Barcelona vence Gran Canaria e segue na liderança isolada da Liga ACB

Por Vinicius Fernandes Batista

Chegou ao fim a 21ª rodada da temporada regular da Liga ACB 2019/20, nome oficial do campeonato espanhol de basquete masculino, com destaque para as vitórias do Barcelona e do Real Madrid, líder e vice-líder respectivamente.

Confira os resultados e os destaques:

Gran Canaria 65 x 81 Barcelona
Local: Gran Canaria Arena | Público: 7.271 espectadores
Mesmo sem Nikola Mirotic, poupado, o time catalão venceu sem sustos (20 x 15, 22 x 21, 22 x 15 e 17 x 14), com 16 pontos do cestinha Cory Higgins. Com 13, Beqa Burjanadze foi o maior pontuador da equipe da casa.

Real Madrid 93 x 69 Betis
Local: WiZInk Center | Público: 7.564 espectadores
O time merengue resolveu a fatura antes do intervalo (27 x 12, 26 x 19, 20 x 20 e 20 x 18). Cinco jogadores anotaram dois dígitos: Jaycee Carroll (16 pontos), Jordan Mickey (15), Walter Tavares (13), Gabriel Deck (12) e Anthony Randolph (11), além das 13 assistências (sete em cinco minutos) de Facundo Campazzo. Os visitantes contaram com 15 pontos de Erick Green.

San Pablo Burgos 94 x 88 Andorra
Local: Coliseum Burgos | Público: 9.553 espectadores
Em um duelo muito equilibrado, o time da casa venceu o primeiro quarto (25 x 16), perdeu o segundo (22 x 25) e depois do intervalo aconteceram dois empates (24 x 24 e 23 x 23). Destaque para os 23 pontos e nove rebotes do cestinha Earl Clark (quatro bolas certas de três em seis tentativas). Seus companheiros brasileiros Vitor Benite (12 pontos e dois rebotes, em 21 minutos em quadra) e Augusto Lima (11 pontos, seis rebotes e duas assistências, em 24 minutos) também anotaram dois dígitos. A equipe andorrana teve como maior pontuador Dejan Todorovic, com 21 pontos. A partida foi marcada por dois erros clamorosos da arbitragem: um lance livre errado de Vitor Benite foi dado como ponto e a jogada faltosa de Frantz Massenat, sua quinta na partida, caracterizando sua exclusão, não foi computada.

Manresa 85 x 67 Zaragoza
Local: Pavelló Nou Congost | Público: 4.775 espectadores
O time manresano passou por cima da equipe aragonesa (15 x 10, 27 x 25, 27 x 16 e 16 x 16), com destaque para Aleksandar Cvetkovic (cestinha, com 22 pontos, sendo quatro bolas convertidas de três em seis lançadas, e 11 rebotes, um duplo-duplo) e David Kravish (20). Com 11 pontos, Nicolás Brussino foi o maior pontuador do Zaragoza, que perdeu Javier Justiz e Renaldas Seibutis (que nem jogou nesta campanha) para o restante da temporada, ambos lesionados com gravidade.

Bilbao 95 x 92 Málaga
Local: Bilbao Arena | Público: 8.690 espectadores
Os bilbaínos foram para o intervalo em grande vantagem (22 x 18 e 26 x 18), mas permitiram a virada dos malaguenhos no terceiro quarto (20 x 35). No últimos, o time anifitrião retomou a frente e definiu o triunfo com dois lances livres de Ondrej Balvin e o definitivo erro final de Jaime Fernández. Mesmo com a derrota, Darío Brizuela foi o cestinha, com 21 pontos. Arnoldas Kulboka, com 18, foi maior pontuador dos mandantes.

Baskonia 83 x 69 Obradoiro
Local: Fernando Buesa Arena | Público: 8.645 espectadores
Após empate no primeiro quarto (20 x 20), a equipe de Vitoria-Gasteiz venceu os dois seguintes (25 x 19 e 23 x 13) e se deu ao luxo de perder o último (15 x 17), com destaque para os 19 pontos de Tornike Shengelia, perfeito nos arremessos (seis de seis nas bolas de dois; um de dois nas bolas de três e quatro de cinco nos lances livres). No entanto o cestinha foi Dejan Kravic, dos visitantes, com direito a duplo-duplo (20 pontos e 13 rebotes).

Joventut Badalona 79 x 81 Fuenlabrada
Local: Palau Municipal D´Esports de Badalona | Público: 6.626 espectadores
Vitória dos visitantes definida no primeiro tempo (19 x 16, 25 x 19, 18 x 18 e 19 x 26), com 23 pontos do cestinha Karvel Anderson. Os mandantes contaram com 18 pontos de Luke Harangody. Sempre atrás no marcador, a ‘Penya’, com uma parcial de 9 a 0, empatou o jogo (79 x 79) a 38 segundos para o final, em falta antidesportiva muito contestada pelo Fuenla . Em seguida, Klemen Prepelic e Albert Ventura falharam duas bolas de três que seriam decisivas. Anthony Brown capturou o rebote e no contra-ataque Nico Richotti fez a cesta definitiva para o triunfo dos madrilenhos, pondo fim à uma sequência de dez derrotas.

Estudiantes 73 x 77 Valencia
Local: WiZInk Center | Público: 8.763 espectadores
Os visitantes venceram apenas o primeiro quarto, mas foi o suficiente (21 x 11, 20 x 21, 17 x 2 e 19 x 19). Destaque para os 18 pontos do cestinha Bojan
Dubljevic (quatro bolas certas de três em seis lançamentos), além de nove rebotes. O time da capital, que passa a ter o pior ataque da competição, contou com 15 pontos de Aleksa Avramovic.

OBS: Murcia x Tenerife será realizado no dia 19 deste mês.

Classificação

1º Barcelona = 17 vitórias e quatro derrotas
2º Real Madrid = 16 vitórias e cinco derrotas
3º Zaragoza = 15 vitórias e seis derrotas
4º Tenerife = 13 vitórias e sete derrotas
5º Bilbao = 13 vitórias e oito derrotas
6º Andorra = 12 vitórias e nove derrota
7º Valencia, Málaga e San Pablo Burgos = 11 vitórias e dez derrotas
10º Baskonia = dez vitórias e 11 derrotas
11º Gran Canaria = nove vitórias e 11 derrotas
12º Joventut Badalona, Obradoiro e Manresa = nove vitórias e 12 derrotas
15º Murcia = seis vitórias e 14 derrotas
16º Betis = seis vitórias e 15 derrotas
17º Fuenlabrada = cinco vitórias e 15 derrotas
18º Estudiantes = cinco vitórias e 16 derrotas

Em função da Copa do Rei, que acontecerá na cidade de Málaga entre os dias 13 e 16 de fevereiro de 2020 (e terá os seguintes confrontos na primeira fase: Real Madrid x Bilbao, Barcelona x Valencia, Tenerife x Andorra e Málaga x Zaragoza), a 22ª rodada acontecerá somente nos dias 29 de fevereiro e 1º de março.

Estatísticas

Melhor ataque: Barcelona = 1.881 pontos (89,5 de média)
Pior ataque: Estudiantes = 1.549 (73,7 de média)
Melhor defesa: Real Madrid = 1.600 (76,1 de média)
Pior defesa: Joventut Badalona = 1.827 (87 de média)
Melhor saldo: Real Madrid = +204
Pior saldo: Fuenlabrada = -148
Mais pontos em um quarto: 39 = Tenerife
Menos pontos em um quarto: 2 = Andorra
Mais pontos em um jogo: 111 = Tenerife
Menos pontos em um jogo: 54 = Bilbao
Maior diferença de pontos: 38 = Gran Canaria 92 x 54 Bilbao
Maior público: 13.165 = Estudiantes 72 x 87 Real Madrid (17ª rodada)
Menor público: 3.194 = Andorra 93 x 69 Obradoiro (18ª rodada)
Maior pontuador em um só jogo: 35 = Klemen Prepelic (Joventut Badalona)
Cestinha: Klemen Prepelic (Joventut Badalona) = 463 pontos (22 de média)
Melhor reboteiro: Alen Omic (Joventut Badalona) = 170 (8,1 de média)
Melhor assistente: Marcelinho Huertas (Tenerife) = 156 (7,8 de média).

Próxima rodada
29 de fevereiro (sábado): Fuenlabrada x Baskonia, Andorra x Gran Canaria, Tenerife x Joventut Badalona, Zaragoza x Estudiantes
1º de março (domingo): Barcelona x Manresa, Málaga x Real Madrid, Valencia x San Pablo Burgos, Obradoiro x Murcia, Betis x Bilbao