Bulls vence o Hawks e fica a um triunfo da final do Leste

O Chicago Bulls deu um grande passo rumo à final da Conferência Leste. Jogando diante de sua torcida, o Bulls venceu o Atlanta Hawks por 95 a 83 e abriu 3 a 2 na série. O time de Chicago precisa de apenas mais uma vitória para eliminar o adversário. As duas equipes voltam a se enfrentar nesta quinta-feira, dia 12, às 21 horas (horário de Brasília), desta vez em Atlanta.

O time de Chicago dominou o primeiro quarto da partida e abriu vantagem de 11 pontos: 32 a 21. O ala Luol Deng marcou 11 pontos e o armador Derrick Rose anotou nove. O Bulls teve um aproveitamento de 56.3% nos arremessos de quadra, acertando 13 tiros em 23 tentativas. Pelo Hawks, que esteve irreconhecível na defesa, o ala Josh Smith era o melhor em quadra. Ele marcou seis pontos, mas foi para o banco a quatro minutos do final do período porque tinha cometido duas faltas.

No segundo quarto, o time de Atlanta melhorou a defesa e permitiu que o Bulls acertasse apenas quatro arremessos de quadra em dez tentativas. O reserva Zaza Pachulia entrou bem e marcou nove pontos no período. Mesmo com a queda de produção, o time da casa foi para o intervalo com uma vantagem de seis pontos: 48 a 42.

No terceiro período, o Hawks continuou melhor em quadra, tanto que, a dois minutos do fim, o time passou à frente no placar pela primeira vez. O Bulls ainda fez uma cesta nos segundos derradeiros e voltou a liderar: 69 a 68. No último quarto, o técnico Tom Thibodeau sacou a dupla de garrafão – Carlos Boozer e Joakim Noah – para dar chance a Taj Gibson e Omer Asik. Do quinteto titular, apenas Rose e Deng atuaram no período. O Bulls deu uma aula de defesa, com destaque para Deng e Gibson, e não deu chances ao Hawks, que marcou 15 pontos. O time de Atlanta converteu apenas cinco arremessos de quadra em 16 tentativas. Já Rose e Gibson marcaram 11 pontos cada no quarto final e contribuíram para que o Bulls abrisse vantagem e administrasse o placar nos últimos minutos.

Derrick Rose foi o cestinha da partida, com 33 pontos. Ele ainda distribuiu nove assistências. Luol Deng marcou 23 pontos e foi um monstro na defesa. O reserva Taj Gibson anotou 11 pontos, todos no último período. Carlos Boozer, apesar de ter feito uma partida discreta, ainda conseguiu o duplo-dígito: 11 pontos e 12 rebotes. Pelo Hawks, o destaque foi o armador Jeff Teague, que marcou 21 pontos e distribuiu sete assistências. Josh Smith marcou 16 pontos e pegou sete rebotes. Já Joe Johnson anotou 15 pontos. O pivô Al Horford alcançou o double-double: 12 pontos e dez rebotes. O reserva Zaza Pachulia contribuiu com 13 pontos, nove deles no segundo período.

Confira os melhores momentos da partida.

[youtube=http://www.youtube.com/watch?v=mmMuRZEoAUg]

Gustavo Lima
Gustavo Lima
Jornalista graduado pela UFMG e pós-graduado em Produção em Mídias Digitais pela PUC-MG. Natural de Ipatinga e residente em BH. Editor do Jumper Brasil desde 2007. Acompanha a NBA desde 1993. Torcedor do Phoenix Suns, mas adepto da imparcialidade.