Por Andrew Wiggins, Warriors negocia D’Angelo Russell e outros dois jogadores

O Golden State Warriors negociou o armador D’Angelo Russell para o Minnesota Timberwolves, ao lado de Jacob Evans e Omari Spellman pelo ala Andrew Wiggins, uma escolha de primeira rodada protegida de 2021 e uma de segunda rodada de 2022, segundo o jornalista Adrian Wojnarowski, da ESPN.

Russell, de 23 anos, foi adquirido pelo time californiano na troca que levou Kevin Durant ao Brooklyn Nets. A diretoria do Warriors queria testar Russell ao lado de Stephen Curry, mas a lesão do camisa 30 logo no começo da atual campanha atrapalhou os planos. Na temporada passada, o armador foi para o Jogo das Estrelas pela primeira vez. Em 2019-20, ele possui médias de 23.6 pontos, 6.2 assistências e converteu 37.4% das tentativas de três. Em julho de 2019, ele assinou um acordo de US$172 milhões por quatro anos.

Primeira escolha do draft de 2014, Wiggins deixa o Timberwolves após cinco temporadas e meia entre críticas e desconfiança sobre seu jogo ofensivo. Em 2019-20, no entanto, ele melhorou e saiu de 18.1 pontos na campanha passada para 22.4. Ele ainda produziu 5.2 rebotes e 3.7 assistências, melhores marcas da carreira. Seu contrato vai até 2022-23, no valor de aproximadamente US$30 milhões anuais.

Gustavo Freitas
Gustavo Freitas
Mineiro de Uberaba, é co-fundador do Jumper Brasil e fã do Boston Red Sox.