logo lance
undo
Nacionais
Internacionais
Leste
Hawks
Celtics
Nets
Hornets
Bulls
Cavaliers
Pistons
Pacers
Heat
Bucks
Knicks
Magic
76ers
Raptors
Wizards
Oeste
Mavericks
Nuggets
Warriors
Rockets
Clippers
Lakers
Grizzlies
Timberwolves
Pelicans
Thunder
Suns
Blazers
Kings
Spurs
Jazz
Postado em 6 ago 2017 às 07:46
“Meu plano era ir para o Rockets”, revela J.J. Redick

Experiente ala-armador recebeu proposta do time texano, mas optou por fechar com o Sixers

Compartilhe nosso conteúdo!
Envie por email!
Compartilhe no Google+ Google +
Tweet esse post! Twitter
Compartilhar no Facebook! Facebook
Por Gustavo Freitas

O Philadelphia 76ers não foi a primeira opção de J.J. Redick na agência livre. O ala-armador confirmou que recebeu uma proposta e esteve próximo de aceitar um contrato do Houston Rockets, repetindo a parceria que tinha com Chris Paul no Los Angeles Clippers, mas um recuo da franquia texana nas negociações acabou levando-o a mudar seus planos e assinar com a equipe da conferência Leste.

“Antes da reabertura do mercado, eu pensei que fosse um vínculo de quatro anos. Chris e eu até conversamos por cerca de 30 minutos. Mas, depois, quiseram que fosse por só três. Daryl Morey [gerente-geral do Rockets] sempre tem um milhão de coisas para fazer e tenho certeza que tinha umas quatro ou cinco negociações acontecendo ali”, contou o veterano, em entrevista a podcast do site Hoopshype.

Redick, de 33 anos, confessou não ter aceitado assinar com o Rockets pelo medo de ser trocado já na próxima temporada. “Não deu certo. Um pouco pelos valores, um pouco por ter que mudar com a minha família e, odeio de dizer isso, um pouco por nunca se saber como Daryl trabalha. Um acordo de três anos pode ser de seis meses se você for negociado por um superastro na trade deadline”, explicou.

Sem acerto com o Rockets, o ala-armador garantiu que a oportunidade de ajudar uma equipe muito promissora a crescer foi decisiva para que desse preferência ao Sixers. “Essa é uma chance para dar um salto e realmente fazer parte de um time de elite não só do Leste, mas também da NBA. Isso é dar crédito a Sam Hinkie, Bryan Colangelo e aos donos do Sixers”, encerrou Redick.

  • Klay Thompson #MVP 2018

    Pipocou kkkkkk

  • Dream Shake

    A verdade é que o leste está bem mais fácil não é? kkkkkkkkk

  • felipe fernando Oliveira

    De certa forma tem que fazer a melhor escolha pra si. E vai ser excelente pra ajudar no desenvolvimento dos jovens.

    • Cassio

      Abriu mao de disputar o título pela grana, a mulher dele queria pra nova iourque torrar a grana dele, mas nao rolou

  • felipe fernando Oliveira

    Big 3 rolando na fox

  • Brad

    Ainda acho que 23 mi seja demais p ele mas…

    • Chimbinha

      Um absurdo .Aí vem com uns papinho de araque.So veio pela grana,cala a boca

    • Vitor Martins

      Mas é por uma temporada só. E os principais jogadores ganham salário de calouro. Precisavam dar muita grana pra alguém. Não é um contrato longo.

  • Vitor

    Não entendo como esse tipo de afirmação é tratada como normal.. Os torcedores não são apaixonados como aqui no Brasil. Se um cara do Corinthians chega falando que queria ir pra outro, eu já ia querer o cara fora.

    • Felipe Martins

      Isso só mostra a grande imaturidade do brasileiro quando o assunto é futebol. Reddick não disse em nenhum momento que apesar de ter assinado com os 76ers ele gostaria mesmo é de ter ido pro rockets, ou que ele foi pra Phila a contragosto. Ele só disse que o plano inicial dele era ir para os rockets, mas como não chegaram a um acordo a negociação não se concretizou e ele achou melhor fechar com os 76rs por uma temporada, o que não tem nada de mais.

  • Vai ser muito importante para o time do 76ers. Capaz de se destacar em alto nível.

  • Carlos Souto

    Esse é o “especialista em bolas de três”, ruim nos chutes de três. Jogadorzinho mais meia boca. Mesmo assim vai receber 23 milhas. Tem que ajoelhar no logo da NBA como diria o Zé Boquinha.

© Copyright Jumper Brasil 2007-2017 - Todos os direitos reservados