Após reabilitação, Lawson comemora chance de título no Rockets

Principal aquisição do Houston Rockets para a próxima temporada, Ty Lawson está finalmente focado somente em jogar basquete. O armador, adquirido do Denver Nuggets via troca, acaba de sair de uma clínica de reabilitação depois de 30 dias tratando sua dependência em álcool. Desgastado na antiga equipe, ele admite que queria uma mudança de ares e estar ansioso para recomeçar sua carreira no Texas.

“Antes da troca ser fechada, eu ligava para James [Harden, astro da franquia] e pedia para que ajudasse a me levar para Houston. Estar aqui é uma rajada de ar fresco em minha carreira. Eu, definitivamente, acredito que posso ser a peça para colocar o Rockets acima da concorrência”, afirmou o atleta de 27 anos, contente com seu novo momento na NBA, em entrevista à filial de Houston da rede Fox.

Lawson chegou aos playoffs em quatro de suas seis temporadas com o Nuggets, mas nunca passou da primeira rodada do Oeste. A chance de atuar em um time mais competitivo é outro fator que entusiasma o jogador. “É uma grande oportunidade para mim. O Rockets esteve na final da conferência neste ano e só precisava de mais uma ou duas peças. Estou empolgado de estar em uma situação em que sei que posso vencer”, celebrou.

No entanto, o armador sabe que o rendimento dentro de quadra será apenas uma parte do que os dirigentes de Houston avaliarão a seu respeito. Ele foi detido três vezes só nos últimos dois anos por dirigir embriagado e sua internação em um centro de reabilitação não deixa de ser a admissão de que tem problemas. Ao lado do amigo James Harden, porém, o atleta se vê em um ambiente propício para dar a volta por cima.

“Eu passei por algumas dificuldades recentemente e ainda estou superando-as. Mas James [Harden] sempre andou comigo e sabe o tipo de pessoa que sou. Sinto que não existe uma real preocupação sobre mim e meu jogo aqui. Estou pronto para jogar”, encerrou Lawson, que teve médias de 15.2 pontos e 9.6 assistências (terceira melhor marca da liga) em 75 jogos disputados na campanha passada.

Ricardo Stabolito Jr.
Ricardo Stabolito Jr.
Jornalista de 27 anos. Natural de São Bernardo do Campo, mas vive em Salvador há mais de uma década.
  • Marcio #Lakers

    Agora conta a piada da carochinha, que ele ta curado das drogas e alcoolismo com 30 dias de internação???? Nem a fundação do padre Aroldo consegue um milagre desses!!!

    • THE BULLS23

      Irmãos, é um milagre. Aleluia!!!!!

      Falando sério, tomara que o cara se cure. Isto é mais importante que o basquete que tanto amamos.

      • Marcio #Lakers

        tomara, que esteja mesmo recuperado e que volte a joga o fino do basquete!!!

  • Pedro de Lara

    Com o McHale como técnico e o Howard achando que é melhor que o Shaq, jamais vai passar das finais de conferência.

    • Augusto Filho

      Falavam isso ano passado… Veremos no fim da temporada…

  • Rafael Victor

    “peça que faltava pra ficar acima da concorrência”

    Será que ele tava sóbrio quando falou isso, acho que não, hein!? hahaha!

    Apesar disso e de todos os problemas dele, pode vim a ser uma boa pro Rockets!

  • Gustavo

    Acho que ele pode ser a peça que faltava sim. O ataque de Houston é muito dependente do Barba, acho que o Lawson pode dividir um pouco mais a marcação, e tirar um pouco a bola da mão do Harden. Além disso Ty é muito bom no pick’n roll, com o barba espaçando a quadra pode fazer um estrago municiando o DW12 e Montejunas.

    O problema é ajustar a defesa, já que o Patrick Baverley é muito bom nesse quesito e ajuda a suprir a deficiência do vice MVP, ao contrário de Lawson.

    De qualquer forma, da para compor uma excelente rotação com todos saudaveis.

  • tiago

    Ai passa um tempo e surge outra noticia que ele foi preso bêbado de novo KKK É bom jogador, mas tem que deixar essa cachaça de lado ou se não daqui uns dias ta igual esse aqui KKKK

    • Albert Hornets

      Mano Adriano não volta a jogar mais não po, tenho certeza, sou carioca. O cara tem frota de avião e barco na Itália e o povo anda se perguntando porque o dinheiro dele não acaba, taí o motivo … Imperador até fora do Futebol !

  • Rodrigo Santos

    Quem sabe agora ele larga a maldita indo para um time que está com uma mentalidade de titulo. Só de sair de Denver deve ter feito bem para ele.
    Agora pensando sobre o Rockets colocaria Lawson de sexto homem pq ele gosta de ficar com a bola para pode jogar e fazer seus companheiros pontuarem. Harden também tem esse estilo portanto poderá virar um time previsível. Manteria o Beverley de titular que sabe suas limitações e não fica forçando certas jogadas além de ser um ótimo defensor e tem chute pra três.
    OTime tem uma certa dependência pelo Harden no ataque e com um jogador que é capaz de criar jogadas e pontuar no banco seria muito bom, além disso o barbudo ainda poderia descansar uns minutos a mais para chegar voando nos Offs.

    • Fabrica de Vassilo

      vindo do banco seria bem melhor, só precisa deixar o orgulho de lado e lembrar que está jogando num time contender, além de que não sacrificaria o harden por ele.

  • Maurilei Teodoro

    Se o Lawson se encaixar bem no time e jogar em alto nível, o Rockets acredito eu que disputará sim o título.

  • Augusto Filho

    Ty Lawson vem pra DOZE assistências por jogo esse ano, pode ter certeza… Se jogar de titular é esse número que vamos ver no fim da temporada… Harden sabe jogar sem a bola nas mãos… Provou isso inúmeras vezes jogando ao lado de caras como Curry, Irving, Durant, Westbrook, que precisam da bola pra jogar… E outra, D12 vai aumentar ABSURDAMENTE suas médias por causa do Ty, se ele fazia aquele time ruim de Denver jogar imagina o Houston que tem qualidade em todas as posições e no banco de reservas…

    • Renan Domok

      Se o Lawson estiver jogando tudo que pode, o Rockets vai ter um dos melhores times para começar o jogo da NBA: Lawson – Harden – Ariza – Motiejunas/Jones – Howard. Time muito equilibrado e bem preparado para ser campeão.

      • Augusto Filho

        O time tem tudo playmaker, alguém que defenda no perímetro, um scorer nato, um jogador que espaça o garrafão pra bolas de 3 pontos e seja bom reboteito e uLetras de músicas – Letras.mus.br
        menu buscar
        Entrar

        play
        aleatório opções playlist
        página inicial rock legião urbana o mundo anda tão complicado

        O Mundo Anda Tão Complicado
        Legião Urbana

        exibições
        593.490
        Gosto de ver você dormir
        Que nem criança com a boca aberta
        O telefone chega sexta-feira
        Aperto o passo por causa da garoa
        Me empresta um par de meias
        A gente chega na sessão das dez
        Hoje eu acordo ao meio-dia
        Amanhã é a sua vez

        Vem cá, meu bem, que é bom lhe ver
        O mundo anda tão complicado
        Que hoje eu quero fazer tudo por você.

        Temos que consertar o despertador
        E separar todas as ferramentas
        Que a mudança grande chegou
        Com o fogão e a geladeira e a televisão
        Não precisamos dormir no chão
        Até que é bom, mas a cama chegou na terça
        E na quinta chegou o som

        Sempre faço mil coisas ao mesmo tempo
        E até que é fácil acostumar-se com meu jeito
        Agora que temos nossa casa
        é a chave que sempre esqueço

        Vamos chamar nossos amigos
        A gente faz uma feijoada
        Esquece um pouco do trabalho
        E fica de bate-papo
        Temos a semana inteira pela frente
        Você me conta como foi seu dia
        E a gente diz um pro outro:
        – Estou com sono, v

    • TRUETHIAGO

      Que exagero, cara… Nem CP3, Deron, Nash, Kidd, entre outros em seus “primes” nunca tiveram essa média absurda. Isso é coisa de Stockton e Magic J, marca muito difícil de alcançar atualmente, mesmo sendo titular e principal playmaker.

      • Augusto Filho

        Nem é mano… Tem jogo ai que o Rondo fazia 20 assistências… Tem partida qur Ty fez 12-15 ano passado… O cara vai ter a bola nas mãos e jogadores muito qualificados ao seu lado… Vê a média dele ano passado e as dos anos anteriores… O cara tem muito a acrescentar ao time…

        • Renan Domok

          Cara, 12 assistências de média é absurdo hoje em dia. Ainda mais com o Franchise Player “dividindo” o tempo de bola com ele. Apesar da Várzea que era Denver, só ele armava aquele time. Depois vinha o Gallinari e o Chandler, que nunca carregam a bola. Se ele mantiver 8-9 assistências no Rockets vai ser um dos melhores PG da temporada.

    • Fabrica de Vassilo

      12 ast acho que não, mas umas 9 por jogo acho que da.

      • Augusto Filho

        Cara… 9 fpi o que ele fez no ano passado naquela várzea que era Denver, imagina num time organizado…

        • Fabrica de Vassilo

          e vc acha que vai passar muito mais disso agora que vai ter que dividir a bola com o harden, ou vir do banco?

          • Augusto Filho

            Harden não precisa da bola nas mãos pra ser o jogador que é… O faz devido a necessidade que o time possui de ter alguém confiável pra conduzir as ações… Demonstrou isso diversas vezes na sseleçã e jjogand em OKC…

          • Fabrica de Vassilo

            Por que ele quase não deixava o Lin fazer o que sabia quando estava no Rockets? ele não tinha o status ruim que tem hoje. Ele sabe jogar sem a bola, mas ele é um ball hander, ele não funciona se a bola não parar na mão dele, ele pode até deixar a bola com o lawson metade do tempo, mas metade do tempo não da 12ast por jogo.

          • Augusto Filho

            Mano… Realmente você não assisitia o jogos do Houston nesta época… A gente o chamava de mister turnover… Era péssimo tomando decisões e carregando a bola… Quem dá a assistência é quem dá o último passe, agora você vai atrás das estatísticas do Houston… É o time que mais tentou assistências para 3 pontos na liga e Harden é o cara que mais tentou assistências para o corner, então imaginemos Lawson como um first pass em vez de um pontuador, então veremos que esse número que eu mencionei será no mínimo razoável…

          • Augusto Filho

            Houstom só vai pro isolation em último caso, é só assistir seus jogos…

    • George Raposo

      Lembrando que o Rockets nunca teve ninguém fazendo mais que 10 assistências por jogo na história.

      • Augusto Filho

        George pra mim tudo vai depender de como o Harden vai se comportar dentro de quadra… Pq se formos imaginar que vão tirar a bola um pouco das mãos dele Ty obviamente terá muitas assistências partindo dos pontos do Harden, este que é um aremessador confiável quando não está sobrecarregado… Se Harden teve médias de assistências de PGs titulares na liga, imagina quantas o Ty vai ter…

  • Fábio Blazers

    Acredito que dará certo, mas apenas se focar em jogar basquete.