logo lance
undo
Nacionais
Internacionais
Leste
Hawks
Celtics
Nets
Hornets
Bulls
Cavaliers
Pistons
Pacers
Heat
Bucks
Knicks
Magic
76ers
Raptors
Wizards
Oeste
Mavericks
Nuggets
Warriors
Rockets
Clippers
Lakers
Grizzlies
Timberwolves
Pelicans
Thunder
Suns
Blazers
Kings
Spurs
Jazz
Postado em 14 maio 2017 às 23:19
Lesionado no tornozelo, Leonard garante: “Pachulia não fez por querer”

Astro vai passar por exames mais detalhados nesta segunda-feira

Compartilhe nosso conteúdo!
Envie por email!
Compartilhe no Google+ Google +
Tweet esse post! Twitter
Compartilhar no Facebook! Facebook
Por Gustavo Freitas

O ala Kawhi Leonard saiu de quadra com nova lesão no tornozelo durante a derrota do San Antonio Spurs para o Golden State Warriors no domingo. O astro sofreu duas torções durante o embate, sendo a segunda, com o pivô Zaza Pachulia, grave o suficiente para não retornar.

“Está muito dolorido”, afirmou Leonard. “Eu torci ele antes, no arremesso anterior. Mas é difícil dizer agora. Eu não tinha a menor condição de retornar à quadra”.

O Spurs vencia por 20 pontos no terceiro quarto quando Leonard torceu o tornozelo a primeira vez. O astro, que era dúvida justamente por conta de uma lesão no local, havia acabado de agravar a contusão. No entanto, ele seguiu em quadra. Dois minutos depois, aconteceu o lance com Pachulia. Apesar disso, ele negou qualquer intenção de seu oponente em provocar uma contusão.

“Ele pisou por baixo do meu pé? Tipo, por querer? Não. Ele estava contestando o arremesso. Estava estourando o cronômetro. Eu preciso ver a jogada”, disse.

Pachulia, que não tem histórico de jogadas do tipo, se defendeu: “Eu só fiz o que deveria fazer e foi marcar seu arremesso. Eu virei e houve a marcação da falta. Eu não percebi que ele estava no chão até que eu virei de volta, na verdade. Então eu não vi nada acontecendo ali”.

Leonard vai passar por exames mais detalhados nesta segunda-feira para saber qual a gravidade da contusão. O segundo jogo da série final do Oeste acontece na próxima terça-feira, em Oakland.

  • Burnie … Wtf??

    Cara, sei não..eu vi sacanagem… além do mais, muita coincidência o lance ter ocorrido logo depois de o Leonard se machucar ..como o Zé Boquinha disse o Pachulia não precisava ter dado um passo a mais..

    • Daniel Nogueira

      Não mesmo. A bola já tinha ido quando ele deu esse um passo a mais. Não tinha mais nada pra contestar ali.

      • Leonardo

        Leonard é do tipo bonzinho que prefere nunca criar rixa com alguém e aguentar calado. TA ÓBVIO QUE FOI PROPOSITAL, mas Kawhi não tem perfil como a maioria da liga pra fazer disso um caso.

  • VIEIRA – CHICO

    foi a maneira que arrumaram para tirar o PRINCIPAL jogador do SPURS – bem, o bagulho foi RIDICULO – mas ficam dizendo “faz parte do jogo” – só quero vê se isto acontecer o mesmo no GSW tipo Curry ou principalmente Durant (que ainda deve não está 100%) saírem por uma jogada duvidosa

  • HSpurs

    Gente boa esses Leonard hein!!

  • Lucas

    Revendo o lance percebo que ele faz um movimento desnecessário dando um passo a mais por outro lado ele está olhando para o arremesso e depois fica olhando para bola não sei se ele poderia precisar onde cairia Leonard para por seu pé.
    Claro quem jogou basquete é capaz de identificar mais se foi maldoso ou não mais eu percebi isto na imagem. Eu não consigo afirmar com certeza á maldade.

  • Albert Medeiros

    Zaza mesmo sem querer avacalhou a temporada do Durant, agora faz o mesmo com o Leonard, q cara mais atrapalhado, pqp, deveriam tirar esse cara da NBA, tô até vendo ele pra cima do LeBron em uma final, kkkkkkkkk

  • Gui

    Proposital ou não, aquele último passinho dele, no mínimo, desnecessário…

  • Luis Gouvea

    Aparentemente não foi proposital, ninguém pode alegar com 100% de certeza que foi ou não, são só achismos e cada um vai ter uma opinião, é difícil julgar um caso desses :s

  • Rafael Victor

    Porra, não consigo ver maldade nesse lance! Me apareceu um lance normal!

    • Anderson Mendonça

      Concordo com você, não vejo maldade no lance. Foi mais um acidente

    • Nilton Junior

      Pessoal ta viajando de mais tentando arrumar um culpado pra lesão e pra derrota. Quando se está vencendo no terceiro quarto por 20 pontos, não se pode deixar virar de jeito nenhum.

  • Não pareceu ser intencional não, mas é claro que o passinho a mais do Pachulia foi desnecessário e essa marcação muito próxima gera esse risco do cara que arremessa pisar no pé do marcador, foi um puta azar do Kawhi…

  • Gustavo Rocha

    Revendo lance várias vezes não da pra precisar se teve a intenção ou não. Apesar de ser bastante suspeito. Contudo, QUE HOMEM é o Leonard. Atitude sensacional essa da parte dele. Tomara que volte o qnto antes e arrebente, como vem arrebentando.

  • Pablo Leite

    Foi intencional aquilo. Esses 2 passinhos pra frente depois do arremesso é uma jogada já tradicional de jogadores maldosos no mundo inteiro, tanto que o Pop apontou na hora e a arbitragem marcou. quem joga ou conhece basquete sabe como é para lesionar jogadores sem parecer malvado para o público.

  • Felipe D.

    Não consigo acreditar que não foi intencional, muito estranho esses passinhos a mais ali

  • MarcoLakers

    Qual é, o cara nem olhando estava, não tinha como ele calcular o local exato que o Leonard iria cair.

  • Maxi L. –#DubNation–#PazDirk

    Galeria esqueceu da física nesse lance, como já é sabido ” um corpo em movimento, tende a continuar em movimento…”. Se olharem com atenção vai ver que o Zaza vem igual uma vaca louca para a marcação, e realmente no momento que o Kawhi faz o movimento de Pull Up o Zaza vai para a constestar e dá um passo maior que o necessário, e é natural que quando se dê um passo maior, você de pelo menos mais um passo para voltar a uma posição confortável.Lance com mistura de imprudência e azar.

    Que volte logo e bem !

    • Lucas

      VEM FALA MERDA COM UM #DUBNATION PQP

      Para aquela galera que gosta de falar sobre história da NBA, mas não gosta de opinar em polêmicas:

      Em 2000, Jalen Rose chegou muito perto de lesionar e tirar Kobe Bryant das Finais da NBA. Na época, ninguém admitia culpa alguma e todos se mostravam simpáticos ao sofrimento da estrela do Lakers, que chegou a não jogar 2 jogos da série. Apenas 12 anos depois, em entrevista, Jalen Rose falou a verdade:

      “Qualquer um que já tenha jogado basquete ou que vá jogar basquete em breve, eu vou te dizer a regra não escrita número 1. Quando alguém vai para o jump shot, você não coloca seu pé onde ele vai aterrisar. Pode quebrar o tornozelo de alguém.
      Mas olha. Houve vezes na minha carreira colegial e na NBA em que eu fui contestar o jump shot, olhei para outro lado como se não soubesse onde eles iam aterrisar e coloquei meu pé lá. Eu fiz isso. Eu fiz isso contra os profissionais.
      NBA Finals. 2000. Kobe Bryant. Sobe para um jump shot, eu contesto o chute, Kobe aterrisa no meu pé. Ele sai mancando e fica fora do jogo seguinte. Se fosse por mim, ele poderia ter ficado fora da série toda. Eu teria um anel de campeão. Eu fiz de propósito. Eu não posso dizer que foi um acidente.“

      É engraçado como, para alguns, algumas palavras de suporte e apoio já indicam a completa isenção de culpa de alguém. Não podemos esquecer que certas narrativas só são completamente resolvidas anos e anos depois. Zaza disse que nunca faria isso com alguém, pois ele é um atleta. Mas é preciso lembrar que Zaza não é apenas o bufão burro que muitos pintam, que mal sabe andar em quadra. Existe videos de minutos e minutos mostrando ele sendo ejetado e levando falta tecnica atrás de falta tecnica.
      Seja por dar uma cotovelada na cara do Patty Mills, tentar acertar uma cotovelada na cara do David West, prender o braço de Kawhi Leonard numa disputa e quase quebrá-lo ou chutando a cara de Danny Green, Zaza possui uma longa ficha corrida de jogadas perigosas e maldosas.

      Ah, e sabe o que temos em comum em todas as que eu acabei de listar?
      Todas foram contra o Spurs.

      • Maxi L. –#DubNation–#PazDirk

        Como eu disse, foi imprudente mas não vejo maldade.

  • Álvaro S.R.

    Lance absolutamente normal.

  • Lucas

    Para aquela galera que gosta de falar sobre história da NBA, mas não gosta de opinar em polêmicas:

    Em 2000, Jalen Rose chegou muito perto de lesionar e tirar Kobe Bryant das Finais da NBA. Na época, ninguém admitia culpa alguma e todos se mostravam simpáticos ao sofrimento da estrela do Lakers, que chegou a não jogar 2 jogos da série. Apenas 12 anos depois, em entrevista, Jalen Rose falou a verdade:

    “Qualquer um que já tenha jogado basquete ou que vá jogar basquete em breve, eu vou te dizer a regra não escrita número 1. Quando alguém vai para o jump shot, você não coloca seu pé onde ele vai aterrisar. Pode quebrar o tornozelo de alguém.
    Mas olha. Houve vezes na minha carreira colegial e na NBA em que eu fui contestar o jump shot, olhei para outro lado como se não soubesse onde eles iam aterrisar e coloquei meu pé lá. Eu fiz isso. Eu fiz isso contra os profissionais.
    NBA Finals. 2000. Kobe Bryant. Sobe para um jump shot, eu contesto o chute, Kobe aterrisa no meu pé. Ele sai mancando e fica fora do jogo seguinte. Se fosse por mim, ele poderia ter ficado fora da série toda. Eu teria um anel de campeão. Eu fiz de propósito. Eu não posso dizer que foi um acidente.“

    É engraçado como, para alguns, algumas palavras de suporte e apoio já indicam a completa isenção de culpa de alguém. Não podemos esquecer que certas narrativas só são completamente resolvidas anos e anos depois. Zaza disse que nunca faria isso com alguém, pois ele é um atleta. Mas é preciso lembrar que Zaza não é apenas o bufão burro que muitos pintam, que mal sabe andar em quadra. Existe videos de minutos e minutos mostrando ele sendo ejetado e levando falta tecnica atrás de falta tecnica.
    Seja por dar uma cotovelada na cara do Patty Mills, tentar acertar uma cotovelada na cara do David West, prender o braço de Kawhi Leonard numa disputa e quase quebrá-lo ou chutando a cara de Danny Green, Zaza possui uma longa ficha corrida de jogadas perigosas e maldosas.

    Ah, e sabe o que temos em comum em todas as que eu acabei de listar?
    Todas foram contra o Spurs.

  • Guilherme Petros

    A NBA tem que punir o overpassing quando o outro está no ar, proposital ou não. Eles são jogadores profissionais e sabem como isso é perigoso para o colega de profissão.
    Ficar discutindo se foi por querer não faz tanta diferença.

© Copyright Jumper Brasil 2007-2017 - Todos os direitos reservados