Adversário de longa data, Nenê rasga elogios a Ginobili: “É uma lenda”

As carreiras do brasileiro Nenê Hilário e do argentino Manu Ginobili estão ligadas há muito tempo. Bem antes das partidas da NBA e em torneios internacionais, os dois veteranos se conheceram e são adversários desde campeonatos sul-americanos de categorias de base que já datam de duas décadas. Foram dezenas de confrontos que transformaram o pivô em mais um dos inúmeros admiradores do ala-armador.

“Eu sou um fã de Manu. É encantador vê-lo jogar. Cresci jogando contra ele quando éramos mais jovens e acompanhá-lo nas condições físicas em que encontra-se hoje é sensacional. Para mim, trata-se do melhor jogador internacional [não-nascido nos EUA] que enfrentei na NBA. É uma lenda, sem dúvidas”, reconheceu o veterano do Houston Rockets, em entrevista ao site argentino Reloj de 24.

Ginobili, de 40 anos, já anunciou sua aposentadoria da seleção argentina e disputa a última temporada com a camisa do San Antonio Spurs – a única equipe que defendeu em 16 anos na NBA. O maior jogador de basquete da Argentina em todos os tempos conquistou, entre uma série de feitos, quatro títulos da NBA, um título da Euroliga e a medalha de ouro olímpica em Atenas-2004.

Ricardo Stabolito Jr.
Ricardo Stabolito Jr.
Jornalista de 27 anos. Natural de São Bernardo do Campo, mas vive em Salvador há mais de uma década.
  • Maior jogador sul americano da história. Oscar foi incrível, a geração de Asa Branca também, mas esse cara fez o impossível.

    • WLuz

      Wlamir Marques teve feitos iguais ou maiores que ele em uma época com muitos menos recursos.

  • Norrin Radd

    Maior sulamericano da história. E depois do Dirk, o maior estrangeiro (jogador internacional, como disse o Nene) da história da NBA.