Boxeador Manny Pacquiao pretende comprar time da NBA

O boxeador filipino Manny Pacquiao recentemente conquistou o título de supercampeão dos pesos-médios da Associação Mundial de Boxe, ajudando a consolidar o seu nome entre um dos maiores da história dos ringues. Após a luta, Pacquiao declarou ao TMZ Sports que tem a intenção de comprar um time da NBA depois que se aposentar do mundo das lutas.

Essa não foi a primeira aproximação do boxeador com o basquete: em 2014, ele começou a atuar como jogador na liga filipina de basquete, gerando polêmica por ser draftado aos 36 anos, levantando suspeitas sobre a integridade dos times e a possibilidade de comprar vagas neles. Além de jogador, o boxeador também foi o treinador do Kia Carnival.

Depois de sua curta trajetória como atleta do basquete, em 2017 Pacquiao foi mais longe e fundou uma liga inteira: a MPBL (Maharlika Pilipinas Basketball League), que reúne 31 times semi-profissionais. Na entrevista em que declarou o interesse em ter um time da NBA, o lutador citou sua experiência como dono e administrador da MPBL como uma vantagem que o ajudará a administrar uma franquia.

Em outra entrevista, o lutador contou como se prepara para as grandes lutas, e o seu método vai muito além do treino com saco de pancada: ele joga de quatro a cinco horas de basquete todos os dias.

Pacquiao arrecadou mais de US$500 milhões durante a sua carreira, algo próximo de R$2 bilhões, fazendo dele um dos atletas mais ricos do mundo. Além de continuar no boxe e se aventurar pelo basquete, ele também é senador nas Filipinas e planeja um dia se tornar presidente.

De acordo com um levantamento da Forbes, o preço médio de um time da NBA atualmente é US$1,7 bilhão. A estimativa foi feita através da receita dos clubes e do lucro operacional e apontou o New York Knicks como o time mais valioso da liga, avaliado em US$4 bilhões.

Por conta da crescente valorização no valor das franquias, além de Pacquiao, outros famosos resolveram investir em times da NBA. Will Smith faz parte do grupo que adquiriu o Philadelphia 76ers em 2011 e o cantor Usher é dono de pequena parte do Cleveland Cavaliers desde 2005. Além deles, também temos Michael Jordan como dono do Charlotte Hornets e Shaquille O’Neal tendo uma pequena parcela do Sacramento Kings. Se Pacquiao mantiver a sua ambição, a tendência é que ele tente adquirir majoritariamente alguma equipe.

Também é comum ver jogadores da NBA investindo em equipes de outros esportes, fazendo o caminho inverso do que Manny Pacquiao pretende. Magic Johnson comprou o Los Angeles Dodgers, da Liga Americana de Baseball em 2012, por US$2 bilhões.

Já o canadense Steve Nash é dono do Vancouver Whitecaps, time da MLS (liga de futebol dos Estados Unidos), e LeBron James adquiriu 2% do Liverpool em 2011. Parece muito pouco para se considerar dono do time, mas só com a vitória do Liverpool na última edição das Liga dos Campeões, LeBron arrecadou mais de R$90 milhões.

Gustavo Freitas
Gustavo Freitas
Mineiro de Uberaba, é co-fundador do Jumper Brasil e fã do Boston Red Sox.