Lakers venceu adversário sem Kobe Bryant

L.A. Lakers 98 x 84 San Antonio Spurs

Fora de casa, o Los Angeles Lakers bateu o San Antonio Spurs na noite de quarta-feira, mesmo sem o astro Kobe Bryant. Quem destacou-se foi o pivô Andrew Bynum, que anotou 16 pontos e pegou 30 rebotes (melhor marca da carreira). O ala Metta World Peace fez 26 pontos e foi o cestinha da partida. Pau Gasol ficou com 21 pontos e 11 rebotes.

Pelo Spurs, Danny Green fez 22 pontos, enquanto Tim Duncan ficou com 14.

Apenas Bynum pegou quase o mesmo número de rebotes de todo o time texano, que obteve 33.

Até o primeiro tempo, o jogo foi bastante equilibrado, com os visitantes indo para o intervalo na liderança por 48 a 43.

No entanto, no terceiro período, o Lakers começou muito forte e logo abriu 20 pontos de vantagem. Já no último quarto, o Spurs jamais conseguiu ficar abaixo de 11 pontos, confirmando o triunfo de Los Angeles.

Bynum ultrapassou a melhor marca da temporada em rebotes, que pertencia a Ersan Ilyasova, do Milwaukee Bucks e Dwight Howard, do Orlando Magic, com 25.

O Lakers possui 37 vitórias e 22 derrotas, enquanto o Spurs venceu 40 de seus 56 jogos.

Destaques

L.A. Lakers

Andrew Bynum: 16 pontos, 30 rebotes
Pau Gasol: 21 pontos, 11 rebotes, quatro assistências
Metta World Peace: 26 pontos, 5-8 em três pontos, quatro rebotes
Matt Barnes: 13 pontos, seis rebotes, quatro assistências
Ramon Sessions: dez pontos, cinco assistências
Steve Blake: dez pontos

San Antonio

Danny Green: 22 pontos, 5-6 em três pontos
Tim Duncan: 14 pontos, três bloqueios
Tony Parker: quatro pontos, oito assistências, 2-12 em arremessos
Manu Ginobili: nove pontos, cinco assistências, quatro rebotes

Minnesota Timberwolves 107 x 113 Denver Nuggets

Beneficiado pela derrota do Phoenix Suns para o Memphis Grizzlies, o Denver Nuggets derrotou o Minnesota Timberwolves e manteve-se na zona de classificação para os playoffs.

Depois de um primeiro tempo muito forte, quando o Nuggets liderava por 68 a 47, o Wolves conseguiu recuperar-se, principalmente por conta dos reservas Anthony Randolph e Derrick Williams, que anotaram 28 e 27 pontos, respectivamente.

No terceiro período, a vantagem de Denver, que chegou a ser de 24 pontos, caiu para nove, com 15 pontos seguidos da dupla Randolph e Williams.

No último quarto, Anthony Tolliver conseguiu empatar depois de fazer uma cesta de três em 97 pontos, mas o italiano Danilo Gallinari anotou sete pontos nos últimos quatro minutos para garantir a vitória de Denver.

O ala-pivô Kevin Love saiu de quadra ainda no primeiro período, após sofrer uma concussão. Ele foi hospitalizado, por medida preventiva, mas não possui nenhuma lesão mais grave.

O Nuggets possui agora 32 vitórias e 26 derrotas, enquanto o Wolves, que perdeu o seu sétimo embate seguido, está com 25 triunfos em 59 jogos.

Destaques

Minnesota

Anthony Randolph: 28 pontos, seis rebotes
Derrick Williams: 27 pontos, oito rebotes
J.J. Barea: 12 pontos, 15 assistências, seis rebotes
Martell Webster: 12 pontos, quatro rebotes
Nikola Pekovic: 12 pontos
Wes Johnson: 11 pontos, quatro rebotes

Denver

Ty Lawson: 24 pontos, oito assistências, cinco rebotes
Arron Afflalo: 21 pontos
Kenneth Faried: 16 pontos, 12 rebotes
Danilo Gallinari: 18 pontos, quatro rebotes, quatro assistências
Al Harrington: 11 pontos, quatro rebotes
JaVale McGee: oito pontos, quatro rebotes, três bloqueios, 17 minutos
Corey Brewer: oito pontos, três roubadas, 16 minutos

Golden State Warriors 110 x 118 Portland Trail Blazers

O Portland Trail Blazers, em casa, passou pelo Golden State Warriors e chegou ao seu 28° triunfo em 2011-12, mesmo sem o ala-pivô LaMarcus Aldridge, contundido no quadril. Em seu lugar atuou J.J. Hickson, que destacou-se com 23 pontos e 13 rebotes.

Jamal Crawford foi o cestinha, com 34 pontos. Wesley Matthews contribuiu com 18 pontos, enquanto o pivô Joel Przybilla, mesmo tendo feito apenas dois pontos, pegou 14 rebotes.

Pelo Warriors, David Lee obteve um duplo-duplo com 21 pontos e 14 rebotes. Nate Robinson saiu do banco de reservas para fazer 19 pontos.

O Blazers foi melhor durante toda a partida, mostrando eficiência na defesa em alguns momentos, especialmente com Przybilla e Nicolas Batum. Até o terceiro quarto, os donos da casa venciam por dez pontos de diferença.

No último período, o Warriors iniciou anotando seis pontos seguidos e a diferença caiu para quatro. O jogo seguiu equilibrado, até que Batum fez de três, e deixou o Blazers na frente por 109 a 104 com cerca de dois minutos para o fim. Pouco depois, Klay Thompson fez de três, mas em seguida, Wesley Matthews respondeu com a mesma moeda, praticamente dando números finais.

O Blazers possui 28 vitórias e 31 derrotas e o Warriors venceu 22 de seus 57 jogos.

Destaques

Golden State

David Lee: 21 pontos, 14 rebotes
Nate Robinson: 19 pontos, oito assistências
Richard Jefferson: 15 pontos
Brandon Rush: 13 pontos, cinco rebotes
Klay Thompson: 12 pontos, quatro rebotes
Dorell Wright: 11 pontos, cinco rebotes

Portland

J.J. Hickson: 23 pontos, 13 rebotes
Jamal Crawford: 34 pontos, 13-13 em lances livres
Wesley Matthews: 18 pontos, quatro rebotes
Raymond Felton: 16 pontos, dez assistências
Nicolas Batum: 14 pontos, cinco rebotes
Joel Przybilla: dois pontos, 14 rebotes

Gustavo Freitas
Gustavo Freitas
Mineiro de Uberaba, é co-fundador do Jumper Brasil e fã do Boston Red Sox.