logo lance
undo
Nacionais
Internacionais
Leste
Hawks
Celtics
Nets
Hornets
Bulls
Cavaliers
Pistons
Pacers
Heat
Bucks
Knicks
Magic
76ers
Raptors
Wizards
Oeste
Mavericks
Nuggets
Warriors
Rockets
Clippers
Lakers
Grizzlies
Timberwolves
Pelicans
Thunder
Suns
Blazers
Kings
Spurs
Jazz
Postado em 8 abr 2017 às 14:34
O fim justifica os meios?

Russell Westbrook força estatísticas para buscar recordes

Compartilhe nosso conteúdo!
Envie por email!
Compartilhe no Google+ Google +
Tweet esse post! Twitter
Compartilhar no Facebook! Facebook
Por Gustavo Freitas

Russell Westbrook já conseguiu a temporada com média de triplo duplo. Na derrota do Oklahoma City Thunder para o Phoenix Suns, o astro precisava de seis assistências para atingir tais números. Conseguiu oito, mas nem assim foi bom o bastante para ele. Westbrook queria mais. A meta era superar o recorde que havia igualado durante a semana, deixando Oscar Robertson para trás.

Tudo bem. Eu entendo, juro. Mas essa obsessão pode deixar uma mancha.

Claro que daqui a alguns anos, ninguém vai ficar lembrando que o camisa 0 forçava passes ou seus colegas deixavam o caminho livre para ele pegar rebotes (Steven Adams deve ganhar uma pizza por jogo), porém é impossível deixar de notar tais fatos.

Sim, a temporada que Westbrook faz é algo fenomenal e possui números de MVP. Na história da NBA, apenas Robertson e ele tiveram campanhas com triplo duplo de média. Estamos presenciando algo grandioso, sem dúvida alguma. No entanto, a forma que acontece chega a incomodar em alguns momentos.

Contra o Suns, especificamente, ele havia “amassado” o aro. Acertou apenas seis em 25 tentativas. Tinha que passar a bola mesmo, já que a noite não estava tão boa assim nos arremessos. É uma justificativa mais do que plausível. Só que tudo tem limite.

No entanto, ninguém quer ser o Andrada da vez. Quem foi Andrada? Eu sei, provavelmente você nunca ouviu falar dele. Ele é o goleiro que levou o milésimo gol de Pelé. Ele queria ser lembrado por isso? Claro que não. E isso aconteceu no Rio de Janeiro, diante do Vasco. Com o Maracanã lotado, Pelé sofreu pênalti e a torcida adversária vibrou. Quando ele fez o gol, foi aplaudido de pé — até porque na época tinha a geral, mas mesmo assim.

O Suns não queria ser o time que levou o 42° triplo duplo de Westbrook. Simples assim. Especialmente no fim da partida, quando a equipe do Arizona liderava por larga vantagem e o armador ainda estava em quadra. Fazendo o que? Buscando números. Poderia estar no banco, descansando, já que em uma semana começam os playoffs. Mas o time está tratando de resolver primeiro a questão do recorde. Justo?

Ainda restam três jogos para que ele consiga superar Robertson. Deve passar, pois o Thunder vai encarar o Denver Nuggets duas vezes nesse período. Não que o Nuggets seja ruim, longe disso. É que o time luta por uma vaga na pós-temporada contra o Portland Trail Blazers, e sua missão não é parar Westbrook, mas sim, garantir um lugar entre os oito melhores do Oeste.

Particularmente, acho que ele quer acabar logo com isso e, neste domingo, terá mais uma chance. Mesmo que não consiga o 42°, Westbrook já pode se orgulhar de ter feito uma temporada memorável. Ele busca a história.

  • Ricardo Stabolito Junior

    O que aconteceu ontem foi um espetáculo ridículo, que não adiciona nada ao legado e à temporada de Westbrook. Só ajuda, na verdade, aqueles que querem vendê-lo como um caçador de estatísticas.

    Como foi dito, tudo tem limite. E, ontem, extrapolou qualquer nível do aceitável.

    • Tchelo

      Ele jogou todos “TODOS” os jogos da temporada… quase 40 minutos por jogo… tá cheio de pivô que nem forçando consegue 8 rebotes por jogo… cheio e armador que nem forçando consegue 8 assistências por jogo… vou nem falar dos + de 30 pontos… fora os jogos que ele “força” pra chegar nos 50;… isso é um forçador mesmo… procura na liga e acha algum forçador que chegue perto deste números.

      • Ricardo Stabolito Junior

        Se você não entendeu, eu não sou um dos “que insistem em tentar vendê-lo como um caçador de estatísticas”. Mas eles existem por aí. Você sabe disso.

        • Tchelo

          Tudo bem, mas é como disse no outro tópico… o Booker e os haters acharam bonito a torcida do Celtics aplaudindo e o time deixando ele chegar aos 70 pontos…disso ele não reclamou… aí qdo é o WB todo mundo quer encher o saco… a torcida do Suns queria que a história fosse feita mesmo contra o time dela… isso mostra o que pensa do basquete os americanos e os brasileiros… não temos a cultura do espetáculo… pode ser a história do ovo e da galinha mas explica um pouco o nosso basquete.

      • Matheus Oliveira

        Barba e LeBron vivem beirando TD, cara.
        Qualquer cara nessa liga que é acima da média e buscar somente números, provavelmente irá conseguir (principalmente pontuação…). Ainda mais no OKC que o Westbrook reina absoluto…

  • William Felton

    Eu compreendo o teor do texto, entendo a lógica que o permeia e direciona. Mas penso diferente, não por discordar do seu fundamento, com o qual de fato concordo. Penso diferente, por julgar que no final das contas isso não terá a menor importância e não restará a referida “mancha”. Tentarei explicar.

    1) Após a saída do KD, qual era a perspectiva e o objetivo plausível para o OKC? Chegar aos playoffs. Mais do que isso seria um “plus”, inclusive o mando de quadra. Logo, objetivo atingido com sucesso;

    2) Certos tipos de marcas, na minha singular e singela concepção, não deveriam ser questionadas no que respeita ao seu método de conquista. Assim, uma MÉDIA de triplo-duplo numa temporada inteira + possivelmente o maior número de triplos-duplos na história de uma temporada regular (estatística essa – TD’s – que é a “menina dos olhos” no mundo estatístico que rege a NBA), por si mesmos, não deveriam ser questionadas sobre como foram conseguidas. Portanto, que o Adams tivesse “dado pézinho” (como dizemos aqui em Minas) pro Westbrook conseguir rebotes, para mim, nada macularia estas suas conquistas.

    Em outras palavras e respondendo ao título do texto, em uma marca ou conquista extraordinariamente dissonante, os fins, sim, justificam os meios.

    Isso, para não falar nos benefícios coletivos que essa conquista infrene de TD’s ensejou ao time, possibilitando-lhe uma classificação para nos playoffs, na difícil conferência oeste, num bom 6º lugar.

    • William Felton

      Em tempo, ele não é o “meu” MVP. Pela própria semântica do termo.

      Mas as suas conquistas individuais reluzirão “ad eternum”, no mundo do basquete e da NBA.

  • Arthur Santos

    Acho justo o West ir atras do record, o Warriors fez o mesmo no ano passado. Porem o Warriors tinham chances reais de titulo, enquanto o Thunder dificilmente chegara na segunda rodada dos playoffs. O Thunder faz certo em valorizar seu principal jogador, mesmo que as vezes seja um pouco forçado.

    • Arthur Santos

      O Suns fez parecido com Devin Booker no seu jogo com 70 pontos, mais um exemplo.

  • Paulo Sérgio

    Quando o Suns cometia várias faltas pro Booker ter a bola e chegar aos 70 prontos, não vi tanta gente reclamando. O Warriors a mesma coisa, na busca pelo recorde. Deveríamos estar todos aplaudindo o cara. Depois que KD saiu, muita gente disse que ele não iria chegar a lugar nenhum e olha a temporada do homem.

    • Cletus

      Ninguem reclamou quando o Suns cometia várias faltas pro Booker ter a bola e chegar aos 70 prontos , apesar do time ter perdido a partida .

      Ninguem reclamou quando o Warriors bateu o record dos Bulls apesar de pra isso terem acabado com o físico dos jogadores e não terem vencido o titulo .

      Mas reclamam quando o Westbrrook força estatísticas pra fazer TD , quando o time dele tem 31 vitórias e 9 derrotas quando ele faz TD , o que dá 77,5 % de vitórias , o que é a segunda maior porcentagem de vitórias da liga , só atrás do Warriors .
      Então só tenho uma coisa a dizer : pena o Westbrook não forçar ainda mais , pois como dá pra ver por esses números , o time vence mais partidas quando o “ WesTO“, “ Westmula “, “Westfominha“, “Westporraloca“ faz TD .

      • Eduardo Rebelatto

        Kkkkk kkk não tem nada a ver com essa crítica, ele buscou o TD no final não pra vencer amigo,se arriscou ficando em quadra num momento que não precisava, simples assim. Foi patética a partida sim, nas não irá o mérito dele ter essa média absurda e provavelmente alcançar o record

        • João Pedro Graciolli Silva

          Eduardo Rebelatto estamos falando de basquete, não tem essa de ficar em quadra num momento que não precisa, o jogo pode virar a qualquer momento. Jogo de hoje contra o Denver tiraram 14 pontos de diferença em pouco mais de 4 min. Imagina se tivessem tirado o Westbrook…..

    • O próprio Harden, quando Westbrook encaixa uma sequência de triplo-duplos, Harden tenta fazer o mesmo. Russ força em alguns jogos? Claro, mas o Harden também. E faz isso abertamente, disse que lutaria pelo MVP, e isso fica claro em suas performances, claro que ele quer vencer a partida, mas também pensa em suas médias, e não vejo nem metade das críticas que o Westbrook recebe.

    • Airton Gomes

      Existe uma diferença enorme, ao meu ver. O recorde não foi um objetivo traçado pelo Warriors desde o início da temporada. Quando viu que seria possível, no final da temporada, colocou um gás pra conseguir. Mas não forçou isso durante toda temporada, tanto que o Curry, Green e Thompson tiveram tempo de quadra bem baixo, se comparado com outros all-stars como LeBron que geralmente jogam 37, 38 minutos. As vitórias eram ao natural. Os triples-doubles do Westbrook são naturais? Realmente pode-se dizer isso? Pra mim, não. Ele busca isso desde o início da temporada. Esse sempre foi o objetivo dele. Eu vi quase todos os jogos do Thunder na temporada, e ele desde o começo fazia isso. Ficava em quadra no final de um jogo já ganho/perdido apenas pra caçar stats e conseguir o maldito triple-double. Com o Booker, forçaram e tal pra ele conseguir a pontuação absurda, mas conforme ele foi vendo que seria possível. Duvido que ele tenha começado o jogo e pensado: “Hoje eu vou bater o recorde de pontos com jogadores da minha idade e fazer algo que apenas 6 jogadores na história fizeram”. Obviamente que não. Mas como eu disse, o Westbrook faz isso desde o início da temporada. Na temporada passada ele já fazia, mas em menor escala. E tu percebe nitidamente que o time todo do Thunder tá engajado em ajudá-lo a conseguir o recorde. Esse é o objetivo do Thunder na temporada, ao que me parece. E não, tudo isso que eu disse não anula a temporada absurda que o Westbrook tá fazendo. Mesmo caçando stats, não tem como negar que é uma temporada histórica. Só falei tudo isso porque desde o início da temporada eu me sinto igual ao autor do texto, meio incomodado com essa moda de caçar stats. Pegou na NBA. Próprio Harden é outro. Enfim.

      • João Pedro Graciolli Silva

        “E tu percebe nitidamente que o time todo do Thunder tá engajado em ajudá-lo a conseguir o recorde. Esse é o objetivo do Thunder na temporada, ao que me parece.”
        Será que o time faz isso porque percebeu que com ele, jogando dessa forma, o TIME vinha conseguindo vitórias e resolveram adotar isso como padrão de jogo. Forçar na minha opinião é esquecer se o time vai ganhar ou perder e correr atrás das estatísticas, o que ele vem fazendo é carregar o time nas costas rumo aos Playoffs.

  • R Green

    Umas das matérias mais “água de salsicha ” aqui do Jumper!!!
    Sem mais…

    • Gustavo Freitas

      Concordo. Faça um enaltecendo as assistências forçadas, por favor.

  • Eduardo Rebelatto

    O MVP pra mim é Harden, isso não tira nenhum pouco os méritos do west, temporada individual muito boa. Mas que o time todo era voltado pro west conseguir pegar rebotes é dar ast isso não tenho dúvidas, mas isso não tira nenhum pouco o mérito, até pq entre querer e poder ter esse números é muito difícil. Se for olhar prós números a única coisa que o Harden tem realmente desvantagem é nós rebotes, sendo que o esquema do okc previlegia o west pra isso, no resto são do mesmo nível e a campanha do Harden é bem melhor, vão falar do time, mas a verdade é que antes dá temporada começar ngm dava nada pra esse Houston.

  • Eduardo Rebelatto

    E faltou na matéria o vídeo do jogo específico, sobre os rebotes todo mundo já tinha um certo conhecimento

  • Leonardo

    Ele parou de defender pra virar um caçador de rebote, ate tomando da mão dos companheiros, ele deixa de contestar arremesso pra ir pro garrafão,enfim…grande temporada..histórico, mas não deixa de ser um forçador.

  • Eduardo Rebelatto

    É 42% pra alguém que arremessa 25 vezes é foda hein

    • Cletus

      Iverson ganhou MVP com 42 % e arremessava ainda mais !

      • Coyote Brasil

        Cara, 42% é um aproveitamento ridículo. Se ele for MVP será um dos MVPs com um dos 3 piores aproveitamentos da história da NBA! Atualmente, entre os 50 maiores pontuadores da temporada, West tem o segundo pior aproveitamento. E Iverson ganhou aquele prêmio pois conseguiu a melhor campanha da conferência para o seu time. Agora, terminar em sexto na conferência com este aproveitamento e ainda conquistar o MVP? Duvido muito…

        • Cletus

          Então com um aproveitamento como tem o Harden ele também não pode ser MVP . No comentário de cima eu nem falei que de MVP da temporada , só falei que o aproveitamento dele é quase igual ao do Harden . Foi só pra responder aquele Eduardo que é o maior hater do West aqui do Jumper . Só baba ovo pro Harden e critica o aproveitamento do West quando o do Harden é quase igual.

  • Leonardo

    Moro com um brother aqui que ta pior que as narrações da ESPN e da Sportv, contando os rebotes as assistências a cada segundo, falando ah se esse rebote fosse do West, ah se ao invés de arremessar ele passasse para o Oladipo e ele fosse quem realizasse o arremesso. Se isso não é forçar a barra, não sei mais o que. E o pior eh que o próprio West comprou esse lógica. Como disse aqui o brother ele mudou o jogo dele, nos primeiros quartos ele se concentra apenas em dar assistência e pegar rebotes, deixando para os últimos quartos o mais fácil para ele, que é pontuar.

    Não precisa disso para entrar na história West.

    Não só por isso, mas também por isso o título de MVP é do barba, pq ele já vem a três temporadas tendo médias de QUASE TD. O que muda? Uma ou duas assists? Um ou dois rebotes? Ta aí pq são tão nerds por estats…

    • Mas precisa disso para vencer. Na maioria das vezes que teve triplo-duplo o time venceu, está indo aos playoffs, conseguiu vaga antecipada, fez uma campanha melhor do que o fã ou jornalista mais otimistas previa.

      Se for para contar os últimos anos o mesmo se aplicado ao Westbrook, na temporada passada mesmo ele flertou com triplo-duplo de média, +20 pts 10 ast e 7 reb. 2014-15 também foram números próximos a isso, coisa de 2 ou 3 rebotes ou assistências.

  • Fernando Tostes

    Não vi o jogo de ontem. Nesse do vídeo com o lakers tem sim uns rebotes um pouco forçados, mas também o Adams não é o D. Green q sabe conduzir e passar a bola. O Adams ia pegar a bola e entregar pro West de qualquer forma

  • Uncle Drew

    Eu entendo a questão do recorde. Só q a temporada passada mostrou q essa busca incessante por um recorde q beirava o impossível.. tem seu preço, e ele acabou sendo alto no final.
    Claro, o OKC não é favorito, como era o Golden State na temporada passada. Se for eliminado na 1ª rodada dos Playoffs.. talvez a torcida do OKC fique OK com isso. Mas… a saúde do jogador pode ser prejudicada. Westbrook não perdeu um jogo sequer nesta temporada, sempre joga em alta intensidade, no jogo contra o Bucks.. eu já vi ele com aquelas bolsas gigantes de gelo nos 2 joelhos enquanto ficava no banco. Sei não…
    Mas ñ vou ser hipócrita, qualquer pessoa faria o mesmo na situação de uma busca por um recorde grandioso como este, na situação q está, apenas 1 Triple Double. Iria forçar msmo!
    Boa Sorte a ele, e q essa busca não traga algum efeito colateral. Nuggets (2 vezes) e Timberwolves não devem facilitar, principalmente o Wolves q tem o Thibs q sempre quer q o time jogue em alto nível, e do jeito q ele é ranzinza.. acho q ele ñ quer entrar para a história tbem. rs

  • Rodrigo SMC

    É aquilo né, OKC vai disputar alguma coisa essa temporada ? Vão jogar playoff daquele jeito, o que vier é lucro.
    Mas uma temporada que poderia passar batida, mas, dessa vez, pode ter um jogador como MVP e com o record de triple-double

  • Lucas SEP

    Hipocrisia, qualquer um no lugar dele em uma final da temporada regular forçaria estatísticas para bater esse incrível recorde. 90% dos jogos em que ele fez triplo duplo o OKC ganhou e ainda contestam o cara, vai entender né, afinal ele não é LeBron…

    • Ricardo Stabolito Junior

      Acho que o Masto não está contestando a temporada do Westbrook como um todo, Lucas SEP. É mais um relato de que o jogo de ontem tornou-se um espetáculo ridículo por algo extraordinariamente desnecessário.

      Não vou ficar aqui julgando se ele força ou não estatísticas, até porque isso é o de menos em uma temporada individual fantástica como essa, mas Westbrook não precisou de coisas como vimos no jogo de ontem para reescrever a história.

      • João Pedro Graciolli Silva

        Concordo com você Ricardo Stabolito Junior, porém o post está julgando toda a temporada do Westbrook de forma totalmente errônea. Olha o enunciado do post “O fim justifica os meios?
        Russell Westbrook força estatísticas para buscar recordes” Ridículo!!!

  • Thiago26-NBA

    Não vejo problema nenhum se o atleta busca um recorde pessoal e fica em quada mesmo que o time esteja perdendo por uma larga vantagem. O cara quer ter um recorde que pode ficar perpetuado por ANOS. Ele já igualou o recorde, por que não passar? Jumper – ou quem escreve nesses momentos – tem um certo haterismo com o West, hahahaha. Deixem o cara buscar recordes pessoais, quando vocês verão um jogador alcançar esse nível de recorde novamente?

    • Ricardo Stabolito Junior

      Quem escreve, Thiago26-NBA. Vai por mim. O Jumper são várias pessoas com opiniões diferentes. Por incrível que pareça para alguns, tem até torcedores do Lakers na equipe.

    • Gustavo Freitas

      Não tenho como ser hater dele. É um dos meus jogadores favoritos. Sempre odiei quando o chamam de Westburro ou WesTO. Ele é sensacional. Não está com esses números SÓ por causa dos rebotes ou de uma assistência forçada. Westbrook é um sujeito que, se ganhar o MVP, vou aplaudir de pé, assim como Harden. Eu tenho minhas preferências, mas uma coisa é diferente da outra. A temporada é espetacular demais para ficarmos presos em “haterismos”.

      • Thiago26-NBA

        Em questão de quem merece mais, sem envolver classificação do time, West levaria, mas como posição influencia, não vai ser um absurdo o Harden ganhar, só acho que se o West não ganhar, o vencedor ficará ofuscado pela temporada que o camisa 0 faz

    • dirct

      O problema de fato existe quando se coloca o pessoal acima do coletivo, recordes em qualquer esporte “devem acontecer” naturalmente ou seja em um esporte coletivo como o basquete deve acontecer o recorde com o time sendo o foco principal e não em um jogador específico.

      Eu como torcedor jamais ficaria feliz de saber que o meu time está trabalhando para os números de um jogador e não ao contrário como deveria ser, quantos rebotes os pivôs do Thunder deixaram de pegar porque foram “moles” pra bola esperando West aparecer para apanhar? Quantos pontos o time deixou de fazer porque mesmo amassando o aro o jogador não para de arremessar buscando um score alto?

      Pra mim em um esporte coletivo existe uma regra acima de todas as outras: Nenhum indivíduo do grupo está acima do time, NENHUM.

      • Thiago26-NBA

        Estamos falando de um caso especifico, o Thunder não briga mais por posição na tabela. Por que não forçar o Triplo Duplo? Tem mais nada a perder mesmo..se o cidadão tem chance de bater um recorde..vá em frente.

        • dirct

          O seu raciocínio está correto o problema é que a busca pelas estatísticas pessoais não começou apenas quando o OKC não tinha mais pelo o que brigar.

          • João Pedro Graciolli Silva

            A busca pelo recorde não atrapalhou em nada levar a franquia aos Playoffs. Acho que todos concordamos que campanha melhor que essa era mais do que improvável, passar Utah seria bem complicado. Então creio que a busca pelas estatísticas podem ter “ajudado” o time a conquistar vitórias.

  • TheBrodie #ReturnMMB

    Eu acho que a primeira crítica a ser feita não deveria ser direcionada ao Westbrook por um simples fato:Quem decide os 5 que devem estar em quadra?É o Westbrook ou é o Donovan?Se alguma coisa estava errada ali, o primeiro culpado é o técnico.
    Se incomoda o West ter ficado em quadra sem necessidade, deveria ter incomodado o Booker estar em quadra na derrota pro Celtics. Deveria incomodar as diversas vezes em que o Harden esteve em quadra com o Rockets ganhando ou perdendo por muito…enfim,entendo que não é haterismo,até pq sei q o Masto não é disso,mas diante de tantas coisas parecidas, o texto teria sido mais legal falando sobre outro recorde que ele atingiu na noite de ontem, onde se tornou o segundo jogador na história a ter média de TD.

  • Rastaman

    O tio, eles jogam com bloqueio de rebote, isso é mais antigo q andar pra frente, para poder sair no contra ataque, é uma estratégia q se adota em perrengues, mas o westao consegue 36 minutos por noite, fazer o que né? Não sou torcedor do Thunder mas estou assistindo todos os jogos isso é algo que histórico demais para se questionar.

    • dirct

      Os caras grandes do time ficam no chão fazendo bloqueio para um dos mais baixos subir para pegar o rebote? Vc não acha um pouco contraditório.

      • Cletus

        Não . Roy Hibbert quando tava no Pacers sempre fazia isso porque era um pivô pesadão e cm pouca mobilidade e então fazia o bloqueio e o Stephenson era o melhor reboteiro no time nessa época . E também foi uma época em que o Stephenson fez bastantes TD por conta desses bloqueios do Hibbert . Marc Gasol é outro que por ser pesado sempre faz bloqueios pros companheiros pegarem rebotes , por isso sempre tem uma média de rebotes baixa.

        • dirct

          Todos estes caras que vc falou pra tentar explicar este fato “curioso” não mudam em nada o fato porquê Steve Adams não é este cara pesadão que se arrasta em quadra e não aguenta nem saltar, não estamos falando de Zaza Pachulia, Steve Adams é extremamente atlético para o seu tamanho e não tem nada de “pesadão” ou “desengonçado”, ele é um excelente reboteiro e protetor de aro muito alto e ágil, foi ele que “aposentou” Tim Duncan ano passado e estraçalhou o garrafão dos Spurs dos dois lados da quadra.

          Portanto a sua explicação não cola, ano passado não tinha nada deste “esquema” do Adams para o West e definitivamente West embora tenha um dos melhores físicos da liga não leva vantagem com seus 1,91 em cima do Adams que é muito ágil e atlético pra um cara que possui 2,13.

          • Cletus

            Eles forçam pro West fazer TD e o time tem 31 v e 9 d quando ele faz TD então não tem o que estranhar . Adams só ganhou fama de grande reboteiro nos offs contra o Spurs porque apanhou um Duncan em decadência física . Como tu falou «West embora tenha um dos melhores físicos da liga não leva vantagem com seus 1,91 em cima do Adams que é muito ágil e atlético pra um cara que possui 2,13.» mas apesar disso o West no ano passado pegava 7,8 rebotes por partida enquanto o Adams pegava só 6,7 e ninguém falava que o Adams é que tinha que pegar os rebotes só por ser mais alto . Ao contrário do que muita gente pensa o Adams não é um grande reboteiro e o máximo de rebotes por partida dele desde que tá na NBA é 7,5 dois anos atrás , o que é um péssimo numero pra um cara de 2,13 m que tu fala que é ´´muito ágil e atlético “.
            Espero que essa explicação tenha ´´colado “melhor

          • dirct

            Está bem não vou argumentar porque já vi que não adianta, o vídeo dá matéria está bem claro, TODOS os jogadores do Thunder praticamente se afastam do garrafão quando a bola está no ar e surpreendentemente só West está naquele momento lá dentro, a bola várias vezes está na mão do jogador do Thunder mas repentinamente o jogador dá um passo para trás e praticamente se desculpa por quase pegar a bola, se vc quer continuar se enganando que tudo está acontecendo de modo natural não vou mais insistir argumentando.

          • Cletus

            Onde que eu falei que tudo acontece de forma natural , não sabe ler não ? Eu até comecei o comentário dizendo que eles forçam pro West fazer TD mas que apesar disso o time tem 31v e 9 d quando ele faz TD . Mas forçando ou não o West continuaria sendo o melhor reboteiro do time , por isso não entendo porque pegam tanto no pé do cara por o time facilitar que o melhor reboteiro do time pegue os rebotes . Ele sempre pegava mais rebotes que o Ibaka e o Adams e ninguém vinha dizer que era por os outros deixarem o rebote pra ele . Eles fazem isso esse ano pelo record que ele pode bater mas se não fizessem o West ainda assim pegaria mais rebotes que o Adams . Abraço.

          • dirct

            Há sim eu tinha lido o que vc escreveu mas quando vc disse que eles forçavam para o West fazer TD eu achei que vc estava sendo hironico, mas se vc disse isso a sério então eu concordo com vc, Abraço.

  • Steven Adams deve deixar os rebotes pro Russ mesmo, só bloqueia o oponente e deixa o Russ pegar o rebote. Já cansei de ver esses pivôs do Thunder dormindo no ponto e perdendo rebote defensivos para guards. Em um jogo contra o Celtics perderam 3 seguidos no clutch time, detalhe perderam rebote pro Avery Bradley e Marcus Smart. Só não perdeu o quarto consecutivo, porque o Westbrook se enfiou no garrafão para disputar rebotes.

  • Caseh

    Pois não, Sr. Westbrook, pode pegar este rebote. Volte sempre!

  • Matheus Oliveira

    Se o Harden e o LeBron jogassem com propósito de fazer TD, eles também conseguiriam.
    Aposto… Nada contra o West. Acontece que esse é o propósito do cara em todo jogo, claramente. Digamos que a vitória pode ser consequência disso…
    É uma grande temporada. Assim como não fui contra o Booker fazer 70 pontos “forçado”…

    • Claudio R.

      Parabens… vc foi muito feliz nessa!!!…

  • Abel M

    Tudo o que é crítica é haterismo( portanto visto como um criminoso,invejoso,defador,blasfemia )
    Tudo o que é elogio é moda(visto como um chupador,marica,enfim )
    Na moral nesse ponto não ha diferença entre desporto e religião

    Na escolha do mvp deve-se levantar todos pontos possiveis :
    Por exemplo colocar-se 10 pontos postivos que colocam o atleta como MVP
    E também 10pontos negativos que lhe impede ao prêmio
    Depois colocarmos na balança

  • Claudio R.

    o problema é tornar isso um habito na NBA, sujeitos indo a times de loteria pra buscar estatisticas infladas visando premios e recordes.. isso pode virar um problema a longo prazo, pra mim o mvp deveria ir pra um dos 2 primeiros das conferencias(vendo qual jogador foi melhor na temporada nas 4 equipes) e o DPOY deveria ir pro jogador de umas das 3 melhores defesas do campeonato, assim vc premia a cultura da vitoria, do time e consequentemente aumenta o nivel do campeonato…

    • dirct

      Perfeito

    • João Pedro Graciolli Silva

      Concordo em termos. Acho que toda regra há uma ou algumas exceções. Pelos últimos prêmios de MVP da pra ver que a própria NBA da o prêmio pro jogador que leva a franquia a uma ótima colocação na Conferência. Mas essa temporada o que Westbrook vem fazendo é carregar uma franquia literalmente nas costas, não são triple-doubles ou 30+ pontos em jogos perdidos, em sua maioria são em jogo que levam o time a vitória.
      Conseguir fazer o que ele fez nessa temporada até agora e levar esse OKC até os Playoffs é algo digno de MVP.. Harden, Leonard e Lebron foram geniais também, mas o que Westbrook fez eu nunca tinha visto nos 11 anos que assisto NBA.

  • MDias

    Vergonhosa essa forçada de estatísticas… Mas os fans boys são cegos demais para enxergarem o óbvio. Ou será que não querem mesmo?

  • Luis Felipe

    Cara eu apoio west na sua busca, muitos falam de forçar estatisticas, e é isso mesmo em ALGUNS JOGOS, mas ontem extrapolou todos os limites

  • Rafael Victor

    Se naquele lance em que ficou livre da marcação, o Westbrook, em vez de tentar o passe pro Adams, vai com tudo pra uma enterrada em cima dos caras que abriram mão de marcá-lo pra evitar o triplo duplo, esse papo de “forçar estatísticas” acabava ali, mas…

    • Gustavo Freitas

      Bingo.

      • João Pedro Graciolli Silva

        Piorou.. Julgando o cara por um lance.. Meu Deus do céu!!!

        • Gustavo Freitas

          Não é só por um lance. Foram vários durante a temporada.

    • Zack Batista

      Mas era óbvio q o mesmo iria em busca disso… Quem não iria?? Igualou um recorde que durava décadas e só basta mais uma atuação de TD pra ficar na história. Mesmo jogando mal e o jogo decidido eu o deixaria em quadra também, sendo técnico. Tem que apoiar mesmo, não é toda temporada que encontramos isso.

  • Zack Batista

    Não o critico. O cara iguala um recorde super difícil depois de décadas, e pq não incentivá-lo a quebrar!? Eu sendo o técnico deixaria em quadra mesmo o West jogando mal e o jogo já decidido como foi contra o Suns. Não achei desnecessário tal atitude.

  • Gustavo

    Tem mais que forçar mesmo. São só mais 3 jogos e um recorde que vai durar por décadas. OKC não vai ser campeão mesmo, que trabalhem pelo recorde do seu melhor jogador. Qualquer outro atleta de qualquer outro esporte faria o mesmo nessas circunstâncias. Repito: qualquer!!!

    • dirct

      Seguindo essa lógica então tirando os atletas dos Warriors, Spurs e Cavs os atletas das outras 27 franquias devem forçar estatísticas pessoais em detrimento do coletivo porquê nenhuma delas vai ser campeã, isso não é pensamento de esporte competitivo de alto rendimento.

      • Gustavo

        Tá bem de lógica hein…

        To falando de 3 jogos e um feito histórico, provavelmente uma chance única na vida. Tem mais algum jogador nessa situação? Se tem então ele tem que forcar também. Mas até onde eu sei não tem…

        • dirct

          Horas? Foi vc que disse que “não vai ser campeão mesmo” como se todo time que não tem chances de ser campeão pudesse largar o jogo coletivo pra focar em estatísticas pessoais.

          Se vc tivesse dito “nestes três jogos que faltam o Thunder não vai melhorar e nem piorar a sua situação para os playoffs mesmo” aí a interpretação seria outra.

          • Cletus

            Ele não falou mas eu falo . Thunder não vai melhorar e nem piorar a sua situação para os playoffs mesmo . Não irá sair de 6 º porque tem 4 vitórias a menos que o 5º.

            « forçar estatísticas pessoais em detrimento do coletivo porquê nenhuma delas vai ser campeã, isso não é pensamento de esporte competitivo de alto rendimento.»

            Eles forçam estatísticas mas o time vence , esse é o pensamento de um time de alto rendimento : VENCER.

            Pra mim o que não é pensamento de esporte competitivo de alto rendimento é tankar e jogar pra perder como muitos desses 27 times que tu falou fazem.

          • dirct

            Olha eu tenho as minhas dúvidas sobre o tank se ele realmente existe ou se é teoria da conspiração de torcedores insatisfeitos por seus times serem tão ruins, eu custo a acreditar que uma franquia com seus jogadores e comissão técnica entram em uma quadra pensando em perder, eu sinceramente não consigo imaginar um jogador afundando sua carreira em um time que só perde simplesmente porque quer perder.

          • Cletus

            Tank existe sim mas vem da direção , não dos jogadores e técnicos . Esses assinam um contrato com um time por um valor que reflete aquilo que eles produzem em quadra , por isso os jogadores não ganham nada em fazer corpo mole só pro time perder , porque assim só estariam baixando o seu valor de mercado e ganhariam menos grana quando assinassem novos contratos . Senão tivesse tank porque o Lakers trocaram o melhor pontuador do time por quase nada ? O objetivo foi só enfraquecer o time para assim ganharem menos jogos e manterem a pick do draft .
            E porque tem tanto time inventado contusão de jogador e depois falam que ele não vai jogar no restante da temporada ? Também é pra enfraquecer o time . A direção não chega pro técnico e diz pro time perder . O técnico coloca em quadra os melhores jogadores que tem disponíveis . A direção é que vendo que o time não consegue ir aos offs cria as condições pra perderem mais vezes do que seria normal esses times perderem , pra ter uma pick melhor no draft.
            E isso todo mundo sabe que os times fazem nessa altura da época . Por isso que eu digo que esse é que não é o pensamento de time competitivo . Jogador de um time ajudar um companheiro a ter melhores estatísticas quando esse time vence pra mim não tem problema nenhum ( contando que o time vença porque é pra isso que eles são pagos )

          • Gustavo

            Que parte de “São só mais 3 jogos” e “um recorde que vai durar por décadas.” você não entendeu? Difícil hein…

        • Cletus

          Esses 27 times que ele fala não forçam estatística pra um jogador porque não tem nenhum jogador na mesma posição do West senão ele ia ver se esses times não faziam o mesmo . O Suns forçou pra caramba pro Booker fazer 70 pontos imagina o que eles fariam se tivessem um cara que podesse fazer uma coisa que só outro jogador da história da liga conseguiu.

          E depois o cara ainda fala que isso não é pensamento de esporte competitivo de alto rendimento . Pra mim o que não é pensamento de esporte competitivo de alto rendimento é tankar e jogar pra perder como muitos times tão fazendo enquanto que o OKC tá vencendo .

  • TheBrodie #ReturnMMB

    parece que Kobe não curtiu esse post hahahahaha
    https://twitter.com/kobebryant/status/850612318555656192

  • Gustavo Rocha

    Ele força os TD até a pagina dois. O OKC tem mais de 80% de aproveitamento. Os TD, apesar de forçados (algumas vezes), são super importantes para as VITÓRIAS.

  • Vergonha #BC

    PUTA QUE PARIU CHUPEM ESSE FINAL

  • God Usopp

    Mais bobagem que isso, só aquela da Fox Sports “Um LeBron James rumo à irrelevância dentro da NBA”…

  • Jadson Ramos

    E aí, Jumper ? Game Winner at the buzzer e 42 triple double contra os Nuggets. Se ele não tivesse “forçado”, o Thunder teria entregado o jogo já no terceiro quarto.
    MVP !

    • João Pedro Graciolli Silva

      kkkkkk… Concordo.. Post totalmente desnecessário, visivelmente julgando os triple-doubles do cara só por conta desse jogo contra o Phoenix. RIDÍCULO!!!

    • Gustavo Freitas

      Jumper não, Jadson. Gustavo Freitas. Eu escrevi.

  • João Pedro Graciolli Silva

    Post totalmente desnecessário, visivelmente julgando os triple-doubles do cara só por conta desse jogo contra o Phoenix. Imagina se no jogo de hoje contra o Denver, faltando 4min34seg e o OKC perdendo por 14 pontos (Westbrook já tinha seu Triple-Double do recorde), tivessem tirado o cara pra “descansar”, só imagina.. O cara continuou em quadra, levou o time nas costa e meteu a ultima bola. Isso é basquete Gustavo Freitas, não existe jogo perdido. RIDÍCULO o julgamento desse post!!!

    • Leonard

      Aí João, posso assinar embaixo? hahahaha

  • Jadson Ramos

    A verdade é que se esse time do OKC não tivesse Russel Westbrook, dificilmente chegaria a um 10º lugar.
    O cara consegue 42 triplos duplos jogando com Sabonis, Adams, Kanter, Robertson e o super estimado Victor Oladipo, com um game winner atrás do outro, em um ano em que o time perdeu Kevin Durant para um dos principais rivais da conferência (GSW).
    Oklahoma não tem um jogador confiável para os chutes de 3 (exceto West), Kanter e Adams ultimamente parece que estão passando vaselina nas mãos, tomando toco e roubadas de bola direto, se atrapalhando ao receber passes simples. Sabonis errando debaixo da cesta sem marcação e Oladipo amassando o aro.
    Tem que botar a bola debaixo do braço e mostrar como se faz nessa porra mesmo…

  • Leonard

    Cara, péssimo texto. Uma coisa é você forçar mil gols e algo totalmente diferente é você forçar o gol mil. Os triple doubles de Russel são algo totalmente naturais e a maioria deles se fez totalmente necessário para que o Thunder vencesse, digo mais, foram vitais para que a equipe vencesse. Acho que não foi isso que você quis dizer, mas seu texto deixa transparecer que ele estava errado em tentar forçar esse 42 TD. Tinha mais que forçar mesmo, pois todo mundo estava torcendo por isso. Mas hoje ele veio mais ao natural e de forma incrível nessa vitória contra o Denver, Westbrook mito!

    • João Pedro Graciolli Silva

      Merece um premio por esse comentário. Perfeito!!!

    • Gustavo Freitas

      Obrigado. O “péssimo” aí porque você ficou dodói por causa do Westbrook. Eu sou fã dele, amigão. Mas minha opinião segue a mesma.

      • Leonard

        Pior que não fiquei Gustavo, achei péssimo mesmo hahahaha
        Acompanho o site todos os dias a bastante tempo e sempre acho seus textos muito bons, mas nesse realmente achei péssimo no quesito de que foi infeliz ou desnecessário. Mas como tu colocou, questão de opinião mesmo. Já te peço desculpas se te ofendi com esse “péssimo” ai, afinal o trabalho que vocês fazem aqui no Jumper é sensacional!
        Abraço!

        • Gustavo Freitas

          De boa. A questão é que, cara, eu não desrespeito ninguém aqui para chegarem assim. É só uma questão de opinião. Se achou péssimo, tranquilo. Mas a maioria achou ruim (recebi até no whats) porque eu falei do Westbrook ter forçado. Mas tranquilo. Quem leu o texto e interpretou que eu não gosto dele, está com problemas sérios.

  • Vitor Martins

    Sim, ele força sim. Independentemente das piadinhas que vão surgir nessa matéria pelo péssimo timing de publicação logo após o jogo de hoje, Westbrook força números sim, óbvio. Mas quase todo jogador força. Rondo, quando era relevante no Boston forçava assistências, e os companheiros forçavam arremessos depois de passes dele; Kobe forçou arremessos a carreira toda; Felício virou piada pq “impediu” um TD do Wade (ele não tava forçando ali também?); um dos melhores jogos, se não o melhor, individualmente da temporada, foi bem forçado do Booker; o jogo dos 100 pontos do Chamberlain foi forçado, os companheiros faziam faltas no time adversário pra ter mais posses de bola; temporada passada o time inteiro do GSW estava “forçando” pra atingir o recorde. Exemplos de forçação não faltam na temporada e na história da nba, o que não tira de jeito nenhum o brilho de nenhuma dessas conquistas. Westbrook já é um mito.

    • João Pedro Graciolli Silva

      Bulls forçava titulos na era Jordan.. Curry força chute de 3 pontos.. Vince Carter força jogar com 40 anos.. Como assim força? Não entendi o significado da palavra forçar em alguns casos.
      Se o objetivo principal é fazer com que o time saia do jogo com a vitória para mim não é “forçar” nada. Fazer faltas para ter mais posse de bola, sem o objetivo de virar o placar ai sim acho que é forçar. Fora isso acho que estão “forçando” para desmerecer tais marcas.

      • Vitor Martins

        “Forçar” é fazer algo que não se precisava necessariamente fazer para atingir seu objetivo. No seu caso, vc “forçou” com esses exemplos seu argumento. Eles não tem absolutamente nada a ver com os que eu citei. E eu nem sou o seu inimigo, não estou criticando o West, muito pelo contrário, acho ótimo que ele “force” para atingir uma marca que parecia jamais ser possível de ser atingida. Ficar mais tempo em quadra, forçar um passe a mais para terminar com TD, seus companheiros “deixarem” vc pegar rebotes, foram algumas coisas que deram para perceber, mas isso acontece muito. O próprio Wade estava “forçando” um TD no jogo em que o Felício não “deixou” ele pegar um rebote, é só uma contestação. Não vejo nada de mais nisso, e nem é condenável, na minha opinião. Westbrook estava em busca da História, e conseguiu.

        • João Pedro Graciolli Silva

          Entendi o “significado de forçar”.. Então creio que não da pra afirmar que “o Boston forçava assistências, e os companheiros forçavam arremessos depois de passes do Rondo” isso era conseguencia do jogo, foram campeões assim, não estavam forçando, era o metodo de jogo do Boston;
          “Kobe forçou arremessos a carreira toda” e foi campeão inúmeras vezes, será que se ele não arremessasse da forma que arremessava o Lakers teria sido campeão tantas vezes..

          Nada contra você Vitor. Só acho esse termo “forçar” muitas vezes desmerecedor dos feitos de muitas equipes e jogadores.

    • Gustavo Freitas

      O texto foi publicado ontem.

      • Vitor Martins

        Sim, agora que eu vi a data, mas o timing realmente não foi dos melhores, né? Só ver os fãs dele te xingando muito no twitter hahaha

        • Gustavo Freitas

          Isso é engraçado pra kct. Os caras me xingando por causa de um texto? hahahahahahahahahahahahahhaahahhaha.

  • Gustavo

    Realmente acho que o Gustavo Freitas não gosta do modo que West joga e quer minimizar o jogo dele. Mas cara se West n colocar a bola embaixo do braço quem vai fazer isso? Oladipo?
    Se um craque se poupa nos dias de hj as pessoas xingam pq dizem que ele n quer jogar, se West quer continuar na partida msm perdendo pra tentar quebrar um record de 50 e poucos anos as pessoas criticam. Assim n dá cara. Tem é que jogar os 48 mins se for preciso pra quebrar o record. E ainda bem que ele conseguiu quebrar sem fazer pra n dar mais um gostinho na boca dos Haters!!
    QUE HOMEM!! ENTREGUEM O MVP!

    • Gustavo Freitas

      Você acha errado.

      • Gustavo

        Primeiro quero deixar claro que gosto muito do seu trabalho aqui no Jumper.
        Mas me desculpa cara essa é a impressão que eu tenho quando leio esse texto. Se basear em um jogo como o do Suns chega a ser injusto com o West, faltando pouco jogos da temporada regular e quase batendo um record histórico, que jogador n “forçaria” o jogo e permaneceria em quadra pra tentar escrever seu nome na história da NBA?

        • Gustavo Freitas

          Eu sou fã dele. De verdade. Sempre fui. O ponto é que algumas pessoas não entenderam que isso é só uma opinião pessoal. Não é o Jumper. Agora, recordes são feitos para serem aplaudidos de pé. Westbrook conseguiu.

          • Gustavo

            Eu acho que esses textos direcionados a estrelas da liga sempre geram muita polêmica, ainda mais quando estamos falando dessa temporada incrível do West e a briga muito boa pelo MVP.
            Respeito sua opinião mas discordo dela.
            Continue com o ótimo trabalho que vc faz aqui no jumper!

  • Luiz Fernando Rubin

    Eai quando eu disse que o RW era o MVP da temporada o Twitter do jumper me bloqueou hahaha…Vai entender, acho que os cara não gostam do Russ mesmo… Mas garanto que se fosse curry e cia que tivessem fazendo o que o brodie tá nos proporcionando os caras ia cansar de fazer post reverenciando os outros jogadores…Mas como é o RW…
    Enfim como diria zagallo “vcs vão ter que me engolir”, Russ MVP! !

    • Gustavo Freitas

      Eu não fico no Twitter do Jumper. Pro xará ter bloqueado você, foi porque você xingou ou falou alguma besteira.

      • Luiz Fernando Rubin

        Só se eles levar por xingamento a minha defesa pro Russ ser o MVP cara, Pq foi só o que falei hahahaha

  • Gustavo Freitas

    Filhos de Westbrook, por favor, entendam que eu sou fã dele. Já falei isso inúmeras vezes. Conseguiu o 42°, como era previsto. Óbvio que é algo para ser contado para os netos e tal. É a história sendo escrita. Mas em nada vai mudar minha opinião sobre forçar estatísticas. Eu acho desnecessário. Outros não acham. Simples assim, ora. É possível ter opinião contrária?

    • João Pedro Graciolli Silva

      Cada um tem sua opinião, vivemos em uma democracia (Graças a Deus). Creio que começar um post afirmando que “..o camisa 0 forçava passes ou seus colegas deixavam o caminho livre para ele pegar rebotes..” e no decorrer do texto falar somente de um jogo contra o Phoenix, para tirar conclusões que ele força estatísticas em todos os jogos, dando a entender que ele não tem preocupação com a derrota ou a vitória da franquia e está obcecado por estatísticas somente.
      Na minha humilde opinião creio que você tenha tentado escrever um post sobre a atuação dele contra Phoenix e foi infeliz generalizando os feitos do futuro MVP. Assim eu espero..
      “Uma coisa é você forçar mil gols e algo totalmente diferente é você forçar o gol mil.” Leonard

      • Gustavo Freitas

        Eu citei só o jogo contra o Suns, mas o vídeo mostrou os rebotes de vários jogos.

  • Edson Eu

    O problema não é se o autor gosta do West ou não, isso não importa, o problema é só a análise ruim mesmo…

    • Gustavo Freitas

      A análise é por conta de forçar estatísticas, especialmente contra o Suns. Se é por isso, é a sua visão. A minha é que ele fez errado e ELE MESMO assumiu que não estava sendo ele mesmo naquela partida.

      • Edson Eu

        De maneira nenhuma este texto versa só sobre o jogo contra o Suns… além disso se formos falar dos feitos do Westbrook teríamos, em tese, de situar eles no contexto maior que o esporte engloba, sua história, seus ritos e paradigmas e etc… qualquer análise que ignore isso neste caso é demasiada superficial. O jogo do Suns é só um fractal do que está acontecendo agora com a história da Liga.

  • Marcos Boston

    Para que tá feio já… Câncer do Jumper Brasil. Faz um tempo que publicou “tentando” dizer que não daria pro West ser mvp. Fica na sua apenas, se for mvp é merecidíssimo, se não, parabéns pro Harden, mas para de defecar pelos dedos.

    • Marcos Boston

      Gustavo, publiquei e me arrependi, não consegui apagar. Quem defecou pelos dedos fui eu, não tenho o direito de digitar o que digitei. Acho que vc quer justificar um post em que vc diz que não é a hora do West ser MVP. Mas enfim, independente do que eu acho, peço desculpas pelo que digitei, d coração.

      • Paulo Victor

        Caraca, você se arrepende rápido hein

        • Rdrigo Cruz

          Kkkkkkk

          • Marcos Boston

            Complicado, o mundo já tá essa desgraça toda, não precisa de ataques gratuitos por causa de gostos pessoais ou achismos,. Mas obrigado por desculpar, de verdade. Vamos continuar acompanhando a nba pq tá demais.

      • Gustavo Freitas

        Nussa, pesado. hahaha. Tá tudo bem. Eu entendo, juro. Segue o jogo.

  • Paulo Victor

    Eu até discordo do texto mas não vejo porque tanta raiva do pessoal por ele.O Gustavo só mostrou a opinião dele sem dar nenhuma daquelas opiniões imbecis que nem alguns Haters dão.Discordo do texto mas não é por isso que vou achar ruim ou ridículo.

  • fabricio rodrigues

    concordo com o texto. Thunder virou um time para estatisticas do west aparecerem. fazem isolation quase o jogo todo, anulam jogadores importantes como adams e oladipo para que um jogador consiga feitos individuais. West é um baita jogador com ou sem recordes e acho q o Thunder precisa jogar mais coletivamente caso queira algo nesses offs.

    • Marcos Gordinho

      O Heat foi campeão com a equipe fazendo isolation para Wade.
      O Bulls já foi primeiro lugar com Rose MVP tendo a equipe forçando isolations.
      O Lakers com Kobe no penta, também.
      Isolation é um caminho difícil, mas possível para se chegar a objetivos. Se faz necessário ter um atleta diferenciado para encarar tal responsabilidade, e claro, hiperinflar seus números como recompensa. O Thunder manteve a felicidade dos fãs após perder ídolos, se classificou muito bem, obrigado, mostrou que pode ser um destino a altura para os melhores free agents, tirou o peso da responsabilidade de jovens promissores que ainda precisam evoluir com certa tranquilidade, e em troca Westloko leva o recorde e talvez o MVP. Acho que tá certo assim para todas as partes.

  • índian!

    De forma natural ninguém bate o Record de TD.

    • Gustavo

      Até porque, duvido que o recordista anterior não tenha dado umas forçadinhas também.

  • Álvaro S.R.

    Então, no geral eu não concordo em falar que ele força estatísticas, já ficou mais do que claro que esses TD’s foram importantes, é só analisar o número de vitórias em partidas que ele fez TD e nas que ele não fez, mas enfim, opinião cada um tem a sua, e respeito a sua Masto.

    Agora se o texto se refere mais especificamente ao jogo contra o Suns, daí concordo com você, não teve necessidade nenhuma ele ficar em quadra com o resultado já definido, e ainda ficar forçando passes como aconteceu, ainda mais com os playoffs chegando.

  • Gustavo

    Não tenho procuração alguma para defender o xará @disqus_1XAp8VdCBh:disqus, até porque como deixei claro mais abaixo, discordo do cerne da questão desse artigo, acho justíssimo que na circunstância desse fim de temporada o West querer forçar o recorde.

    Mas acho que o que aconteceu ontem é um ponto a favor do que escreveu o xará, e não contra. Bater o recorde em um jogo que o time sai com a vitória e de lambuja um game winner insano daquele é muito mais legal que se ele tivesse conseguido um TD insonso contra o Suns. Posso estar equivocado, mas foi esse o ponto o tempo todo.

    De qualquer forma não consigo criticar a forçada contra o Suns, mas entendo quem critica.

  • Marcos Gordinho

    Como dizer que alguém força se sempre jogou nesse modo “porraloka?”. Quantas vezes observamos West assumir o protagonismo mesmo estando Durant ali ao lado pronto para definir a situação? West levou o recorde sendo apenas ele mesmo. E creio que isto o credencia ao MVP sim. Também seria possível criar o troféu melhor jogador entre as equipes top3. Definiria um conceito a ser perseguido. Mas no conceito MVP atual, nenhum outro atleta está mais apto na NBA para levar que Westbrook na atualidade, e seria vexatório um outro player receber e aceitar tal título. Aprendi a entender a dimensão de um jogador da NBA pelos haters que o mesmo atrai. Eu mesmo fui crítico de Jordan, hoje tenho 45 e só agora dói menos aceitar a dimensão do cara para os esportes. Pelo número e nível dos haters, entendo que Westloko entrou definitivamente para a lista dos grandes e inesquecíveis com título ou não.

  • Anderson M. Santos

    Os recordes são feitos épicos, fato! Mas, o que conta mesmo são as conquistas! E a vaidade por vezes faz com que boas equipes se percam no meio de tudo isso, por exemplo, o GSW na temporada passada, obcecados em superar o recorde dos Bulls, conseguiram, mas custou caro o time cansado diante do Cavaliers e perderam o título, o recorde de RW é formidável, mas, (gostando ou não dele – é pessoal a opinião de cada um) é bem forçado por várias vezes, o cara é o Franchise Player de OKC sem dúvidas, mas, a chance do time ser campeão se foi, na temporada passada e do jeito que está e como as coisas andam, RW será o detentor do recorde de TD’s por anos, mas, na certa se ficar no OKC se aposentará sem um anel de campeão da NBA! Aí é onde entra a genialidade do Pop, ele “põe” todo mundo pra jogar nos Spurs e eu acho isso um barato, todos os jogadores sabem da sua responsabilidade, responsabilidade essa que no OKC só é única e exclusivamente de Westbrook …

  • Gabriel Pereira Barbosa

    Será que o autor do texto está querendo dizer que essa estatística do Russ é morta?

  • Fabrica de Vassilo

    Acho válido, pq nas discussões e prêmios de hall do fame, todo mundo só lembra dos numeros, dos premios, das convocações … Glr adora desmerecer esse ou aquele jogador por não ter alcançado tal premio, número ou convocação, tanto que colocam Allen Iverson MUITO abaixo de Kobe Bryant (os dedos já ficam nervosos pra me responder só por isso). Então se ele precisa marcar a história de alguma forma, mesmo que forçando a barra um pouquinho, tem que fazer, pq só assim ele vai ser marcado na história. Um MVP seria ótimo, mas os jornalistas insistem em torcer o nariz em dar pra ele, preferem o Harden que nem líder da conferência é.

  • aldo

    Na minha opinião, um triple double é algo grandioso, forçando ou não. Não é facil fazer e continuar ganhando jogos com um time limtado contra adversarios mas fortes inclusive. Acho que essa façanha do RW foi até mais dificil de ser conquistada. Tenho certeza que todo jogador de basquete joga pensando em melhorar suas estatisticas. Faz parte do jogo.

© Copyright Jumper Brasil 2007-2017 - Todos os direitos reservados