Ben Simmons defenderá seleção da Austrália na Copa do Mundo FIBA

A Austrália vai contar com o seu mais destacado atleta em atividade na NBA para a disputa da Copa do Mundo FIBA desse ano. O armador Ben Simmons anunciou que pretende participar da competição, que acontece entre agosto e setembro, voltando a integrar a seleção após seis anos. O titular do Philadelphia 76ers revelou que vai estar com a equipe nacional, na China, por meio de seus perfis nas redes sociais.

Especulava-se que o jogador de 22 anos poderia não participar do torneio por conta da possibilidade de negociação de uma extensão contratual prévia com o Sixers no valor de US$223 milhões por cinco temporadas. Ele torna-se o sexto atleta da NBA a confirmar que defenderá os “Boomers” nesse ano, ao lado de Andrew Bogut, Aron Baynes, Joe Ingles, Matthew Dellavedova e Patrick Mills.

O técnico da seleção australiana, Andrej Lemanis, já deu a entender que Simmons possui vaga garantida no elenco que irá à China. “O diálogo que temos com Ben e seus representantes é bem positivo. Ele sempre teve a intenção de estar conosco, contanto que o cronograma encaixe-se. A porta está definitivamente aberta e nós vamos recebê-lo com os braços abertos”, garantiu o treinador.

O jovem armador, que foi eleito para o Jogo das Estrelas pela primeira vez nessa temporada, teve médias de 16.9 pontos, 8.8 rebotes e 7.7 assistências em 79 partidas disputadas.

Ricardo Stabolito Jr.
Ricardo Stabolito Jr.
Jornalista de 27 anos. Natural de São Bernardo do Campo, mas vive em Salvador há mais de uma década.
  • Maicon Gomes

    Se tivesse o Irving seria uma seleção muito forte.

    Mills na seleção vai jogar pra caramba, como sempre joga, ele foi feito pra jogar basquete FIBA.

  • Fred #TrueMagic ORL-MAGIC #1

    Imagina com Irving.

    • Toni von Mises

      Se não tivesse jogado pela seleção americana…

  • Celtics pride

    Entendo defender seu país, mais porém deveria tentar evoluir seu arremesso grotesco nessa Off Season se os 76ers pretendem mais que semi-finais de conferência na próxima temporada

    • Rodrigo Wellerson

      Ele teve duas off-seasons para treinar, e nunca o fez, deixar de jogar por seu país num momento crucial com a “desculpa” de que precisa treinar, é retroceder. Temos que lembrar que nem todo mundo conhece a NBA.
      E mesmo quando conhecem, as pessoas pensam “imagina jogando na seleção, vai arrasar”, e isso acaba nunca acontecendo por conta dos “treinos”. É onde eu entendo (mesmo que eu não concorde) as vaias naquele jogo do Flamengo aqui no RJ, existe uma frustração chata no torcedor que sonha em ver de perto esses caras, ou defendendo algo que eles torcem.
      E foi péssimo, para quem não acompanha tudo, ver o brasil se classificar no pré olimpico sem ngm, e na olimpíada todo mundo estar apto a participar, cheios de vontade.
      “Ahh, ele precisa ficar no país para se cuidar, para não perder contratos, para curar lesão”. Torcedor não entende isso, e nem tem que entender.

  • Alexandre Silva

    US$223 milhões por cinco temporadas, é um absurdo para quem não faz o básico do esporte que prática, que é arremessar.

    • Toni von Mises

      Também acho absurdo esse contrato para o australiano.

  • A Australia tá fortíssima

  • Diego Costa

    Mills e Simmons no mesmo time é certeza de arremessos certeiros de fora

    • Jefferson Cavalcanti

      Mas o Mills sabe arremessar. Eu até fui pesquisar os números para confirmar minha percepção e não deu outra: ele tem 39% para 3 prontos na carreira.

  • Lucas Henrique

    Já imaginou Irving-Mills-Ingles-Simmons-Baynes

    Time bem competitivo seria

    • Lyardson

      Irving (se for o Kyrie Irving do Celtics) ele joga pelo team USA

      • Lucas Henrique

        Por isso coloquei “Imaginou” … Irving nasceu em Melbourn na Austrália. Mas joga pela seleção americana

        • Alex Alves

          Seria um time bem bacana para acompanhar.

          * Lembrando que o floop Dante Exum também é Australiano.

    • Caio Cerqueira

      Seria uma bela seleção..

  • Rodrigo Wellerson

    Uma pena saber que essas seleções disputam a medalha de prata. Mas…. um raio pode cair outras vzs no mesmo lugar, a torcida é para termos azarões.
    Alô argentinos, ensinem a mandinga.

  • Seleção Australiana vem forte

    • ReggieMiller31

      E vai precisar mesmo, pq se o Canada e a Lituânia levarem algo perto da força máxima e com Senegal q dv ser aquele tipico jogo africano de força física, velocidade e sem nd a perder, esse é o melhor grupo(pra mim) desse mundial.

  • O jogo do Simmons casa bem demais com o basquete FIBA. Aposto em pódio para a Australia com ele.