logo lance
undo
Nacionais
Internacionais
Leste
Hawks
Celtics
Nets
Hornets
Bulls
Cavaliers
Pistons
Pacers
Heat
Bucks
Knicks
Magic
76ers
Raptors
Wizards
Oeste
Mavericks
Nuggets
Warriors
Rockets
Clippers
Lakers
Grizzlies
Timberwolves
Pelicans
Thunder
Suns
Blazers
Kings
Spurs
Jazz
Postado em 20 abr 2017 às 17:22
Leandrinho torce para continuar no Suns em 2018: “Quero me aposentar aqui”

Ala-armador brasileiro possui contrato parcialmente garantido para a temporada que vem

Compartilhe nosso conteúdo!
Envie por email!
Compartilhe no Google+ Google +
Tweet esse post! Twitter
Compartilhar no Facebook! Facebook
Por Ricardo Stabolito Jr.

leandrinho-suns

O brasileiro Leandrinho Barbosa ainda não sabe se será agente livre na próxima offseason, mas seu corpo e alma estão com o Phoenix Suns. O ala-armador tem vínculo parcialmente garantido para a temporada que vem e pode ser dispensado com o pagamento de apenas US$500 mil até o início de julho, mas ele torce para seguir no time que defendeu em nove de suas 14 campanhas na NBA.

“A questão principal é que eu quero aposentar-me como atleta do Suns, mas nunca se sabe. Não sei quais serão os planos da franquia e só posso dizer que vou estar disponível. No entanto, se não me quiserem, minha mentalidade segue a mesma: quero melhorar fisicamente e terei tempo nos próximos meses, então estou feliz com minha situação”, disse Barbosa, em entrevista ao portal Arizona Sports.

A terceira passagem do brasileiro de 34 anos pela equipe de Phoenix tem sido complicada. Ele não teve férias no ano passado por conta da participação da seleção brasileira nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, o que ocasionou uma temporada de insistentes dores e incômodos físicos. Leandrinho ficou afastado das últimas nove partidas do ano, inclusive, por conta de um problema na coxa direita.

“Eu poderia ter jogado melhor do que joguei e terei minha primeira offseason de descanso total agora. Não vou mais atuar pela seleção. Não posso mais, preciso repousar. Ter tempo para trabalhar em meu jogo e corpo será ótimo para mim, pois não sou mais um garoto. Eu ainda tenho alguma lenha para queimar e vou trabalhar para mostrar isso”, concluiu.

Leandrinho tornou-se ídolo da torcida do Suns na última década, ao fazer parte das populares equipes lideradas por Steve Nash, Amare Stoudemire e Shawn Marion. O brasileiro foi eleito melhor reserva da liga em 2007, atuando em Phoenix. Em 553 partidas disputadas pelo time na soma das três passagens, ele acumula médias de 11.6 pontos, 2.5 assistências e 39.4% de acerto nos tiros de longa distância.

  • Yan Alves #Suns

    Leandrinho joga muito ainda, tem que ficar pra 2018 mesmo.

  • Gabriel De Oliveira Meira

    Melhor jogador brasileiro nascido em Novembro de 1982, sem duvida alguma!!! Mito!!!

  • Vitor Martins

    Vendo o “fracasso” dos jogadores jovens brasileiros na NBA e com nenhum prospecto surgindo, é de se admirar as carreiras longevas e de sucesso (infelizmente muito mais individual do que na seleção) de Nêne, Leandrinho, Varejão e Splitter. Vai levar no mínimo uns 20 anos pra surgir algum jogador do nível deles por essas bandas.

  • Dudu Ferrero

    Ano que vem ele passa o Barjkley em numero de pontos nos Suns

  • Jadson Ramos

    Se os Warriors continuasse com ele no elenco, estaria contribuindo bastante ainda.
    É um bom role player, que pode ajudar muito ainda.

© Copyright Jumper Brasil 2007-2017 - Todos os direitos reservados