logo lance
undo
Nacionais
Internacionais
Leste
Hawks
Celtics
Nets
Hornets
Bulls
Cavaliers
Pistons
Pacers
Heat
Bucks
Knicks
Magic
76ers
Raptors
Wizards
Oeste
Mavericks
Nuggets
Warriors
Rockets
Clippers
Lakers
Grizzlies
Timberwolves
Pelicans
Thunder
Suns
Blazers
Kings
Spurs
Jazz
Postado em 11 maio 2017 às 00:16
Com grande jogo coletivo, Celtics domina Wizards e abre 3 a 2 na série

Bem nos arremessos, equipe de Boston vence sem dificuldades e está a uma vitória da final do Leste

Compartilhe nosso conteúdo!
Envie por email!
Compartilhe no Google+ Google +
Tweet esse post! Twitter
Compartilhar no Facebook! Facebook
Por Eduardo Ribeiro

(2) Washington Wizards 101 x 123 Boston Celtics (3)

O Boston Celtics venceu o Washington Wizards e voltou a liderar a série, após perder os dois últimos jogos. Com bom aproveitamento nos arremessos, a equipe não foi ameaçada pelos visitantes e garantiu o resultado com certa tranquilidade, ficando a uma vitória da final do Leste.

A equipe da casa já começou o jogo com um ritmo muito intenso e o aproveitamento nos arremessos era excepcional. Não demorou para que o time de Boston começasse a construir uma vantagem e liderar a partida, com grande esforço coletivo e destaque de Avery Bradley na pontuação, que anotou 14 pontos no período. Já o Wizards tentava fazer com que a diferença de pontos não ficasse grande demais.

No segundo quarto, o que já estava bom para o Celtics, ficou ainda melhor. O aproveitamento nos arremessos seguiu ótimo, a vantagem aumentou e Avery Bradley fez mais um ótimo período e desta vez marcou 11 pontos, fechando o primeiro tempo com 25 pontos. O placar era de 67 a 51 à favor do Celtics no intervalo.

O terceiro quarto foi parecido com o segundo, já que o Wizards não conseguiu encaixar seu jogo e o Celtics seguiu tranquilo. Horford anotou duas assistências consecutivas para Jae Crowder e depois pontuou no garrafão, deixando sua equipe na frente por 20 pontos. As coisas não foram muito diferentes no último quarto, que começou com Thomas em destaque, como de costume. Sem ser incomodado, o Celtics segurou a vantagem até o fim do período, garantindo a vitória e a liderança da série.

O próximo jogo ocorre em Washington, na próxima sexta-feira, às 21h (horário de Brasília).

Destaques

Boston

Avery Bradley: 29 pontos, seis rebotes
Al Horford: 19 pontos, seis rebotes, sete assistências, três tocos
Isaiah Thomas: 18 pontos, nove assistências
Jae Crowder: 18 pontos, oito rebotes
Marcus Smart: nove pontos, 11 rebotes, seis assistências

Washington

John Wall: 21 pontos, quatro rebotes, quatro assistências
Bradley Beal: 16 pontos, quatro assistências
Otto Porter Jr: 13 pontos, quatro rebotes
Kelly Oubre Jr: 13 pontos

  • Gabriel S Monteiro

    Boa vitória, excelente jogo do Bradley!!

  • Renato

    Que partida excelente do Celtics. Horford muito dominante, vale cada centavo do seu contrato máximo. Wizards nas cordas, ora de bater com força em Washington. Go Celtics

  • dirct

    Essa série vai a 7 jogos, os dois times exercem muito bem o mando de quadra.

  • Luiz Henrique Santos

    Caraca! Todo mundo apostando no Celtics para parar o Cavs, mas por enquanto só vi o LeBron passeando e o Celtics patinando…

    • Rogério Rodrigues

      Não vi ninguem falando isso aqui não.
      Todos sabemos que roubar um ou dois jogos do Cavs ja seria um feito caso o Celtics vá pra final.

    • Julio Zago

      Não é nessa temporada que o Celtics terá condições de derrubar o Cavs, mas o time vem evoluindo, neste ano já está próximo de uma final de Conferência.
      Se bem reforçado para o próximo ano talvez possa ser um real contender na Conferência, para este ano chegar a final é o limite.

      • Maurilei Teodoro

        Tomara que o Celtics se reforce e vire uma potência por anos. Está precisando ter novos contenders pra chacoalhar a liga !!

      • Rômulo Franco Cardozo

        Diria que chegar a final será superar as expectativas!

    • The Real Jay

      Quem tá falando isso? Todos sabemos que essa temporada é Cavs X Gsw nas finais. Mas chegar numa final de conferência é importante demais pra atrair bons FAgents, o máximo que ganhamos um ou dois jogos.

    • Rodrigo Hubinger

      Acho que vc entrou no site errado, raramente isso é falado aqui. Infelizmente estamos caminhando para a terceira final consecutiva com as mesmas equipes (acho q é a primeira vez na história).

  • João Ninguém

    Celtão é gigante.

  • Alex Alves

    Que partida o Celtão, e olha que o anão ontem estava tranquilo tranquilo (aliais nas últimas três partidas ele esta somente ok, esta se poupando para destruir o Cavs rsrsrsrs). Mas falando serio se for Celtics para final o máximo que conseguimos é um 4×1 ou talvez 4×2.

  • Alex Alves

    Que partida do Celtão, e olha que o Anão ontem estava tranquilo tranquilo (aliais nas últimas três partidas ele esta somente ok, esta se poupando para destruir o Cavs rsrsrsrs). Mas falando serio se for Celtics para final o máximo que conseguimos é um 4×1 ou talvez 4×2.

  • Julio Zago

    Grande partida do Celtics ou partida apagada do Wizards? Acredito que um pouco dos dois, o Celtão começou o jogo se impondo e abrindo vantagem, por sua vez o Wizards simplesmente não se achava no jogo, a equipe inexplicavelmente parecia sem reação, aliás, nunca reagiu.
    O Wizards é um grande time, mas o Celtics não pode ser desprezado pois é um time brioso e muito bem treinado, nos jogos ruins que a equipe fez em Washington disseram que o time era aquilo mesmo, respeito, mas não é bem assim, ninguém se classifica em primeiro lugar de forma gratuita.
    Enfim, o Celtics jogou a pressão para o outro lado agora, vamos ver como o Wizards vai reagir jogando com as costas na parede.
    Horford joga sozinho no garrafão Celta, a diferença técnica entre ele e Amir é abissal, mesmo assim ele consegue se impor, partida monstruosa ontem.

  • Doug

    Ótimo aproveitamento de FG dos verdes…e cara, como joga o A. Bradley…sempre discreto e muito funcional ao time…monstro…pontuou quando precisava, vendo que o IT tinha dificuldades no jogo e depois fez o trabalho de sempre na defesa…Crowder tb…Horford fundamental e calando os críticos mais uma vez…e essa defesa do Celtão é coisa linda demais…o Esperto tb fez uma partida sólida…impressionante como o mando do jogo muda o ânimo dos times…WAS completamente apático em quadra…e esse Beal parece que só vai ficar na promessa mesmo…cara talentoso, mas não vingou ainda…WIZ precisando do banco, que pouco ajudou…Bogda precisava ser mais agressivo e fazer a diferença quando entrasse…acredito no Celtão no próximo jogo…

    • Marcelo Desoxi

      Beal jogou mal ontem, mas ele fez uma ótima season cara, justificando inclusive o salário ( que eu critiquei) .
      23.1 pontos / 48% FG / 40% 3FG
      Playoffs : 22.9 pontos / 45 % FG / e mal nas bolas de 3

      • Lucas Antunes

        Sim, mas talvez o ponto em questão não seja sua contribuição em pontos e em aproveitamento de FG. Mas a maneira como ele deixa a desejar quando o time precisa dele – o que em tese n deveria acontecer, já que ele é o segundo jogador mais importante de um time de semifinal de conferência. Ele manter uma boa média de pontuação meio que esconde o fato de que seu jogo n flui como deveria e como ele se comporta como se fosse “só mais um” em muitas ocasiões.

        • Chimbinha

          Exato,quando precisa ,ele arrega .muita marra

          • Chimbinha

            Tomei raiva desses jogadores que exigem e ganham o máximo.Tem que mostrar que vale o que ganha então,tem que decidir

        • Doug

          Exatamente. Esse cara tem muito potencial e poderia ser um all star se fosse mais consistente e tivesse mais brio…

      • Doug

        Sim, fez. Mas, pra mim, ainda deixa a desejar…ele demonstra poder ir além do que tem apresentado, mas não faz isso…ele era p ser um cara de confiança no time, mas, não tem sido de jeito nenhum…

  • Guilherme Petros

    Se confirmar todos os mandos de quadra será animal. Na regular foi assim, nos playoffs tbm… Tomara que tenhamos jogo 7…

  • Danilo Veroneze #BOXOUT

    que venha o jogo 7 , pelo menos vamos ver mais jogos ja q a chance de ganharmos do cavs é 0

    • Rômulo Franco Cardozo

      tipo isso! rsrsrs

  • Rdrigo Cruz

    Bela vitória, jogo seguro! Bradley jogou muito, Horford também… parece que a confiança
    chegou…

    Agora não sei os outros torcedores, mas sempre que a diferença chegava a 14/15,
    já me dava um calafrio com a possibilidade de um apagão!! Tenho a sensação
    de que o time ainda não tem resposta para Runs…
    Fora algumas bolas de 3 arriscadas ontem… ainda bem que estava caindo tudo…

    • Vitor Martins

      Eu vi essa insegurança mesmo. Até o comentarista em inglês (transmissão local, torcendo pro Boston) falou que a diferença de 16 pontos era preocupante ainda. Mas ninguém tem resposta pra runs? Por isso são runs, pontos sem resposta do adversário. O que aconteceu é que ontem, pelo menos em casa, o Celtics soube responder aos bons momentos do Wizards na partida.

    • Pablo Leite

      Existem alguns times que apagam em momentos específicos. Os Spurs mesmo sempre apagam no retorno do intervalo, no terceiro quarto. É batata.

  • ThiiCavsFaria #madeinOhio

    Spurs e Rockets hoje vai pegar fogo … façam suas apostas, acho que vai dar Spurs 4-2 .

    • Pablo Leite

      Acho que vai ao jogo 7. Mas, torço para os Spurs.

      • ThiiCavsFaria #madeinOhio

        Eu acho que passando o Spurs daria mais trabalho ao GSW do que o Rockets, pois pelo menos a sua marcação é mais intensa …

        • Pablo Leite

          O único time do oeste que pode roubar um ou dois jogos dos Warriors é o Spurs, se Leonard estiver inteiro. Mas os Warriors são favoritos disparados.

          • ThiiCavsFaria #madeinOhio

            Isso é fato, assim como eu acho que o mesmo poderia ser dito apenas pelo Wizards no leste contra os Cavs …

  • Rômulo Franco Cardozo

    OFF: Será que Boston consegue, montar um time para fazer frente aos CAVS para a próxima temporada?
    Creio que para subir de nível precisaremos de ao menos 1 pivô zagueiro, um titular de peso (PG de preferencia) e um 6º homem que eleve a pontuação do banco, isso sem perder as principais peças! Difícil é conseguir fechar essa conta..

    • Pablo Leite

      Se a Pick da primeira rodada se mostrar acertada, houver a contratação de mais um All Star como Paul George e um Pivô ou Ala Pivô minimamente decente (Amir Johnson não dá), os Celtics viram um time capaz de bater qualquer um. Agora, não dá é o Stevens e a diretoria pegar a Pick e escolher um maluco como Olynik. Aí acaba.

      • Denyson

        Com certeza a pick 1 é o Fultz. Dessa vez Ainge não erra não

        • Pablo Leite

          Fultz é um Ala ou armador? Só não pode ser um jogador da posição 1, já que Thomas é o Franchise Player.

          • Denyson

            Cara, Fultz joga na 1 ou na 2, mas o cara eh o melhor prospecto do draft. Ou seja, tem que escolher ele mesmo. Depois v o que faz com ele, Thomas e Bradley.

          • Pablo Leite

            Se pode jogar na posição 2, então é perfeito, aí Avery Bradley poderia ser este sexto homem dos Celtics.

          • Rogério Rodrigues

            Se vier o Fultz, a tendencia é ele ser o reserva imediato das posições 1 e 2. E ano que vem, caso evolua como esperado ele vire titular e o Bradley vai pro banco ou sai (negociado ou pela FA).

          • Pablo Leite

            Aí é que está, se for para trazer um jogador número um para ser reserva de Thomas, que sempre vai jogar muito a não ser que se lesione, ou Do Bradley, que é bom jogador mas não é nenhuma Brastemp, é melhor não pegar a pick, e trocar por um jogador de impacto imediato. Senão o Celtics vai continuar apinhado de jogadores como Olynik e Brown, bonzinhos e úteis mas que não mudam em nada o status do time.

          • Jean Brazuna

            O Brown é muito novo para ser enquadrado nessa perspectiva primeiro ano do cara ele tá se desenvolvendo ainda é pode sair vir a ser um grande jogador

          • Pablo Leite

            Na verdade, Brown é fruto de uma das classes de draft mais fracas da história.

          • Rogério Rodrigues

            Ele ele seria o titular da 2 no outro ano, caso o Thomas renove mesmo. E isso seria um projeto pra ser contender durante uma decada. O time é muito jovem e promissor.
            Mas o sorteio da loteria, trades e essa FA vão dizer qual será o projeto que o Ainge quer para o Celtics.

          • Pablo Leite

            Bom, o Celtics deixar o Thomas sair seria um erro imperdoável. É um jogador que já se provou, um dos maiores jogadores da liga, você deve abrir a carteira, senão, é como deixar um rival te passar a perna.

          • Alex Alves

            Eu pensava assim trazer o Butler (porem esta difícil em razão das tretas). Penso em 4 nomes PG / Blake / Hayward meu time base ficaria assim com PG.

            Thomas/Bradley/PG/Horford/Bebe ou qualquer pivo sujo e barato.
            6° homem Crowder

            Para o Hayward o mesmo time,

            Blake: Thomas/Bradley/Crowder/Blake/Horford
            6° homem Smart e na próxima temporada o Fultz pode entrar no lugar do Bradley dependendo.

          • Alex Alves

            Eu pensava assim trazer o Butler (porem esta difícil em razão das tretas). Penso em 3 nomes agora PG / Blake / Hayward meu time ficaria assim.

            PG: Thomas/Bradley/PG/Horford/Bebe ou qualquer pivo sujo e barato.
            6° homem Crowder

            Para o Hayward o mesmo time,

            Blake: Thomas/Bradley/Crowder/Blake/Horford
            6° homem Smart e na próxima temporada o Fultz pode entrar no lugar do Bradley dependendo.

          • Pablo Leite

            Butler não virá, a não ser que o Celtics queira abrir mão da Pick e algo mais, mas não é o caso. Hayward também acho uma negociação complicada, creio que só sai de Utah se quiser sair, ainda mais tendo a menor folha da NBA, devem oferecer um contrato máximo a ele, não há a menor dúvida. Griffin e Paul George são alvos mais plausíveis.

        • Vitor Martins

          Isso se o Boston tiver primeira escolha. É bem raro da pior campanha ter a primeira escolha. Nos últimos dois anos isso aconteceu seguidamente na primeira vez desde a estréia da loteria.

      • Lucas Antunes

        Queria mt o griffin! Acho que n vai acontecer, mas ele deixaria a rotação mt animal e o quinteto bem agressivo!

        • Pablo Leite

          Griffin seria uma boa também, mas é um jogador que precisa ter seus minutos bastante regrados, devido às lesões em fim de temporada.

          • Albert Medeiros

            E o Millsap?

          • Pablo Leite

            Millsap é uma das melhores opções, na posição 4, disponíveis na NBA. Reeditaria uma excelente dupla com Horford.

          • Albert Medeiros

            Vdd, em Boston, blazers e Wolves seria bem interessante pra ele ir, até mesmo Spurs

          • Lucas Antunes

            Tbm gostaria demais, mas acho ainda mais dificil ele vir do que griffin hahaha

          • Rodrigo Richter

            na real que eu ia curtir uma trade para conseguirmos anthony davis, mas eu sei que é um sonho beeeeem alto haha

          • Albert Medeiros

            Kkkkkkkk

    • The Real Jay

      Então Rômulo, acho que devemos focar num ala all-star. Pivô vamos ter o Zizic vindo aí, muleke tá jogando muito bem na Europa, basta dar tempo pra se acostumar na nba e principalmente um 6th Man é fundamental. Será que Fultz virá a ser? Acredito que sim.

  • Gustavo

    Particularmente, eu não gosto desse tipo de jogo que existe hoje, com tantos chutes de 3 pontos. A tendência é termos cada vez mais, embora a série como um todo seja disputada, indo a 6 ou 7 jogos, partidas menos disputadas (chatas), com largas diferenças no placar. Um time ganha um por 25 pontos, no jogo seguinte leva o empate, perdendo por 25 pontos. Jogos decididos nos últimos segundos ou na prorrogação, como foi o último entre Rockets e Spurs normalmente são jogos onde os times tem “péssimos” aproveitamentos nas bolas longas, ou jogos entre times que abusam menos desse quesito, como Clippers e Jazz.
    As finais entre Cavs e Warriors é exemplo disso, lavadas trocadas. Fica chato de assistir.

    • Luis Felipe

      Rockets e bom na bola de 3 cara

    • Lucas Antunes

      Po cara, vc tocou num ponto interessante e que muita gente concorda contigo- principalmente a galera da escola mais antiga: a insistência em chutes de três desses novos grandes times.

      Mas sei lá, até certo ponto, concordo que alguns jogos ficam chato pela persistência e falta de criação de jogadas (já que mts das vezes o time com a bola queima um ataque em quatro segundos tentando um arremesso de longe). Mas ao mesmo tempo, penso um pouco na questão de que a evolução (e digo isso no sentido cru da palavra) do jogo tem feito com que os times se adaptem a novos padrões de tática e dinamismo.

      E acho que uma das principais mudanças que esse GSW “começou” há algumas temporadas, é justamente a criação de novas rotas dentro do plano de ataque, privilegiando a posição de seus arremessadores. Desde o ano passado, alguns times começaram a seguir essa tendência, mas destaco que nessa temporada, em específico, isso tem sido bem executado e esse diferencial tem funcionado não só para muitos times como para transformar a história de muitos jogos tbm.

      E um grande benefício disso para as franquias, é o fato de que hoje os times são mt menos dependentes de um especialista em 3pt do que antes eram e hoje quase todos jogadores precisam treinar esse fundamento e todas as defesas da liga são obrigadas a criarem novas estratégias para se proteger contra essa arma. Claro que hoje isso ainda n funciona para a maioria e é super chato em alguns jogos. Mas acho que essa tendência faz parte da evolução do jogo e, quando bem assimilada pelos jogadores, só tem a tornar o basquete mais agressivo.

© Copyright Jumper Brasil 2007-2017 - Todos os direitos reservados