O ala-pivô Dirk Nowitzki (foto), do Dallas Mavericks, só não fez chover no primeiro jogo da decisão da Conferência Oeste contra o Oklahoma City Thunder. Com uma atuação notável, o alemão marcou 48 pontos, pegou seis rebotes e deu quatro tocos, na vitória por 121 a 112. Nowitzki acertou 12 dos 15 arremessos de quadra que tentou.

Ao final da partida, jogadores e comissão técnica do Thunder lamentaram a derrota e fizeram questão de destacar o desempenho do jogador alemão.

“Ele estava demais. É duro porque eu tentei marcá-lo da melhor maneira possível. Vou assistir ao VT do jogo para ver o que pode ser mudado para a próxima partida”, disse o congolês Serge Ibaka, que tentou parar Nowitzki, sem êxito.

“Dirk fez uma partida sensacional. Nós marcamos ele o mais perto possível, mas não deu certo”, afirmou o técnico Scott Brooks.

No início da partida, Dirk Nowitzki foi marcado por Ibaka. Depois, Nick Collison, Kendrick Perkins, Kevin Durant, Thabo Sefolosha e James Harden se revezaram na ingrata função. Como os números mostram, ninguém conseguiu atrapalhar o alemão.

Gustavo Lima
Gustavo Lima
Jornalista graduado pela UFMG e pós-graduado em Produção em Mídias Digitais pela PUC-MG. Natural de Ipatinga e residente em BH. Editor do Jumper Brasil desde 2007. Acompanha a NBA desde 1993. Torcedor do Phoenix Suns, mas adepto da imparcialidade.