Animado, executivo do Pelicans cogita chances de MVP para Jrue Holiday

Ninguém aponta o New Orleans Pelicans como um dos candidatos ao título, mas todos estão empolgados para verem o reformulado time em quadra. A expectativa é por uma equipe rápida, atlética e com espaço para jovens talentosos em quadra, incluindo Zion Williamson. O vice-presidente David Griffin, porém, tem planos mais ambiciosos para o grupo – em especial, para o veterano Jrue Holiday.

“Eu desafiei Jrue. Disse-lhe que pode ser o armador mais subestimado da liga por quanto tempo quiser, mas preferiria que fosse o MVP. Esse cara é capaz de muito mais do que tem feito. É um ‘matador’ experiente que vence jogos nos dois lados da quadra. Ninguém imaginava que Steve Nash levaria o prêmio na carreira. Por que não Jrue, então?”, questionou o executivo, em entrevista à rádio Sirius XM.

Ser eleito MVP da liga seria um salto absolutamente improvável para Holiday, que só possui uma convocação para o Jogo das Estrelas e duas seleções para um dos quintetos ideais de defesa da liga ao longo da carreira. O que poderia levar a uma mudança tão radical no armador? Griffin aposta que a forma como o atleta será obrigado a ver-se e comportar-se após a saída do craque Anthony Davis.

“Jrue nunca teve um time para liderar e seu próximo passo como jogador é ter essa visão para si mesmo. Ele sempre esperava, até aqui, que Anthony viesse e fizesse o trabalho. Agora, sabe que o comando é dele – e está preparado para assumi-lo”, assegurou o dirigente-mor do Pelicans.