Bobby Portis acredita em playoffs para o Knicks e avisa: “Adoro ser subestimado”

CHICAGO, ILLINOIS - JANUARY 25: Bobby Portis #5 of the Chicago Bulls celebrates after a dunk against the LA Clippers at the United Center on January 25, 2019 in Chicago, Illinois. The Clippers defeated the Bulls 106-101. NOTE TO USER: User expressly acknowledges and agrees that, by downloading and or using this photograph, User is consenting to the terms and conditions of the Getty Images License Agreement. (Photo by Jonathan Daniel/Getty Images)

Bobby Portis não era um dos vários astros disponíveis nessa agência livre, mas, ao seu modo, provocou furor ao redor da liga. De acordo com Chase Hughes, da rede NBC Sports, mais de dez franquias teriam demonstrado algum interesse no ala-pivô de 24 anos. Ele estava aberto a ouvir cada proposta, mas uma reunião com o New York Knicks foi o bastante para pôr ponto final em sua offseason.

“Entrando em julho, eu estava mirando uma boa situação, encaixe e cidade. É claro que o dinheiro também conta, mas, ao mesmo tempo, desejava estar em um lugar confortável e onde chegasse para jogar. Quando conheci o técnico [David] Fizdale, foi uma revelação. Ele estava muito feliz comigo e desejava que estivesse no time. Isso selou o negócio”, contou o jovem atleta, em entrevista ao site HoopsHype.

Mas, se Portis está mais do que satisfeito em estar no Knicks, ele não deixa de ser símbolo do decepcionante mercado da franquia. Os executivos nova-iorquinos “arquitetaram” um plano, que incluiu a troca do talentoso Kristaps Porzingis, visando a contratação de astros em 2019. Esses reforços de ponta não só não vieram, como preferiram ir para o rival da cidade, o Brooklyn Nets.

“Qualquer franquia adoraria ter Kevin Durant ou Kyrie Irving, mas o time agora somos nós. Peço que a torcida acredite no grupo. Vocês podem crer que possuem um elenco que vai representar Nova Iorque de corpo e alma, jogará duro todas as noites e está faminto por vitórias. Vamos mover montanhas por esse uniforme e incorporar o que significa o basquete aqui”, prometeu o ala-pivô.

Vitórias, porém, não parecem ser uma previsão natural ao projetar-se a próxima temporada do Knicks: com diversas contratações em vínculos curtos e um elenco de “renegados”, analistas e torcedores apontam a equipe como uma das prováveis últimas colocadas da conferência Leste em 2020. E, se será assim, Portis já avisa: fiquemos preparados para sermos surpreendidos.

“Eu adoro ser subestimado, o ‘azarão’. Nós estamos sendo descartados hoje, todos só falam sobre astros. Os jogadores que estão aqui sempre foram os ‘prêmios de consolação’, mas temos algo a provar e vamos ficar próximos. Os nossos treinos serão competitivos, temos lutadores no elenco e isso nos dará uma vantagem. É claro que temos uma chance de chegar aos playoffs”, sentenciou Portis.

Ricardo Stabolito Jr.
Ricardo Stabolito Jr.
Jornalista de 27 anos. Natural de São Bernardo do Campo, mas vive em Salvador há mais de uma década.