Caso Sterling – Comissário da NBA condena comentários racistas: “Ofensivo e perturbador”

[youtube=https://www.youtube.com/watch?v=rK1IgqTNV1M]

Os playoffs da NBA estavam a todo vapor neste sábado, com quatro jogos sendo realizados ao longo do dia, mas a atenção da liga esteve voltada para o escândalo dos comentários racistas supostamente feitos pelo dono do Los Angeles Clippers, Donald Sterling. O comissário Adam Silver convocou entrevista coletiva para falar sobre o caso e assegurou que medidas estão sendo tomadas para esclarecer o problema.

“A gravação é realmente ofensiva e perturbadora e pretendemos esclarecer isso o mais rápido possível. A situação é mais injusta com os atletas e treinadores do Clippers, que precisam lidar com uma distração em meio aos playoffs. Todos na NBA merecem a chance de dar sua versão dos fatos e, por isso, não estou preparado para falar em punições. Garanto, porém, que vamos conduzir nossa investigação muito rapidamente”, disse Silver, informando também que Sterling não vai comparecer ao jogo do seu time contra o Golden State Warriors, neste domingo.

A franquia manifestou-se sobre o caso por meio de seu presidente de operações, Andy Roeser, neste sábado. Ele revelou que o mandatário está desolado com a situação. “Donald é enfático em cravar que o conteúdo da gravação não reflete suas opiniões, crenças ou sentimentos. Ele está se sentindo horrível por tais pensamentos estarem sendo atribuídos à sua pessoa e pede desculpas a todos que possam estar se sentindo ofendidos”, declarou.

Silver revelou ter entrado em contato com o técnico Doc Rivers e o armador Chris Paul para expressar sua solidariedade pelo lamentável ocorrido. O treinador falou com a imprensa no treinamento de sábado e admitiu que a ideia de um boicote foi levantada pelo elenco. No entanto, confirmou que a equipe entrará em quadra para a quarta partida da série contra o Warriors.

“Nós tivemos uma ótima reunião nesta manhã. Eu achei que precisávamos discutir isso porque todos estão fazendo ao redor da liga. Vários atletas deram suas opiniões e ninguém está feliz. J.J. Redick está tão bravo quanto Chris Paul e é assim que deve ser mesmo. São todos seres humanos. Uma paralisação até chegou a ser discutida, mas eu e os jogadores fomos contra”, contou Rivers, que prega a união no grupo para superar essa nova distração.

A situação tornou-se ainda mais constrangedora porque Paul foi obrigado a se manifestar no papel de presidente da Associação dos Jogadores da NBA sobre o caso com o empregador. “Este é um problema muito sério que vamos abordar agressivamente. Como atletas, nós devemos aos times e torcida manter o foco nos playoffs, mas já pedimos ao [ex-jogador] prefeito de Sacramento, Kevin Johnson, para determinar uma resposta e nossos próximos passos”, explicou o armador.

Embora Silver não tenha falado ainda em punições, o mais provável é que Sterling receba multas e/ou suspensão se a NBA realmente julgá-lo responsável pelos comentários racistas. O clamor geral por um banimento é algo complicado porque implicaria em obrigá-lo a vender o Clippers.

Ricardo Stabolito Jr.
Ricardo Stabolito Jr.
Jornalista de 27 anos. Natural de São Bernardo do Campo, mas vive em Salvador há mais de uma década.
  • Tem mais que prender um filho da puta desses, ODEIO racismo todos nos somos filhos de deus.

    Cadeia nele! como disse um amigo aqui no blog, se fosse Chris paul pedia recisão de contrato, mesmo coisa vale pro Jordan, crawford, Doc Rivers e entre outros.. ai quero ver esse time ganhar alguma coisa…

    Ele foi infeliz no comentario e merece punição, chega de passar mão na cabeça desses cretinos!

    Enquanto a cor da pele for mais importante que o brilho dos olhos, haverá guerra!

    Seu velho cretino! me desculpem o palavrão, me revolto ver essas coisas, sou negro e odeio racismo.

    • Léo

      cara concordo com tudo que disse, e estou com a mesma indignação, ele é dono de um time num esporte que os negros são dominantes, cade o respeito? Cadeia nele!

  • Jk

    Absurdo mesmo. E o pessoal como o Chris Paul fica numa saia justa o próprio Lebron falou que conhecendo o CP que a situação devia tá incomodando o cara.

  • L.Avila

    Faltm adjetivos para este mala mas acredito que hoje Clippers faram alguma manifestação contra o que aconteceu acredito numa tarja preta ou um gesto como os Panteras usaram no passado, vamos esperar para ver.

    • Eminem

      O Clippers é ele, ele é o dono do time, só se os jogadores fizerem algo

  • Celso Cachali Jr

    Terminaria a temporada…. e depois rescisão na certa…. estas coisas nao podem acontecer… a franquia tem que se mudar de cidade este cidadão PRESO… ja que possuem uma franquia na cidade que é o LAKERS sou super a favor de mudança.

  • Carlos Eduardo

    Eu particularmente só não defenderia punição ao Clippers e sua torcida. Mas se queremos dar uma resposta forte, tinha que ter banimento do cara sim. Tira o direito dele de ter uma franquia e dá pra outros donos. Inclusive porque o Clippers sempre foi pessimamente administrado e agora REINCIDÊNCIA no caso racismo.

    Ah: e certamente ele será processado na justiça; mais uma vez. Pois felizmente ele mora num país que, apesar de racista (como o Brasil, que finge que não é…), cumpre as leis.

  • O ruim é que o Clippers pode ser punido com isso,esse cara é ridiculo…
    agora os jogadores com a cabeça quente pode prejudicar os jogos.

    • No site da ESPN ta escrito que os jogadores cogitam boicote após polemica do racismo, Doc rivers ta encomodado e os jogadores também.

      Não seria surpresa se os jogadores não entrarem em quadra hoje contra Warrios, vamos esperar pra ver oque vai acontecer.

      Esse velho tem que ser preso, ele não sabe que racismo e crime? ele ta perdido e tomara que toma uma coça na cadeia pra aprender!

      • Ricardo Stabolito Jr.

        “Uma paralisação até chegou a ser discutida, mas eu e os jogadores fomos contra”, contou Rivers.

        Doc já garantiu ontem que o time joga hoje.

  • Lamentavel ….

  • Guilherme

    A minha opinião é que a NBA deveria excluir o Clippers dos playoffs. É injusto com os jogadores e com a torcida? É MUITO injusto não tenho duvidas, mas com uma exclusão o bolso desse velho ia doer muito.

    • sebas1606

      Mas imagina só a situação…Vários jogadores do time(o principal inclusive) e o técnico da equipe por exemplo são negros e foram ofendidos de maneira suja e covarde pelo próprio patrão,serem excluídos do momento mais importante da temporada que eles tanto lutaram e tem uma oportunidade (talvez única) de lutar pelo título.

      Quer dizer,isso é extremamente injusto,seria punir alguém que já foi lesado com esse tipo de declaração e não tem nenhuma culpa no ocorrido.

      • Guilherme

        Sim Sebas, seria muita injustiça com os jogadores e com o treinador, mas que isso seria uma bela punição pra esse velho otario disso nao tenho duvida.

      • sebas1606

        Acho que é possível punir ele sem que seja necessário punir o time e os torcedores.

    • Isso não traria prejuízo aos Clippers mas também ao Warriors…

  • Guilherme

    E por falar em racismo… Hoje atiraram uma banana no Daniel Alves no jogo do Barcelona, ele pegou a banana do chão e comeu.

  • Se fosse Adam Silver, obrigaria o Sr. Sterling a vender a franquia e daria um período de 90 dias para que ele ache um novo dono para a franquia sem que este novo dono não mudasse de cidade ou sequer o nome da franquia, simples assim…

    • Elber

      Assino embaixo!

      O pior de tudo é que querendo ou não isso vai impactar nas quadras e corre o risco de estragar uma disputa franca entre os dois times. Com certeza alguns jogadores sairão da franquia na primeira oportunidade, o que eu acho uma pena para com os torcedores, mesmo o velhote merecendo.

  • Jk

    E hoje o CLippers levou um sacode do WArriors. Do jogo ou eles largaram de mão de bronca? Bah, eu não sei.

  • Nettmann

    esse cara merece ser preso e dividir uma cela com um negão tipo Kid Bengala….

    • Thiago Reis

      Racista detected

  • bento

    porco nojento alias nem isso, assim estou ofendendo os porco, escoria verme q so faz peso na terra

  • Bem, é chegada a hora desse estrume sair do Clippers, pois o mesmo já está pagando pelas besteiras que disse, SETE patrocinadoras (e contando…) dos Clippers já abandonaram o barco, dentre elas, a State Farm, a Kia e a Red Bull, já passou da hora da NBA fazer algo com esse estrupício do Sterling.