

Xavier
J.P. Macura: 22 pontos e seis bolas de três pontos convertidas
Trevon Bluiett: 18 pontos e quatro rebotes

Creighton
Marcus Foster: 21 pontos, seis assistências e quatro bolas de três pontos convertidas
Justin Patton: 21 pontos, dois tocos e 10-13 nos arremessos de quadra


Quartas de final da Big Ten

(8) Michigan 74 x 70 Purdue (1)

Michigan
D.J. Wilson: 26 pontos, oito rebotes e três tocos
Zak Irvin: 13 pontos e sete rebotes
Derrick Walton Jr.: 12 pontos, quatro rebotes e quatro assistências

Purdue
Isaac Haas: 17 pontos e cinco rebotes
Carsen Edwards: 17 pontos e quatro roubadas de bola
Caleb Swanigan: 13 pontos, 13 rebotes e cinco assistências

 

(5) Michigan State 58 x 63 Minnesota (4)

Michigan State
Miles Bridges: 20 pontos e sete rebotes
Nick Ward: 15 pontos e 11 rebotes

Minnesota
Reggie Lynch: 16 pontos e quatro rebotes
Amir Coffey: 13 pontos
Jordan Murphy: dez pontos e 13 rebotes

 

(10) Indiana 60 x 70 Wisconsin (2)

Indiana
James Blackmon Jr.: 17 pontos e oito rebotes
Juwan Morgan: 14 pontos, sete rebotes e dois tocos
Robert Johnson: 13 pontos e sete rebotes

Wisconsin
Bronson Koenig: 16 pontos, cinco assistências, três roubadas de bola e quatro bolas de três pontos convertidas
Ethan Happ: 14 pontos, 12 rebotes e 7-9 nos arremessos de quadra
D’Mitrik Trice: 13 pontos
Zak Showalter: 12 pontos

 

(6) Northwestern 72 x 64 Maryland (3)

Northwestern
Vic Law: 17  pontos e cinco rebotes
Scottie Lindsey: 17 pontos
Bryant McIntosh: 16 pontos e seis assistências

Maryland
Melo Trimble: 20 pontos, seis rebotes e quatro assistências
Kevin Huerter: 19 pontos, quatro rebotes, quatro assistências e três roubadas de bola
Anthony Cowan: 13 pontos e cinco rebotes

  • Uncle Drew

    É por isso q eu ñ levo tanta fé em UCLA no March Madness. Além do fato deles estarem bastante hypados, seu ataque (a principal arma desse time) é quase q completamente baseado no Lonzo Ball.
    Ontem ele teve problemas com faltas desde o inicio, teve uma lesão na mão (pelo q parece) e teve uma boa marcação de Arizona. Resultado? UCLA teve sérios problemas para pontuar, ficando até mais de 4 minutos sem conseguir pontuar.
    Acho q Duke pode chegar a um Final Four, tem mt talento para carregar esse time (Allen, Tatum, Kennard, e até Frank Jackson podem assumir o protagonismo, com o Giles ajudando.), mas UCLA… depende demais do Lonzo Ball. Quando ele ñ está, fica mais fácil marcar os outros destaques (Leaf, Holiday) e anular os Bruins.

    • Knickerbockers

      UCLA tá bom um bom time, mas também não me passa confiança. Acho que Kentucky e Villanova podem beliscar um final four também.

  • Olavo #WeAreRipCity

    Tatum já cavou a vaga dele no Top 5 desse ano. Só se mudar muita coisa na ordem das escolhas que isso vai mudar. E se fizer um NCAA Tournament forte, e caras como Josh Jackson não forem tão bem, ele ainda vai conseguir criar certa dúvida nos times que ficarem no Top 3.

    Por simples questão de preferência, eu gosto mais do Tatum, assim como eu tenho mais preferência pelo Smith Jr do que pelo Ball.

    • Claudio R.

      como eu falei o ano todo, se o Sixers tiver escolhas top 5, o Tatum deveria ser o escolhido, ele na ala eria um complemento perfeito pro duo Embiid/Simmons…

      • Viúva do Payne

        Não vejo com um ball stopper como o Tatum, seria um complemento perfeito para o Embiid/Simmons..

        Monk é o ideal, Isaac também é um nome interessante

  • William Sena

    Tatum jogando muito! Quero ele draftado pelo meu Suns! E eu to sem palavras pro que jogou o Markkanem, o muleque ta muito consistente!

© Copyright Jumper Brasil 2007-2017 - Todos os direitos reservados