logo lance
undo
Nacionais
Internacionais
Leste
Hawks
Celtics
Nets
Hornets
Bulls
Cavaliers
Pistons
Pacers
Heat
Bucks
Knicks
Magic
76ers
Raptors
Wizards
Oeste
Mavericks
Nuggets
Warriors
Rockets
Clippers
Lakers
Grizzlies
Timberwolves
Pelicans
Thunder
Suns
Blazers
Kings
Spurs
Jazz
Postado em 8 abr 2017 às 10:15
Atletas do Suns celebram ter impedido recorde de Westbrook: “Aqui não!”

Jogadores chegaram a fazer faltas intencionais para evitar assistências do armador do Thunder

Compartilhe nosso conteúdo!
Envie por email!
Compartilhe no Google+ Google +
Tweet esse post! Twitter
Compartilhar no Facebook! Facebook
Por Ricardo Stabolito Jr.

Russell Westbrook perdeu a segunda oportunidade de superar Oscar Robertson e tornar-se o recordista isolado de triplos-duplos em uma temporada da NBA, nesta sexta-feira. Mas, na derrota para o Phoenix Suns, a luta por estatísticas ficou mais clara do que nunca. O astro do Oklahoma City Thunder distribuía passes “questionáveis” e adversários faziam faltas intencionais para impedir assistências.

“Nós tínhamos uma vantagem enorme no último quarto e Russell só precisava de assistências, então o jogo mudou totalmente. Ele continuava em quadra com 20, 25 pontos atrás, sendo extremamente passivo. Eu espero que consiga o recorde, mas não aqui. Já lidamos com muitos problemas ao longo da temporada. Estou agradecido que não tenha sido contra nós”, celebrou o experiente Jared Dudley.

Para Devin Booker, evitar o recorde de Westbrook foi uma tarefa de honra para um time que não teve uma grande temporada. “Eu respeito Russell totalmente. Ele traz seu melhor a cada jogo e não há como minimizar o que tem feito. É certo que passará Oscar. Só não queria que fosse aqui e levei isso para o lado pessoal, pois sou um competidor. Quero vê-lo fazer história, mas aqui não!”, cravou.

O jovem Tyler Ulis concordou com a posição dos companheiros e usou outro evento da temporada para exemplificar o que o Suns queria evitar nesta sexta. “Você não quer estar do lado errado quando a história acontece, como quando Devin [Booker] anotou 70 pontos. Não importa o que aconteça, o Boston Celtics sempre será parte daquilo. Não queria que acontecesse para nós”, encerrou.

  • Vinícius Maia

    “Só não queria que fosse aqui e levei isso para o lado pessoal, pois sou um competidor. Quero vê-lo fazer história, mas aqui não!”

    É, esse realmente segue os passos de Kobe.

  • Yan Alves #TankBrothers

    Que orgulho desses jovens! Que mentalidade incrível! Esse tipo de comportamento que me faz acreditar que o Sol voltará a brilhar forte no deserto.

  • Leonardo

    Foi muito engraçado haha West livre na linha de 3 e dando passe pro Adams e era falta na hora kkkk

  • Cletus

    «“Você não quer estar do lado errado quando a história acontece, como quando Devin [Booker] anotou 70 pontos. Não importa o que aconteça, o Boston Celtics sempre será parte daquilo. Não queria que acontecesse para nós”»

    O Boston Celtics irá ficar mesmo na história por ter sido o time que tomou 70 pontos do Booker . O que ninguém vai lembrar dessa partida é aquilo que realmente importa e faz do Celtics a franquia mais vencedora da liga , é que foi o Celtics quem venceu essa partida . Por isso pra mim quem tava no lado errado era o Suns já que perdeu a partida . Mas cada um vê do jeito que quer .

  • Eduardo Rebelatto

    Esse jogo foi patético mesmo e um prato cheio para críticas

  • Tchelo

    Só é escroto e demagogo isso… pq quando o Booker estava pra fazer história a torcida do Celtics apoiou e o time fez um monte de falta e aliviou a marcação pro moleque… aí quando é a torcida dele que tá em pé esperando o adversário fazer história ele vem com esse discurso…Zuado, devia então ter ficado com vergonha quando foi apoiado em Boston e se recusado a cobrar os lances livres e fazer as cestas fáceis já que é competitivo.

  • Caseh

    Sensacional isso! Boa, Booker e demais atletas do Suns!

  • Igor Neves

    Bom, mais uma temporada jogada fora pelo Suns :v

    • Bruno Bilheiro

      Nada disso. Essa temporada está sendo a melhor dos últimos anos. Foi formada uma base jovem com muito potencial, em todas posições. Provavelmente teremos uma escolha top 3 no próximo draft. Na próxima temporada, com alguns movimentos do GM teremos um time jovem e competitivo.
      Temporadas jogadas fora foram aquelas que o time ficava sempre nadando e morrendo na praia, com cânceres como Morris, maconha Bradley, etc
      Nosso time tem média de 22 anos +-, e olha o trabalho que dá.
      #Rise again Phoenix!

      • Igor Neves

        Sei lá cara, o Suns deve ficar mais uma temporada desenvolvendo o pessoal antes de ir pra cima mesmo, sendo que já poderia estar brigando por algo a partir dessa ou até mesmo a próxima. Mas se draftar bem, quem sabe não briguem por offs em 2018/2019?

© Copyright Jumper Brasil 2007-2017 - Todos os direitos reservados