Após domingo sem acordo, cartolas e atletas seguem negociando nesta segunda

Líderes do Sindicato dos Jogadores e do Comitê dos Donos de Franquias se encontraram na noite deste domingo (10) para dar continuidade às negociações por um novo acordo coletivo de trabalho. Depois de mais de cinco horas de conversas sem acerto, as partes concordaram em continuar a reunião na tarde desta segunda-feira.

Os esforços de atletas e dirigentes ganharam urgência nos últimos dias com a informação de que o comissário David Stern vai anunciar o cancelamento das duas primeiras semanas da temporada 2011-12 caso um acordo não seja alcançado até hoje. O presidente do Sindicato dos Jogadores, Derek Fisher, disse que a realização dos encontros, porém, não significa que haja avanços na negociação.

“Outra reunião intensa, processo similar. Nós vamos continuar tentando usar o tempo que temos para chegar próximo de um acordo”, simplificou o armador do Los Angeles Lakers, na noite de domingo. Stern falou ainda menos, limitando-se a informar que o encontro seguiria hoje.

Na última semana, os atletas recusaram uma oferta de divisão igualitária das receitas da NBA com os donos. No acordo que vigorou até junho, os jogadores tinham 57% desta porcentagem.

Caso atletas e mandatários não terminem o locaute nesta segunda-feira, espera-se que Stern oficialize o início dos “cortes” na temporada regular. O cancelamento das duas primeiras semanas que competição significa que as franquias vão deixar de disputar de cinco a sete partidas da campanha 2011-12.

Ricardo Stabolito Jr.
Ricardo Stabolito Jr.
Jornalista de 27 anos. Natural de São Bernardo do Campo, mas vive em Salvador há mais de uma década.