Após ser barrado por passaporte cancelado, Kanter volta aos EUA

O ala-pivô Enes Kanter passou por enormes problemas no dia de seu aniversário. O atleta do Oklahoma City Thunder teve negada a permissão para entrar na Romênia no sábado, após descobrir que seu passaporte havia sido cancelado.

Kanter acredita que o imbróglio ocorreu por ele ser crítico de Recep Tayyip Erdogan, presidente da Turquia. O jogador do Thunder teria sido ignorado inclusive por seus familiares por conta de suas visões políticas e não conversa com seus pais e irmãos desde o ano passado.

“Ele é um ditador. É o Hitler desse século”, disse Kanter.

O turco chegou ao aeroporto romeno às 13h locais, onde ficou retido por aproximadamente quatro horas até pegar um voo para os Estados Unidos, via Londres.

Kanter deixou de atuar pela seleção turca em 2015 pelos mesmos motivos, embora o técnico Ergin Ataman tenha negado tal informação.

Aos 25 anos, Kanter é hoje um dos melhores reservas da NBA. Em 2016-17, ele obteve médias de 14.3 pontos e 6.7 rebotes em cerca de 21.2 minutos nas 72 partidas disputadas.

Gustavo Freitas
Gustavo Freitas
Mineiro de Uberaba, é co-fundador do Jumper Brasil e fã do Boston Red Sox.
  • Admiro o posicionamento político desse cara, mas ao mesmo tempo não entendo como ele defende alguém que promete ser tão terrível quanto o atual presidente.